quinta-feira, 2 de maio de 2013

Gostei da conferência de VP, mas...

Na conferência de imprensa de hoje, de antevisão ao Nacional x FC Porto, Vítor Pereira, em resposta a perguntas dos jornalistas presentes, proferiu várias afirmações contundentes (que eu subscrevo):

"Eu tenho total consciência do que foi este campeonato da primeira até à última jornada. Portanto, eu sei o que foi o nosso jogo na Luz. (...) A mim não é com folclore que me distraem. (...) Não é com o barulho dos foguetes que me atordoam ou que me fazem esquecer muitas coisas. Eu, felizmente, recordo-me de muita coisa ao longo deste campeonato. E, nomeadamente, não deixo de recordar o último jogo [do slb] com o Sporting, que isso não deixo branquear de maneira nenhuma, porque foi de mais.
Eu gostava que este campeonato fosse limpinho, limpinho (...) mas, para mim, na minha leitura, é um campeonato que fica manchado. Passa a sujinho, sujinho, sujinho, claramente, por um jogo inadmissível há duas jornadas atrás."

"Se me perguntasse, se me colocasse essa questão há duas jornadas atrás [se tinha esperança em conquistar o título], eu diria que tinha legitimidade, tinha tudo para ser um título bem discutido até à última jornada. Neste momento, depois das duas últimas jornadas, já não acredito que assim seja. (...) Não acredito, sinceramente, que seja possível ao Estoril, de uma forma ou de outra, pode exibir-se a grande nível, mas de uma forma ou de outra os três pontos vão lá ficar."

"Sobre o Steven Vitória, não sou ninguém para julgar, mas penso pela minha cabeça, tenho as minhas ideias, digo aquilo que penso porque não estou agarrado a nada. Infelizmente para o futebol português, têm acontecido estas coisas. Há duas épocas, o Jardel [ex-jogador do Olhanense] foi contratado no próprio dia em que o Benfica defrontava o Olhanense. Por mais que o regulamento o permita, não acho ético.
No confronto com o Paços de Ferreira sai a notícia da contratação do Vítor por parte do Benfica. À mulher de César, não basta parecer, é preciso ser. Não é opinião do clube nem mais ninguém, eu é que acho que são coisas que não dignificam o futebol português."


Gostei desta conferência de imprensa do treinador do FC Porto. Também neste aspecto, Vítor Pereira está bem melhor que na época passada.

Contudo, não confundo estas declarações de Vítor Pereira com a resposta institucional que o FC Porto ainda não deu à abjecta conferência de imprensa do diretor de comunicação do slb (João Gabriel) e que, como adepto e sócio do FC Porto, espero que ocorra num timing adequado.

29 comentários:

Anónimo disse...

Mas quem é o gabigay para ter respostas institucionais?

eidapi

RBN disse...

Se VP disse isto tudo, foi porque foi autorizado a dize-lo, e disse-o muito bem.

Ele tocou em vários pontos que a imprensa amiga vermelha nem se deu ao trabalho de publicar e ele VP, fez bem tocar.

O tal steven vitória amanheceu com febre hoje, segundo o rascord.Esta febre provavelmente será debelada mais ou menos pelas 22 horas de 2ª feira.

O papagaio mr burns dos simpsons, joão gaybriel, foi ressuscitado.Até então nesta época, não se viu nem se ouviu falar dele, pensei que tinha morrido ou mudado de galaxia...

Mas independente das maracutaias de arbitragens amigas pró-encornados, nós estamos nesta situação devido a 2 penaltys falhados, mainada.

Fossem convertidos, estavamos em igualdade pontual, mas com saldo de golos pior e teríamos que ganhar dos encornados no Dragão de qualquer jeito.

Já escrevi aqui e volto a repetir:não vão deixar quer estoril, quer moreirense, sequer empatarem no pré-fabricado vermelho, porque a festa já está programada, e como disse e muito bem VP, de uma forma ou de outra, os 3 pontos vão ficar lá.

