quarta-feira, 26 de maio de 2010

Rescisão de Jesualdo comunicada à CMVM

«A Futebol Clube do Porto – Futebol, SAD vem comunicar, nos termos e para os efeitos do art. 248º nº1 do Código dos Valores Mobiliários, que rescindiu, por mútuo acordo, o contrato de trabalho que liga a sociedade ao treinador da sua equipa principal de futebol, Jesualdo Ferreira. Esta rescisão produz efeitos a partir da presente data.»
in Comunicado da FCP SAD


Actualização:

JF a www.fcporto.pt:
«Depois de quatro anos vividos de forma intensa, entendendo as regras de jogo em que treinadores e clubes se movimentam e tendo em atenção o facto de o FC Porto ter tido, pela primeira vez na história, o mesmo treinador durante quatro anos, concluímos, em conjunto, que seria melhor terminar a nossa ligação. Desta forma, o clube pode ter a liberdade que lhe assiste de configurar o seu futebol com ideias diferentes. A minha saída do FC Porto pautou-se pelos mesmos princípios com que entrei no clube. Poderão parecer palavras de circunstância, mas quero deixar aos adeptos do FC Porto, em primeiro lugar, o meu sentido respeito pela forma apaixonada com que os senti ao longo destes quatro anos. Tiveram uma participação decisiva em tudo o que alcançámos. Quero também expressar a gratidão pela administração e, em especial, pelo presidente. Creio que essa gratidão se notou em todos os comportamentos que tive no FC Porto. Sem poder cumprimentar pessoalmente todas as pessoas que comigo colaboraram directa ou indirectamente, quero deixar a todos um forte abraço. Em relação a todos os departamentos como comigo trabalharam no dia-a-dia, as palavras que melhor retratam são: obrigado pela competência! Finalmente, os jogadores… Durante quatro anos, partilhámos grandes alegrias e alguns, poucos, momentos infelizes. Guardo de todos o sentimento do dever profissional e do espírito de equipa que dedicaram ao FC Porto. A todos eles e àqueles dos quais não tive oportunidade de me despedir quero dizer que vou ser um treinador e uma pessoa que irá seguir as suas carreiras. Desejo-lhes a maior sorte do Mundo. Pegando nas palavras do presidente na altura da despedida, também eu sinto poder dizer que estarei sempre disponível para o FC Porto.»

PdC a www.fcporto.pt:
«Ao fim de quatro anos em comum, entendemos que necessitávamos de alterar o modelo do nosso futebol e propusemos ao mister Jesualdo Ferreira a troca do cargo de treinador da equipa principal pelo de director técnico de todo o futebol do FC Porto. Após uma conversa franca, todavia, fez-nos sentir que deseja treinar mais dois ou três anos, o que percebemos e aceitamos, face à paixão que sempre demonstrou pela profissão. Assim sendo, e tendo em conta o conhecimento que tem da nossa estrutura e do nosso projecto, este momento não constitui uma despedida, mas sim um “até quando quiser!”. Foi isso, de resto, que fizemos questão de lhe sublinhar.»

37 comentários:

Anónimo disse...

Consumatum est.

miguel87 disse...

Pena esta noticia ter demorado 3 anos...

Pedro disse...

Obrigado Professor.

Parece haver ainda muita gente convencida que o seu trabalho foi uma nódoa. Quero ver mais algum treinador no futuro próximo a perder Bosingwa,Pepe, Anderson, P.Assunção, Quaresma, Lucho, Lisandro, Cissokho, e mesmo assim ganhar titulos.

Nunca fui grande fãn do futebol praticado, mas vi um grande porto em Manchester, vi um porto tetra-campeão, vi um porto a ser atacado por todos os lados para perder o titulo.

Boa sorte para o futuro.

Miguel disse...

