terça-feira, 21 de junho de 2011

Já há fumo branco!

O site oficial anunciou já o nome do novo treinador do F.C.Porto: o até agora treinador-adjunto Vítor Pereira.

35 comentários:

reine margot disse...

Já há fumo branco: - Habemos Papa!
(- Com ou sem espírito santo?)
Para já na foto só bom petisco!

Ah pois disse...

Vitor Pereira, futuro campeão europeu. Vai derrotar o André Libras Boas na meia final :P

nobigdeal disse...

estou a ouvir a conferência de imprensa na net.
muito bem trabalhado pelo FCPORTO, no mesmo dia em que sai o vb é apresentado o "novo" treinador. mensagem clara para quem pudesse estar a pensar que ia ser o "salve-se quem puder".

Marco Morais disse...

Boa aposta! a maior das sortes para Vítor Pereira!

Pedro Reis disse...

É difícil ter uma opinião informada e bem formada sobre o Vitor Pereira. Vamos ter que aguardar para ver como trabalha e então aí estaremos aptos a dar uma opinião.

De qualquer forma é naturalmente uma escolha que envolve algum risco (provavelmente mais do que a escolha do AVB o ano passado), mas a verdade é que as melhores alternativas estavam tapadas.

Em termos desta decisão do PdC acho que fundamentalmente, ele quis dizer primeiro ao AVB que o nº2 dele também serve ao FCP e ao "mercado" que o futuro está sempre salvaguardado e que é rápido a decidir. Mais tarde avaliaremos esta estratégia.

Agora temos que dar condições e tranquilidade ao VP para ele desenvolver, sem fantasmas, o seu trabalho.

Silver(io) disse...

O Reflexão Portista só não fez manchete porque não quis.....com antecedência aqui neste espaço foi apresentada a solução que a Sad tinha previsto há cerca de um mês!Especularam como se tratasse dum clube de bairro ou de uma qualquer circular..
Eis:

BATCdC disse...
Se se confirmar a saída do Villas-Boas...
Claude Puel

20 de Junho de 2011 18:39

Silver(io) disse...
Se Vitor Pereira e Zé Mário,não acompanharem o Villas,podemos estar descansados,pois muito do trabalho e dos exitos da epoca transacta passaram e muito por eles e sem tirar mérito ao "cenoura"(a confirmar,só discordo do timing)vejo que com um ex jogador com peso específico a equipe técnica está encontrada e reforçada com a promoção do treinador campeão dos sub 19 Rui Pedro Gomes.Como diz o "palito" no twitter " somos PORTO"

20 de Junho de 2011 18:44

Mefistófeles disse...
"O espirito do FC Porto dos ultimos 30 anos foi ele que o criou e esse espirito Villas-Boas acaba de cuspir nele."

Miguel Pereira disse...

Acho que é a aposta mais certeira que o Pinto da Costa podia fazer.

É um homem da casa, conhece á perfeição o plantel e a estrutura, comunga dos ideais futebolisticos e sobretudo, é daqui. O que significa conhecimento da liga, da realidade social e das expectativas dos adeptos. Não implica uma adaptação de um estrangeiro nem um choque emocional com um nome menos consensual como poderiam ser Paulo Bento, Queiroz ou Peseiro.

Tenho muita expectativa para ver como corre, se a direcção controlar as fugas de plantel sinto-me optimista para o próximo ano.

Ole sus cojones senhor Pinto da Costa!

abraço

Jorge disse...

O anuncio foi rapido mas a decisao foi ponderada desde ha algum tempo. E assim que funciona o Porto.

Boa sorte para o novo treinador do Porto e em vez de gastarmos energias a mal-dizer o AVB que faz parte da historia do Porto comecemos a acumular energiaas para apoiar a nova equipa tanto nas fases boas como nas mas.

Pedro disse...

É uma aposta de grande risco. À maioria dos portistas o nome de Vitor Pereira diz pouco, e o seu trajecto não é relevante.

Já Paulo Bento e Rui Faria teriam, por razões diferentes, um capital de confiança maior.

Mas sendo de risco apresenta várias vantagens, trabalhou de perto com AVB na melhor época do clube, conhece bem a casa, tem uma boa relação com os jogadores, e é adepto do nosso tradicional 4-3-3.

Mas mais importante do que tudo isto... é segurar os jogadores. Se perdermos Falcao e Moutinho... dificilmente seremos competitivos na Champions e dificilmente revalidaremos o tirulo. Moutinho então... é insubstituivel. Os 2 ao mesmo tempo... é morte do artista.

Nightwish disse...

Depois de me enganar sobre o treinador o ano passado, este ano já não opino.
Siga a festa que é S João...

Nelson Machado ℗ disse...

