domingo, 31 de agosto de 2008

ben7ica 1 - FC Porto 1

Um dia, já lá vão quase 13 anos, após um FC Porto - Tirsense que ficou 5-0, Bobby Robson aparece na conferência de imprensa com cara de poucos amigos e diz mais coisa menos coisa - mas antes convém dizer que ao intervalo já estava 5-0 (vou fazer de Mourinho e traduzo):

Os jogadores estão ali no balneário contentes porque ganhámos 5-0, eu estou aqui furioso porque só ganhámos 5-0, temos de ter killer instinct.


Mais tarde diria em entrevista à revista Dragões: Procuramos estar sempre em boa posição durante todo o jogo. (...) É claro que isso é importante, mas não é suficiente para o FCPorto, já que pretendemos dar pelo menos a ideia de que vamos ganhar. É evidente que nem sempre resulta mas a intenção está lá e é só uma: ganhar. Então, se marcamos um golo está bem, é óptimo, mas vamos lá tentar outro. E se obtivermos outro, excelente, mas o jogo continua e vamos procurar ainda outro golo. Temos de continuar a atacar e atacar, para obtermos tantos golos quanto pudermos.

Hoje, 1-1 na casa de um dos tradicionais candidatos ao título parece ser um bom resultado, se virmos o historial até o é, se virmos que estamos no início da uma maratona até o pode ser. Eu próprio até tinha prognosticado que o resultado ia ser um empate, mas ...

Mas um jogo de futebol são 90 minutos, e após estes 90 minutos sinto que falta qualquer coisa - a vitória, e que esta estava mesmo ali à mão, faltou o tal killer instinct.


foto: Record

Podia falar nas alterações na equipa inicial, que pela primeira vez até "resultaram", muito por culpa da introdução de um trinco. Esta época, se queremos fazer alguma coisa na europa temos de resolver rapidamente esta posição, a jogar com adaptados podemos safar-nos por cá, mas não nos safamos lá fora.

Podia falar no regresso do Fucile, por mais voltas que se dê e por mais jogadores que se contratem, voltamos sempre ao mesmo.

Podia falar nos agarrões, e na constante protecção aos defesas. Se o árbitro e bem marcou a grande penalidade, irritam-me as constantes chamadas de atenção antes da marcação de livres e cantos, marca-se o canto e se o defesa estiver a agarrar o avançado marca-se grande penalidade. Simples! não? É só cumprir as leis de jogo.

Mas vem-me sempre à cabeça o Killer Instinct. Tenho a certeza que hoje Sir Bobby Robson estaria furioso.

Destaque positivo:

Lucho - Quase que diria: aumentem-lhe o ordenado. E vamos rezando para que o Basile o continue a preservar de viagens à Argentina.

Destaque negativo:

Lisandro - O 2º jogo consecutivo que falha golos de brandar aos céus. O 2º jogo consecutivo que vê um amarelo por protestos. Continua com a mesma vontade e com a mesma garra, mas as coisas não estão a sair como saíram o ano passado. Anda a precisar de voltar a beber Leite?

ps: Nos últimos anos almocei regularmente num café em Gaia, gente simpática, comida barata e uma francesinha bem aceitável, que tinha por lá um fornecedor de tabaco e ao mesmo tempo cliente benfiquista, a quem muitas vezes me apeteceu mandá-lo à merda. Por respeito aos donos do café e por nunca ter sido gajo de me meter em confusões, nunca respondi a provocações que ele ia fazendo.
Hoje revi-o. Foi "cumprimentar" o bandeirinha. O que eu gostava de ser bófia naquele momento.

23 comentários:

Armindo disse...

Não deixemos cair no esquecimento a agressão ao arbitro auxiliar. Caso contrário, irão me conhecer!!!

Paulino disse...

Penso que faltas-te de referir Hulk como aspecto positivo.

E aspecto negativo em Jesualdo de colocar jogadores novos num dérbi como este ao mesmo tempo de poupar Hulk para a segunda parte do Jogo.

Aspecto negativo pela péssima arbitragem, infelizmente aconteceu.

