segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Volta Ricardo Costa!

«Hulk faz de tudo um pouco e faz quase sempre tudo bem. A glória do brasileiro é a desgraça dos adversários. Elderson nem sabe o que lhe aconteceu e Domingos foi obrigado a retirá-lo do jogo, tantas foram as vezes que Hulk passou por ele. E que jogada foi a do golo do empate! Fez uma diabrura a Elderson, ultrapassou-o em velocidade e cruzou para a cabeça de Varela. Tudo rápido, tudo dentro dos limites. Antes já tinha rematado à barra, continuando o festival com jogadas em que colocou a defesa do Braga à beira de um ataque de nervos e Elderson a gritar por um Xanax.»
in O JOGO


«O "Incrível" mostrou um novo super-poder. Depois do pontapé mortífero e da velocidade supersónica, Hulk apresentou ao mundo o drible criador: inventa espaço onde ele não existe. Foi-lhe bastante útil esta noite, para se livrar de Elderson no lance que viria a resultar no golo de Varela. Antes disso até parecia algo confuso nas ideias, mas foi sol de pouca dura. O que dizer da segunda parte? Fulminante a fazer o segundo tento portista (o quarto no campeonato), já depois de ter assinalado a melhor jogada individual do desafio, que não deu golo por acaso.»
in Maisfutebol


«O avançado brasileiro começou na esquerda mas foi na direita que deslumbrou. Disparou à barra, ofereceu o golo a Silvestre Varela, passou por todos e obrigou Felipe a grande defesa. Tudo isto antes de marcar.»
in DN


«Quando se tem Hulk em grande forma, como é o caso, quando se tem um jogador capaz de deixar os adversários à beira de um ataque de nervos, tudo é possível.»
Norberto Lopes, JN


«Hulk faz simplesmente a diferença. Os adeptos portistas bem que lhe devem a distância que o FC Porto leva no topo da tabela classificativa.»
Manuel Mendes, PÚBLICO


«fora-de-série é Hulk, o homem que dinamitou a defesa bracarense e que a temporada passada foi retirado ao jogo da forma que se sabe»
Bernardo Ribeiro, Record


«O Hulk foi fundamental na recuperação. A jogada do primeiro golo é quase toda dele e acontece numa altura em que a equipa tinha dificuldades para entrar na área. Acho que dificilmente o FC Porto teria dado a volta a este jogo sem o Hulk, pois se tivesse chegado ao intervalo a perder teria sido muito difícil chegar à vitória. Fala-se em "Hulkodependência" no FC Porto e a verdade é que, neste jogo, deu essa sensação. Mas ele faz parte da equipa e com jogadores como ele, capazes de desequilibrar a qualquer momento, tudo se torna mais fácil
João Vieira Pinto, O JOGO

----------

Rendidos às evidências, mais uma vez, a comunicação social foi unânime a considerar Hulk a estrela maior, a figura do jogo, o melhor em campo.

4 golos em 3 jogos para o campeonato e mais 3 golos num jogo para a Liga Europa, a que se juntam assistências, arrancadas fulminantes, livres e remates perigosos. É este o manancial que Hulk tem oferecido neste início de época, jogo após jogo.

Não admira, portanto, que os nossos adversários recorram a todos os meios para o tentar afastar dos jogos. Há dois anos atrás foi violentamente atingido num Estrela Amadora x FC Porto e na época passada foi condenado a uma suspensão de 23 jogos (!), que cumpriu parcialmente.

Eles, os anti-portistas, sabem muito bem de onde vem perigo e quais os jogadores do FC Porto que é preciso arrumar. Foi assim com o Deco (lembram-se do caso da chuteira entre ele e o Paraty?), foi assim com o McCarthy (lembram-se dos sumaríssimos?) e agora o alvo é o Hulk.

E cada vez são menos as pessoas que têm dúvidas acerca do enorme impacto que a suspensão do Hulk teve no campeonato passado. Por isso, sem túneis armadilhados e não havendo Ricardo Costa (agora escreve no Record), não me admirava que numa das próximas jornadas aparecesse um caceteiro qualquer a mandar Hulk para o estaleiro durante umas semanas. Tudo isto, claro, misturado com umas lágrimas de crocodilo e com a complacência de quem tem obrigação de punir duramente as entradas violentas.

É preciso travar Hulk, custe o que custar!
Volta Ricardo Costa!

22 comentários:

Mefistófeles disse...

Nem sabia que essa besta agora escreve no "Rascord" mas que faz sentido, faz.

Para quando está agendada a cerimónia de entrega da águia d'ouro a esse lorpa ? Que saudades que ele deixou naquelas hostes...

De facto, ele sabia muito bem o que estava a fazer quando castigou o Hulk.

pois disse...

Meu caro:

"E cada vez são menos as pessoas que têm dúvidas acerca do enorme impacto que a suspensão do Hulk teve no campeonato passado. Por isso, sem túneis armadilhados e não havendo Ricardo Costa (agora escreve no Record), não me admirava que numa das próximas jornadas aparecesse um caceteiro qualquer a mandar Hulk para o estaleiro durante umas semanas."

