domingo, 19 de setembro de 2010

Operação no 'Elefante Branco'

São conhecidas diversas estórias envolvendo árbitros internacionais de visita a Lisboa. Ora, precisamente na semana em que o árbitro russo Aleksei Nikolaev cometeu um erro capital, ao perdoar um penalty claro de Luisão sobre um avançado do Hapoel (com o resultado ainda em 0-0), uma operação da PSP no 'Elefante Branco' (entre as 23h00 de quinta-feira e as 05h00 de sexta-feira), que contou com a colaboração do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, deteve quatro pessoas e procedeu à identificação de 79.

Não sei se nesta conhecida casa de diversão nocturna ainda trabalha alguma das "funcionárias" louras e bonitinhas de que António Boronha falou no seu blogue mas, pelo sim pelo não, ainda bem que esta operação da PSP não foi realizada na terça-feira à noite...

Foto: Correio da Manhã

3 comentários:

Ah pois disse...

Não é por nada mas isto é pura especulação. Isto é um exemplo típico das armas usadas pelos lamps: a calúnia e a acusação velada. A única diferença é que esta não é anónima.

Nightwish disse...

Por alguma razão o sr xistra vai dormir descansado hoje...

José Correia disse...

@Ah pois
Há muitos anos que se contam estórias envolvendo árbitros e o clube de diversão nocturna 'Elefante Branco'.
O ex-árbitro internacional inglês Howard King e o ex-presidente do Farense e ex-vice-presidente da FPF António Boronha vieram a público denunciar situações concretas, com datas e nomes.
Que eu saiba, ninguém do SLB, ou alguma das pessoas envolvidas, desmentiram ou colocaram os autores das denúncias em Tribunal por difamação.