Gostei da apresentação de Vítor Pereira, tirando o pormenor de no inicio ter falado na 3ª pessoa.
É o passa lógico depois de já na época passada, aquando da formação da equipa técnica ter sido dito que numa eventual saída de libras-boas seria ele um bom substituto.
Gostei também de saber que, Pinto da Costa, sempre atento e com experiência larga do mundo de futebol, já tinha há um mês atrás achado estranho que libras-boas tenha ido passar um fim de semana a Inglaterra.

E pelo que li num jornal inglês ele já tinha tido conversas com o Chelsea pois estes queriam contrata-lo para adjunto(que na verdade seriam os dois técnicos principais) de Hiddink, que ele recusou e afirmou só aceitar mudar-se para lá como técnico principal.

José Correia disse...

Percurso de Vítor Pereira:
2011/12 FC Porto (treinador principal)
2010/11 FC Porto (treinador-adjunto)
2009/10 Santa Clara
2008/09 Santa Clara
2007/08 FC Porto (sub-15)
2006/07 Sp. Espinho
2005/06 Sp. Espinho
2004/05 Sanjoanense
2004/05 FC Porto (sub-15)
2003/04 FC Porto (sub-15)
2002/03 Padroense (sub-15)

Pedro Reis disse...

Já agora um grande aplauso para as palavras de PdC sobre AVB. Foi pragmático, justo e não mostrou qualquer ressentimento. É assim mesmo, espero que os adeptos que tanto gostam do nosso Presidente lhe sigam o exemplo e não insultem o AVB, um treinador que em apenas um ano devolveu a confiança à equipa, trouxe resultados e títulos fantásticos e ainda deixou de saída 15M nos cofres portistas e muitos jogadores valorizados. Obrigado AVB.

Pedro Reis disse...

Aliás façam um exercício simples: comparem o FCP há 1 ano atrás antes de chegar AVB e agora depois dele sair. A situação é incomparavelmente melhor!

Silver(io) disse...

Um dos grandes senão o maior "xito" do Presidente JNLPC:vende o "adjunto"por 15 Kilos e fica com o treinador principal!
Quem acompanha os treinos diáriamente compreende a razão porque o PC,atempadamente separou a equipe técnica por ele construída.O ex jogador de referência do clube,sempre presente,no caso Pedro Emanuel,recebeu um "convite"atempado para ser nº1 na Académica onde vai tirocinar e para se aquilatar da sua capacidade e o Chelsea recebe a equipe técnica que há 1 epoca estava a treinar a AA de Coimbra,com o olheiro,incluído.É OBRA!Abramovich para DRAGÃO DE OURO,JÁ!

Alexandre Burmester disse...

Pedro Reis.

Pinto da Costa é um homem suficientemente grande para não fazer figuras tristes em público (do estilo "maçãs podres") e para se não mostrar despeitado, mesmo que possa está-lo.

Daniel Gonçalves disse...

Estive ausente estas últimas horas e não acompanhei o assunto, portanto tenho uma dúvida: Vítor Pereira é para ser um substituto interino (à semelhança do que aconteceu em 2006 com Rui Barros após a saída do Co Adrianse) até ser contratado o novo treinador ou é para ser mesmo treinador principal para a próxima temporada?
Pois esta decisão só se compreende num cenário (e num cenário unicamente): se a equipa se mantiver, se os jogadores - exceptuando o Fernando, que já deu sinal de querer sair - permanecerem na próxima temporada. Porque sem Moutinho, sem Falcão, sem Hulk estou a ver muitas dificuldades para um inexperiente montar uma equipa do zero.

Daniel Gonçalves disse...

Esta solução - a confirmar-se como técnico principal como vi agora na TV - é não só a mais surpreendente, mas também a mais barata, foi uma solução avarenta. Vítor Pereira não tem experiência, como treinador principal, na I Liga e, factor importantíssimo, não tem experiência internacional, convêm não esquecer que o FC Porto vai disputar a Supertaça Europeia com o Barça e entrar no pote 1 da Champions.
O último adjunto que promovemos a técnico principal foi o Octávio Machado, de tão má memória.
Mas vendo as coisas pelo lado positivo, para o ano estaremos a debater o mesmo problema, quando uma "potência" futebolística vier cá bater a cláusula de rescisão do Vítor Pereira, deixando o FC Porto novamente sem mais um "fora de série".

Jorge Mota disse...

Gosto

Era o meu feeling

CHAAAAAAAAARRRRRRRGGGGGGGGGGGEEEEE

Amphy disse...

Caros,

Concordo 100% com a aposta do nosso Presidente. Apesar de gostar de Paulo Bento (também seria manhoso virar as costas à selecção - imaginem que depois não se conseguia o apuramento - estava feito).

Qualquer treinador teria os seus riscos e julgo que assim, não se irá comprometer o fio condutor que foi delineado para esta equipa. Provavelmente não irá haver aquela coisa de novo sistema, novos processos, metodologias, novos jogadores talismã que vêm, etc...