Aspecto negativo pelo pior público de sempre num dérbi.

O Futebol torna, infelizmente, as pessoas doentes, molda as pessoas no seu dia a dia, altera comportamentos face a outras pessoas, quer na vida social ou profissional.

Num país de crise, estiveram no Estádio da Luz pouco mais de 53 MIL pessoas, que pagaram uma média de 40€ e ainda foram para casa com umas cacetadas, fridos e detidos.

Infelizmente é o nosso PORTUGAL de cada dia.

jdm.dragão.lisboeta disse...

Estou triste, muito triste, com a falta de ambição do FCPORTO no ninho dos "gayvotas", sobretudo depois daquela primeira parte.

O jesualdo e os seus "medos" são o que se sabe. Não acrescento nada, porque é o treinador que temos, logo é o "melhor"...devo conter-me, porque não quero ser injusto, mas...como eu gostava de Bobby Robson e o do seu "killer instinct" tão oportunamente referido.

O helton já começa a cansar. Comete erros inaceitáveis e provoca irritação quanto baste, especialmente em jogos importantes/decisivos...

Pena, muita pena, podíamos perfeitamente ter goleado, se houvesse FCPORTO à PORTO!!!

Quanto ao árbitro, teve critérios desiguais na amostragem de cartões, apenas concedeu 4 minutos extra (!?!), quando houve 3 ou 4 interrupções longas, uma bem longa por sinal e com burburinho à mistura; houve ainda as habituais substituições e os "gayvotas" fartaram-se de empatar tempo, qual equipazinha menor.

Tudo quanto fosse menos de 8 minutos de tempo extra neste jogo era (como foi) roubo. E fico à espera de saber o que diz o relatório arbitral sobre a incursão ao relvado do "diabo" e da agressão física consumada ao seu auxiliar, bem assim qual será a exemplar sanção ligueira. Convém ler os regulamentos.

Claro que não foi tudo mau, houve boa dupla de centrais, razoáveis laterais, boa dupla argentina (Lucho-Lizandro), apesar do desacerto e algum azar do Liz na finalização, e outros toques de classe e de esperança, como o Fernando a trinco, p.e., mas como diz a canção "hoje soube-me a pouco...".

Como é possível jogar tão devagar, devagarinho, aparentemente sem ambição, contra 10 (e alguns deles mal se aguentavam em pé)? Por isso, reafirmo que perdemos uma boa oportunidade de golear!

José Correia disse...

Começando pelo fim, é claro para todos que o FC Porto perdeu uma oportunidade excelente de derrotar o SLB no seu ninho, talvez até de os golear, cavando desde já um fosso de 5 pontos e deixando-os entregues aos seus dramas e dúvidas existenciais do costume.

O FC Porto - treinador e jogadores - foram incompetentes, porque não souberam tirar partido de jogarem contra 10 os últimos 30 minutos, de o SLB ter sido forçado a substituir 3 jogadores e de mais 3 terem acabado o jogo de rastos, quase sem poderem correr (devido às caimbras evidentes).

Olhando para o modo como o jogo decorreu, este empate soube a derrota e das bem amargas.

José Correia disse...

«Lisandro - O 2º jogo consecutivo que falha golos de brandar aos céus. O 2º jogo consecutivo que vê um amarelo por protestos. Continua com a mesma vontade e com a mesma garra, mas as coisas não estão a sair como saíram o ano passado.»

De facto, este Lisandro está longe da eficácia do Lisandro da época passada, mas continua a ser um extraordinário jogador de equipa, a lutar como ninguém e, mais jogo menos jogo os golos vão voltar a aparecer. Espero que seja já contra o Fenerbace.

José Correia disse...

No jogo de ontem o meu destaque negativo é, sem dúvida, o Helton.
Voltou a demonstrar enormes lacunas nas saídas da baliza e numa delas enterrou-nos forte e feio, permitindo um golo incrível ao SLB.

Por onde anda o Helton que, na 2ª volta da época 2005/06, conquistou (e bem!) a titularidade ao Baía e chegou à Selecção do Brasil?

