quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Outra vez o Howard!


«Logo aos 3' ficaram muitas dúvidas no lance entre Hulk e Navarro, com o brasileiro a queixar-se de uma grande penalidade que parece mesmo ter existido. Aos 37' Alexis fez uma gravata a Hulk, mas o inglês perdoou-lhe o segundo amarelo. Só lho mostraria aos 77', depois de mais uma falta sobre o Incrível, que também se queixou de falta no lance dividido com Fazio aos 70'. Antes disso ignorou uma agressão de Perotti a Fucile. Em contrapartida, o inglês não teve quaisquer contemplações em relação a Álvaro Pereira, que viu o vermelho directo por falta sobre Medel.»
Comentário de O JOGO à arbitragem de Howard Webb no FC Porto x Sevilha, disputado em 24/02/2011


FC Porto x FC Schalke 04 (5 Março 2008), Fucile expulso aos 82 minutos; FC Porto eliminado na marcação de grandes penalidades.

FC Porto x Sevilha (24 Fevereiro 2011), Alvaro Pereira expulso aos 72 minutos; FC Porto perdeu por 0-1.

Zenit x FC Porto (28 Setembro 2011), Fucile expulso aos 45 minutos; FC Porto perdeu por 3-1.

O que eu discuto nem é tanto as três expulsões de jogadores portistas nestes três jogos, embora todas elas me tenham parecido rigorosas. O que eu contesto é o critério disciplinar díspar que este ex-sargento da polícia adoptou nesses jogos, sempre em claro prejuízo do FC Porto. Aliás, não me lembro de o FC Porto ter ganho algum dos jogos em que foi arbitrado pelo senhor Webb. Deve ser coincidência... Veremos o que se vai passar no FC Porto x PSG.


P.S. Em contraste com o Howard, o turco que ontem à noite arbitrou o slb x Barcelona foi, em termos disciplinares, bastante simpático para os encarnados. Quando o João Querido Manha (comentador do jogo na TVI) diz coisas como "estava a ver que o Carlos Martins chegava ao fim do jogo sem ver um cartão amarelo" (após o jogador encarnado ter feito a quarta falta em que o justificava), ou "o Matic devia ter visto um cartão vermelho direto" (no lance em que atingiu o Daniel Alves com uma cotovelada na cara e em que o árbitro nem sequer lhe mostrou o cartão amarelo), está quase tudo dito. E isto já para não falar na forma incólume como o Maxi Pereira saiu do lance em que o Busquets foi expulso (porquê?). O slb bem pode agradecer ao senhor Cünet Çakir ter Maxi Pereira, Carlos Martins e, principalmente, Matic para o(s) decisivo(s) jogo(s) contra o Spartak Moscovo.

11 comentários:

r.m.silva da costa disse...

É um árbitro do sistema. Está bem "espaldado" e a nomeação não é inocente. Há que garantir o investimento dos petrodólares...

O Futebol Clube do Porto pode contar que, "in dubio pro...PSG!

Como sempre foi.

Remígio Costa.

Hélder disse...

O que me preocupa, é mesmo o treinador, e não o árbitro...

Anónimo disse...

Meus caros,
Uma estatística para pensar:
Nos últimos 15 posts deste blog, 8 (mais de metade) envolvem ou são sobre os vermelhos.
E a tendência tem sido esta.
Só falta mesmo mudarem o nome do blog...

Pedro M. disse...

exactamente..
se não ganharmos acredito mais em motivos imputáveis ao treinador do que ao árbitro.

p.s. espero que o James hoje esteja nos dias dele

Nightwish disse...

Lembro-me bem, com esta cavalgadura levamos sempre pancada e o adversario e' que marca as faltas. Por algum motivo deve ser.

José Correia disse...

Eu escrevo sobre aquilo que me apetecer (relacionado com o desporto).
Quem não gosta tem bom remédio: vai ler/comentar para outros blogues.

Intrusus disse...

Nao sei se tem alguma coisa a ver, mas aqui por Inglaterra os adeptos dos clubes rivais dizem que o "Howard Webb e o melhor jogador do Man Utd"...

Sera ressabianco pela eliminacao de 2004?! :)

Silva Pereira disse...

Boa tarde,

Esses gajos a comentar são o máximo? Devem pensar que estão a relatar para a rádio.
Sinceramente e sem facciosismos os chifrudos têm uma sorte.
Começando pela arbitragem digna de Bruno Paixão ou Duarte Gomes e não preciso dizer mais nada.
Quanto ao jogo vi um Barcelona perdulário nomeadamente o Messi, vi um Barça a jogar qb e a pensar no jogo com o RM e pasme-se mesmo assim um baile de bola que não me lembro de dominio assim 75%, o FCP na final ST teve 38% e jogou parte do jogo com 10 e os chifrudos até jogaram contra 10. Enfim se o caso fosse com o FCP não faltaria comparações.

E a anedota da noite foi aquele cromo da TVI comentar para o arruaceiro do Máxi que o 5LB tinha começado a dominar na posse de bola, realmente foi verdade até aos 27 segundos do jogo e ainda mais ridiculo a loura comentar que a eficácia do Barcelona foi máxima, deve ter bloqueado aos 6 minutos.
Essa gente não se deve ver ao espelho.
Então o comentário o 5LB nunca sofreu um golo em casa do Barcelona esqueceram- se foi de dizer quando tinha sido o último jogo.
Esperemos pelo jogo em Barcelona

Silva Pereira disse...

Boa tarde,
(continuação)

Mas acham que foi uma coincid~encia esta nomeação?

Então o Sr. Platini - O Mafioso não tem nada a ver com a escolha?

Eu só espero que os jogadores do FCP estejam precavidos, muiti cuidadosos na obordagem aos lances e não protestem.



Anónimo disse...

Calma! Foi só uma observação. É caso para tanto?...

Anónimo disse...

bem respondido, quanto á incomodidade de certos leitores. Não conseguem enganar nem a consci~encia. Deles. Presumindo que a tem...