sábado, 15 de setembro de 2012

O castigo mínimo que A Bola já sabia

I. «O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol deve castigar Luisão, hoje, por um período mínimo de dois meses, no âmbito do processo disciplinar instaurado com caráter de urgência após o incidente entre o capitão do Benfica e o árbitro Christian Fischer, no particular entre os encarnados e o Fortuna Dusseldorf, a 11 de agosto, na Alemanha.
A BOLA sabe que a infração do defesa de 31 anos é referida na nota de culpa como agressão, embora sem provocar lesão de especial gravidade. O enquadramento do regulamento disciplinar da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, que se aplica neste caso, determina suspensão de dois meses a dois anos, tudo indicando que os conselheiros terão em conta atenuantes favoráveis a Luisão.»
in abola.pt, 14-09-2012


II. «A Secção não profissional do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, reunida esta sexta-feira, dia 14 de Setembro, considerou procedente a acusação deduzida contra o jogador arguido, Anderson Luís da Silva e, em consequência, aplicou-lhe a sanção de suspensão por dois meses e, acessoriamente, a sanção de multa de 25 UC (2.550,00 €), pela prática da infracção prevista e punida pelo artigo 145º, nº 1, alínea b), do Regulamento Disciplinar das Competições Organizadas pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional (cujo teor se anexa em baixo).
Tal como expressamente solicitado pela FIFA, esta decisão vai ser remetida para o organismo que tutela o Futebol Mundial.»
in www.fpf.pt

O Conselho de Disciplina da FPF reuniu ontem (sexta-feira) mas, conforme se comprova pela capa do jornal desse dia, A Bola já conhecia qual ia ser a decisão na... véspera.


III. «Artigo 145.º - Agressões
1. São punidas nos termos das alíneas seguintes as agressões praticadas pelos jogadores contra os membros dos órgãos da estrutura desportiva, elementos da equipa de arbitragem, observadores, delegados da Liga, dirigentes ou delegados ao jogo de outros clubes, agentes de segurança pública, e treinadores:
a. No caso de agressão que determine lesão de especial gravidade, com a sanção de suspensão a fixar entre o mínimo de três meses e o máximo de três anos e, acessoriamente, com a sanção de multa de montante a fixar entre o mínimo de 50 UC e o máximo de 250 UC;
b. Noutros casos de agressão, com a sanção de suspensão a fixar entre o mínimo de dois meses e o máximo de dois anos e, acessoriamente, com a sanção de multa de montante a fixar entre o mínimo de 25 UC e o máximo de 125 UC.»
in www.fpf.pt

Cumprindo com o seu "dever patriótico", o Conselho de Disciplina da FPF determinou que quer a suspensão, quer a multa para o jogador do slb, deveriam ser os mínimos que os regulamentos prevêem.


IV. «Tal como em cima da hora BnA prognosticou, Luisão foi castigado com dois meses de suspensão. Escapou, por isso, entre os pingos da chuva a um castigo que podia ser mais pesado. Não é todos os dias que se manda um árbitro para o hospital...
O jogador e o Benfica só podem estar satisfeitos e se recorrerem para o Conselho de Justiça apenas vão perder tempo. Vale pelo show-off.
Tendo em conta o que aconteceu, esta é uma pena sensacional.
O capitão pode regressar a tempo dos jogos com FC Porto e Sporting. Mais nada!»
Eugénio Queirós, record.pt, 14 setembro de 2012 | 14:41


Tal como A Bola, o Reflexão Portista também tem as suas fontes. Deste modo, estamos em condições de informar que, aparentemente, a Secção não profissional do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol terá levado em conta o "comportamento exemplar" de Luisão, dentro e fora dos relvados. Assim sendo, o capitão dos encarnados terá beneficiado de diversas atenuantes, entre as quais se destaca o seu comportamento e fair play nos seguintes jogos:


Nota: Os destaques no texto a negrito são da minha responsabilidade.

15 comentários:

OAutor disse...

Ainda falta a cotovelada do luisão ao Guarin:

http://www.youtube.com/watch?v=SA4Zqde-HjM

É sem duvida um jogador de fair play!!!

Continuamos a viver num país que quando se diz uma mentira muitas vezes, ela torna-se verdade!!!