Mas o que realmente espero VP, é que o FCP vença os encornados no Dragão, de preferencia com uma exibição convincente.Mainada.

Pedro Ramos disse...

Eu pelo contrário detestei a conferencia de imprensa. VP pode ter toda a razao do mundo, mas o tempo e a forma como veio fazer estas declaraçoes apenas o fazem parecer alguém derrotado e desesperado. É que para atacar alguém é necessário saber faze-lo e discordo em absoluto que esteja melhor que na época passada.
Alguém mais "dado" a estas "coisas", poderia ter agradecido aos jornalistas e meios de CS presentes por participarem na maior e mais ignóbil campanha contra o clube rival (uma vez que todos eles comeram e calaram na conferencia de imprensa do slb), poderia ter observado a mudança de 180´na atitude de JJ com os àrbitros da época passada para esta, poderia agradecer ao slb pela melhoria das finanças dos clubes nacionais ou na valorizaçao de certos jogadores de pequenos clubes, enfim nao faltavam temas para explorar, mas infelizmente nao da forma como o vez.
É que ao atacar tudo e todos a 3 jornadas do fim quando o título parece finalmente perdido nao pode esperar que ninguém o leve a sério por mais razao que possa ter.

Bluesky disse...

Este campeonato é um jardim zoológico, mas adivinhem quem é que está no outro lado das grades?

RBN disse...

Se o andor encornado já estava firme e forte, agora é que ninguém os atura.
Sou chelsea desde pequenino:-)

Mário Faria disse...

No futebol o fanatismo espreita todas as portas, mas João Gabriel, ministro da propaganda do SLB, abusa. O homem sentiu que havia que berrar, apontar as armas ao FCP, deixando que alguns estilhaços atingissem outros alvos, sobre o relato de um conjunto de acontecimentos, em relação à arbitragem de Capela. A posição extremada que assumiu, é um sinal inesperado de “desespero”. Porquê, se o SLB tem a quase tudo a seu favor ? Porque lhe descobriram a careca e não soube ou não foi capaz de agir como um vencedor, com a dignidade da justeza dessa condição de ser melhor e ter ganho limpinho, limpinho. Nem o homem se convence disso. A verdade desportiva do SLB não vai nua: caminha cheia de artifícios, inverdades e manipulações.

É um pouco nesse contexto que considero que VP foi excessivo no lançamento do próximo jogo. Um sinal de “desespero”, provavelmente por não sentir no clube, nos jogadores e nos adeptos o apoio e reconhecimento que desejaria ter, e porque acha que já não tem nada a perder. VP vive esse infortúnio de ser considerado por um número significativo de adeptos o principal ou único responsável por uma época que não vai fazer história e, então, vinga-se no inimigo porque sabe que isso lhe garante alguns créditos. O campeonato foi-se e o nosso treinador tem que preparar a equipa para acabar com honra este fecho do campeonato, e agir como se tivesse tudo a perder nestas três jornadas. O FCP tem que jogar forte e motivado como se pudesse ganhar o campeonato. Este discurso tenta justificar que o SLB foi beneficiado, e por isso andamos atrás, mas não convence, provavelmente até os portistas, que fomos superiores, merecíamos estar à frente e ganhar o campeonato. Resta-nos neste campeonato vencer os 3 jogos que faltam, saber denunciar e saber perder, para que não haja complicações no Dragão que nos tramem no futuro.

E é em função desse futuro que entendo o silêncio da SAD do FCP. Temos muito tempo para esse “ajuste de contas”. Por agora, o silêncio é d’oiro. O enfoque tem de ser a nossa equipa e os superiores interesses do FCP. Dispenso os discursos arrogantes e vamos mas é provar que somos bons de bola e vencer os que se julgam melhores que nós.

RBN disse...

OFF-TOPIC, se me permitem.

Agora é que vi o chute do gaytan na cara do turco...impressionante.

E pensar que Nani foi expulso por muito menos no man utd x real mandril...

