terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Ontem houve Paixão em Lisboa

Depois de anteciparem o jogo da 20ª jornada e vencerem o Leiria na Luz os benfiquistas, incluindo o treinador, gabaram-se de já estarem em primeiro lugar (ainda que com mais um jogo mas isso era e é irrelevante) e de que seria o Braga que estaria pressionado. Está encontrado pois o verdadeiro motivo para a antecipação do jogo da 20ª jornada: pressionar o Braga. O Leiria disse sim e ajudou à festa.


Ontem o Braga deslocou-se ao Restelo para jogar com os pastéis de nata que se arrastam no campeonato há 2 épocas consecutivas e por motivos vários não descem de divisão. O árbitro nomeado foi... Bruno Paixão. Aos 15 minutos expulsou um jogador do Braga e marcou um penalty inexistente. Mais palavras para quê, já toda a gente sabe como o Paixão é medíocre e faz todas as barbaridades para beneficiar os clubes da 2ª Circular. A culpa é inteirinha do Vitor Pereira que já sabe disso e insiste em nomeá-lo (porque será?). A única conclusão que daqui se pode tirar é a de que o Vitor Pereira está a pactuar com a estratégia da Liga e do slb em afastar por todas as vias o Braga da luta pelo título.


"A primeira parte foi um autêntico filme de terror para o Sp. Braga. A começar pela forma como Belenenses entrou em campo, com Pelé à frente da defesa e uma linha de quatro jogadores no meio-campo, a dificultar as movimentações dos minhotos, em inferioridade numérica na zona de construção. A complicar o quadro que incluía uma chuva persistente, Bruno Paixão assinalou uma pretensa falta de Moisés sobre Lima na área e expulsou o central mostrando-lhe dois amarelos antes do inevitável vermelho. A falta na área parece não existir, mas os dois amarelos explicam-se pelo facto de Moisés ter feito uma falta antes, a meio-campo, numa altura em que o árbitro decidiu dar a lei da vantagem."
in Maisfutebol, 2010/02/08


"Jogámos 75 minutos sem um atleta numa partida diferente de todos os outros. Como jogador e treinador, nunca vi um futebolista levar duplo amarelo e ser expulso num lance em que nem é penálti"
Domingos Paciência, O JOGO, 2010/02/09

13 comentários:

'mega' disse...

um preciosismo disfarçado de correcção ao texto só: o belém arrasta-se por 3 (e não duas) épocas já na 1ª liga se não estou em erro...
a 1ª à custa do gil vicente e o caso mateus, a 2ª à custa do boavistão e a 3ª à pála do estrela...

com o restante texto, de acordo a 100%.. continuem o bom trabalho de desmascarização (se a palavra não existe acabei de inventar...) desta corja encarnada.. abraços ;)

Mefistófeles disse...

Estava a ver que não se denunciava tanta paixão...mais uma para juntar à já loooooonnga lista desta liga.

Espero não ter que assistir ao triunfo dos porcos porque eles jogam em todos os tabuleiros.

Mefistófeles disse...

Ah ! E parabéns ao Braga, que não desarma. Valentes.

Ana Martins disse...

E...Parabéns Domingos!

Roberto Tavares disse...

As 2 melhores equipas nortenhas vão surpreende tudo e todos, quando afastarem o clube do governo do titulo e da champions...

Como portista já não tenho medo das inconstantes exibições(estamos muito mas muito fortes ), o medo vai para o lado do sr Vítor Pereira e da CD do SLB...

José Correia disse...

Já vi as imagens várias vezes e ainda não percebi se Moisés jogou primeiro a bola e depois deu-se o embate, ou se Moisés toca no pé do adversário antes de tocar na bola.

Contudo, mesmo na 2ª hipótese, porque razão é mostrado o cartão amarelo (no caso o segundo)?

José Correia disse...

Esta nomeação do Bruno Paixão é idêntica à nomeação do Lucílio Baptista para o Rio Ave x Braga.
Para tristeza dos benfiquistas, desta vez a coisa não resultou.

JB disse...

Mas nem pensem que eles vão desistir. Por mim, tudo bem. Está o Domingos a ganhar um bom calo para quando for o treinador do FC Porto. Já faltou mais.

José Correia disse...

«Não se pode, num caso destes, não falar do árbitro. Bruno Paixão, já se sabe, é raro passar um jogo sem se exibir com decisões pouco normais. Mais uma vez não deixou os seus créditos por mãos alheias: Moisés foi expulso com dois cartões amarelos na mesma jogada de bola corrida, porque terá feito duas faltas - primeiro sobre Yontcha e depois sobre Lima. Contesto duas coisas: o árbitro marcou o penalti com a certeza absoluta de que Moisés cometeu a segunda falta? E é sempre preciso mostrar cartões amarelos em lances de penalti? À primeira pergunta respondo que mesmo as imagens televisivas me deixam dúvidas; ao segundo respondo não, porque não há nada nos regras que a isso obrigue.»
Manuel Queiroz
in 'De Trivela'

Nightwish disse...

É caso para continuar a dizer, ladrões ide à puta q vos pariu.

Américo Preto disse...

Mas mais que haver(P)paixão houve no jogo houve outras coisas antes do jogo e mais concretamente no hotel onde estava o Braga.

http://desporto.sapo.pt/futebol/primeira_liga/artigo/2010/02/09/sp_braga_indignado_com_visita_.html

A vergonha, como eu já tinha afirmado antes, daqui para a frente será nenhuma.

José Rodrigues disse...

Infelizmente, tenho poucas dúvidas q mais cedo ou mais tarde o Braga vai cair.

É q se um FCP ainda tem uma profundidade de plantel mínima para ir lidando (mais ou menos) com os "ataques", o Braga nem por isso.

Vaticino já uma coisa: se por acaso o Braga for caindo uns pontos para trás do slm e entretanto o FCP não apanhar o slm, aposto já aqui q os "torpedos" ao Braga vão desaparecer como que por magia. Nesse cenário hipotético, se for preciso o R Costa até oferece um perdão ao Vandinho...

Carrela disse...

Eu tb achava q no segunda volta o Braga não aguentasse, devido ao "curto" plantel. Mas todas estas injustiças servem por vezes para ir buscar forças onde elas parecem não existir. Não podemos esquecer que o FCP é o que é hoje, pq Pinto da Costa e companhia soube tirar partido desta mesma "opressão" do "regime". O que vimos em Belém na última jornada pode mt bem ser prova disso, é certo que em tudo é preciso ter sorte e ela não dura sempre, mas carago, com uma expulsão e penalti aos 15 minutos, ganhar o jogo é de VALOR!!

Acredito e sempre acreditei no PENTA!! SEMPRE!!
Mas mt sinceramente não ia ficar triste se este Braga fosse campeão!

Força Porto.