Como todos concordamos que este ciclo não se encerrou com a época passada, assim acho importante uma política de continuidade.

Muito bem jogado e com o encaixe feito já só será necessário a venda de mais um activo ao contrário dos dois habituais.

Claro que era melhor ter continuado o AVB, mas sendo necessário reagir parece-me boa solução.

AVB irá ter sempre associados a si os recordes que conseguiu, mas perdeu uma oportunidade de ser associado a um ciclo completo do FCP. Algo que daqui a 20 anos permita dizer "o ciclo de AVB". Não deverá acontecer.

Toda a sorte e apoio ao novo treinador principal!

Bem hajam.

paulop disse...

Só falta a entrevista de JORGE NUNO DE LIMA PINTO DA COSTA no PORTO CANAL no dia 1 de Julho.
Grande escolha do treinador, VP vai ganhar, SOMOS PORTO O NOSSO DESTINO É VENCER.

VIVA O FUTEBOL CLUBE DO PORTO

@A.Burmester à procura de fantasmas?

maria do céu disse...

Não sou portista, nem de nenhum club dos chamados grandes.No entanto admiro o F.C.P. pela sua grandeza, pelo seu presidente pela garra dos seus adeptos. André V. Boas não mereceu os elogios,os abraços,as alegrias dos portistas que viram nele um herói,quando conquistou o campeonato,a Liga Europa, a Super Taça e a Taça de Portugal. Pensei que fosse mais humilde, mais agarrado à cadeira e ao club.No entanto a formação moral deste Sr.não resistiu ás libras e tal cão que não conhece o dono, sem frontalidade e honestidade abandonou os Dragões em silêncio deixando um rasto de de desonrra peara quem lhe deu a mão e um club para reinar. Não lhe desejo sucessos mas sim que pague tudo a dobrar e quanto mais se quer subir mais alta é a queda!

melhores cumprimentos

Daniel Gonçalves disse...

Se perdemos o Pedro Emanuel como adjunto e agora o Vítor Pereira é promovido a técnico principal precisamos de 2 novos adjuntos. Falou-se no Capucho para o lugar do Pedro Emanuel, mas ainda falta alguém para o lugar do Vítor.
Só espero que o novo coach do Chelsea não venha cá buscar o Moutinho, o Falcão, o Hulk, o Álvaro Pereira, o Guarin, porque aí sim era o descalabro.
Para finalizar espero que brevemente alguma tragédia fatal aconteça ao Roman Abramovich, aqui hà uns anos surgiram rumores de que foi alvo de tentativas de assassínio por membros da Máfia Russa ou ex-elementos do KGB - o que explicava a segurança em volta dele -, porque caso contrário continuaremos a sofrer "ataques" ao nosso plantel e à nossa estrututa futebolística por parte desse empreiteiro do petróleo.

Amphy disse...

Quer se queira quer não o modelo de negócio do FCP precisa destes negócios com os empreiteiros do petróleo ou de outra coisa qualquer. É inevitável. E é normal que quem vem às compras queira levar os melhores.

Se não houvessem estes endinheirados teríamos mais dificuldades em fazer o capital que necessitamos, por exemplo, com os tesos do Milan ou da Juventus.

Aí, em vez de serem vendidos dois por ano, teriam de ser 4 ou 5. Não parece pior?

Mário Faria disse...

Um adjunto é umn adjunto e "apaga-se" em benefício do chefe. Vítor Pereira assumiu esse posicionamento.
Agora, vai ter de liderar o balneário e ser capaz de gerir os conflitos e as expectativas no seio do grupo. E, pô-los a jogar, a correr e a ganhar, apesar da sangria que possa ocorrer. Fico expectante.

Fernando B. disse...

É curioso que já existe uma Brigada entre nós Portistas, para defender AVB... é um País estranho este em que há sempre gente para dizer bem, e sempre gente para dizer mal...usando os mesmos factos e às vezes os mesmos argumentos. Já na politica é assim, com blogs que continuam a endeusar Sócrates, e outros que quase pedem forca.
Meus amigos, Vitor Pereira tem tanta ou mais experiencia que Guardiola quando chegou à 1ª equipe do Barça. Quanto ao André Libras Boas, portou-se como um garoto, e eu até penso que ele estava mais obcecado por copiar o percurso do Mourinho, do que pelas libras... é que se o Mou sai do RM, e não demorarrá mais que 1 ou 2 anos, regressa a Inglaterra, e se calhar iria para o Chelsea..."ó meu deus que não consigo fazer o que ele fez... que se lixe o FCP, vou mas é jáááááááá" assim pensou AVB.

miguel87 disse...

um pormenor que neste caso diz muito: Vítor Pereira "desceu" o degrau de treinador principal para adjunto no inicio da época passada e foi escolhido por Pinto da Costa para a equipa técnica do ex-treinador!

miguel_canada disse...

