domingo, 28 de dezembro de 2008

Adeptos, um activo fundamental (II)

Adeptos, um activo fundamental (I)

II. Portismo: do Porto à conquista do País

De acordo com os Censos 2001, residiam em Portugal 10.355.824 indivíduos, dos quais 4.999.964 eram homens e 5.355.860 eram mulheres.

A densidade populacional era de 109,09 pessoas por quilómetro quadrado (semelhante à da Eslováquia, Hungria ou França), mas a distribuição geográfica da população não se apresentava homogénea, verificando-se as maiores densidades na faixa litoral, situada entre Viana do Castelo e a Península de Setúbal, com especial relevo para as Áreas Metropolitanas de Lisboa e Porto, cuja população residente em 2001 era 1.897.033 e 1.252.842 habitantes, respectivamente.

Densidade populacional de Portugal, 2001


Em 2000, a taxa de natalidade era de 11,75 nados vivos/1000 habitantes, ocupando uma posição abaixo da média da União Europeia, de 10,69 nados vivos/1000 habitantes. Aliás, o forte envelhecimento da população portuguesa constitui um dos aspectos mais marcantes da evolução demográfica. Em 2001, a proporção de idosos – 65 ou mais anos – recenseados (16,4%) ultrapassou pela primeira vez a dos jovens – 0 aos 14 anos – (16,0%).

Três anos depois, em Dezembro de 2004, o INE estimou a população de Portugal, incluindo os Arquipélagos dos Açores e Madeira, em 10.529.255 pessoas.


As sondagens valem o que valem e cada um atribui-lhes a credibilidade que quiser. No entanto, há aspectos comuns à generalidade das sondagens que foram efectuadas nos últimos 15 anos, o que permite tirar algumas conclusões, nomeadamente:

1) Atendendo à população portuguesa (pouco mais de 10 milhões), benfiquistas haverá menos de quatro milhões, longe do mito dos seis milhões, que começou a ser propagandeado durante a presidência de Manuel Damásio e dura até hoje.



2) Todos os estudos mostram que é nas faixas etárias mais baixas que a percentagem de adeptos do FC Porto é maior. Aliás, esse facto já era visivel na sondagem da Universidade Católica feita em 1996. Passados 12 anos, e em função das muitas vitórias entretanto alcançadas – Penta campeonato, Taça UEFA, Liga dos Campeões, Tri actual –, é espectável e provável que em 2008 esse crescimento seja ainda mais significativo (por exemplo, a actual faixa etária entre os 18 e os 24 anos, não foi abrangida pela sondagem feita em 1996 porque, na altura, eram pessoas cuja idade estava entre os 6 e os 12 anos).


3) O Porto é um município pequeno com uma área de apenas 41,66 km², onde residem 227.790 habitantes (estimativas de 2006). Contudo, é o centro de uma grande área metropolitana, que actualmente abrange 16 concelhos e uma população de cerca de 1,8 milhões de habitantes.

Os estudos e sondagens que analisaram a distribuição regional dos adeptos, mostram que na Área Metropolitana do Porto a percentagem de adeptos do FC Porto é superior a 50%.

Nota: Inicialmente, apenas nove concelhos - Espinho, Gondomar, Maia, Matosinhos, Porto, Póvoa de Varzim, Valongo, Vila do Conde e Vila Nova de Gaia - integravam a Área Metropolitana do Porto (AMPorto).
Em Janeiro de 2005 juntaram-se a este grupo os municípios de Arouca, Santa Maria da Feira, S. João da Madeira, Trofa e Santo Tirso.
Finalmente, em 1 de Setembro passado, aderiram à AMPorto também os municípios de Oliveira de Azeméis e de Vale de Cambra.
Estes 16 concelhos abrangem uma área de 1573 km² onde, de acordo com os censos de 2001, residiam 1.759.958 habitantes (densidade populacional próxima 1119 hab/km²).


«O Porto tem militantismo, mas nesse aspecto, tire-se o chapéu ao presidente Pinto da Costa, que conseguiu fazer do Porto uma bandeira do norte do país e da cidade do Porto. É um bocadinho parecido com o Barcelona com a Catalunha. Porque em todos os negócios, se não se souber segmentar e direccionar está-se provavelmente a errar a pontaria
Soares Franco
in DN, 10/10/2008

É verdade que o núcleo duro dos adeptos do FC Porto está concentrado na Área Metropolitana do Porto, mas há muito que o portismo se espandiu para outras regiões do país e, não por acaso, entre as casas/delegações mais dinâmicas estão as de Setúbal, Portimão e... Lisboa!

