quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

"mais um favorzinho"...


Para além da escuta em que Luís Filipe Vieira aparece a escolher árbitros, o "ugandês" que colocou escutas no YouTube também se esqueceu desta. São as chamadas escutas selectivas...

13 comentários:

Pedro disse...

Aqui fica mais uma pérola via site do FCP.

"«O Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas considera que o jornalista José Manuel Delgado, não cumpriu com escrupuloso rigor as regras deontológicas do artigo 1º do Código Deontológico do Sindicato dos Jornalistas: (“O jornalista deve relatar os factos com rigor e exactidão e interpretá-los com honestidade. Os factos devem ser comprovados, ouvindo as partes com interesses atendíveis no caso. A distinção entre notícia e opinião deve ficar bem clara aos olhos do público”).

O autor do artigo ao encapotar as fontes, sem que justifique qualquer motivo que excepcione a sua citação, descredibilizou o seu trabalho, infringindo a primeira parte do preceituado do artigo 6º “o jornalista deve usar como critério fundamental a identificação das suas fontes” e a última parte do mesmo artigo: “as opiniões devem ser sempre atribuídas”.»

Parecer 16/P/2009, Lisboa, 9 de Setembro de 2009, Caso «Felipes» do Século XXI/A Bola

Está visto por que foi este o redactor que mais textos assinou para tentar excluir o FC Porto da UEFA Champions League e mais se «bateu» para condenar sumariamente Hulk e Sapunaru após o Benfica-FC Porto desta temporada...

Pedro disse...

Foi o mesmo que sendo accionista do Estoril ameaçou o treinador do Estoril no intervalo do SLB-Estoril.

Uma história convenientemente abafada pelos jornais nos dias seguintes.

Pedro disse...

E mais uma pérola...

http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Policia/Interior.aspx?content_id=1480714

É corrupção por todos os lados, incrivel como o SLB nunca é responsabilizado.

Pedro disse...

Ps: "Nenhuma irregularidade detectada nas facturas do Benfica foi valorizada, para efeitos de responsabilização criminal dos dirigentes do clube."

Mas que merda é esta???? Detectam irregularidades e tá-se bem??

Luís disse...

- Tou Ruben!! é o presidente, olha amanha vais dizer que foste agredido, para por alguma pressao no conselho, ok? diz q foi o jesus...epah e o rui costa tb, ok? va um abraço. ate amanha

- Genial, Presidente, genial!

Pedro disse...

Ó Luis... se queres ser palhaço eu posso arranjar-te um contacto profissional.

Se quiseres falar aqui ou falas como gente adulta ou não fales. Sabes que é fácil barrar-te certo?

Pedro disse...

-Tou Veiga!!! É o Orelhas pá humm. O pá vê lá se no intervalo metes o treinador do Estoril na ordem! hum hum.

- Ó Sr. Presidente que quer que faça, mando-lhe uma galheta?

- Não pá, ameaça-o de despedimento, nem o delegado da Liga nem os jornalistas pegam nisso. Eu controlo hum.

- Ok Sr.Presidente, tá no papo. Se alguém me perguntar se ainda sou accionista do Estoril.. vai no Batalha!


Como é bom ser criança, não é Luis? :-)

Nightwish disse...

O Luís, vê se cresces pah. Só os putos é que gostam de alterar as regras por todos os lados só para ganharam alguma coisa.

José Correia disse...

Luís disse...
«Tou Ruben!! é o presidente, olha amanha vais dizer que foste agredido, para por alguma pressao no conselho, ok?»

Este post é sobre as escutas esquecidas (por exemplo, as que envolvem Veiga e Vieira), mas não são precisas escutas para ouvir as declarações do Rúben.

As declarações iniciais do Rúben Micael a denunciar o que se tinha passado no túnel da Luz, foram feitas no 26 de Outubro de 2009, há 3 (três!) meses atrás.
Nesse mesmo dia (repito, 26 de Outubro de 2009), na flash-interview, questionado pelos jornalistas acerca do que se tinha passado no túnel, o treinador do Nacional também denunciou os incidentes, incluindo agressões, de que o Rúben Micael tinha sido vítima.

Não são precisas escutas, nem arranjar um "ugandês" para ouvirmos estas declarações. Elas foram gravadas na altura por câmaras de televisão e ainda no último 'Trio de Ataque' foram reproduzidas.

Já agora, se nada tivesse acontecido, porque será que no dia 26 de Outubro de 2009 os jornalistas questionaram o Rúben Micael e o Manuel Machado acerca dos incidentes no túnel da Luz?

O Grilo Falante disse...

Luis, desde já o meu imenso obrigado por mais uma demonstração da vossa noção de transparência no futebol.

Ora, um jogador faz uma denúncia, passado 3 meses (três!) não houve qualquer investigação. Os Benfiquistas, preocupados que estão com a "transparência" ficam aborrecidos com o facto de ele ter relembrado esse facto.

Faz sentido, afinal os Benfiquistas também ficaram aborrecidos por ter vindo a público a armadilhazinha preparada pelos seguranças ao invés de terem ficado ofendidos com as trafulhices que se fazem naquele tunel.

É a transparência que se quer.

Carrela disse...

O Benfica encaixou 65 milhões de euros à custa do contrato-programa firmado com a Câmara de Lisboa, no âmbito do Euro 2004. Santana Lopes não é arguido, apesar de a PJ ter concluído que município, a que ele presidia, instrumentalizou a EPUL para financiar o Benfica.


Já nem tenho palavras para exprimir o nojo que sinto por ver este país "nas mãos" de CHUPISTAS.

Miguel Teixeira disse...

Pois é Carrela, e depois até recebem medalhas de mérito das mãos do PR.

JRP disse...

Qual o nome a dar a um Estado em que uma pessoa é:
1 - Impedida de falar e dizer o que pensa.
2 - Sujeita a uma tentativa de homicídio numa auto-estrada e não são encontrados responsáveis.
3 - Escutada e essas escutas são divulgadas em toda a imprensa e o som original publicado livremente.
Este é o exercício que todos os portugueses deveriam fazer sobre o que se está a passar neste país sem se falar em futebol, nem clubes, nem arbitragens.
Quer se goste ou não de Pinto da Costa, cada um de nós devia reflectir sobre se é isto que quer para Portugal e como se sentiria se fossemos nós os visados.