domingo, 31 de julho de 2011

Contratações Sub-21


(clicar no quadro para o ampliar)


Desde há algumas épocas para cá, e com particular ênfase nos últimos 13 meses, a FC Porto SAD tem feito uma grande aposta na contratação de jogadores Sub-21. Se os dados que constam do quadro anterior não estiverem errados, só neste período mais recente estamos a falar de oito jogadores e de um investimento de quase 50 milhões de euros!

Analisando o quadro completo, contata-se que, em termos de “contratações sub-21”, a mira da SAD está direccionada para o mercado brasileiro. De facto, a vantagem de jogadores nascidos no Brasil é esmagadora, numa lista de 21 jogadores onde não há um único europeu (excepto os portugueses).

Fazendo uma análise desportivo-financeira ao desempenho dos 10 primeiros jogadores desta lista (aqueles que já não estão vinculados ao FC Porto), eu diria que o balanço é muito positivo, o que valida, de algum modo, a aposta em jogadores jovens de elevado potencial.

Como curiosidade, verifica-se que a época 2004/05 foi aquela onde houve mais “contratações sub-21”, seguida da época actual.

Nota: Agradeço a ajuda dos leitores do ‘Reflexão Portista’ na indicação de nomes em falta e na correcção de eventuais erros que possam existir no quadro apresentado.

5 comentários:

João Saraiva disse...

Há aqui várias realidades que convém distinguir:

- Equipa B

Em parte do período aqui referido existia a equipa B, sendo que o Bruno Gama e o Thiago Silva foram contratados precisamente para ela, pelo que incluindo-os nesta lista teríamos de incluir outros nomes como Gonzalo Marronkle, Cleberson, Joel N'Gako, Evaldo, André Vilas Boas, Marcos António, Ferreira, Elias e mais uma carrada deles que eram sub-21 à data da contratação para a equipa B. Alguns ainda chegaram a dar uma perninha na equipa principal.

À data - 2004/2005 - falava-se 1,5M pelo Thiago Silva e 1,7M pelo Joel N'Gako.


- Equipa Principal

Além destes que vieram para a equipa B, temos neste período, para a equipa principal, o Bruno Moraes, Ákos Buzsáky, Leandro Bomfim, Rentería, Edgar, Leandro Lima (este não o era, mas quando o contratámos pensávamos que era), Rabiola, Addy, e mais algum que possa estar a escapar.

- Após equipa B

Depois temos jogadores contratados após o final da equipa B e que foram jogar para os juniores e/ou rodar, como o Diogo Viana, Christian, Yero, Abdoulaye, Kadu, Guido Dal Sacon, Rafael, Engin, Enoch Ebo, Mikel Agu, Baldé, Samir Badr, Engin, Rafa, Rody, Jakubov, Maicon, Katalin, Ramón Arcas, Zhang Chiming, e por aí fora.

Dragaoatento disse...

Começamos mal! Assim não dá...!

Jogo de preparação - Lyon 2 FC Porto 1
Que desilusão Vítor Pereira ! Ainda bem que não foi a doer, mas a jogarmos assim não vamos longe.
Até parece ter-mos voltado ao tempo do Jesualdo, em que a equipa jogava bem no meio campo mas era completamente inofensiva no capítulo da finalização! Os remates mais parecem passes ao guarda-redes adversário!
Começo por discordar, em parte, com o critério utilizado para os jogadores escalados para este jogo. Era um jogo de preparação e por muito em baixo de forma que o Walter esteja é na ausência de: Falcao, Guarin e James, o melhor rematador do Plantel em termos de potência e precisão.
Outra situação menos boa é a falta de capacidade de choque que se verifica na equipa. O futebol não é para senhoras, e na Europa pratica-se um futebol muito físico.

Nota-se na equipa a falta de espontaneidade, potência e precisão no capítulo de remate. Mais, sem o Guarin na equipa não há quem remate de meia distância!
Constatação: zero % no aproveitamento dos lances de bola parada. Então nos pontapés de canto não conseguimos nem sequer assustar a defesa adversária! Enfim muitos aspectos a trabalhar e a rever.
Insisto, no capítulo da finalização a equipa, está neste momento, muito atrasada.
Quanto ao Fernando deixem-no ir embora, neste momento só estorva!

FC Porto sempre!

José Correia disse...

João Saraiva disse...
Há aqui várias realidades que convém distinguir (...) Em parte do período aqui referido existia a equipa B

Tens razão. É preciso definir um critério e parece-me que o mais lógico será o de excluir desta análise/lista os jogadores que foram contratados para a equipa B.

José Correia disse...

João Saraiva disse...
temos neste período, para a equipa principal, o Bruno Moraes, Ákos Buzsáky, Leandro Bomfim, Rentería, Edgar, Leandro Lima (este não o era, mas quando o contratámos pensávamos que era), Rabiola, Addy, e mais algum que possa estar a escapar

Ena tantos de que não me lembrei.
Dos "fracos" (contratações) que correram mal, tendemos a esquecer mais depressa.

Irei confirmar as idades destes jogadores à data em que foram contratados pelo FC Porto e acrescentá-los à lista.

José Correia disse...

João Saraiva disse...
Depois temos jogadores contratados após o final da equipa B e que foram jogar para os juniores e/ou rodar

Seguindo o mesmo critério adoptado para os jogadores que foram contratados para a equipa B, também não irei considerar estes.