Casas e Delegações do FC Porto em Portugal:

Distrito de Aveiro
Casa do FC Porto da cidade de Lourosa (delegação nº75)
Casa do FC Porto da Mealhada (delegação nº58)
Casa do FC Porto de Argoncilhe (delegação nº98)
Casa do FC Porto de Castelo de Paiva (delegação nº86)
Casa do FC Porto de Cesar (delegação nº115)
Casa do FC Porto de Esmoriz (delegação nº95)
Casa do FC Porto de Espinho (delegação nº55)
Casa do FC Porto de Estarreja (delegação nº101)
Casa do FC Porto de Romariz (delegação nº110)
Casa do FC Porto de Santa Maria da Feira (delegação nº94)
Casa do FC Porto de Terras de Santa Maria (delegação nº41)
Casa do FC Porto de São João da Madeira (delegação nº122)
Casa do FC Porto de Vale de Cambra (delegação nº64)
Casa dos Dragões de Fiães (delegação nº50)
Casa dos Dragões de Sever do Vouga (delegação nº97)
Dragões da Murtosa (delegação nº18)
Dragões de Aveiro (delegação nº13)
Dragões de Mozelos (delegação nº15)
Dragões de Azeméis (delegação nº2)
Núcleo do FC Porto de Ovar (delegação nº16)
Os Dragões Amigos - FCP Milheirós de Poiares (delegação nº34)

29/06/2007, Jantar comemorativo do Bi-campeonato (fonte: Dragões de Ovar)


Distrito de Braga
Casa do FC Porto da Póvoa de Lanhoso (delegação nº78)
Casa do FC Porto de Braga (delegação nº32)
Casa do FC Porto de Fafe (delegação nº27)
Casa do FC Porto de Vila Nova de Famalicão (delegação nº71)
Casa do FC Porto - Dragões do Vale de Vizela (delegação nº37)
Casa do FC Porto - Dragões do Vale do Ave - Delães (delegação nº56)
Dragões de Basto (delegação nº28)
Dragões de Vila Verde (delegação nº23)
Família Portista de Barcelos (delegação nº65)

Homenagem ao Presidente Afonso Pinto de Magalhães da Família Portista de Barcelos


Distrito de Beja
Delegação do FC Porto em Beja (delegação nº25)

Distrito de Bragança
Casa do FC Porto de Alfândega da Fé (delegação nº85)
Casa do FC Porto de Bragança (delegação nº44)
Casa do FC Porto de Mirandela (delegação nº99)
Casa do FC Porto de Macedo de Cavaleiros (delegação nº127)

Distrito de Coimbra
Casa do FC Porto de Mira (delegação nº109)
Casa do FC Porto do Concelho de Penacova (delegação nº74)
Casa do FC Porto do Concelho de Soure (delegação nº100)
Casa do FC Porto - Dragões de Coimbra (delegação nº17)
Casa do FC Porto da Lousã (delegação nº125)

Distrito de Castelo Branco
Núcleo do FC Porto da Covilhã - Dragões da Covilhã (delegação nº49)

Distrito de Faro
Casa do FC Porto do Barlavento Algarvio - Portimão (delegação nº69)
Casa do FC Porto do Sotavento Algarvio - Faro (delegação nº79)
Casa do FC Porto no Algarve - S. Bartolomeu de Messines (delegação nº21)
Casa do FC Porto da Quarteira (delegação nº121)

Distrito de Leiria
Casa do FC Porto - Dragões de Leiria (delegação nº106)
Dragões de Pombal (delegação nº22)
Dragões do Oeste - Delegação do FC Porto - Caldas da Rainha (delegação nº77)

07/10/2007, Pinto da Costa e Fernando Gomes na Casa do FC Porto de Leiria (fonte: SD Leiria)


Distrito de Lisboa
Casa do FC Porto de Sintra (delegação nº83)
Casa do FC Porto de Torres Vedras (delegação nº113)
Dragões de Lisboa (delegação nº1)
Dragões da TAP - Lisboa (delegação nº124)

Distrito do Porto
Bilhar Clube do Porto (delegação nº36)
Casa do Dragão da Póvoa de Varzim (delegação nº29)
Casa do FC Porto da Sobreira (delegação nº7)
Casa do FC Porto da Trofa (delegação nº42)
Casa do FC Porto de Felgueiras (delegação nº84)
Casa do FC Porto de Freamunde (delegação nº108)
Casa do FC Porto de Sandim (delegação nº72)
Casa do FC Porto de Santo Tirso (delegação nº73)
Casa do FC Porto de Valongo (delegação nº88)
Casa do FC Porto de Vila das Aves (delegação nº89)
Casa do FC Porto de Vila Meã (delegação nº87)
Casa do FC Porto - Dragões da Afurada (delegação nº76)
Casa do FC Porto - Dragões de Amarante (delegação nº60)
Casa do FC Porto - Dragões de Baião (delegação nº43)
Casa do FC Porto em Paços de Ferreira (delegação nº51)
Casa do FC Porto - Os Dragões de Rebordosa (delegação nº40)
Núcleo Azul e Branco de Penafiel (delegação nº26)