Nestes quatro anos tive alturas em que desejei ardentemente que o Jesualdo saísse, porque via um Porto limitado e incapaz de me entusiasmar (especialmente no ano passado quando sofremos 4-0 em Londres, e este ano, depois dos 5-0 também em Londres).
Mas confesso que esta notícia, agora que é um dado adquirido e consumado, dá-me uma certa tristeza. Mas foi por mútuo acordo, o Porto também deu muito ao Jesualdo, deu-lhe a hipótese de ser campeão, e juntos conquistámos 3 campeonatos, 2 taças, 1 supertaça e várias outras finais. Reconstruímos a equipa, mas agora é hora de uma cara nova. Sempre com respeito por Jesualdo, pelo que ganhou, pelo que nos defendeu. É mais um a merecer ter o nome gravado na nossa lista de campeões. Agora venha o seguinte.

Dr. Estranho Amor disse...

Num conhecido fórum de adeptos(?) as manifestações de dor e luto, a esta hora, são imensas.

Da minha parte, só espero que ainda estejamos a tempo de voltar a fazer do FC Porto uma equipa forte,corajosa,audaz,tudo o que o "Mestre" lhe retirou.

Apesar dos títulos conquistados, esta personagem danificou seriamente o nosso ADN.

Haja coragem.

Jorge Aragão disse...

Muito obrigado por tudo ao Profe.
Foi uma pena não ter saído o ano passado, em glória.
Mas deu tudo pelo Porto, em épocas e situações muito difíceis e os títulos falam por si.
A memória não pode ser curta.Desejo-lhe felicidades e sucesso.
Agora é virar a página.

Daniel Gonçalves disse...

Desejo boa sorte e sucesso para o Jesualdo. Agora, vamos a ver quanto tempo demora a apresentar o próximo treinador.
Pellegrini foi despachado do Real, será que vamos apanhar com uma "rajada de vento" vinda de Espanha, ou mais concretamente, de Madrid.

RS disse...

A fazer fé nas declarações do presidente, foi oferecido ao Prof. JF o cargo de director técnico de todo o futebol do FCP, cargo que este terá recusado por querer treinar mais dois ou três anos.

Da minha parte, enquanto simples adepto, aqui fica um grande OBRIGADO ao Prof. e votos de muitas felicidades para o seu futuro.

Nelson Carvalho disse...

Só tenho a agradecer o profissionalismo com que o Jesualdo Ferreira se dedicou ao Clube no periodo em que cá esteve. Um trajecto que, na minha modesta opinião, foi bastante positivo e que dificilmnte será repetido por quem lhe irá suceder.

Felicidades para o Jesualdo.

Sorte para novo tecnico que entrar em funções.

meirelesportuense disse...

Também lhe desejo boa sorte, merece ter sorte por ser um excelente profissional, mas necessitamos de algo mais do que trabalhadores, precisamos de pessoas com capacidades a cima da média, temos que ser melhores, muito melhores, para podermos conquistar seja o que for, ninguém neste País nos dá nada de mão beijada tal como o faz aos nossos adversários, ainda agora passei pela SIC e lá estavam a fazer os laudatórios, entre notícias, às Águias, como sempre, até se torna enjoativo...

meirelesportuense disse...

Ficou em aberto aquilo que eu sempre sugeri, a sua manutenção mas num cargo diferente, o que pode acontecer em qualquer momento assim ele o pretenda...

Anónimo disse...

Esse "fórum" faz-me lembrar aquele blog que um dia quis fazer do tal Moreira presidente do Futebol Clube do Porto.
Meia dúzia de andorinhas virtuais pensam que representam o universo Portista.
Hoje é dia de festa!
Acabou o Jesualdismo.
Aleluia!

Jorge Aragão disse...

Após acertar a rescisão do contrato com os “dragões”, esta quarta-feira, Jesualdo Ferreira afirmou estar “sempre disponível para o FC Porto”.

