quinta-feira, 23 de agosto de 2012

O Porto está na moda

(Pintura sobre tela em acrílico, de Manuel Couto)


A cidade do Porto foi eleita o melhor destino europeu de 2012, distinção atribuída pelo European Consumers Choice, após uma votação no site European Best Destination (mais de 212 mil votantes).

O Porto foi finalista no Prémio de Melhor Cidade, nos Design Awards 2012, promovidos pela Wall Paper Magazine.

O Porto foi indicado pela Lonely Planet, para muitos a "Bíblia" dos viajantes, como um dos Top 10 best value destinations for 2012.

O site Aol Travel elegeu a Francesinha como uma das 10 melhores sanduíches do mundo.

A Pousada do Freixo foi um dos 15 hotéis europeus recomendados pela revista Condé Nast Traveller, na categoria Affordable chic.

A estação de São Bento foi considerada, pela Travel and Leisure, uma das estações mais belas do Mundo.

A livraria Lello foi classificada como a 3ª mais bela do Mundo, pela Lonely Planet.

O café Majestic foi escolhido como um dos 10 mais bonitos do Mundo, pelo Ucity Guide.

E há ainda a Torre dos Clérigos (projectada por Nasoni), a Sé Catedral, a Igreja de São Francisco, o Palácio da Bolsa (com o seu fantástico salão Árabe), o museu e jardins de Serralves, a Casa da Música (projecto de Rem Koolhaas para a Porto Capital Europeia da Cultura 2001), o Mercado do Bolhão (apesar do actual estado de degradação), a mercearia 'A Pérola do Bolhão' (com a sua fachada em Arte Nova), o café Guarany, a zona histórica, a muralha Fernandina, a Casa do Infante, a Ribeira, a ponte D. Maria, a ponte D. Luís (desenhada por Teófilo Seyrig, discípulo de Eiffel), as caves do Vinho do Porto (do outro lado do rio, em Vila Nova de Gaia), os cruzeiros das 5 pontes no rio Douro, a Foz, o Parque da cidade, etc., etc.

E, claro, há o Estádio do Dragão, o qual merece ser visitado, mesmo quando não há jogos de futebol.

Mas no próximo sábado à noite até há jogo, um FC Porto x Vitória Guimarães, o qual tem o aliciante extra de poder ser o último em que Hulk (o jogador mais marcante do futebol português nas últimas quatro épocas) irá envergar a camisola azul-e-branca.

Agosto, mês tradicional de férias, uma boa altura para os não-portuenses visitarem a Antiga, Mui Nobre, Sempre Leal e Invicta cidade do Porto.


13 comentários:

Saci Pererê disse...

Obrigado pelas sugestões há muitos anos que nao vou passear ao Porto, aliás fui ao Dragão e vim-me embora das ultimas duas vezes por razoes profissionais, mas este ano lá pro mês de Outubro conto ir.

ℙΣ₦₮∀ ➀➈➆➄℠ disse...

@ José Correia

excelente! cartaz de visita e de promoção à nossa cidade do coração, car@go!

abr@ço
Miguel | Tomo II

Silva Pereira disse...

Boa noite,

acrescentaria o Areporto Pedras Rubras como um dos eficientes, o painel de azulejos da Igreja em St Catarina, as tripas (pelo mrnos já fui 3 vezes abordadp por turistas), enfim tudo isto e muito mais como as festas S Jooaninas que fazem com que os portuenses adorem a sua cidade.
Já agora quando temos alguma coisa maior e melhor os centralistas a pressam-se a roubar.
A última para que a UP não seja a maior do país estão a preparar o casamento das 2 da capital.


Parabéns

D.Pedro disse...

Adoro o Norte e particularmente a minha cidade "PORTOGAIA".

D.Pedro disse...

E é preciso defender o Aeroporto Sá Carneiro na privatização da ANA.
Pois o aeroporto é importantissimo para o desenvolvimento de toda a Região e crescimento economico da mesma a ver se saímos desta pobreza franciscana e há mais emprego.
Mas a autonomia de gestão daquela infraestrutura é decisiva.

D.Pedro disse...

E a Noite do Porto no centro da cidade para os mais novos é um espectaculo...

O2T disse...

Actualização: são 6 pontes (Arrábida, Luís I, Infante, Maria Pia, S. João e Freixo).

E os jardins do Palácio de Cristal... e o Molhe... Casa de Chá e Piscinas de Leça, Mosteiro Leça do Balio etc etc, Igrejas Carmo, Carmelitas, Lapa, etc etc...

D.Pedro disse...

.../...Certo, isso sim, é que os candidatos às eleições autárquicas dos partidos da coligação no poder vão ver-se gregos para explicar que uma coisa é o Governo e outra é a Câmara Municipal. Em especial nos municípios em que também exercem o poder autárquico coligados.

Esta realidade parece-me muito evidente no distrito do Porto, onde o desemprego cresce acima da média nacional pelos 20,7%, segundo os dados do próprio Instituto de Emprego e Formação Profissional. E se olharmos este agravamento do desemprego mais de perto, ou seja, concelho a concelho, o problema apresenta faces piores: 34,1% em Matosinhos, 32,4% em Penafiel, 28,9 % em Paços de Ferreira, 28,6% na Maia, 27,6% em Paredes ou 26,7% em Lousada.

Por muitas contas que possam ser feitas sobre o desemprego refletidas algures fora destes municípios de origem, a verdade é que os autarcas do distrito e da Área Metropolitana do Porto vão levar com a crise às costas. Em especial aqueles cujos concelhos sofrem do efeito cumulativo das percentagens de crescimento do desemprego jovem, como os 76,2 % registados em Matosinhos, ou os 50,7 % em Penafiel ou ainda os 45,2% na Maia.In JN
-

Para quem duvida que o Norte é das regiões da europa em situação mais calamitosa sobretudo a nivel de desemprego e pobreza aí estão os numeros do IEFP.
A Regionalização ou pelo a Descentralização efectiva do nosso país poderia atenuar isso mas os "interesses" situados na Capital têm bloqueado sempre isso.
(por lapso tinha publicado no post anterior)

Ricardo Melo disse...

Depois de ver quais eram as outras 9 "sanduíches" que compilam o Top 10, só me apetece dizer que a Francesinha deixa as restantes a litros e litros de molho de distância!!! :)

José Eduardo Costa disse...

..sugiro apenas uma visita à Leitaria da Quinta do Paço para um Eclair bem melhor que um pastel de Belém...

José Correia disse...

O2T disse...
Actualização: são 6 pontes (Arrábida, Luís I, Infante, Maria Pia, S. João e Freixo)

Sim, mas no cruzeiros das 6 pontes, o trajeto dos barcos fica longe da ponte do Freixo (daí eu ter-lhe chamado o cruzeiro das 5 pontes).

José Correia disse...

José Eduardo Costa disse...
sugiro apenas uma visita à Leitaria da Quinta do Paço para um Eclair bem melhor que um pastel de Belém...

Gostos não se discutem, mas falta ao Porto um doce/pastel com a mesma marca (e marketing) dos pasteis de Belém.

José Eduardo Costa disse...

Pois é isso mesmo que estamos a fazer, estamos no Porto desde 1920, somos do Porto e apaixonados pelo clube!