Distrito de Santarém
Dragões do Ribatejo - Benfica do Ribatejo (delegação nº105)
Casa do FC Porto de Torres Novas (delegação nº126)

Distrito de Setúbal
Casa do FC Porto - Dragões de Setúbal (delegação nº66)

Distrito de Viana do Castelo
Casa do FC Porto de Monção (delegação nº63)
Casa do FC Porto de Ponte de Lima (delegação nº102)
Delegação do FC Porto em Viana do Castelo (delegação nº19)
Núcleo dos Dragões de Paredes de Coura (delegação nº35)

Distrito de Vila Real
Casa do FC Porto de Alijó (delegação nº112)
Casa do FC Porto de Chaves (delegação nº104)
Casa do FC Porto de Vila Real (delegação nº114)
Casa do FC Porto - Dragões da Régua (delegação nº38)
Casa do Porto em Vila Pouca de Aguiar (delegação nº59)
Casa do FC Porto de Boticas (delegação nº121)

02/05/2008, Inauguração da Casa do FC Porto de Vila Real (foto: Frederico Correia)


Distrito de Viseu
Casa do FC Porto de Cinfães (delegação nº96)
Casa do FC Porto de Lamego (delegação nº54)
Casa do FC Porto de Moimenta da Beira (delegação nº70)
Casa do FC Porto - Dragões de Resende (delegação nº52)
Delegação do FC Porto em Castro Daire (delegação nº53)
Casa do FC Porto de Tondela (delegação nº118)

Região Autónoma dos Açores
Casa do FC Porto de São Miguel e Santa Maria - Ponta Delgada (delegação nº39)
Casa do FC Porto - Dragões do Faial - Horta (delegação nº82)
Casa do FC Porto da Ilha Terceira (delegação nº119)

Região Autónoma da Madeira
Casa do FC Porto da Madeira - Funchal (delegação nº68)


4) Dos estudos/sondagens efectuados nos últimos 15 anos, o único conhecido em que o Sporting aparece com um número de adeptos significativamente superior ao FC Porto, foi na sondagem encomendada pela Direcção do José Roquette (se bem me lembro à empresa Eurosondagem – Estudos de Opinião, S.A., de Rui Oliveira e Costa).

A ideia propagandeada em alguma comunicação social de que o Sporting é o único clube de dimensão comparável ao SLB e que o FC Porto é um “clube menor” não passa disso mesmo, propaganda.

Fontes:
Censos 2001, Instituto Nacional de Estatística, Estatísticas Demográficas, 2001
“Os Concelhos Portugueses 1992-2002”
WHO, Health For All Database, 2000

(continua, ‘O portismo no Mundo’)

3 comentários:

HULK ONZE MILHAS disse...

Parabéns pelo excelente trabalho!
Penso que a generalidade da Comunicação Social, sediada em Lisboa, tenta desesperadamente impedir o crescimento do FCP. Nem sequer é necessário efectuar uma análise exaustiva ao espaço e relevância dados aos acontecimentos do FCP comparativamente com a relevância dada aos outros dois "grandes" da Capital. Diz-se que é um problema de audiências, mas... penso que não será essa a razão principal. E os exemplos são muitos. Aqui vai mais um:
"A EPUL – Empresa Pública de Urbanização de Lisboa – enviou ao procurador-geral da República, Pinto Monteiro, o relatório do inquérito interno sobre "as facturas relativas à conclusão de ramais de ligação às infra-estruturas de subsolo para o novo estádio do Sport Lisboa e Benfica [SLB]".
Será por um problema de "audiências" que esta notícia não merece relevância na comunicação social?

Mefistófeles disse...

Caro Hulk 11 M: é evidente que é por um problema de " audiências".

Tivessem eles feito metade e eram condecorados. Pelo PR da república dos surdos !

Aristodemos disse...

Lista dos dez jogadores mais bem pagos da época 2007/2008


Ricardo Quaresma FC Porto Extremo 2.135.224,91 euros

Nuno Gomes Benfica Avançado 2.040.711,78

Lucho González FC Porto Médio 1.652.882,23

Liedson Sporting Avançado 1.571.888,68

Lisandro Lopez FC Porto Avançado 1.380.489,03

Hélder Postiga FC Porto Avançado 1.360.320,41

Katsouranis Benfica Médio 1.327.186,68

Helton FC Porto Guarda-redes 1.231.515,63

Anderson Polga Sporting Defesa 1.196.172,88

João Moutinho Sporting Médio 1.002.313,68