quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Uma pergunta a ... - VII


Nos próximos 3 jogos (da liga Sagres) vamos jogar à Porto e somar os 9 pontos da ordem?

9 comentários:

Zé Luís disse...

Claro!

antonio disse...

Parece-me que estamos claramente numa fase que "ou vai ou racha"!
Só espero que o Jesualdo tenha isso em mente e "acorde pra vida"...
Apesar de nada de fantástico, já vi alguns sinais de melhorias no jogo do Rio Ave (que não é uma equipa qualquer nesta presente Liga).
Guimarães é um teste importantíssimo, e sem o superarmos nada adianta o que quer que se faça na Luz...
Gd blog!

Nuno Nunes disse...

Li ontem no OJOGO, em jeito de notícia com inside information, que o Jesualdo se prepara para colocar Helton e Rolando novamente na equipa. No que respeita ao Rolando ainda percebo até porque o Maicon acusou a titularidade no jogo com o Rio Ave e esteve muito nervoso, já no que respeita ao Helton não entendo. O Beto fez duas boas exibições por isso para quê tirá-lo agora da equipa?

A atitude terá de ser forte para conseguirmos sair de Guimarães com uma vitória.

José Correia disse...

Sinceramente, olhando para o passado recente das equipas do FC Porto e do V. Guimarães, ficaria surpreendido (agradavelmente surpreendido) se o FC Porto vencesse na cidade berço.

Santos disse...

Eu diria mais: ficaria muito surpreendido!
Mas há jogos e jogos, claro.

Anónimo disse...

Vai ser um osso! Mas façamos figas, que às vezes há boas surpresas. Se lá ganharmos sem espinhas encararei o resto do campeonato com outro optimismo.

paulop disse...

Não há a minima hipótese de escorregar na calçada. Quero ver de que massa é feita a nossa equipa, pois não entendo outro resultado que não seja a vitória.

TG19 disse...

Será um jogo fundamental! Sabemos das dificuldades que o FCPorto atravessa, mas com um espírito tripeiro e com uma atitude de raça, querer e amor à camisola sabemos que ninguém nos consegue bater. Eu acredito numa vitória na cidade berço, porque ser Portista é isto mesmo (não há lugar para empates!). Tem que existir união no grupo de trabalho, e nas bancadas temos que passar a mensagem aos jogadores tal como entoam os Super Dragões "Ninguém, ninguém, é melhor do que nós no mundo! Ninguém, ninguém é mais forte que o PORTO! Ninguém, ninguém, ninguém!"

Nuno Silva disse...

Quanto ao dopping:

Sabemos nós que como em tudo nesta vida futebolística interessa ter as pessoas certas nos locais certos e a bufar aquilo que interessa ao clube.

Trabalho na àrea da saúde e sei perfeitamente que o dopping existe em todos os clubes, só que está tudo controlado por análises para andar sempre perto do limite máximo permitido pelo CNAD.

Não estranhem quando acontece sair em algumas equipas jogadores titulares para a bancada... claro que foi apenas uma entorse ou traumatismo... no jogo seguinte já está recuperado!

Uma questão coloco em jeito de teoria de conspiração: imaginem que um clube encontra uma formula de chá fantástico, que serve de "hidratação" diáriamente aos atletas... Se esse clube souber quando vai ser controlado? pode eventualmente ser avisado e andar fora dos limites apenas quando pode.

Há ainda outras situações de substâncias que mascaram a presença de agentes dopantes e só aparecem nas mais recentes tecnologias forenses, nas autópsias!