domingo, 3 de fevereiro de 2013

É disto que o meu povo gosta


Uma exibição a roçar a perfeição e um Mangala e Jackson imperiais, na nossa melhor partida desde os tempos de Villas-Boas.

Agora sim, conjugando o "pressing" alto e as boas trocas de bola a meio-campo com uma finalização à altura.
Para obter tudo isto, para além do trabalho de bastidores da nossa equipa técnica, ajuda (e muito) ter jogadores do calibre do actual Mangala e desse portento de seu nome Jackson Martinez.
Este último, alia a uma capacidade letal na área, digna dos melhores pontas-de-lança do mundo, uma rara capacidade técnica para um jogador das suas características.
Quando não se encontra no seu habitat natural (a grande área), é mestre a segurar a bola e a distribui-la na melhor altura.
E depois temos ainda um grande Alex Sandro, um lateral praticamente ao nível do melhor Álvaro Pereira.
Para além disso, e por muito que Defour tenha, naturalmente, subido de produção nos últimos tempos, ter um Izmaylov (e em razoável forma física) é efectivamente outra música.
Como brinde, tivemos também direito a um Varela digno dos seus melhores dias.


Porém, não nos iludamos: este nosso actual alto ritmo, confiança e excelente índice de finalização, terão que ser mantidos praticamente até ao final da época.
No quadro actual, é praticamente proibido perdermos quaisquer pontos.

Uma exibição, como a de ontem, de nada nos valerá se não tiver permanente continuidade.

20 comentários:

Carrela disse...

Dá gosto ver este Porto de VP... sim, de VP, porque este SEMPRE foi o Porto de VP, a diferença é apenas na capacidade de interpretação dos jogadores! Vai Porto!!! Com................ VP!!

Fred disse...

Discordo num ponto: o Alex Sandro é um pouco melhor que Álvaro Pereira.

P. Ungaro disse...

Boas,

Parafraseando o jogador do Guimarães na flash, Alex, o Porto está para a Liga Portuguesa como o Barça está para a liga Espanhola.
Depois do brilhante jogo contra o Gil mais uma vez o FC Porto este a um altissimo nivel, que no ataque quer na defesa, sendo que o meio campo este muito dinamico.
A entrada de Izmaylov, foi determinante e está visto que é uma mais valia para a equipa.
Estivemos perfeitos e temos ue continuar com este ritmo, com esta pressão e com esta dedicação, e assim sendo vamos longe.

Um abraço

http://fcportonoticias-dodragao.blogspot.pt/

Anónimo disse...

Antes mais obrigado ao Luis por esta excelente análise ao grande jogo de ontem realizado pelo o FC Porto.

Mas não deixo passar o seguinte:

"Uma exibição a roçar a perfeição e um Mangala e Jackson imperiais, na nossa melhor partida desde os tempos de Villas-Boas. "

Sem margem para dúvidas. Já agora não seria melhor que a Administração da SAD compre o resto do passe do Mangala que alienou há uns tempos atrás. É que o homem a cada dia que passa está a valorizar. Deixo aqui a sujestão.

"E depois temos ainda um grande Alex Sandro, um lateral praticamente ao nível do melhor Álvaro Pereira."

A. Sandro, praticamente ao nivel desportivo do melhor Alvaro Pereira; mas sem esquecer que Alex veio ganhar mais que o Paito e que o seu custo de aquisição foi de 13 milhões de euros, enquanto o Paito saiu por 10 milhões (+5M em variáveis que pelo que sabe estão longe de se concretizar; podemos assim concluir que o nivel é semelhante, mas que nos sai mais caro.

Anónimo disse...

Dá gosto de ver sim senhor este Porto do Vitinho. Também concordo que este SEMPRE foi o Porto do Vitinho; nos pouquissimos jogos em que jogou francamente um futebol de qualidade e nos muitos jogos com um futebol para esquecer; para o bem e para o mal o treinador foi o Vitinho. Agora quanto a capacidades de interpretação e/ou falta delas por parte dos jogadores... é culpa de quem? Dos jogadores, quais jogadores? os mesmos que sabiam interpretar o futebol de Villas Boas e pelos vistos levaram mais de um ano e meio a conseguir descodificar a Mensagem do Vitinho! Para mim a culpa não é da mensagem mas sim do mensageiro.

Vitor Zenha disse...

Que jogão do Mangala!!! Alguém se lembra do Maicon??

Joaquim Ramos disse...

http://tribunaportista.blogspot.pt/2013/02/v-guimaraes-0-4-fc-porto-cronica-de.html

Pi disse...