Depois de ter alcançado esses dois grandes objectivos o Helton parece que se acomodou e daí para cá já perdi a conta às vezes em que o Helton nos enterrou.

Quem não se lembra do perú que abriu caminho à nossa eliminação contra o Chelsea ou do frango da época passada na Amadora?

Há muito tempo que o Nuno justifica a titularidade. Será desta que o Jesualdo vai deixar cair uma das suas "vacas sagradas"?

José Correia disse...

Paulino disse: «Penso que faltas-te de referir Hulk como aspecto positivo»

Discordo. O Hulk demonstrou, mais uma vez, que não sabe o significado da palavra equipa.
O seu individualismo obsessivo (dêem-lhe uma bola só para ele!) foi uma das razões de o FC Porto não ter sabido aproveitar as enormes fragilidades do SLB nos últimos 30 minutos.

José Correia disse...

jdm.dragão.lisboeta disse: «Quanto ao árbitro, teve critérios desiguais na amostragem de cartões, apenas concedeu 4 minutos extra (!?!)»

Inteiramente de acordo com estas observações sobre a arbitragem, mas sejamos honestos, não foi por causa da arbitragem que o FC Porto não venceu (e até goleou) este SLB de rastos.

José Correia disse...

Fucile demonstrou ser muito melhor opção que Benitez, pelo menos nos jogos mais difíceis, em que é preciso defender mais (e melhor!).

Sapunaru esteve melhor que nos últimos jogos, mas continua a permitir muitos cruzamentos (é do lado dele que foi feito o cruzamento que deu origem ao golo do SLB).

José Correia disse...

Dizem que o SLB é uma equipa em construção, mas no jogo de ontem o FC Porto apresentou 8 (oito!) jogadores novos - Sapunaru, Rolando, Fernando, Tomás Costa, Rodriguez, Guarín, Candeias e Hulk - cinco dos quais na equipa titular.

Com tantas alterações, nem parece que somos TRI-campeões nacionais.

HULK ONZE MILHAS disse...

Também fiquei com uma sensação de amarga derrota!
E então depois de ver e ouvir os comentários "aliviados" dos imparciais jornalistas da nossa comunicação social ainda mais decepcionado fiquei.
Desta vez nem discordo das opções do dito "Mestre" que até vão ao encontro da opinião generalizada dos adeptos do FCPorto.
Os adeptos há muito que pediam Fucile, Fernando e que Lisandro não fosse encostado à linha. Também era opinião generalizada que um dia destes Rolando iria assumir o lugar do capitão Pedro Emanuel!
Mas... porquê fazer estas alterações todas duma só vez e logo no jogo mais importante da época? Ou não seria esta a vitória mais desejada pelos adeptos, a nivel interno, e que poderia provocar uma grande derrocada no maior rival?
Porque não deu maturidade competitiva a estas opções antes de os lançar às feras?
Não entendo! Mas como não sou Mestre em futebol...
Ressalvo que tenho grande admiração pelo Professor Jesualdo em vários aspectos mas, em termos de resolver jogos a partir do banco.... estamos conversados!
Nunca o vi mexer na equipa e com essas mexida conseguir baralhar o adversário... Antes pelo contrário! Cada vez que, no decorrer dum jogo, faz uma substituição, a equipa baixa de rendimento!
Ontem foi constrangedor ve-lo impávido e sereno no banco sem ousar levantar-se para incentivar os jogadores! Parecia que estava a resguardar-se do ambiente, deixando os seus atletas entregues às feras.
E por falar em "feras": será desta vez que a nossa SAD irá pressionar a CD da Liga para que aplique as sanções que aplicaria se, no Dragão, tivessem acontecido as cenas que aconteceram na Luz? E não estou a referir-me apenas à agressão ao fiscal de linha mas ao constante arremesso de objectos para o relvado, cuspidelas em jogadores e arbitros assitentes, cotovelados de jogadores encarnados não vistas pelo árbitro, etc... Será que o silêncio cúmplice da nossa SAD se irá manter???
E para terminar: se Nuno e Ventura não são guarda-redes com nivel para jogarem na 1a. equipa do FCP porque não vai a SAD a correr, aproveitar este ultimo dia de mercado e contratar um substituto imediato para o Helton! Estão à espera de quê? Temos dentro de portas a nova versão Escolari/Frangueiro?