Em declarações ao site oficial do clube, o técnico referiu:” A minha saída do FC Porto pautou-se pelos mesmos princípios com que entrei no clube. Poderão parecer palavras de circunstância, mas quero deixar aos adeptos do FC Porto, em primeiro lugar, o meu sentido respeito pela forma apaixonada com que os senti ao longo destes quatro anos. Tiveram uma participação decisiva em tudo o que alcançámos. Quero também expressar a gratidão pela administração e, em especial, pelo presidente. Creio que essa gratidão se notou em todos os comportamentos que tive no FC Porto. Sem poder cumprimentar pessoalmente todas as pessoas que comigo colaboraram directa ou indirectamente, quero deixar a todos um forte abraço. Em relação a todos os departamentos como comigo trabalharam no dia-a-dia, as palavras que melhor retratam são: obrigado pela competência! Finalmente, os jogadores… Durante quatro anos, partilhámos grandes alegrias e alguns, poucos, momentos infelizes. Guardo de todos o sentimento do dever profissional e do espírito de equipa que dedicaram ao FC Porto. A todos eles e àqueles dos quais não tive oportunidade de me despedir quero dizer que vou ser um treinador e uma pessoa que irá seguir as suas carreiras. Desejo-lhes a maior sorte do Mundo. Pegando nas palavras do presidente na altura da despedida, também eu sinto poder dizer que estarei sempre disponível para o FC Porto”.

O Presidente do clube afirmou, também em declarações ao site, que “Ao fim de quatro anos em comum, entendemos que necessitávamos de alterar o modelo do nosso futebol e propusemos ao mister Jesualdo Ferreira a troca do cargo de treinador da equipa principal pelo de director técnico de todo o futebol do FC Porto. Após uma conversa franca, todavia, fez-nos sentir que deseja treinar mais dois ou três anos, o que percebemos e aceitamos, face à paixão que sempre demonstrou pela profissão. Assim sendo, e tendo em conta o conhecimento que tem da nossa estrutura e do nosso projecto, este momento não constitui uma despedida, mas sim um até quando quiser! Foi isso, de resto, que fizemos questão de lhe sublinha”

in O Jogo

Unknown disse...

Quando entrou (e como entrou) era sem dúvida a opção certa, mas prolongou (ou prolongaram-lhe) em demasia a estadia.

Hoje, pela minha parte, não derramo nenhuma lágrima, e muito menos de crocodilo.

Pedro disse...

@Ellis

Não fosse o Jesualdismo e tinhamos ficado a secar este 4 anos... A menos que faças melhor, ou conheças algum treinador que nas circunstância dos últimos 4 anos (saidas + apito dourado) faria melhor (não vale o Mourinho...)

Mas enfim, cada qual vê o futebol pelo seu canudo. E este é um espaço livre, não entendo essa pseudo-irritação por existir um espaço de livre troca de opiniões... isso é digno de um benfiquista.

PS: Fim de ciclo óbvio, não havia qualquer condição para Jesualdo continuar. E o comunicado do PC confirma isso, a necessidade de um novo modelo para o futebol.

Obrigado Jesualdo, boa sorte!

Anónimo disse...

Que grande notícia, só peca por tardia, hoje começa um novo ciclo!

ben-u-ron79 disse...

sinceramente acho que o jesualdo deveria continuar, mas sim no cargo que lhe foi proposto agoraalias ja no passado havia defendido isso no seio do meu grupo de amigos. o jesualdo tem uma coisa da qual eu gosto muito: consegue olhar para um jogador e perceber o que lhe falta para chegar ao nivel seguinte. varela na pre-temporada começou as famosas conversas de durante e apos treino e viu-se com isso um varela que nunca se tinha visto; o falcao ainda ontem veio dizer que o jesualdo lhe tinha ensinado a jogar de costas para a baliza; o bruno alves reaprendeu a saltar e a controlar os seus instintos; o lisandro evoluiu nas maos dele; bosingwa idem idem; todos os jogadores que nao evoluiram com ele vejamos onde andam: quaresma? banco do inter; ibson?nos confins da russia; precisam de mais exemplos? sejamos realistas, pois nestes ultimos anos as vendas astronomicas que temos feito devem-se ao lapidar cuidado no laboratorio do olival.Não é perfeito? Longe disso!!!! mas com o que lhe têm posto à frente dificilmente alguem teria feito melhor...


Professor, um sentido obrigado deste adepto!

Miguel Magalhães disse...