JOSE LIMA disse...

Caro José Correia
O Record de quinta-feira 2 de Maio desmonta a história das grandes penalidades nos últimos 10 anos. O clube da treta tem mais de 70 penalidades a favor nesse período e 1/2 dúzia contra.
As "contratações" ou "abordagens" nas vésperas dos jogos são miseráveis mas, como alguém disse, nem vale a pena responder a esse lacaio. Foi despedido mas como tinham que lhe pagar uma indemnização, regressou à base. Tudo o que faz ou diz é com ordem do patrão.
Os benfiquistas "normais" detestam-no assim como a Gomes da Silva, Seara, Cervan, Gaspar Ramos, Damásio e outros lambe-botas que de vez em quando vem à tona.
Abraço
Abraço

Anónimo disse...

Concordo com o Pedro Ramos! O VP foi mt infeliz e pouco inteligente! Nao e que o Fcp nao tenha motivos de sobra para denunciar as jogadas do rival protegido, sobretu
do por uma imprensa sempre disposta a leva-los ao colo, mas ao responder a letra, revelou um certo " desespero", que e sempre um mau conselheiro. Compreende-se o drama do VP, a equipa nao perdeu ainda, tem seis empates, contra quatro do rival da capital e nao fora os penalties desperdicados pelo Jackson e estaria em igualdade pontual, para alem de que a ultima derrota do FCP remonta a época anterior em Barcelos, numa arbitragem desastrada - mais uma - do Bruno Paixão! Para alem disso, o FCP tem a melhor defesa do campeonato e e das equipas menos batidas da Europa...

Pedro Miguel Silva disse...

A resposta institucional deve ser dada EM CAMPO no dia 11 ou 12 de Maio...

Anónimo disse...

Caro amigo,

Não creio que possamos esperar a resposta contundente, por parte do nosso clube. Hoje é expectativa o que antes era uma certeza. Mas a realidade mudou. Pinto da Costa não pode ou já não quer. à volta dele há um conjunto de pessoas instaladas e bem pagas que não sabem e deixam correr o marfim, à espera que a coisa passe e que voltemos a ganhar. Ganhando "está tudo bem". Mas não está! Estamos agarrados a uma realidade complexa que tem na próxima época desportiva um ano decisivo. E não estou nada optimista. Com menos vontade aparente de quem dirige, menos empenho, menos dinheiro e logo menos talentos, vai ser muito complicado contrariar a onda que está instalada na capital do império. Na imprensa, na Federação, em vários locais a matriz é "retirar o poder DEFINITIVAMENTE" ao Porto e "ESTABELECE-LO" em Lisboa. O guru é o Luís do Pó. Tudo o que ele fizer é abençoado pelas Televisões, rádios e jornais. Se ele libertar um peido, é inalado por essa gene como aroma divino.É vento de mudança.
Eles já puseram todas as fichas.
Nós, já nem respondemos, quanto mais... atacar-mos.
Parece-me incrível que hoje em dia, só um treinador de fraca oratória e os adeptos nos blogs e redes sociais gritem pelo Porto. Sem poder institucional, e com o treinador a falar e nome próprio, branqueamos um estado de coisas que, a curto prazo, pode deixar o Porto muito perto onde Pinto da Costa e Pedroto o encontraram.

Abraço

Dragão azul

.:GM:. disse...

Eles já tinham tudo preparado... telefonaram-me e em seguida recebi esta proposta - em nome da empresa - ontem:

http://4.bp.blogspot.com/-kf3xR1K4BeQ/UYN_W9uxf6I/AAAAAAAABOw/QZx5NnWJXjk/s1600/Sinopse_BenficaCampe%C3%A3o.jpg

E eu a pensar que ainda estão 9 pontos em disputa... faz-me lembrar a história das faixas encomendadas...

Anónimo disse...

O que o Angelino veio dizer no Económico confirma isso. Vai ser duro.

Joao Goncalves disse...