José Correia disse...

"Falhámos muitas ocasiões de golo. O Quim foi o melhor em campo."
Jesualdo Ferreira

"A figura do jogo foi o guarda-redes do Benfica. Valeu pontos."
Fucile

Há quanto tempo não se pode dizer o mesmo do Helton, isto é, que a sua exibição valeu uma vitória, que valeu pontos?

José Correia disse...

Hulk onze milhas disse: «será desta vez que a nossa SAD irá pressionar a CD da Liga para que aplique as sanções que aplicaria se, no Dragão, tivessem acontecido as cenas que aconteceram na Luz? E não estou a referir-me apenas à agressão ao fiscal de linha mas ao constante arremesso de objectos para o relvado, cuspidelas em jogadores e arbitros assitentes, cotovelados de jogadores encarnados não vistas pelo árbitro, etc.»


A agressão ao árbitro assistente, o arremesso de objectos para o relvado (bolas de ténis e cebolas) e o rebentamento de dois petardos deve ser suficiente para a Liga encaixar uma boa maquia. Por isso, não deve ser preciso a SAD portista fazer qualquer queixa.

HULK ONZE MILHAS disse...

Só multas meu caro José Correia?
Então a "coação" sobre a equipa de arbitragem já não dá descida de divisão??
Ou será que aquilo que eu vi não foi coação sobre a equipa de arbitragem???
Ponha-se o meu prezado Amigo no papel dos elementos da equipa de arbitragem e diga-me lá se valia a pena arriscar a vida por um fora de jogo tirado a mais ou a menos ou um golo que talvez não tenha tido a certeza de ter ultrapassado completamente a linha de baliza porque não tem a camera da tv ali à frente??
Na duvida era tudo a favor dos da casa! Que segurança sentiram aqueles homens a partir daquele momento???
Fosse isto no Dragão e pode ter a certeza que não ficavamos pelas multazitas...

José Correia disse...

Hulk onze milhas disse: «Só multas meu caro José Correia?
Então a "coação" sobre a equipa de arbitragem já não dá descida de divisão??
Ou será que aquilo que eu vi não foi coação sobre a equipa de arbitragem???»

Caro Hulk, compreendo o seu desabafo.
Na pior das hipóteses (para os encarnados) aquilo a que assistimos daria interdição do estádio por uns jogos.
Eu falei em multa porque prevejo que será o que vai acontecer.

Evidentemente, se aquilo se tivesse passado no Estádio do Dragão, seria motivo de manchete no Correio da Manhã e, provavelmente, notícia de abertura em alguns telejornais.

Dragão de Lisboa disse...

Fim de Semana nada positivo para o FC Porto. Primeiro este empate a saber a derrota, depois a venda do cigano por 18 milhões de euros (são os numeros de que se falam). Para quem só vendia por 40...
Patético.

José Correia disse...

«O Benfica vai sofrer consequências do incidente, durante o jogo com o FC Porto, em que um adepto entrou no relvado e “apertou” o árbitro assistente José Ramalho. Tudo depende da interpretação da Comissão Disciplinar da Liga, órgão que tem a responsabilidade de definir a moldura penal aplicável. Se a equipa de Ricardo Costa considerar que a infracção não foi grave, a pena passa por uma multa que vai dos cinco aos 15 mil euros.
Se considerarem que o incidente foi grave, então, o Benfica incorre numa interdição do estádio da Luz, de um a três jogos e numa multa de dez a 20 mil euros.»
in www.rr.pt

Se está nas mãos do Ricardo Costa, o SLB pode ficar descansado.

HULK ONZE MILHAS disse...

