terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

Demissão de Fernando Gomes

A demissão de Fernando Gomes da administração da SAD colheu os portistas de surpresa.

Não admira, já que para além de Pinto da Costa tem sido o dirigente que mais tem dado a cara em público (muito mais do que os restantes administradores executivos, R Teles e A Caldeira); já é administrador há 9 anos; não se lhe conheciam publicamente quaisquer divergências internas; e finalmente, a demissão vem numa altura muito delicada, num contexto muito conturbado (e para "compôr o ramalhete", através de um comunicado à CMVM na madrugada de um domingo).

Há diversas interpretações dadas pelos adeptos (e não só) a esta demissão, mas ao certo ao certo pouco sabemos, já que descortinar os processos internos na nossa direcção é uma arte tão ou mais sofisticada que a famosa "Kremlinologia" da Guerra Fria, em que os Aliados tentavam descortinar que diabo se passava no Politburo "por detrás das cortinas" (de Ferro, neste caso)... diz-se que "o segredo é a alma do negócio", e compreendo que assim seja; bem, pelo menos até certo ponto.

No entanto para mim há 2 ou 3 coisas que posso desde já concluir.

A primeira é que no sítio onde verdadeiramente importa haver "união" (um slogan muito apregoado por alguns quando saem críticas de adeptos a isto ou aquilo no FCP, apesar de incongruentemente não se incomodarem nada que portistas sejam alvos de ataques em editoriais na revista Dragões), essa notoriamente não existe. E isso deixa-me algo preocupado, já que se os nossos decisores-mor não se entendem, é mais difícil "levar o barco a bom porto". Muito ao contrário do que se passa com os adeptos comuns (que detêm zero poder de decisão e um poder infinitesimal de influência), já agora.

A divisão é ainda mais notória quando a demissão acontece no contexto actual (se fosse aquando das próximas eleições no clube em Abril, ou no fim da época, seria muito mais "suave") e sem que seja anunciado um "convite irrecusável" ou "motivos familiares", como aconteceu por muitas vezes na altura de cortar (de forma cordata) laços com um treinador.

A segunda é que na principal área alegadamente da responsabilidade de F Gomes (a Financeira) os resultados dos últimos anos são fracos: desde 02/03 os custos com jogadores (excluindo passes) aumentaram 30%, as remunerações dos dirigentes e restantes funcionários 70%, e os FSE (Fornecimentos e Serviços Externos) 90% - e isto sem que as receitas tenham aumentado ao mesmo ritmo (nem sequer - e isto já é uma opinião subjectiva, admito - a competividade desportiva da equipa). Ora ao constatar que estes factos colidem com o que o F Gomes várias vezes defendeu em público ou nos Relatórios & Contas, só posso concluir que das duas, uma: ou o F Gomes não sabia o que andava a fazer, ou então tem sido sistematicamente desautorizado por Pinto da Costa, R Teles e A Caldeira em decisões de impacto económico a todos os níveis (tanto nas contratações, como nos salários dos jogadores, dirigentes e restantes funcionários, ou contratos para serviços externos).

Tendo em conta algumas notícias de jornais ao longo dos anos e factos avulsos que me chegaram ao conhecimento também ao longo de vários anos, parece-me que há uma forte componente da 2a hipótese. Mas a ser verdade resta a pergunta: se o descontrolo progressivo dos custos já vem de há bastantes anos e os colegas não mudaram, porque diabo é que F Gomes esperou por este momento específico para se demitir? Não terá sido certamente apenas uma questão de se sentir desautorizado na decisão sobre mais uma contratação (uma mera gota de água no oceano), mas a pergunta ficará quase certamente sem uma resposta cabal.

Para além disto, falta saber se F Gomes irá abandonar o cargo que detém na SAD para o Basquetebol e a vice-presidência do FCP.

Para terminar, deixo como não podia deixar de ser os meus votos de maior sucesso possível ao seu sucessor, Angelino Ferreira (que curiosamente foi predecessor de F Gomes na administração da SAD, de onde saiu há 9 anos alegadamente por... não concordar com uma política que lhe parecia despesista).

25 comentários:

Hugo disse...

Primeiro que tudo parabéns pelos dois anos de blogue.
Esta demissão não podia vir em pior altura e demonstra que algo não está bem no seio da SAD.
Tratando-se da área financeira é especialmente preocupante.

PS:Fico pasmado com a ausência de Bruno Alves da convocatória e com Mariano a capitão.

José Correia disse...

