sábado, 20 de fevereiro de 2010

Somos Porto


"Na última vez em que aqui estivemos todos juntos, trazíamos um sentimento de alegria e honra de dever cumprido, porque festejávamos nesse dia o Tetracampeonato. Infelizmente, hoje não podemos estar iguais. Estamos indignados e revoltados com as ocorrências do futebol português. O que se tem passado recentemente magoa-nos a todos. Magoa pessoalmente o Hulk e o Sapunaru, que não está aqui hoje, e queremos manifestar a nossa solidariedade para com eles. Não há ninguém, absolutamente ninguém, que nos vá tirar o nosso rumo nem fazer desistir do nosso objectivo. Somos Tetracampeões! Merecemos respeito pelo que conquistámos anteriormente e vamos voltar a ganhar. Juntos, sempre juntos, vamos voltar a ganhar. Não há ninguém – repito, ninguém – nem injustiça nenhuma que nos retire a nossa união. Estamos a cada dia, a cada treino e a cada jogo mais unidos! Por último, gostaria de deixar uma mensagem aos nossos adeptos: a administração, staff técnico, jogadores e toda a gente que gosta do FC Porto - somos Porto, continuaremos a ser Porto, e vamos ganhar sempre e cada vez mais. Somos Porto e estamos sempre unidos. Não se esqueçam disso. É a nossa mensagem para todo o País, pela indignação de que estamos a ser vítimas."
Nuno Espírito Santo, 20/02/2010
em nome do plantel no final do treino de hoje


O vídeo desta declaração, efectuada no final do treino, no Auditório José Maria Pedroto e na presença de todo o plantel, equipas técnica e médica, pode ser visto aqui.

16 comentários:

Bruno disse...

Não devia ter sido o Bruno Alves a falar?

Carrela disse...

É mesmo assim, há que ir buscar forças a todas estas injustiças.

Eu sinceramente não vejo problemas em ter sido o Nuno e não o Alves, acho q é consensual que o Nuno é uma espécie de "pai" naquela equipa!

Força Porto.

Pedro disse...

O Bruno Alves digamos que tem um léxico mais limitado... E o Nuno é o elemento com mais anos de casa.

Ps: Li hoje que o Ricardo Costa considera a punição excessiva e injusta, mas que a lei é para cumprir. Ora se na lei não é especificado o papel dos stewards (havendo ambiguidade), e considerando a punição excessiva não seria normal que uma pessoa honesta tivesse aplicado a moldura penal de 1 a 4 jogos?

Parece-me que o Ricardo Costa ao tentar dar uma de bonzinho se queimou de uma forma estapafúrdia.

Ainda para mais quando existe a possibilidade, perante uma lei desajustada, de pedir uma revisão extraordinária da lei.

Mas olhem para mim a falar como se isto fosse uma questão de lógica...

Fleaster disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mefistófeles disse...

Vamos a eles, o mote foi dado !
Querem guerra ? Contem connosco ate ao fim.

Anda, Porto !!

Miguel Teixeira disse...

Gostei de ver e ouvir o Nuno.

Espero que este incidente tenha unido o grupo rumo ao Penta.

Nelinho disse...

Depois de ler muitos comentários a falar da manifestação de 23 de Fevereiro lembrei-me de uma coisa. Ponham umas indicações para quem lá queira aparecer mas não saiba ao certo onde aquilo fica. Eu chego ao Porto num instante mas vou para onde? Não faço a mínima ideia de onde fica o edifício da Liga. Como eu, outros há, que gostariam de ajuda para lá chegar. Isto devia ser adiado e fazer-se a coisa com mais pormenores e com mais força para haver mais Portistas a aparecer. Em alguns blogues Portistas falam da manif ( este não) mas se fossem todos os blogues juntos e com hora marcada e indicações e todos os detalhes necessários para a coisa funcionar seria mais bem sucedido, de certeza, do que vai ser.

John Aarson disse...

Grande Nuno! É assim mesmo que tem de ser. Motivar a equipa ao máximo para lutar contra tudo e contra todos. Se ganharmos todos os jogos até ao fim somos certamente campeões e isso é possível se estivermos ao nosso melhor nível. Portanto FORÇA! Se houve campeonato que era essencial vencer, é este!

JRP disse...

Engraçada a cadência de comentários a este post. Ele foi publicado às 14h e em 2 horas e 19 minutos produziu 7 comentários. Na última hora e meia fez-se apenas um comentário e sem referência às propostas e dúvidas do leitor Nelinho. Os adeptos do Porto são, na sua maioria, uns tretas.
Nelinho, para veres no google onde está a sede da Liga vai a:

http://www.lpfp.pt/liga_futebol/pages/contactos.aspx

A melhor maneira de lá chegares na terça-feira, às 18h, é de metro saindo na estação Casa da Música e subindo depois a Avenida de França até à Constituição. A sede da Liga é à tua esquerda. Se quiseres ir de carro, tem a explicação na página que eu te indiquei.