Este é efectivamente o meu grande receio.

Saudações Portistas

José Correia disse...

«O FC Porto continua a não conhecer outro resultado senão a vitória desde que o Incrível regressou à competição, em Março último, após o castigo imposto pela Comissão Disciplinar da Liga. São 16 vitórias consecutivas em partidas oficiais nas variadas competições, 14 das quais com o brasileiro (falhou o Genk e o Rio Ave, já esta época, por motivos pessoais) em campo. (…) nesses 14 jogos, o FC Porto marcou 41 golos - quase três por partida - e Hulk assinou directamente 10 e indirectamente, através de assistências, nove, com Falcao a ser o principal beneficiário. Portanto, Hulk participou activamente em 19 golos, quase metade da produção da equipa desde o jogo no Restelo, que marcou o seu regresso à competição.»
Carlos Gouveia, O JOGO, 13/09/2010

José Correia disse...

«Contra o Braga, Hulk voltou a ser considerado, por O JOGO, o melhor em campo, como já tinha acontecido em mais sete vezes nos outros 13 jogos em que participou desde o castigo.»
Carlos Gouveia, O JOGO, 13/09/2010

Steve Bracotelli disse...

E no jogo de hoje, já leram o comentário de Jorge Maia?
Faz pensar no que será que aconteceu ao processo de intenções do FC Porto de processar até às ultimas consequências a LPFF e o CD da Liga.
Cada vez mais se vêem opiniões a questionar a importância de Hulk quqanto ao que o FC Porto alcançaria com a presença dele em todos os jogos do campeonato passado e qual seria o resultado final quanto às posições pontuais do final do campeonato. Vários comentadores, que mesmo sem quererem, dão razão e motivos para o FC Porto acreditar que ganhará um eventual processo indemnizatório.
Espero que as palavras de Pinto da Costa aquando da entrevista com Judite de Sousa não tenham sido mais uma vez "palavras leves" já levadas pelo vento.

Gostava também de saber se seria uma reacção fria e distante e nada abespinhada da comunicação social se tivessem de dar uma noticia do género;
FC Porto reúne-se de emergência para discutir as arbitragens.

Steve Bracotelli disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
victor sousa disse...

Já voltou a "frase". Agora, estes aditos de meia tigela, viram-se para o Hulk. Já chiam de "Hulkdependencia", logo eles, que tiveram essa droga de Canelas...

Mas é uma raça que não engana! São aqueles seres rastejantes, intriguistas, medíocres e falsos, sempre prontos a uma qualquer vigarice, que a Universidade nos mostra à evidência. Quem os não conhece?
Depois aparecem a escrever em jornais...

David disse...

Se alguém está à espera de processos por causa da suspensão do Hulk pode esperar sentado. Primeiro porque os regulamentos da FIFA, aos quais os organismos e clubes do futebol português têm de aderir, não permitem que este tipo de questões seja levado pelos clubes para os tribunais comuns, e segundo porque, se fosse para haver algum processo da parte do FCP há muito que se saberia disso.

Mera conversa para boi dormir, infelizmente. Aliás ouviu-se o mesmo paleio a propósito do Apito Final e até agora, nada. Bem que podíamos evitar estas tiradas inconsequentes à moda do Vieira.

David disse...

Mas também não exageremos: claro que o Hulk nos fez imensa falta, mas não podemos pretender que com ele a jogar teríamos sido campeões. Eu duvido mesmo muito.

Todos sabemos dos túneis e excelentes arbitragens de que o SLB beneficiou na época passada e que nos prejudicaram a nós, mas conviria não esquecer que não ficámos em 2º lugar mas sim em 3º e que nos arrastámos em campo uma boa parte da época. Aliás, por alguma razão o Jesualdo foi dispensado quando ainda tinha mais um ano de contrato.

Seria interessante não termos um comportamento semelhante ao dos benfiquistas e assumirmos que não jogámos para ser campeões na época passada. Com ajudas ou sem eals, os gajos foram-nos bem superiores.

Pedro disse...

na época passada (pelo menos antes da suspensão), ele teve algo inconsistente e ineficiente, ha' que dizê-lo.

este ano ta' soberbo. desiquilibrador, bem a decidir na hora de passar ou de rematar, melhor com o pe' direito, etc.

meirelesportuense disse...

A evidência extrema dada agora ao Hulk tem uma outra leitura possível:-Querer retirar brilho ao resto da equipa -aliás já o JVPinto enveredou por esse caminho- dando toda a evidência ao desempenho individual de um ou outro e desdenhando da capacidade colectiva do FCP para poder resolver os seus problemas...Não sei o que o João Pinto pensa do que acontecia no tempo do Eusébio e dele próprio...
-Por isso diziam no ano passado que o Hulk até entravava o jogo do Porto -o cineasta ainda perfilha desse ponto de vista- e que agora o Porto ganha, porque tem o Hulk em excelente forma, embora "muito individualista"...Como vêm o resultado que pretendem atingir e o objectivo é sempre o mesmo, desdenhar das vitórias do FCPorto e já vão pondo -para memória futura- em banho-maria "os excessos" do Hulk....