Obrigado Jesualdo.
Obrigado pelos 3 campeonatos.
Obrigado pelas 2 taças.
Obrigado pela supertaça.
Obrigado pelas presenças nas eliminatórias das Champions
Obrigado por teres sido a única cara a defender os interesses do Porto na praça pública, a defender os jogadores, a criticar as estruturas da Liga, a criticar os jornalistas que nos atacaram.
Volta sempre!
Esperemos que o treinador que ai vem seja capaz de ganhar os mesmos títulos e conseguir contentar a plateia.

Anónimo disse...

Uma correcção ao que diz Jesualdo Ferreira: ele não foi o primeiro treinador a estar no clube 4 anos seguidos. José Maria Pedroto, que no total foi técnico do FCP durante 9 anos, teve um período de 4 anos de 1976 a 1980.

Anónimo disse...

Ellis,

1º Isto não é um forum;

2º Ninguém aqui pensa que representa seja o que for a não ser a sua pessoa;

3º Se não gosta está no seu óbvio direito, mas também não se sinta constrangido a ler-nos.

nelson barbosa disse...

Se o professor Jesualdo lêsse este blog, o que gostaria de lhe dizer,era: "Muito obrigado. Onde quer que vá continuar a sua actividade, serei seu adepto, excepto se jogar contra o Porto. Com a idade e experiência que possui, sabe bem que não existe gratidão no futebol, mas eu lamento que assim seja". Oxalá o próximo treinador do FCP, consiga resultados idênticos ao professor Jesualdo.
Saudações portistas
Continuo a confiar na sabedoria do presidente. Nestes últimos 28 anos, acertou na esmagadora maioria dos casos, mas não é infalível, tenho por isso algum receio. Também foi ele que contratou, Quinito, Octávio, Del Néri, Couceiro, Fernandez, com os resultados que se conhecem.

Rui disse...

Pelos títulos ganhos e pela defesa que sempre fez do FCP, mesmo quando deixado sozinho, só tenho de agradecer ao Jesualdo e desejar-lhe toda a sorte do mundo vá para onde vá.

Sobre a saída dele não me admira, o futebol dele nunca convenceu os adeptos basta ver que este ano perdemos 5mil espectadores no dragão.

Vamos ver se o próximo consegue ganhar e apresentar um futebol mais consistente e bonito.

Unknown disse...

Jesualdo foi exemplar na forma como sempre aguentou como gentleman todas as críticas e todas as perseguições! Acredito que estes testemunhos já estivessem escritos há muito tempo - já tinham vazado estas ideias há quase dois meses - e ainda mais valor se tem de dar ao homem, que apesar de saber do seu destino não deixou de trabalhar seria e honestamente, conseguindo até as melhores exibições e a marcante vitória sober o "benfica 10-11"!
Dificilmente outro teria agido assim. (Dificilmente este facto também será perceptível para os adeptos tipo Ellis e Miguel87...mas, adiante!)
Por isso e pelo mérito que lhe é devido pelos factos incontestáveis de campeonatos e oitavos e quartos da champions; e também por ter rescindido sem pedir o que lhe era devido por mais um ano de contrato só lhe podemos agradecer e desejar tudo de bom!

Jorge Mota disse...

Belos comunicados

Eu gostei

De salientar q nO FCPORTO em 1º lugar tratamos com dignidade quem sempre nos soube servir, para depois,e so depois,comunicar quem sera seu substituto.

Mui digno de todas as partes

BENHA O NOVO MISTER

Jorge Mota disse...

Meia dúzia de andorinhas virtuais pensam que representam o universo Portista

olha me este

RESPECT

Anónimo disse...

Alexandre Burmester -

Não percebeu o que disse, estava a referir-me ao fórum mencionado pelo "DR. Estranho Amor" no post das 20:07.
É óbvio que só frequento e leio o que quero, por isso sou leitor frequente do Reflexão Portista, foi um mal entendido.

Replica disse...

Até que enfim este homem foi para
outras pastagens, não tinha caracteristicas Portistas.

Metz disse...

Para não repetir o que já foi dito, escrevi no meu Facebook algo muito parecido com a opinião do Miguel Magalhães!

Sempre fui um critico das opções/embirrações mas reconheço o mérito do que ele fez no Porto e da forma como Nos defendeu qdo mais ng deu a cara!