Fernando Gomes não era apenas um mero administrador financeiro da SAD. É um homem com passado no Futebol Clube do Porto. Primeiro como jogador de basquetebol (fez parte da famosa equipa do Dale Dover) e mais tarde como dirigente desta modalidade e responsável pelo marketing do clube, antes de chegar à SAD.
Via nele um possível sucessor de Pinto da Costa, numa linha diferente da protagonizada por Adelino Caldeira ou por Reinaldo Teles.

Não sei se algum dia viremos a saber as verdadeiras razões da saída de Fernando Gomes, mas é com pena (pelo atrás referido) e preocupação que vejo esta saída.

E porquê a preocupação?
Porque não é normal um homem com o passado e responsabilidades que o Fernando Gomes tinha na SAD, bater com a porta a meio do campeonato e, ainda por cima, quando estamos a apenas três meses das eleições no clube.
Não deve ter sido de ânimo leve que ele tomou esta decisão, até porque, como é sabido, os administradores da FCP SAD são muito bem remunerados.
O que o levou a abdicar de tudo isto?

Metz disse...

Ja tinha tido a oportunidade de falar do assunto, mas não posso deixar de o voltar a fazer, ate pq o Jose Correia expressou exactamente o que penso e já tinha dito por outras palavras...

Cumpz

SecretHell disse...

Eu ja venho a referir que algo vai mal na estrutura ha muito tempo .No futebol sao as contrataçoes que se sabem ,os falhanços noutras, a indisciplina , o mau momento de forma da equipa e do treinador, etc; Na area financeira , o fantasma da receitas conseguidas com as vendas de jogadores e o constante aumento do passivo...e claro as famosas comissoes; Na area juridica , na minha opiniao reside o principla problema com constantes ataques e agressoes ao nosso clube e nenhuma resposta da nossa parte com desculpas que a justiça nao e parcial!!??Mas o que é isto??Ja nao vamos á luta ate as ultimas consequencias como antes??Ainda hoje o Jesulado diz que a FPF nao cumpriu os regulamentos na marcaçao do jogo de hoje e nós mais uma vez nada fizemos para defender os interesses do clube??!!
É altura de repensar o rumo traçado e proceder a profundas alteraçoes ....

HULK 11M disse...

Pouco mais haverá a acrescentar ao que já foi escrito, quer pelo José Rodrigues quer pelo José Correia.
Embora esteja convencido que o Fernando Gomes era o único homem que naquela casa remava contra a maré de contratar, contratar, contratar... ele não deixa de ser conivente com o acumular do "passivo", apesar das receitas de milhoes que a SAD foi conseguindo nos ultimos anos. E terá sempre que ser responsabilizado por isso!
Porque terá resolvido bater com a porta agora? Se foi a tal "gota de água"... foi tarde de mais....
Mas não posso deixar de registar que, finalmente, nos últimos dois semestres a política despesista parecia estar a ser controlada.
Não acredito que existam razões do foro pessoal pois.... estas não se comunicam assim desta forma... e em cima do fecho da "janela de transferências"....
Confio em Angelino Ferreira. Aliás... nunca entendi porque saiu depois da obra que fez, quer na criação das SAD´s, quer na estruturação empresarial do Grupo FCP quer na elaboração dos planos de construção do Estádio do Dragão e Centro de Estágio!
Sugiro que o "Reflexões" coloque aqui o CV deste notável portista.
Boa sorte caro consócio Angelino Ferreia!

Ana Martins disse...

"ou então tem sido sistematicamente desautorizado por Pinto da Costa, R Teles e A Caldeira em decisões de impacto económico a todos os níveis (tanto nas contratações, como nos salários dos jogadores, dirigentes e restantes funcionários, ou contratos para serviços externos)."

Na mouche. E mais: é muito triste saber do contentamento de 1 certo advogado quando tomou conhecimento disto.

A origem da política despesista é clara. Não partilho, no entanto, do contentamento pela cooptação de Angelino Ferreira: não estando em causa o seu valioso CV, a verdade é que nunca teve mão em PC e Caldeira. Dificilmente terá nesta conjuntura.

Entretanto o meu comentário ao momento actual: capitão dá bofetada a outro jogador; CFO demite-se; a estrutura não se defende do ponto de vista da opinião pública; processos e mais processos e mais processos, sem qualquer possibilidade ou ESPERANÇA de defesa; 1 jogador brasileiro q ia sendo contratado por 5,5M + 75% de 1 passe de 4M (é só fazer as contas) e q nos obrigou a fazer as fitas que vimos.