Mefistófeles disse...

David disse. "Seria interessante não termos um comportamento semelhante ao dos benfiquistas e assumirmos que não jogámos para ser campeões na época passada. Com ajudas ou sem elas, os gajos foram-nos bem superiores."

Que foram superiores é um facto, não custa nada reconhecer. Mas que tiveram ajudas ( e fortes ) de todos os quadrantes, também é um facto. Aliás, o que se passou nos bastidores foi uma vergonha. Como foram vergonhosas inúmeras arbitragens em que para os jogadores lampiões valia tudo menos tirar olhos, com a complacência dos árbitros. Já para não falar de mergulhos, simulações, etc e tal.O SLB tinha que ser campeão, forçosamente, a época passada.Aos argumentos futebolísticos juntaram toda uma série de truques, esteve à vista de todos.

Como seria se tivesse sido ao contrário ? Caía o Carmo e a Trindade, concerteza. O Barbas e sus muchachos deviam erguer barricadas na 2ª circular, e o assunto seria discutido no Parlamento...

Hugo Duarte disse...

Caros amigos Portistas

Passo aqui de vez em quando, mas hj q se fala tanto em arbitragens e roubalheiras ali pros lados da lixeira da luz, deixo-vos 1 pérola que acho magnifica!!

Não é mais nem menos que a análise feita ao jogo Guimaraes-slb feita pela benfica tv...aqui fica o video:

http://videos.sapo.pt/tn5c6BDI7WmZGMMiLpHq

Afinal onde está a roubalheira??

PS: Se por acaso o video for retirado, aos interessados, enviarei o video com o maior prazer!

Cumprimentos a todos !!!

Steve Bracotelli disse...

Não sei se interessa a alguém mas como há uns tempos atrás isto foi muito falado por causa de um idiota vermelho num pseudo programa desportivo e depois muitos pediam links que mostrassem algo que pudesse servir para contrariar o tal vermelhusco, aqui fica.

maniche disse...

«fora-de-série é Hulk, o homem que dinamitou a defesa bracarense e que a temporada passada foi retirado ao jogo da forma que se sabe»
Bernardo Ribeiro, Record

Ó Sr. Correia, isto é mesmo verdade? Foi escrito no Record? O Mundo deve estar para acabar...

José Correia disse...

@maniche
Pode ler aqui

José Correia disse...

@David
A época passada houve um conjunto de factores, internos e externos, que contribuíram para que o FC Porto não fosse campeão.
Entre os factores externos, a suspensão ilegal do Hulk foi um dos mais importantes.

maniche disse...

Meu caro Sr. Correia, não estava a pôr em causa o que escreveu, ou transcreveu. Longe de mim tal ideia. Não estou é habituado a tais deferências por parte daquelas gentes. De qualquer modo,obrigado pelo envio da "confirmação".

maniche disse...

Só o cineasta-paineleiro do Trio de Ataque é que acha que o Porto joga melhor sem o Hulk.Mas é só para não reconhecer que, com ele, a música é outra. Mas é triste ver que há portistas que não se coíbem de atribuir mérito à vitória no campeonato ao Benfica, sem colocar nenhum ênfase nos castigos ao Hulk e ao Sapunaru. Agora estão a constatar que, na verdade, tudo podia ter sido diferente. Ou pensaram que os R. Costa actuaram sem prévia avaliação das consequências? Agora, como as coisas mudaram, o Benfica vai dar um murro na mesa, e já há a chantagem de os adeptos não comparecerem nos jogos fora de casa. Antigamente diziam DEIXEM JOGAR O MANTORRAS; agora vão gritar DEIXEM GANHAR O BENFICA. E que tal, em vez de darem um murro na mesa, darem um pontapé no traseiro do treinador. Se o Vilas Boas ou o Paulo Sérgio, ou o Domingos, ou outro qualquer treinador perdesse 4 jogos em 5 disputados oficialmente (já nem incluo a Eusébio Cup), onde é que já iam? O que faltará para reconhecerem a CRISE?

Nuno Ferreira disse...

à atenção dos portistas: vejam este video curioso do assessor do slb a propósito do roubo de igreja na final da taça da liga com o scp (http://www.youtube.com/watch?v=sWA8GvPesYI&feature=related). penso que seria um bom video para o rui moreira fazer passar no trio de ataque já que neste programa passam com facilidade videos panfletários ao velho estilo estalinista (passem-lhe a palavra que não tenho o email dele).

meirelesportuense disse...

Hugo:
-Gostei, aquela do Cardoso ter de rematar e marcar de qualquer maneira -não é justo que o amarelo lhe seja dado- é a sua obrigação -não percebe senhor árbitro?-, tá muito boa, tá jeitosa...E depois -"na dúvida o árbitro "num" deve marcar qualquer falta ao Benfica".- também está razoável como raciocínio benfi.canhestro...
-Mas e esta(?), os gajos falam à BiJeu.Carágo...Intõm oz gajoz n'um xõm alfaxinhas?...Que dois Marretas, se fôr assim, não quero um CanalFCPorto!...

Jorge Mota disse...

Com HULK,como nao??!!