segunda-feira, 7 de junho de 2010

Wait and see


«Conhecendo o projecto e olhando para os nomes escolhidos manifesto a minha confiança no projecto do Dr. Fernando Gomes. (...)
Tem excelentes relações com a comunidade empresarial onde é respeitado, bem como com os organismos que regulam o futebol no plano nacional e internacional. (...)
O Dr. Fernando Gomes é também o garante de um relacionamento cordial, educado e civilizado com todos os agentes desportivos bem como com as autarquias e Governo.»
Hermínio Loureiro, no seu blogue


«É um homem [Fernando Gomes] de clube, de SAD. Para liderar a Liga, tem a vantagem de nunca ter estado, no F. C. Porto, no futebol profissional. É um homem da administração, do marketing, e vai, de certeza, fazer um bom trabalho. Mais do que organizar campeonatos e discutir disciplina e arbitragem, o futebol precisa de dinheiro e, nessa área, que ele bem conhece, vai ter êxito. (...)
O novo presidente vai ter êxito na vertente económica-financeira. É uma pessoa com experiência, que tem ideias e que está bem relacionado com aqueles que têm a ver com essas áreas e com os que detêm o poder de ajudar nessas matérias.»
Valentim Loureiro, no JN


O ex-presidente da Direcção e o ex-presidente da Assembleia Geral da Liga não têm, propriamente, a mesma visão do fenómeno futebolístico e muito menos do desempenho da Liga nos últimos quatro anos, mas ambos tecem rasgados elogios ao Dr. Fernando Gomes.

Sabendo dos anti-corpos que tudo o que "cheire" a Futebol Clube do Porto gera na sociedade portuguesa, confesso que tanta unanimidade, de diferentes quadrantes, em torno de uma pessoa que até Janeiro deste ano foi vice-presidente do FC Porto e Administrador da FCP SAD me surpreende. Mas, se bem me lembro, há quatro anos atrás também Hermínio Loureiro teve o apoio de quase todos os clubes e depois foi o que se viu.

P.S. Fernando Gomes foi hoje eleito com 38 votos a favor e três abstenções, num acto eleitoral no qual não participaram FC Porto, Sp. Braga, Nacional da Madeira e Carregado.

9 comentários:

HULK 11M disse...

Tudo muito estranho... só nos resta mesmo "esperar para ver"....

Anónimo disse...

Hum! Estranho a não-participação do Carregado! Que estará por trás disso?

Anónimo disse...

Estranho é pouco. Já vi alguns filmes com o mesmo guião.
Wait and see é ser anjinho.

Como já muitos haviam sido com o leitãozinho do psd.

Está aí uma nova frente de ataque.

É o bridge e o pereira team com as insignias de campeão.

Vale tudo!

paulop disse...

Esperar para ver o quê ?
“Hermínio Loureiro deixou uma marca que só não é reconhecida por quem não fala com dirigentes e pessoal desta casa. Estamos gratos"
Quem fala assim não é gago, pertence sim à mesma "corja", como é que um sujeito até há pouco tempo era admistrador da SAD, está agradecido ao ignóbil do herminio.
Cada vez me convenço mais, que o sujeito já devia ter abandonado a SAD há muito tempo. Pensava eu há tempos que ele era o sucessor natural do PRESIDENTE, como engano tanto a julgar as pessoas, o que me parece é que ele é um grande pedante sedento de poder nem que para isso tenha que vender a alma ao diabo. Podem dizer muita coisaa favor do sujeito, mas uma coisa que nunca jamais lhe desculpo, o ele estar agradecido ao taberneiro.
VIVA O FUTEBOL CLUBE DO PORTO

Luís Carvalho disse...

De facto, tanta e tanta gente que andava enganada sobre este Dr.Fernando Gomes...

Nightwish disse...

Com esses apoios, só pode ser para suspeitar.

José Correia disse...

"Estamos aqui por um movimento de apoio que surgiu à volta da candidatura de Fernando Gomes e da nossa parte vamos apoiar um homem cuja preocupação é a preservação do futebol como espectáculo. Falo como benfiquista: sei o que estamos a fazer. (...) A nossa instituição vai apoiar Fernando Gomes. Penso que os benfiquistas têm confiança nas minhas decisões."
Luís Filipe Vieira, 22/04/2010

José Correia disse...

"Para o futebol continuar a evoluir, precisava de uma lógica um pouco mais de negócio do que de política. A Liga tem caminhado nesse sentido, mas é preciso alguém que se interesse pelo negócio e que tenha uma visão equidistante em relação a todos os clubes. É uma oportunidade que temos para dar as mãos e para um futuro melhor e mais sustentável."
José Eduardo Bettencourt, 22/04/2010

navegante disse...

Uma visão equidistante, senhor Bettencourt? Isso quer dizer que o anterior não tinha?
Também me parecia, pesem os elogios do recém empossado.
Espero que o relacionamento cordial e civilizado, que lhe vê o ex, não seja um clone do dele. Tomou inqualificáveis atitudes de desconsideração, com um dos filiados, o Futebol Clube do Porto. E pior que isso, nunca se explicou. Mas afinal, já o deviamos conhecer de outras guerras...