O tanto que se escreveu sobre o Vitcor Pereira, o tanto mal que se disse, nomeadamente entre portistas, que foram na corrente à boa maneira característica a sul, cai em saco roto. No ano passado ele é o grande vencedor do campeonato. Segurou um balneário, uma equipa, e deu uma lição de táctica na luz no ano passado ( este ano foi impedido de ganhar pelo árbitro). Limpou um balneário, construiu um novo núcleo duro onde lucho pontifica novamente, recuperou jogadores, potenciou outros. Se o ano passado foi um tarefa herculiana, mais uma vez após uma vitoria europeia (ver o que se passou com o porto após mourinho e o ano passado após a liga europa), este ano conseguiu elevar o Porto ao patamar que lhe pertence. Parabéns ao FCP, ao PC por segurar VP, e ao Victor Pereira.

Rui Silva Domingos

Pi disse...

O tanto que se escreveu sobre o Vitcor Pereira, o tanto mal que se disse, nomeadamente entre portistas, que foram na corrente à boa maneira característica a sul, cai em saco roto. No ano passado ele é o grande vencedor do campeonato. Segurou um balneário, uma equipa, e deu uma lição de táctica na luz no ano passado ( este ano foi impedido de ganhar pelo árbitro). Limpou um balneário, construiu um novo núcleo duro onde lucho pontifica novamente, recuperou jogadores, potenciou outros. Se o ano passado foi um tarefa herculiana, mais uma vez após uma vitoria europeia (ver o que se passou com o porto após mourinho e o ano passado após a liga europa), este ano conseguiu elevar o Porto ao patamar que lhe pertence. Parabéns ao FCP, ao PC por segurar VP, e ao Victor Pereira.

Rui Silva Domingos

João disse...

Lá estão os anonimozinhos e as suas intervenções de infiltrado amador..

Como o Fred, só discordo de um ponto. O Alex Sandro para jogar ao nível do melhor Álvaro Pereira têm que lhe serrar um joelho. Mas alguma vez o Álvaro Pereira jogou a este nível? Nem tem comparação possível com esse pseudo craque que fez UMA boa época, muito à custa do Falcao.

Em relação ao Mangala, não exageremos. Não é que não seja hoje, possivelmente, um dos senão o central com mais potencial do futebol europeu. Mas cortar assim do nada com o que é, de longe, o melhor central da Liga só porque se lesionou, também não me parece bem. É complicado porque são 3 autênticos monstros para 2 posições, o Ota também está a fazer um campeonato brutal. Vai ser preciso gerir muito bem o tempo de jogo desta gente e, se calhar, para o ano já não se justifica abancar o 3º melhor central da Liga (qualquer que ele seja, porque estes são, obviamente, os 3 melhores) enquanto se tem lacunas evidentes no ataque, meio campo e para as laterais.

DC disse...

O Alex Sandro é muito melhor que o Álvaro. Mas muito mesmo! E é um menino ainda. Quem dera ao Álvaro fazer de pé esquerdo o que o Alex consegue fazer de pé direito.
Álvaro era um cavalo de corrida, Alex é um jogador que sabe o que faz com a bola. Daqui a 2 ou 3 anos estará num Man Utd ou Real Madrid.

Quanto ao jogo, fora alguns falhanços desnecessários frente ao guarda-redes que podiam ter levado o resultado para números pornográficos, foi excelente. O Alex do Guimarães resumiu bem o jogo, somos a equipa do mundo mais próxima do Barça.
E mais uma vez parabéns ao VP pelo grande trabalho! Aconteça o que acontecer, o prazer de ver o Porto jogar assim já ninguém mo tira.

alex disse...

Quando li na imprensa que Alex Sandro seria a aposta mais provável para preencher a ala esquerda, passando Mangala para defesa esquerdo e a entrada de Maicon para o centro da defesa, considerei imediatamente que isso seria um disparate típico de Jesualdo Ferreira: supriu a falta de um dos 11 habituais recorrendo a um dos restantes 10, com resultados catastróficos. Também Vitor Pereira cometeu o mesmo erro, num dos jogos da CL da época passada, aquando da expulsão de Fucile, desviou Fernando para lateral direito,erro este que terá sido o principal responsável pela não passagem à fase seguinte. O jogo com o Benfica e este de Guimarães provam que a solução está mesmo no banco. A coesão de todos os restantes sectores compensa o provável menor rendimento do jogador chamado a substitui o habitual titular. No tempo do Villas Boas também houve jogos muito fracos...

