segunda-feira, 26 de março de 2012

Irritações

Coisas que me irritaram neste jogo:

1) O resultado, claro

2) A dogmática defesa à zona nos cantos. É inconcebível que o jogador mais perigoso do Paços tenha sido deixado completamente à vontade no lance do golo, principalmente quando era o único adversário perto da baliza; 4 ou 5 jogadores do FCP estavam a marcar... uma mão cheia de ar.

3) A forma desapressada com que o FCP atacava, a partir do 1-1. Isso é «comer a relva»?

4) A manutenção de Lucho em campo até ao fim, estando estourado. Temos uma «vaca sagrada»?

5) Em geral a forma física miserável de muitos jogadores, quando o calendário tem sido menos carregado do que em anos anteriores

6) A saída de Janko sem o jogo estar resolvido. Podia vir dar a jeito para o chuveirinho final, caso o Paços empatasse... como empatou

7) O cartão amarelo a Hulk. Eu até consigo - com muito boa vontade... - imaginar que o árbitro considerou a carga de Cássio sobre Hulk como legal, mas mesmo que o fosse... simulação por cair ao ser albarroado??

10 comentários:

Duarte disse...

"Temos uma «vaca sagrada»?"

Não, temos duas. O Rolando é a outra.

TNT disse...

tb nao entendo o rolando à muito tempo!!!!

G. disse...

O Rolando - uma vez mais - ficou a vê-las passar no golo do Paços. Vê-se perfeitamente no início da repetição que era ele o mais próximo do Melgarejo e que o deixa escapar, conforme já tinha feito no golo da Académica. Mas a vaca sagrada principal é mesmo o Vítor Pereira...

InVicturioso disse...

a "vaca sagrada" pura e simplesmente não foi substituída porque não tinha substituto no banco!!! o plantel do Porto tem 4 médios, 3 entraram em campo e o quarto (Fernando) entrou para substituir Defour.

Quanto ao amarelo ao Hulk, foi claramente para compensar o amarelo mal mostrado ao jogador do Paços ainda na primeira parte.

Franco Baresi disse...

O responsável pela marcação ao avançado do Paços que marcou o golo era... Lucho Gonzalez! Com efeito, era ele que estava à frente do avançado. O Rolando estava atrás, nunca poderia impedir o cabeceamento.
Já agora, Lucho Gonzalez nem saltou...

João Saraiva disse...

Falta na lista o canto a ganhar tempo quando o resultado estava 1-0.

The Best Man... disse...

Só não concordo com o albarroado quando devia ser abalroado...
Cumprimentos...

André disse...

Definitivamente Lucho é uma vaca sagrada no nosso plantel, desde que chegou poucas ou nenhuma vez foi substituído. Claramente que ao intervalo teria de ter sido ele a sair pois de alguns jogos para cá está com um rendimento muito baixo e em termos físicos aguenta muito pouco tempo. Isto sem querer beliscar a categoria do jogador e tudo o que já nos proporcionou, mas neste momento precisamos de ganhar os jogos e não estar para agradecimentos pelo passado.
Quanto a Rolando o problema já vem desde o ano passado em que muitas vezes falhava mas parece que nunca era nada com ele( recordo-me que alguém aqui no Reflexão fez um post acerca desta curiosidade). Otamendi pode não ser o melhor central do mundo mas está uns furos acima de Rolando.

miguel_canada disse...

A mim irritou-me estarmos a defender o 1-0 a partir dos 55/60 minutos, a falta de visão do Pereira que não vê o Lucho de rastos (mais uma vez) e as duas ultimas substituições, uma foi uma anormalidade a outra pecou por demasiadamente tardia.
Vamos de facto acabar o campeonato em luta com o benfica...por um lugarzinho na champion's já que cada vez me convenço mais de que este ano o Braga limpa esta liga.

Nuno de Campos disse...

Miguel Lopes, Nuno André Coelho, Ukra e Hélder Barbosa, todos jovens jogadores portugueses com passado no FC Porto (ainda ligado o Ukra) que ontem contribuíram para a vitória do Braga sobre a Académica. Na bancada estava Alan.

Meia equipa do agora líder do campeonato que poderia muito bem jogar no nosso clube, por uma ínfima fracção do preço dos jogadores que se vão arrastando pelo Dragão, ou nem isso.