E isto já sem misturar alhos com bugalhos, porque estas avaliações devem ser feitas à parte da simples prestação desportiva.

cumps

Pedro disse...

Muitos viam F.Gomes como um sucessor de Pinto da Costa. Um grande passado no clube e uma ideia de gestão financeira que passava pela diminuição da despesa.

Mas a realidade é que o FCP dos últimos anos é um clube com um elevadissimo encargo com pessoal. Não acredito que F.Gomes estivesse 9 anos desautorizado... acredito sim que as contratações dos últimos 2 anos o deixaram descontente, e provavelmente não terá sido nunca ouvido.

Precisamos vencer logo o Sporting e recuperar um pouco do espirito que entretanto perdemos. Se nos desunimos nas horas dificeis... tronamo-nos no SLB.

Maria Ceu disse...

@Pedro
"Muitos viam F.Gomes como um sucessor de Pinto da Costa"

Só quem não conhecesse Fernando Gomes consegueria supôr que ele quisesse ser presidente do clube. É demasiado rigoroso para ter que fazer discursos populistas como, inequivocamente, um qualquer presidente de clube tem de fazer. Não gosta de lidar com os media. Não percebe as multidões e as suas arruaças. Perguntem a alguém dos SD o que pensam dele e verão que não tem nem vontade nem perfil para ser, alguma vez, presidente do FCP.Antes presidente da AEP ou da EuroNext ou da CMVM...

cumps e sim, apesar de já n estar tão preocupada com o meu clube desde 2002 (consulado de Octávio Machado como materialização de disfuncionalidade estrutural), há que unir!

José Correia disse...

«Porque sai Fernando Gomes? Não se sabe ao certo. Não concordaria com as aquisições - ou com o gasto de dinheiro inerente - neste mercado de Inverno? É fácil fazer a ligação, mas faltam elementos probatórios. Mas Fernando Gomes, que conheço bem de várias outras vidas, continua pelo menos por agora como vice-presidente do clube. Sinal de que a rotura não foi completa, ele que é também conhecido por ser muito próximo de Joaquim Oliveira (Olivedesportos). Com todas as suas virtudes e todos os seus defeitos, Fernando Gomes tem uma vida ligada ao clube, como jogador e dirigente (benévolo e estipendiado) mas veremos se conta publicamente as razões, que depois de tantos anos nunca é só uma, como é óbvio.»
Manuel Queiroz
in 'De Trivela'

Armindo disse...

Embora também aceite as várias conjunturas já mencionadas, permitam-me lançar mais uma.

Não vão haver eleições na LPFP dentro de pouco tempo?

Ah pois disse...

Vêm aí tempos de vacas magras, bem magras.

Ah pois disse...

Andre, pelo menos essa merda não aconteceu (se é que aconteceu mesmo) em pleno jogo como lá no teu clube da paródia: Luisão vs. Katsouranis.

Pedro disse...

1 estalo passa rapidamente a 2 murros...

Mas não culpem a inteligência do Andre sem acento... culpem quem manda nele...

É sempre de saudar quando um merdoso se dá ao trabalho de fazer copy paste em vários sitios só com o objectivo de chatear. É sinal que somos importantes. Embora também seja um sinal da deficiência mental daqueles que o fazem.

Pedro disse...

E de saudar também o regresso do Luis... um dos muitos "aliases" usados pelos tais amigos do regime :-)

Não é que o Reflexão Portista se tornou numa visita obrigatória??

Mete alguma piada como se preocupam com os jogadores do Porto e da sua violencia, quando esta época se há equipa a distribuir porrada é o SLB. Desde o J.Garcia ao David Luiz, passando pelo cobarde Luisão e a sua agressão ao pontapé a um jogador no chão. E note-se... sem expulsões...

The Blue One disse...

Nem mais. Assino por baixo este Post...

Eu já tinha previsto que mais cedo ou mais tarde este cenário seria uma realidade e que as "comadres" se iriam zangar...

È que onde há muito € e interesses há zangas e todos nós sabemos que na SAD Portista há muitas "parasitas".

Fernando Gomes foi embora e espero que tenha batido com a porta de vez, pois não seria o primeiro a vingar-se escrevendo um ou dois livros a dizer mal do FC Porto.

Saudações Portistas!!!

SecretHell disse...