Mas não contes com multidão. Os adeptos do Porto estão à espera de um qualquer comunicado da SAD ou preocupados se a declaração é feita pelo Bruno Alves ou pelo Nuno ou ansiosos pelo próximo jogo do Porto para assobiar ou dizer mal do Jesualdo, do Hulk ou da SAD em geral. Isso sim, é acção!

Miguel Teixeira disse...

JRP,

pessoalmente, acho que essa MANIF não vai produzir qualquer efeito.

Porque:

-Está mal organizada

-Não sabemos quem realmente a convocou

-Seguramente não foi legalizada

-O dia escolhido é péssimo, provando que as coisas que são feitas em cima do joelho, estão condenadas a ser um insucesso.

- resultados práticos da MANIF? Zero.


Boa sorte.

JRP disse...

Miguel,

Não vou discutir a essência das críticas que apontas. Até concordo com algumas. Não faço ideia de quem a organizou. Mas uma coisa é certa, alguns adeptos já há muito que sentem que é preciso fazer algo. É preciso chamar a atenção para o que se está a passar.
Ao longo da História, muitas das grandes manifestações e movimentos não foram meticulosamente organizadas. Foram por vezes pequenas faíscas atabalhoadas que num súbito se transformaram em mudanças civilizacionais. Não é disso, obviamente, que estou à espera, mas gostaria (ainda que não acredite) que os media deste país fossem obrigados a noticiar essa vigília ou manif, que o país percebesse que nós não estamos a comer e calar e que os adeptos do Porto estão atentos e vivos contra a roubalheira e a opressão que estão a decorrer. Por outro lado, se a organização interna do clube não nos agrada e não chama por nós, poderá(ia)ser a forma de fazermos essa chama arder de fora para dentro, mostrando à SAD e aos jogadores que estamos cientes da maldade de quem nos persegue e de como os apoiaremos até ao fim.
Se isto se conseguir, para mim chega.
O que mais poderíamos fazer enquanto adeptos? Ir aos jogos e apoiar? Isso eu já faço há muito tempo.

José Rodrigues disse...

Tal como o Miguel acho q a manifestação é inconsequente, mas... porque não fazê-la, mal não há-de fazer nenhum.

Sempre é mais um exemplo visual da fúria dos adeptos (espero no entanto q não entrem em vandalismo, pq não adianta de nada. Já se acontecer alguma coisa ao R Costa muito longe das câmaras ou da sede da Liga, não posso dizer q vá ficar chateado...).

De resto concordo em absoluto com o JRP q os adeptos do Porto andam mansos em geral. À imagem da SAD, aliás.

Preocupa-me a mansidão de uns e de outros, mas preocupa-me muito mais no segundo caso. Isto porque:

1) a SAD tem 1000x mais poder e influência do q os adeptos

2) a SAD é paga principescamente para defender os interesses do FCP; já quem age por carolice (adeptos), ou até perde tempo e dinheiro nisso, tudo q seja mais q zero já é mais do q a sua obrigação.

3) quer se goste quer não, muitos adeptos esperam por "sinais" da direcção do clube como líderes, senda essa direcção o principal dínamo na mobilização de adeptos. Pode-se não gostar mas em maior ou menor medida isso é normal em qq parte do mundo.

José Rodrigues disse...

Já agora, o Evangelista já falou para mostrar a sua total indignação perante a injusta sentença a dois membros da Associação q representa?

Ou será q entretanto se passou para a Ass. de Seguranças de Estádios?

Miguel Teixeira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Miguel Teixeira disse...

JRP,

espero que não entenda as minhas palavras como falta de concordância sobre a urgência de "fazermos" algo.

No FCP como na sociedade civil, defendo que as pessoas têm que lutar e reivindicar por justiça. Apenas apontei algumas criticas à forma como a Manif está a ser organizada. O importante é que os portistas se mexam. Que se revoltem.

Daí a boa sorte desejada no 1º comentário.

Eu estou em Lisboa e não é fácil ir até ao Porto para uma Manif que se vê marcada, sobretudo nas caixas de comentários da blogosfera - a grande critica sobre a tal falta de organização a que aludi no meu primeiro comentário pode começar por este factor.

Contudo, temo que a desorganização desta manif nos seja mais prejudicial que benéfica. Que eu esteja ERRADO.

Jorge Mota disse...

Gostei mas quero MAIS

Mais cedo ou mais tarde a bolha vai arrebentar

Ha 1 limite para a impunidade

Praise NUNO