Ao contrário de ti José, não gostei mesmo nada da conferência de imprensa.

Não é o VP que tem que vir contestar seja o que for e muito menos numa altura da época em que estamos onde estamos e não à frente dos vermelhos por culpa dele.

Se é para existir uma estratégia, à lampião, de apontar o dedo aos erros do árbitro quando apita os vermelhos, então tem de ser uma estratégia de pressão desde a jornada 1 e tem de vir de cima e com respostas constantes num clima de guerra inconstitucional constante e não mandar umas bocas e levar com respostas grossas e ficar caladinho pois para isso mais vale estar calado.

No meio disto tudo, perdemos este campeonato pela espécie de um treinador que temos e nada mais e já tínhamos ganho o ano passado pelas asneiras de um treinador adversário.

Diário de um Dragão disse...

Não gostei nada desta conferência de imprensa de VP.

Além de revelar um mau perder tremendo, o ano passado o Benfica fez uma campanha para denegrir a conquista do campeonato pelo FCP e o VP achou que este ano tinha que fazer o mesmo, mas desceu a um nível, se não igual, ainda mais baixo. E para quê mesmo? Quais são os frutos que o FCP retira desta mensagem?

Vítor Pereira, as críticas à arbitragem e o futebol português

Pedro Ramos disse...

1- Infelizmente, pelo menos para quem está de fora e reconhecendo muitas qualidades a vários elementos, é temos cada vez mais uma direcçao de tecnocratas e com um presidente honorário, que muitas vezes estao mais interessados em defender interesses próprios que os do clube (ainda nao ter-se pronunciado sobre as declaraçoes de Casagrande, por exemplo, sao de um absurdo a toda prova), ou de que vale PdC andar a elogiar o presidente Colombiano se o clube nada faz para tirar proveito dessa popularidade?
2- Mesmo considerando o ponto anterior, faz-me impressao esta atitude derrotista e catastrofista de muito adeptos apenas pelo facto do slb ganhar algo, se calhar influenciados pela atitude oposta deles que quando ganham qualquer coisa logo anunciam aos 4 ventos que os próximos 20 já estao garantidos. Quem nao se lembra do 1º título de JJ.
Mais, ficam logo em pânico quando se fala em reduçao de orçamentos como se fosse matemático que a qualidade dos jogadores fosse cair a pique, quando é isso que todos os clubes estao a fazer (com excepçao dos brinquedos de certos magnatas). Mais, pergunto o que é que o clube ganhou nos anos de vacas gordas? Um aumento descomunal no passivo? Um título internacional (liga europa)?
Esta atitude faz-me lembrar aqueles que vendo a equipa a jogar muito pouco e afastar cada vez mais adeptos do estádio vêm avisar que ainda vamos ter saudades do VP porque nao veêm ninguém melhor em Portugal.

Anónimo disse...

... e normalmente tem um futebol empastelado, pouco agradável de se ver e que não é do agrado da maioria dos adeptos. E futebol não é só ganhar de qualquer maneira, é também arte e espetáculo.

Anónimo disse...

"Pinto da Costa não pode ou já não quer"

Penso que é um pouco de ambas as coisas. A cada ano que passa e isto é valido para todos nós a idade não perdoa, mas a motivação e o querer também já não são os mesmos de há uns anos atrás. A juntar a isto, só quem não tiver o minimo de tino é que ainda não entendeu que tudo o que veio a publico sobre o processo "apito dourado" continua e muito a condicionar as respostas á altura por parte do nosso presidente. O que seria expectável para todos aqueles que sabem o que é gerir comunicação ao mais alto nivel. Depois de tudo o que aconteceu, é de evitar determinados tipos de afirmações, pois é normal, mesmo que sem fundamento que estas façam ricochete e venham de volta ainda com mais força. Dai, que de tempos em tempos, volte-se a ouvir em tudo o que é lugar as ditas "escutas"; é que uma coisa é a justiça, outra bem diferente é a moralidade. E neste último ponto, queiramos ou não, gostemos ou não, enfrente-se a realidade, ou faça-se como a avestruz; o presidente perdeu há muito o seu habitual e avassalador espaço de manobra, para este tipo de jogo.