Marece todo o meu respeito e gostava q tivesse ficado com outro cargo pois tem valores que podiam ser úteis.

Força Porto! Agora vamos ver quem se segue...

Anónimo disse...

Caro PEdro,

o que disse ao Alexandre Burmester, penso que também se aplica a si.
Partindo do pressuposto que pensou estava a falar deste espaço.
Mais uma vez refiro que fiz menção ao fórum que o Dr. Estranho Amor trouxe à baila.
Um sítio que não é de livre troca de opinião e que é de facto contaminado por meia dúzia de andorinhas virtuais que pensam representar o universo Portista.
Concerteza que mesmo nesse espaço que não cresce por causa das andorinhas, haverá algumas pessoas de valor, que mereceriam algum tempo perdido a ler o que pensam e escrevem.
Mas podem sempre pular para outros sítios, como este, penso eu de que ;)

miguel87 disse...

liverpool 4 - porto 1
arsenal 4 - porto 0
arsenal 5 - porto 0
futebol paupérrimo, finais de taça e supertaça perdidas, derrotas por 3 com benfica e sporting!

Tirando isto não vejo sinceramente o que Jesualdo tenha feito de excepcional que outros não tenham feito no lugar dele nos últimos 30 anos!

ESTÁ UM BELO DIA PARA COMEMORAR O 23º ANIVERSÁRIO DE VIENA!

Azulantas disse...

Ao Jesualdo desejo-lhe tudo de bom e agradeço tudo o que nos ajudou a conquistar.

Ao Presidente do FC Porto pergunto: Então necessitamos de alterar o modelo do nosso futebol e o Jesualdo ia para Director Técnico? Isso não é um paradoxo?

(Obviamente que foram palavras de circunstancia - a do Director Técnico - para suavizar a saída do prof. mestre)

Agora vou ser controverso: Eu não quero André Villas-Boas a treinador do Porto porque o André Villas-Boas é um rapaz novinho, cheio de energia e motivação, mas não tem ainda estaleca para um clube como o Porto. Se o Domingos - que é o Domingos e que já levou o Braga à Champions - não serve, o Andrézito também não.

Venha um treinador brasileiro ou argentino.

Anónimo disse...

OK, caro Ellis, tudo esclarecido. Creio que sei a que forum se refere: aquilo é muma espécie de seita.

Anónimo disse...

Correcção: "uma espécie de seita"

Daniel Gonçalves disse...

Miguel 87: as goleadas que levamos em Inglaterra também as podíamos ter apanhado com outro treinador, lembro que antes da saida de Co Adrianse o Porto fez 2 jogos no Torneio de Amesterdão, penso que com o Manchester United e o Inter, ora perdemos os 2 jogos por 3-0 se não me engano, ou seja, a tal delirante táctica atacante do holandês que prejudicava o sistema defensivo mostrou o que valia: atacar à toa e sofrer golos, e isto em jogos não oficiais. Com Adrianse provavelmente teriamos perdido em Inglaterra por 6 ou 7 e não por 4 ou 5. Este facto não justifica ou desculpa as derrotas de Jesualdo em Inglaterra mas permite avaliar melhor as últimas temporadas.

Anónimo disse...

hmocc,

Pegando nas tuas palavras, que tal o Scolari ou o Maradona? : -))

Abraço

Carrela disse...

Obrigado Professor!
Tivesses feito metade no clube do regime e eras idolatrado em Portugal...
Custa-me ver tantos Portistas sempre a "queimar" o Jesualdo, cometeu erros? certamente... como TODOS. Qts conquistam os títulos que ele conquistou em 4 épocas? Poucos!! o Homem teve sempre de lidar com imensas adversidades, mas nada disso conta. Ganhar este campeonato era dificil tal o número de contrariedades... Mais uma vez, Obrigado Professor!!

Azulantas disse...

Alexandre,

Acredita que se fossem opção ao AVB seriam, a meu ver, preferíveis.

No entanto, penso que existem bastantes mais opcções de treinadores que cojuguem curriculo com ambição e categoria suficientes para reformular o modelo de futebol do FC Porto tornado-a equipa mais competitiva e dotando-a de um futebol mais atractivo "na passada".