segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Haters

Isto vale o que vale, que é quase nada, mas não deixo de ficar perplexo e triste com certos comentários que li na net de portistas que insultaram o Jackson Martinéz MESMO depois de ele...mais uma vez...ter resolvido o jogo.
É correcto que (como já foi dito) cometeu um erro estúpido.
Mas teve a hombridade de marcar o segundo penalty, pedir perdão e assegurar os 3 pontos da praxe.

Enfim, há quem nunca fique satisfeito, para cunhar um chavão.

11 comentários:

Antonio Silva disse...

Há muitos portistas que não passam de lampiões de azul e branco.

D.Liberal disse...

O Jackson é um grande homem que com humildade, dentro e fora do campo se soube redimir. Quem não gosta é parvo. Ademais teve grande coragem ao bater e bem o segundo penalti. O primeiro foi uma parvoice que ele com toda a humildade resolveu.

Sim foi irritante mas antes do mais ele emendou e bem a mão. O mestre vitó faria bem em proibir contudo liminarmente este genero de marcações. ponto final.

Sérgio Mayor de Andrade disse...

Mesmo!

Silva Pereira disse...

Boa tarde,
Mal formados, energúmenos e não respeitadores das opiniões dos outros é uma característica de muitos portugueses, logo existe também muitos portistas com essas caraterísticas. Mas uma coisa que me deixa fora de mim é não saberem conviver com as falhas dos outros e não reconhecerem que o erro é humano.
E também existe muitos infiltrados que se fazem passar por portistas para lançarem confusão, para não se comentar a escandalosa arbitragem do jogo dos lagartos que não expulsou Rui Patrício e Rojo. Imaginem se o próximo jogo dos lagartos fosse com os chifrudos o que se diria.

Por isso também não compreendo quando não aceitam a crítica/análise das características/decrepitude dos seres crescemos desenvolvemo-nos e depois envelhecemos e com isso vem a diminuição das nossas capacidades.
Trago isto á colação a propósito do Helton dar lugar (desde o principio da época) a Fabiano. Lembro-me quando Helton chegou e substituiu o VB também foi a mesma coisa. Helton estará sempre no meu coração de portista mas na minha modesta opinião, começa a ter medo de falhar e é quando falha e essas falhas não são mais evidenciadas porque o FCP há anos que não tinha uma defesa tão categorizada, foi preciso o Maicon se ter lesionado para o Mangala ser titular, agora todos reconhecem as diferenças para Maicon, grande defesa mas com características diferentes e que se evidenciaram no jogo com o RA.


PedroPorto disse...

Esses portistas são os mesmos que assobiam a equipa quando ela mais precisa de apoio, são aqueles que à primeira falha do VP saem da toca para pedir a sua cabeça dizendo que tinham avisado que ia correr mal e que são chamados os "portistas das vitórias".

Anónimo disse...

ganhamos e por isso esta ultrapassado... mas o gesto do lucho ao ir buscar o cha cha cha para marcar novamente a penalidade diz tudo do espirito de grupo que se vive naquele plantel....bravo.. e sobre a atitude do lucho... bravo..grande capitao ao proporcionar as pazes entre o cha cha cha e o publico.
esse momento deixou me muito orgolhoso da nossa equipa!!!

Pedro Albuquerque disse...

Numa época em que todos os golos importam e num jogo que estava difícil de desbloquear, é mais que normal não elogiar o Jackson pela atitude de displicência que teve.

O caro Sérgio fala em hombridade, mas se olhar para as imagens o Jackson não se pronta a marcar o penalty. Simplesmente foi "obrigado" pelo Lucho a marcar o penalty que deu o empate.

Sim, já nos deu muitos pontos, mas os mais importantes são aqueles que temos de conquistar jogo a jogo até ao fim para ser campeão e não andar a brincar aos penaltys, ainda para mais depois do que se passou contra o Olhanense.

Diário de um Dragão disse...

Mesmo que ele não tivesse resolvido o jogo, seria uma estupidez estar a crucificá-lo por falhar um penálti.

Os penalties à Panenka têm o seu lugar e o seu tempo: http://goo.gl/6zoFW

Anónimo disse...

Muitos dos que crucificaram o Jackson, são os mesmos que vibram com os seus golos; o que só mostra como o futebol é um fenómeno de estupidificação dos estúpidos. Infelizmente o futebol serve para muitos pobres coitados, como um escape paras as suas vidas tristes e frustradas.

Pedro Albuquerque disse...

Eu fui dos que assobiei o falhanço do penalty por isso serve-se a carapuça do "fenómeno de estupidificação dos estúpidos" mas quero fazer uma pergunta.

Quem aqui aplaudiu o penalty à panenka no Sábado?

Sérgio Mayor de Andrade disse...

Não se trata de aplaudir a panenkada, que foi um erro estúpido.
Quando vi o penalty, também o insultei forte e feio.

Mas eu falo de comments pensados a frio, após o jogo, onde as pessoas em questão, após TUDO o que se passou, ainda acham apropriado chamá-lo de "grande besta", para usar só os termos mais publicáveis que li.
Curiosamente, as ditas pessoas (e foram muitas) que se fartaram de insultar o Jackson ontem deliraram com um jogo da Copa del Rey, o que me leva a pensar que gostam mais de clubes estrangeiros que do FCP.