Ruca disse...

1- De acordo. Considero que o nosso Grande Presidente ainda é muito importante. Será sempre muito importante. Parece-me é que o Dep. de Comunicação do clube é um desastre, já há algum tempo.

2- Totalmente de acordo. Os lampiões ganham uma merda de um campeonato, com bom futebol em alguns momentos, Capeladas em variadíssimos momentos e...pronto. Parece que por estes lados já está tudo mal e não há remédio, blá blá blá, é a cultura de exigência e o crl + velho. Não há pachorra.

Quanto ao VP...vamos ver. Leonardo Jardim, Domingos? Mano Menezes...bah...não é fácil.

Anónimo disse...

Acabo de ler o seu artigo no "Diário de um Dragão" e não só concordo, como faço das suas as minhas palavras. Esta para mim é a forma mais correcta de pensar e ser de um Portista; é que muitos não sabem bem o que isso é, pois confundem Portismo com Anti-Benfica, e essa é uma forma como outra qualquer de menorizar o nome do Porto como clube e instituição centenária; ao contrário da "nossa" forma de pensar, que não só eleva o bom nome do FC Porto, como faz justiça o que é ser um verdadeiro portista. infelizmente VP é dos tais que não sabe o que é ser PORTO.

Saudações Portistas.

Diário de um Dragão disse...

Obrigado pelas palavras!

Anónimo disse...

Caro Pedro Ramos...

Não sou dos que baixam os braços às primeiras adversidades. Ainda acredito que este corre-corre do clube que EPOde tudo sem que nada aconteça, vai dar num mau jogo contra o Estoril, com ou sem Seten pode não dar vitória. Se não der vitória, eles vão chorar!
Mas o acreditar nisto não me tapa os olhos sobre o que se vê, sobretudo o que não se vê e ouve, da parte do nosso clube e muito mais sobre o que se pressente (e nem quero falar sobre os que se diz-que-diz do balneário e das negociatas com empresários).
São muitos os sinais. Demasiados!
É neles que assenta a minha preocupação, não cegueira pessimista.

Abraço

Dragão Azul

DC disse...

VP, para variar, é preso por ter cão e preso por não ter.
Vemos aqui no blog durante toda a época comentários a mencionar as questões que ele evidenciou, revolta com o jogo de bastidores feito pelo 5LB durante a época.
Quando ele fala, é porque foi no timing errado, é porque são desculpas, é porque quem tem que falar é o presidente...
Ele disse o que todos os portistas pensam, ponto. Fizemos uma boa época e vamos perder o título por causa de jogos sujos (entre algumas culpas próprias) e essencialmente, fomos impedidos de discutir o título em nossa casa contra eles.
Porque assim sim, se o 5LB viesse ao Dragão com o Porto a poder ultrapassá-los em caso de vitória, teríamos o verdadeiro tira-teimas. Seria campeão quem merecesse (isto falando sem meter arbitragens ao barulho) e caso o Porto não conseguisse vencer eles mereceriam ser campeões.
Agora, quando tudo foi feito para eles poderem vir cá perder nunca se poderá falar em justiça.

João Nunes disse...

(Não é só) Esta época, o FCP, sempre que perdeu a culpa foi dos árbitros.

Em nenhum momento houve alguma auto-crítica. Assim nunca se vai aprender com os erros...

Anónimo disse...

Carlos Eduardo e o jogo com o Benfica

«Euforia fica para o adversário. Pelo nosso lado é trabalho e humildade»

http://estorilpraia.pt/noticias.html

Anónimo disse...

Tragam o Rui Faria...

Cumprimentos

Antonio Sa

sócio 2561 disse...