Já agora gostava de ver o que disse o senhor Herculano Lima sobre esta caso, provavelmente disse que luisão estava indignado e por isso era livre de poder "matar" o arbitro, e como o jogador apenas deu um encontrão deveria até receber uma condecoração!!!

Abraço

JOSE LIMA disse...

Caro amigo
Só umas achegas
1 – Eu tinha dúvidas sobre a decisão ter sido “baseada” no Regulamento Disciplinar da Liga, que “apenas” analisa “factos passados em competições da sua responsabilidade”. O facto de ter sido decidido pelo CD da FPF “por delegação da FIFA”, responde à minha dúvida. Deduzo que, nestes casos, a FIFA aceite os Regulamentos de cada país.
2 – O CD não solicitou à FIFA a extensão do castigo ás competições internacionais, como o poderia ter feito (artigo 136 nº 1 do Regulamento Disciplinar da FIFA).
4 – A FIFA poderá “estender” a sanção, ás competições internacionais, “mesmo que as Federações não o tenham solicitado” (Artigo 136 nº 4), como aconteceu, por exemplo, com o recente caso do treinador da Juventus António Conte.
5 – Um eventual recurso por parte do Benfica para o CJ da FPF, não terá efeitos suspensivos e, se a FIFA não gostar da brincadeira, poderá avocar o processo e aplicar uma sanção maior ao jogador.
Abraço

José Correia disse...

Ainda falta a cotovelada do luisão ao Guarin

Já acrescentei.

José Correia disse...

Sim, vai ser interessante verificar como a FIFA reagirá a este castigo.

José Correia disse...

"Uma coisa é este caso, outra é o que ele representa como jogador e enquanto profissional. Para mim, ele [Luisão] continua a merecer os maiores elogios porque é um grande profissional"
Pedro Proença, 15/09/2012

Rui Andrade disse...

O Luísão é um "grande senhor do futebol", como é timbre ser dito! Tão grande que leva tudo à frente. Desde o lance na alemanha que os (ir)responsáveis do clube do atleta, assim como o próprio, proferiram declarações que, em bom português, só serviram para se enterrarem cada vez mais. Como por exemplo, o Luisão dizer algo como "o meu passado como atleta fala por mim". Pois... então cá vai mais um para juntar à festa:
http://www.youtube.com/watch?v=-uRm21VYTLs
O que é curioso observar no castigo é que, ao ter apanhado o tempo minímo, parece, e apesar das imagens provarem os "crimes", que o jogador tem uma folha limpa. Mas sem ter visto todos os lances lembro-me de cabeça que um deu cartão vermelho e o outro um sumarissimo (com consequências, se a memória não me falha). O que me levanta uma questão: em que é que se basearam para lhe terem sancionado com a pena mínima?
Abraços,
Rui Andrade

Antonio Silva disse...

O Pedro Proença sabe que os dentistas em Lisboa são caros...

Jota disse...

Mas pode sempre ir ao Porto, onde provavelmente alguém lhe pagará o servico...

Antonio Silva disse...

Entre o provável e a certeza, inclino-me para a certeza.

Anónimo disse...

http://desporto.publico.pt/noticia.aspx?id=1563290

A não perder no Publico a cronica de Jose Meirim "Ai Jesus!!!...

Anónimo disse...

a casa do benfas tem uma cordo com clínica...

meirelesportuense disse...

Quando falam em "folha limpa" devem estar a referir-se ao facto de ainda não ter matado ninguém, dentro do campo...

Sansoni7 disse...

Olá

Se Luisão foi castigado é porque teve culpa e, de facto, agrediu o árbitro!
A quetão que agora se coloca é:

Como ficam Jorge Jesus e os jogadores do Benfica que se riram do árbitro?

Vergonhosa atitude...no mínimo.
Cumprs
Augusto

Daniel Gonçalves disse...

Estamos a esquecer a agressão do Luisão ao Beluischi, em 2010, quando os benfiquistas, na sua soberba, pensavam conquistar o título no Dragão e perderam por 3-1. Ficamos a jogar com 10 na segunda parte e ainda tivemos o Jesualdo expulso do banco. Beluischi fui agredido com uma cotovelada por este "grande senhor" do futebol de nome Luisão. O nosso argentino vingou-se ao marcar o 3º golo.

Unknown disse...

A altercação com Katsouranis de certeza que também foi tida em consideração...