segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Expectativa para Zagreb


Sem o presidente Pinto da Costa, a recuperar de uma operação ao coração, a comitiva portista viajou esta manhã para Zagreb para a primeira jornada do Grupo A da Champions.
(…)
A lista de convocados para o encontro em Zagreb é a seguinte: Guarda-redes: Helton e Fabiano. Defesas: Danilo, Maicon, Mangala, Miguel Lopes, Alex Sandro e Otamendi. Médios: Lucho González, Castro, João Moutinho e Defour. Avançados: Iturbe, Jackson Martínez, James Rodríguez, Kléber, Varela, Atsu e Kelvin.
Ojogo, 17/09/2012

Este será o primeiro jogo da era pós-Hulk. Esperamos que, agora, James Rodríguez se afirme como o novo esteio do ataque do FC Porto e que o promissor Atsu continue o seu processo evolutivo. Esperamos também que, finalmente, VP se decida a apostar em Iturbe, que foi um investimento considerável da SAD e que, apesar das boas indicações que tem dado, não tem tido oportunidades para se afirmar na equipa.

O jogo de estreia na Liga dos Campeões, em casa do Dínamo de Zagreb, o outsider do Grupo A, será muito importante para as aspirações do FC Porto nesta competição. É uma incógnita o FC Porto que teremos na Croácia. Será aquela equipa com lenta circulação de bola e futebol mastigado que vimos na final da Supertaça e na 1ª jornada da Liga ou a que acelerou o jogo e resolveu cedo contra o V. Guimarães?

15 comentários:

José Rodrigues disse...

Espero acima de tudo que entremos em campo de forma forte nao “vendo como param as modas”, na expectativa, como se viu tantas vezes no ultimo ano.

Isso seria meio-caminho andado para um resultado insatisfatorio, e este Dinamo nao merece demasiado respeito, nem pouco mais ou menos.

Este jogo e’ para dar o litro desde o apito inicial e ir para cima deles. Depois de marcar o primeiro ai’ sim, ja’ podem levantar um bocadinho o pe’ do acelerador.

Nao haja ilusoes: e’ o primeiro jogo e e’ fora mas um empate seria um MAU resultado, porque estou convencido q uma das duas outras equipas (ou ambas) vao ganhar em Zagreb.

The Blue Factory of Dreams disse...

é um jogo com as características ideais para conquistar 3 pontos e arrancar bem.

o adversário é muito inferior ao q já foi em décadas anteriores, os adeptos estão em guerra com a direção, o plantel é geralmente fraco e perderam o melhor jogador.

são fracos demais e não vai existir um ambiente muito adverso.


só não digo com forte convicção que ganhamos 0-3 porque lembro.me de quem é o nosso pseudo.treinador e de algumas anterices...

RBN disse...

Queria saber porque os meus comentários deixaram de ser publicados neste blog.

Já escrevo aqui há pelo menos 2 anos e nunca faltei ao respeito com ninguém.

Escrevo em quase todos os blogs portistas.

Já por 3 vezes comentei posts este mês e nenhum deles foi publicado.

Agradecia uma explicação plausível.

Obrigado

José Correia disse...

Caro RBN, estamos (co-autores do 'Reflexão Portista') a fazer um esforço para evitar publicar comentários que nada tenham a ver com o tema do artigo em questão.
Por vezes não é fácil, mas estamos a fazer o melhor possível.
Abraço

RBN disse...

Caro José Correa, leio e comento neste blog há muito tempo, e sempre procurei comentar o assunto em questão, mas por vezes um off-topic serve para enriquecer a conversa ou alertar um blog sobre um facto ainda não publicado.

Por exemplo, ontem o orca baleia assassina, joão gordobern, provocou pela 2ª vez neste mês de setembro o Miguel Guedes, e pela 2ª vez neste mês de setembro, o nosso comentador no trio d'ataque não respondeu à altura ao chucha de vulcão.

Sem mencionar que o nosso comentador é quase sempre interrompido no seu raciocinio pelo apresentador, e pelos outros dois na bancada, enquanto que os outros 2 da bancada falam o tempo que querem sem serem interrompidos.

Mas se desejam que se comente apenas o artigo, que assim seja.

Sobre o assunto deste post, já comentei no anterior que não queria invenções à Jesualdo em Zagreb e que VP ponha os melhores no 11 inicial.

D.Pedro disse...

ÒSr. JoseCorreia a cronica do MST "Dois dias na minha cidade" de hoje esta fantastica.

É pedir muito para a colocaram aqui para leitura?

Nightwish disse...

Acho que o devia insultar como quiser, mas estar a gozá-lo por ser gordo é algo que normalmente passa aos 10 anos de idade.

Vítor Hugo disse...

Não encontro este jogo do FCP em nenhuma grelha de programação... vai haver emissão?

Vítor Hugo disse...

Parece que vai dar na TVI, apesar de esta o anunciar como GNK x FCP!...

Anónimo disse...

Anseio pela explosão do iturbe. tem de ser agora. mas vai-nos fazer muita falta do Hulk que para além de ser genial ainda por cima tinha experiência e Fernando mais ou menos pelas mesmas razões. Espero rasgos de magia de Moutinho e/ou James. caso contrário não vamos lá.

Cumps,
Juca Tenerife

Carrela disse...

O pseudo treinador de que fala é o campeão nacional!!!

Há coisas do diabo...

João Manuel Couto disse...

Espero que este ano a UEFA Champions League não nos corra como o ano passado, visto que este ano temos mais craques na equipa e que nos ajudem a sonhar cada vez mais alto e a honrar o nosso clube. Hoje claro que o pensamento é ganhar e garantir os 3 pontos.

RBN disse...

Chamo-lhe gordobern porque gosto do trocadilho, mas também podia chamá-lo bola 6, ou mealheiro porquinho, ou popota, ou o que viesse por acréscimo a respeito da sua flatulencia, e sabes por que?

Primeiro porque não gosto do adiposo comentador lampião, que foi despedido por justa causa ao comemorar o golo do seu clube num programa da rtp onde a isenção e a imparcialidade eram mais do que obrigatórios.

Além disso, é amiguinho do lampião carlos daniel, e está no trio d'ataque justamente por causa disto, e não duvido nada que os dois tramaram o dr julio machado vaz, que embora seja benfiquista, é um gentleman no real sentido da palavra, para alem de um fairplay nunca visto num lampião em nenhum programa de tv até os dias de hoje.

Por isso, eu com 50 anos continuarei a chamá-lo orca a baleia assassina.Mas só a ele.

Nightwish disse...

A questão não é essa, é usar a palavra gordo e derivados como insulto que é um problema, pois implica que ser gordo é um enorme defeito, mas, embora cause problemas de saúde, é algo que acontece. Até pode acontecer por problemas médicos.
É como chamar atrasado mental a um político, o subtexto implica que os retardados mentais são menos pessoas e merecem menos respeito quando quem merece menor nível de respeito é a pessoa a quem atacamos.

Alexandre Burmester disse...

Caro Nightwish,

Não sei, nem me interessa, se você é gordo, magro, alto ou baixo. Mas bolas! Nós não estamos na América! Deixemo-nos de pseudo-moralismos politicamente correctos e de policiamento do pensamento alheio!