terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

O impacto das Selecções


«Rui Patrício foi dispensado dos trabalhos da seleção de Sub-21».

«Pereirinha, Adrien, Daniel Carriço (ao serviço dos Sub-21) e Moutinho (na Seleção principal) não estiveram em Alcochete.»

«Miguel Vítor, Urreta, Di María, Maxi Pereira, Binya, Suazo, Katsouranis e Luisão foram as baixas no treino por estarem ao serviço das respectivas seleções.»

«O FC Porto regressou esta terça-feira ao trabalho com muitas baixas no grupo por causa dos compromissos das seleções. Bruno Alves, Raul Meireles, Rolando, Lisandro, Lucho, Fucile, Rodríguez, Guarín e Ventura não marcaram presença no Olival.»

As frases anteriores foram retiradas de noticias (publicadas no Record online) acerca do treino de hoje dos três grandes. Conforme se pode constatar, todos eles tiveram ausentes devido aos trabalhos das selecções, mas o peso dos ausentes é muito diferente.

No Sporting: dois habituais titulares - Rui Patrício e Moutinho

No Benfica: quatro habituais titulares - Maxi Pereira, Suazo, Katsouranis e Luisão

No FC Porto: sete habituais titulares - Bruno Alves, Raul Meireles, Rolando, Lisandro, Lucho, Fucile e Rodríguez

Como é óbvio, o impacto destas ausências (e, em alguns casos, viagens longas) na preparação do(s) próximo(s) jogo(s) é muito diferente nos três clubes, com nítido prejuízo para o FC Porto.

Foto: Record

3 comentários:

hmocc disse...

Não nos podemos queixar. Não se pode ter sol na eira e chuva no nabal. Ou temos mais dos melhores jogadores (internacionais) ou optamos pela "via verde" dos teenagers.

Que vão e que voltem com saudinha é tudo o que interessa.

Miguel disse...

Espero é que tanto o Fucile como o Rodrigues não apareçam todos "amachucados" outra vez...

José Correia disse...

hmocc disse...
«Não nos podemos queixar. Não se pode ter sol na eira e chuva no nabal. Ou temos mais dos melhores jogadores (internacionais) ou optamos pela "via verde" dos teenagers.»

Sim, de acordo.
Contudo, não nos podemos esquecer deste "pequeno pormenor" quando o treinador opta por fazer gestão do plantel nas competições menos importantes - Taça de Portugal e Taça da Liga.