Acho que se o amigo ricardinho disser que aquilo foi tudo uma brincadeira sem importancia, incluindo o constante atirar de objectos para o relvado, então nós no dragão temos que fazer o "teste do algodão".... :-)
E sempre que as coisas não estejam a correr bem lá dentro, lá vai um "voluntário" e aperta o pescoço aos "assistentes"...
E até dispensamos o atirar de objectos para o relvado...
Mas estou mesmo com muita curiosidade... não só em relação ao ricardinho mas também em relação à nossa SAD...
Caro "dragão de lisboa": se o meu amigo está assim tão triste... imagine então que era benfiquista!!! Já pensou na tristeza deles? Apenas os consola a "ilusão" de que as coisas vão melhorar porque não perderam com o Porto, compraram grandes jogadores e teem um grande treinador!!!
Mas... eu já ouvi isto tantas vezes por esta altura nos ultimos anos!

Dragon4 disse...

João

Concordo consigo.

Faltou o killer instinct, quer à equipe quer ao treinador.

Falta-lhe a matreirice do futebol de rua.
É pena, porque só lhe falta essa matreirice e saber que os jogos também se ganham no último segundo, para chegar ao topo.

Repare que o FCP deixa de carregar quando o homem, se retira da linha e se vai sentar. Faltavam 20 a 15 minutos para acabar o jogo.

Gostava que alguêm o questiona-se porque se retirou e deixou de incentivar os seus jogadores?

Mais sentido fazia a sua presença porque os jogadores são novos quer de idade quer na equipe.

Mas pronto...é o MESTRE que temos e é o melhor.


Arbitragem
Chamo a V/atençao para o lance em que o Quim vai aos pés do C.Rodriguez. Vejam bem o que o Quim agarra???
Mais um por marcar, para além dos cartões vermelhos ao Luisão e ao Grego, este no penalti, bem como ao NULO Gomes.
Este último, antes de mandar a cacetada no Sapu, tinha uns segundos antes calcado violentamente o Bruno Alves, que o deixou no chão com as dores.

Dragon4 disse...

Após o incidente com o bandeirinha, viram que o K dos pneus, estava ao telemóvel. Será que estava a ligar para o Conselho de Disciplina da Liga? É que para os outros não era preciso, já que estavam mesmo ao seu lado. O taberneiro, o lakinhas, e o ministro chorão.

Não nos podemos calar.
A invasão foi um facto grave. Mas a agressão ainda o foi mais. Isto é a acção mais grave de coação sobre arbitros.

A cotovelada do Luisão deve merecer um sumarissimo.

Pedro Reis disse...

O problema não é só o Helton, porque sejamos francos o Nuno é muito bom rapaz, excelente profissional, mas longe de ser o guarda-redes que precisamos. Aliás quase sempre que jogou também enterrou...

C disse...

Quaresma sai mesmo a preço de saldo: 18,6M.
Vitória em toda a linha do Inter e da sua táctica de arrastar as coisas até ao último dia (com a suprema humilhação de termos nós ido a Milão em vez de terem eles vindo cá...).

Noite, seguramente, de grande alegria para os nosso principais rivais scp e slb e restante comunicação social.
C.S.

Mefistófeles disse...

Desta vez não posso criticar Jesualdo por falta de coragem pois penso que as suas escolhas se revelaram acertadas e mesmo ousadas.

Simplesmente, os jogadores também têm que fazer o seu papel.

Helton dá um duplo frango, Lisandro falha um golo de "caretas", à Nuno Gomes. Certo que também salvou um.

Creio que Nuno tem que ser titular, Helton precisa de um período de meditação no banco.

Para início de época, considero que fizemos um jogo bastante razoável e fomos claramente a melhor equipa em campo.

Confirmou-se o valor de alguns reforços, nomeadamente Rolando e Fernando.

Hulk continua a demonstrar poder marcar a diferença, embora muito individualista - mas dá sempre a sensação que vai resolver.

Considero que a arbitragem foi boa e isenta ( o que não é facil, na Luz ).

Quanto à agressão ao auxiliar por aquele indescritível energúmeno, sempre quero ver como agirá o Palhaço Ricardinho y sus muchachos.

Em suma: perdemos 2 pontos.