.:GM:. disse...

Eu não acho o Alex Sandro "um pouco melhor" que o Álvaro Pereira. Na verdade acho-o muito melhor que o Álvaro Pereira. Mais força, mais técnica, mais cabeça, muito melhor no controlo e posse de bola. O Álvaro Pereira fazia invariavelmente a mesma jogada, o Alex Sandro tem um reportório muito mais abrangente.

Adriano Garcia disse...

já cá faltava o odio ao VP.

Um treinador que herdou uma equipa em cima da pré-época que tinha ganho tudo, que foi abandonada pelo treinador, que perdeu Falcão e mesmo assim foi campeão sem um ponta de lança de jeito no plantel.

Um treinador que no ano seguinte perdeu o Hulk e pôs a equipa a jogar um futebol excelente é obviamente um nabo que não percebe nada disto.

E da equipa tipo do AVB quem sobra? Se bem me lembro, Helton, Otamendi, Fernando e Moutinho mas o VP é que é burro e não sabe explicar o que quer.

Senhor Anónimo vá dar banho ao cão sff.


Um abraço do amigo,
Adriano Garcia

alex disse...

Isto dos anónimos não permite esclarecer certas situações: não sei se é um ou dois que só encontram aspectos negativos no FCP: maus administradores, mau treinador, jogadores mais caros etc. Se me é permitido queria deixar aqui um esclarecimento: A minha desconfiança em relação às contratações e passes de jogadores refere-se a todos os clubes e a todos os países, e não ao FCP em especial, como parece ser intenção de um ou outro participante.

João disse...

A palavra chave é "continuidade".

Pedro disse...

Sobre a exibiçao de ontem faço minhas palavras os 2 últimos parágrafos, e nao duvidem que será necessário isso mesmo para podermos ter uma palavra a dizer no campeonato: uma segunda volta a roçar a perfeiçao. É que, como mais uma vez se viu ontem na Luz, só uma conjugaçao absolutamente extraordinária de factores poderá levar os nossos rivais a perderem qualquer ponto, isto com uma cobertura total de todos os meios de CS.

Carrela disse...

Era e sou desde à mt um habitual frequentador deste espaço, reconheço muito mérito nele, mas confesso que me afastei um pouco desde o ano passado, por ter achado que se criticou em demasia VP, mt vezes, na minha opinião, sem critério, ou no mínimo com critérios duvidosos e injustos! Culparam-no de tudo e mais alguma coisa... E sempre que eu defendia ou tentava defender, era visto como um "ceguinho"!

Obviamente que me dá um gozo imenso ver o nosso FCP a espalhar classe com VP à frente, porque foi este o FCP que eu sempre imaginei com VP, era isto que nos "curtos" bons momentos a equipa mostrava!

Como disse à tempos: o Agricultor e a Terra são os mesmos, a diferença é que a Terra está mais fértil!

O ano passado quantos treinadores teriam feito melhor naquelas circunstâncias??? É só ver o que anda o Mourinho o passar no Real... e esse contrata quem quer (+/-) ao contrário de VP, que tem quem lhe dão e ainda levam os melhores...

VP é SIM um GRANDE TREINADOR, merece mais respeito e todo o nosso apresso!!

A mim VP conquistou logo no jogo da Supertaça Europeia com o Barcelona! Obviamente que aliado a isso vinha o percurso anterior, a empatia que se notava no banco com AVB, na tal época assombrosa que foi 2010/2011!!

Vai Porto!!! Com...... VP!!!

Grilo Falante disse...

Caro Adriano Garcia,

Subscrevo na integra o que escreve. Muito bem.

HULK 11M disse...

Também gostei muito da final com o Barça e fiquei com esperança de que Vitor Pereira seria mais uma excelente descoberta do NGP.
Infelizmente, após vários jogos com péssimas exibiçoes e alguns resultados menos bons, veio a desilusão! E ainda por cima, os casos de incompatibilidade com jogadores foram mais do que aquilo que é habito termos no nosso FCP. Foram muitos milhões de euros atirados pela janela fora...
Esta época a coisa tem melhorado. Os 2 últimos jogos foram ao melhor nível do que eu tenho visto. E até o discurso mudou, para muito melhor!
Estou preparado para acreditar que o VP teria sido mais vítima das circunstâncias do que vilão, mas... acho que ainda é cedo!
Aproximam-se jogos importantíssimos e decisivos. Tenhamos fé!