Concordo 100% com a escolha de Pinto da Costa.
O Libras Boas...obrigadinho por tudo e puta que te pariu que eu no teu lugar, e Portista como sou, nunca teria tido os tomates para semelhante afronta ao clube pelo qual se diz apaixonado. Mas isso sou eu. Um gajo que tem alguma moral e brio profissional.
Libras Boas não é futebolista! A sua carreira nao dura 10 anos! Libras Boas é treinador e tem apenas 33 anos. Se é realmente bom e se tudo que conquistou foi com real mérito, sair este ano ou para o ano que vem seria a mesmíssima coisa com uma diferença... não teria enfiado um pontapé nos tomates ao seu amado clube.
Acima de tudo não respeitou o tremendo esforço que o seu amado clube fez para manter os seus principais jogadores com renovações de contratos e aquisição de remanescentes de direitos desportivos para que tivesse ao seu dispor tudo aquilo que desejava.
Digam o que quiserem mas nunca me passou pela cabeça que o Libras Boas fosse menino para fazer uma coisa destas ao seu amado clube.

Jorge Mota disse...

Mto bem Maria do Ceu e Fernando B..e Miguel 87 entre tantos

Para o ano vao entrar 18Kilos na Sad!

Maria Da Fonte disse...

Como disse ontem o NGP resolve ,e resolveu.
100% com o NGP
PORTO PORTO PORTO

Pedro Reis disse...

Alexandre,
O PdC esteve bem. Mas nem sempre é assim e por isso destaquei as suas palavras. As bicadas constantes e para mim desnecessárias no Benfica por exemplo mostram que nem sempre ele mantém o equilíbrio emocional. Já para não falar nas "Carolinas"...
:-)

Daniel Gonçalves disse...

Reconheço agora que o meu comentário de ontem às 20:49 foi um pouco injusto e ditado mais pelo coração do que pela cabeça. Sim, é a solução financeiramente mais barata, mais também é inteligente, pois é a solução da continuidade, não envolve o risco do choque emocional do plantel com um novo treinador, os jogadores já conhecem e trabalhavam com o Vítor Pereira, embora esta solução só seja possível no cenário da continuidade do plantel dos mesmos jogadores fulcrais: Hulk, Moutinho, Falcão. Claro que é uma aposta de risco, mas também o era a de André VB na temporada passada. Agora precisa de um bom adjunto.

hulk mocc disse...

Por pontos:

1) Não me entusiasma este treinador. Ou lhe falta carisma ou então ainda não está habituado aos "holofotes".

2) Se apesar de ser apreciado por toda a gente lhe faltar o carisma para contagiar o grupo dou-lhe tanto tempo no lugar quanto tiveram o Octávio, o Quinito e o Fernandez.

3) Mas posso estar enganado, claro - e oxalá esteja - e ser apenas nervos de principiante. Como é "da casa" e tem o apoio do Presidente o mais certo e acabar campeão.

4) Não concordo com os que dizem que não havia melhor opcção e muito menos acredito nesta "estória" de já estar de prevenção há um mês.

5) O valor profissional de VP vai revelar-se ao certo depois do plantel estar definido. Quantas mais saídas e entradas mais difícil será a missão de fazer esquecer AVB.

6) Se a coisa correr bem, isto é, se ganharmos o campeonato e passarmos aos oitavos da Champions a praticar bom futebol, cá voltarei para de novo engolir o meu cepticismo.

7) Mas se infelizmente as coisas resvalarem para cenas típicas dos outonos de 2002 ou 2004 então apenas estaremos a dar a mão aos verdes e vermelhos de Lisboa, e lá acabaremos por ir buscar alguém com mais experiência no Natal. E volto a repetir, oxalá que não aconteça o pior cenário.

Ricardo, RSW disse...

VP não tem o mesmo "estofo" e solida formação que AVB tinha, não é possivel ignorar que AVB trabalhou durante anos ao lado de pessoas como Bobby Robson, Jose Mourinho, e passou por clubes como FC Porto, Chelsea, Inter e nos entretantos tirou os seus cursos nas mais prestigiadas instituições do reino unido..
Sabia falar e sabia exprimir-se.

Pelo que vi de Vitor Pereira, é uma pessoa a quem falta carisma, capacidade de expressão, as suas experiencias reduzem-se a sanjoanense, sporting espinho e santa clara, trabalhou com AVB.

Pouco.

Tem todo o meu apoio como portista, mas falta-me a confiança que sentia ano passado.
Espero estar enganado, sinceramente.

Jorge Mota disse...

Pronto:o treinador do nosso clube e uma porcaria.n valemos a ponta dum corno and so on.

N ha pachorra