O Fernando Gomes nao faz falta nenhuma ...ja devia ter sido posto á andar ha mais tempo pelos pessimos resultados da equipa de Basket nos ultimos anos...As finanças e o futebol nao andam de maos dadas nem podem andar...so exite despesa (nvestimento) no futebol se nao houver resultados...
Neste sentido o Antero Henrique tambem é culpado e ja agora tambem o Reinaldo Teles pelo estado actual do balneario...é preciso gente nova e ambiciosa a frente do clube...o Rui Moreira é um bom nome para a Sad ...

Anónimo disse...

Mais uma vez solicitamos não entrem em diálogo com os vermelhuscos.

Obrigado

Mário Faria disse...

Esta direcção, esta SAD não podem queixar-se de falta de unidade dos sócios. A SAD não tem qualquer bloqueio (o apoio dos sócios e accionistas é inequívoco) e o ambiente em que a SAD gere é de total liberdade.
O exercício do poder faz-se sem qualquer constrangimento interno e o poder é quase absoluto.
Pedir unidade aos sócios é uma redundância. Nunca faltou. E ao som das vitórias, nem auto-crítica, nem censura, nem alternativa. O poder no FCP/SAD gira à volta de uma nomenclatura que se eterniza.
Quando as coisas correm menos bem, não é dos sócios que vem a impaciência maior, como a saída de FG e a indisciplina no balneário comprovam.
A unidade não se pede, ganha-se em função da confiança que é gerada em virtude do mérito ganho pela actividade que é exercida por quem tem de decidir . A SAD do FCP não está acima desse pressuposto.
Pela minha parte gostaria de ficar esclarecido dos motivos deste divórcio. Mas, ficará tudo no segredo dos deuses . A entrada de Angelino Ferreira prova que no FCP nada muda tudo se concerta em circuito fechado.
Estou preocupado. Algo não vai bem no reino do Dragão.

André disse...

PERDERAM A VERGONHA TODA !!!!!!!!!!!

Túnel Sp.Braga-Benfica: três meses de castigo para Vandinho

Vandinho foi penalizado com três meses de suspensão, Mossoró com três jogos e Ney - agora emprestado ao V. Setúbal - com dois jogos.

Além do tempo de suspensão, Vandinho tem uma multa de 1500 euros, por «tentativa de agressão» contra o treinador -adjunto do Benfica, Raul José. A moldura penal para este item vai de três meses a um ano;

Mossoró recebeu uma punição de três jogos e uma multa de 1500 euros por «agressão consumada sob a forma continuada» a Oscar Cardozo;

COMO É POSSIVEL !!

Vieira quer castigos para incidentes do túnel de Braga - FIZERAM-LHE A VONTADE !

ISTO TÁ BONITO TÁ ! SURREAL !

Metz disse...

Ainda gostava que me explicassem o que tem o Fernando Gomes neste cargo relacionado com os resultados da equipa de basket...

Se assim for, então temos de lhe dar os parabéns pelos resultados da equipa de hóquei?

Preocupa-me a saída dele, assim como a pouca noção que as pessoas têm da importância da sua perda....

Logo lá estaremos para apoiar e mostrar que nós estamos unidos apesar das opiniões (obviamente) diferentes de cada um!

Cumpz

Metz disse...

Quanto aos castigos aos jogadores do Braga, volto a dizer, há uma equipa no epicentro destes castigos inéditos e longos que este ano "apareceram" no campeonato. Essa equipa é por coincidência, a mesma que beneficia deles......

Acho que era isto que eles queriam dizer com "verdade desportiva"

Cumpz

SecretHell disse...

Metz disse...
Ainda gostava que me explicassem o que tem o Fernando Gomes neste cargo relacionado com os resultados da equipa de basket...

Fernando Gomes é o Administrador do Porto Basquetebol,Sad e foi ele o responsavel pelo treinador das ultimas 2 epocas que enterraram completamente a modalidade no clube...Há adeptos do Porto que nao sabem desta vergonha? o_O??

Porto1969 disse...

Quanto a isto, nos Portistas nao teremos direito a 1 comunicado??
Nos somos PORTO
Assim esta aberto espaco para especulacao.

Metz disse...

E o que é que isso tem a ver com o cargo do qual se demitiu?....... Mantenho a minha pergunta...

Metz disse...

Porto 1969
"Quanto a isto, nos Portistas nao teremos direito a 1 comunicado??
Nos somos PORTO
Assim esta aberto espaco para especulacao."

É, concordo a 100% mas infelizmente há alguns anos que tudo é para dentro e nós somos "ignorados"... Mas é verdade, tem 100% de razão!!

Cumpz