Faz-me lembrar o tempo em que o Porto não se sabia defender,jogava melhor e perdia.
Se este discurso se tornar maioritário entre os portistas,o futuro será vermelho.

sócio 2561

Nicolau T disse...

Boas...

Penso que a conferência de imprensa foi positiva e tocou em alguns pontos que deveriam ser corrigidos pelo FCP... O VP nunca disse que perdeu este campeonato por causa dos árbitros, mas apontou situações concretas em que o adversário directo do FCP foi beneficiado. Não creio que isto seja comparado com a campanha miserável que no final da época passada os dirigentes do SLB fizeram, com o apoio da CS. E espero que a direcção do FCP esteja bem calada no seu canto a preparar, isso sim, a próxima época para que os erros deste ano não se repitam.

Se tudo correr como eu penso, o FCP terminará o campeonato a 1 ponto do SLB. Bastaria que a equipa de VP tivesse sido um pouco mais competente com a Olhanense e a história poderia ter sido outra. Noutro nível, penso que o FCP não soube ajustar-se da melhor maneira à lesão inesperada do Moutinho e nesse espaço de tempo perdemos pontos em Alvalade e perdemos com o Málaga... É a vida... O plantel era curto e aí foi a prova disso.

Da maneira como estão as coisas e depois de ouvir Angelino Ferreira, penso que em termos financeiros o FCP está mais ou menos equilibrado... Não estamos de excelente saúde, mas penso que os outros não estão melhores... a euforia em volta do clube da Luz faz com que as dívidas e o passivo a curto prazo do SLB seja esquecido, mas com isso posso eu bem.

Em termos de vendas, parece-me que o FCP este ano pode atingir valores de receitas a relembrar o ano pós Mourinho... Jogadores como Jackson, Moutinho, James, Otamendi, Alex Sandro, Fernando e Mangala são do melhor que por aí existe na Europa e com certeza que as equipas com poderio financeiro devem estar muito atentas a estas jóias do Dragão. É que não vamos esquecer que o FCP fez este ano uma época bastante aceitável em termos de Champions e como o Angelino Ferreira disse, a Champions é que interessa em termos financeiros... Se o FCP quer deixar de ser dependente da venda de jogadores, tem de continuar a ter boas prestações europeias nos próximos 5 anos...

Se eu fico contente com o SLB a ganhar o campeonato? Claro que não, porque odeio aquela raça... Será que o FCP ficou assim tão distante do SLB em termos exibicionais? Claro que não... Para o ano começa tudo de novo e o FCP tem obrigação de lutar pelo título tal e qual fez este ano, e efectuar uma Champions digna dos pergaminhos do clube... Tudo o resto de "fim da hegemonia portista", "Benfica europeu" são apenas postas de merda ditas por pessoas que pensam que em 3/4 anos se consegue mudar o hábito de ganhar do Dragão...

Cmpts

Anónimo disse...

Boa tarde.
Concordo com o Vítor Pereira.Pode ter tido erros,mas ao V.P. não lhe poderão acusar de falta de coragem em falar!O campeonato foi sendo desvirtuado e teve o cúmulo,com a arbitragem(vergonhosa e escandalosa) do jogo entre o 5lb/scp.Foram 3 penaltis não marcados,com 2 expulsões,na 1ªparte...Este jogo foi para mim determinante na margem pontual na actual tabela classificativa.Caso acabe assim o campeonato, o factor desequilibrador, para mim, foi esse jogo.
Agora, só o V.P. fala?! Não temos chefe de departamento de futebol??Faz o quê? Não temos o Porto Canal?É para quê? Não temos gabinete de comunicação social? Houve resposta e contra-ataque? Isto acaba quando acaba,enquanto for possível, acredito no Tri!!! Por honra ao FCP, por todos que amam e sofrem pelo FCP, e por todos que amaram e sofreram pelo FCP, têm os jogadores a obrigação e o dever de perpétuar, este acreditar que é comum a todos nós,Portistas. Viva o Porto!
Dd_G10