terça-feira, 15 de Janeiro de 2013

Imagens que valem 1000 palavras...

(o 3º dos foras-de-jogo mal assinalados pelo assistente António Godinho ao ataque do FC Porto na 1ª parte)


(o que estará Jorge Jesus a segredar ao ouvido do árbitro assistente?)


(as reacções imediatas de Fernando e Vítor Pereira ao golpe de karaté de Maxi Pereira sobre João Moutinho)


(o sentido de oportunidade de Pinto da Costa)


(eles dizem que o "lapso" durou apenas 30 segundos, mas os factos provam o contrário)


(a santa aliança entre Vieira e Mário Figueiredo contra o inimigo comum)

18 comentários:

  1. Olá
    Na imagem dos «segredos» entre JJ e o árbitro assistente, pode ver-se as mãos de ambos muito juntas....quiçá demasiado juntas.
    Será que o segredo também passou de forma....escrita?
    Cumprs
    Augusto

    ResponderEliminar
  2. Já agora, quem viu o jogo na Sport TV não reparou que Miguel Prates e Freitas Lobo tiveram sempre dúvidas nos lances do Porto? Até no lance do Maxi, acharam que o amarelo se ajustava. Quanto aos foras de jogo eram sempre difíceis de analisar pelo fiscal de linha porque o jogador estava no limite do fora de jogo.

    ResponderEliminar
  3. Mais imagens aqui
    http://www.oantilampiao.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. O Zé luis do Bancada Portista já tinha alertado antes do jogo, que da equipe de arbitragem fazia parte o Godinho, o tal que era bandeirinha no jogo de Barcelos, último que perdemos...
    Que tal 3 imagens de 3 fora de jogo mal assinalados, e no posicionamento do Cardozo nem reticências...?
    Certas coincidências tem de ser bem explicadas.

    Mas para tal teriam de ser feitas perguntas a sério pelos ditos jornalistas que ficaram tão indignados por não poderem fazer perguntas ao VP...

    ResponderEliminar
  5. Qual OMO, qual quê...
    O Record 'lava ainda mais branco' e o árbitro esteve bem ao não expulsar o 'Emplastro Lampião'...

    É ver para querer, pois contado ninguém acredita:
    http://imgs.vercapas.com/covers/record/record-2013-01-15.jpg

    ResponderEliminar
  6. É incrível ao ponto a que isto chega.
    Temos trafulha desta cá, e só se queixam do Platini.

    ResponderEliminar
  7. Imaginem se fosse o Vítor Pereira...

    ResponderEliminar
  8. Isto não importa nada. Segundo os lampiões o Porto jogou à Moreirense, o Fernando calcou os calos do Enzo e por isso tá tudo equilibrado.

    É literalmente impossível com a imprensa deste pais admitir que o clube do regime é beneficiado.

    ResponderEliminar
  9. Sou do SLBenfica, e vim a este site por mera curiosidade. Desde já admiro a qualidade deste site, nem sei se ha outros identicos nos outros clubes, mas é um site que em vez de insultos directos, difamações totais e provocações, expoe os pontos de vista (em defesa do proprio), de uma forma até imparcial.
    Comentando, sem duvida que realmente o arbrito prejudicou o espetaculo. Não me interessa as tangas de sempre, que quando um arbrito erra muito para um lado, o clube é que é mau e vigarista. Um arbrito faz o que quer e prejudica a imagem de uma instituição com isso.
    Mas é verdade, que pelo menos 2 desses fora de jogos, deveriam ter dado o beneficio da duvida a favor do FCP.
    O Maxi realmente abusa um pouco nas entradas e poderia ter visto o vermelho. Outros pormenores aconteceram como o João Moutinho, mas nao vou alimentar polemicas.
    Acima de tudo foi um bom jogo, com os casos de sempre que o estragam, mas podia ter sido pior. Sendo Benfiquista, os parabens ao FCP pelo bom jogo que fizeram, e que ajudou a um bom espetaculo entre 22 jogadores (excluindo a equipa amarela).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Resumindo, foram espoliados 4 lances de perigo ao FCP, e nem falo da obstrução a Lucho por Jardel.

      3 foras de jogo mal assinalados, o do Defour é uma vergonha! + a carga sobre o mesmo Defour quando este ia a entrar na pequena área pelo animal maxi, nem Amarelo NEM FALTA FOI... 4 lances mamados desta forma!

      O ano passado foi o que foi quando até foram beneficiados.. mas enfim, é a verdade desportiva e a cultura desportiva deste país! Para uns 1 erro contra é demais, para outros 4 contra é pouco!!!

      Eliminar
    2. Olá
      Como portista e frequentador deste blog dou-lhe as boas vindas e convido-o a manter-se por cá e a participar.
      Cumprs
      Augusto

      Eliminar
    3. Caro anónimo, gostaria de saber a sua opinião sobre o tratamento dado pela imprensa a estes lances polémicos e sobre a hipótese de estes terem ocorrido em sentido contrário, isto é, a favor do benfica.

      No ano passado, aquando da vitória do porto na luz, o titulo da capa da bola no dia seguinte ao jogo foi "FORA DE JOGO". Neste ano não vejo nenhuma alusão aos lances polémicos que ocorreram.

      Não pretendo com isto alimentar polémicas sobre arbitragem e sobre a sua influência no jogo, apenas gostava que houvesse um tratamento semelhante para todos os clubes, que parece evidente não acontecer.

      Eliminar
  10. E ninguém achou estranho o homem da chiclete tratar o árbitro na conferência de imprensa por "o João"?

    ResponderEliminar
  11. Sou só eu que reparo que na segunda imagem se vê o Jasus a dar um papel às escondidas ao árbitro ? partilhem essas imagens no facebook, eu ja fiz isso.

    ResponderEliminar
  12. Deixo aqui 3 Link's "úteis" para recordar do binfica x Porto...

    http://youtu.be/2bZkWXqThc0
    http://youtu.be/uHSvfoWeHoo
    http://youtu.be/KmipN6Aia2c

    ResponderEliminar
  13. Caro José Correia veja só esta notícia:
    O líder dos árbitros respondeu ao facto de Pedro Proença ter dito que, afinal, não está de férias
    Vítor Pereira, presidente do Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, não quer alimentar a polémica em torno da não nomeação de Pedro Proença para o clássico de domingo entre o Benfica e o FC Porto.
    "Não troco galhardetes com os meus árbitros na rua", afirmou, em exclusivo ao DN, o líder da arbitragem nacional, deixando ainda mais um recado: "Quando quero falo directamente com os árbitros."
    Refira-se que na edição papel desta quarta-feira do DN, Pedro Proença desmentiu a justificação de Vítor Pereira, segundo a qual o melhor árbitro de 2012 não podia arbitrar o clássico por estar de férias. "Eu estou de facto fora de Portugal, mas por motivos profissionais. E, aliás, se o Conselho de Arbitragem tivesse apostado em mim, eu teria apitado o Benfica-FC Porto", disse.
    .
    E esta hem?!? Não haverá ninguém que retire a este "gangster" a gestão da arbitragem?
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Segundo veio a público na altura, e o próprio Rui Santos referiu/denunciou no seu programa na SIC, uma das condições para Luís Filipe Vieira deixar cair Fernando Seara e apoiar a candidatura de Fernando Gomes à presidência da FPF foi, precisamente, que Vítor Pereira continuasse à frente da arbitragem.

      Eliminar