quinta-feira, 6 de junho de 2013

Ecce homo

(Anúncios da contratação de Paulo Fonseca nas edições online de A BOLA, O JOGO, JN, Maisfutebol e Record)

Sou da opinião que Pinto da Costa e Antero Henrique cometeram um erro grave, ao não renovarem o contrato com o actual treinador bi-campeão nacional mas, evidentemente, desejo as maiores felicidades ao Paulo Fonseca e que, se as coisas correrem mal, não venha a ser crucificado.

64 comentários:

Pedro disse...

Perante a permanência de Jesus acho que Vitor Pereira era a escolha mais correcta e segura. E talvez, com um plantel mais preenchido e diverso, nos pudesse dar uma época mais colorida na Champions.

Não me esqueço, nem devem os portistas esquecer, que Vitor Pereira faz 60 jogos no campeonato com 1 única derrota (com muita paixão) e perdendo Falcao e Hulk com a época já a decorrer.

A Paulo Fonseca, que se inspira em Wenger e JJ desejo as maiores felicidades. Não sendo a minha escolha é a partir de hoje/amanhã o meu treinador e portanto o melhor do mundo.

Anónimo disse...

Apenas lamento que, a ser verdade, se venha a saber pelos jornais primeiro.
PdC habituou-nos a outro procedimento.
Parecemos um clube da 2ª circular.
Quanto ao resto, qualquer que seja o treinador, será sempre o meu treinador.
JP

Anónimo disse...

E para que conste ainda não houve da parte do FCP qualquer palavra de agradecimento pelo seu trabalho prestado.

Alexandre Burmester disse...

Como os nossos mais atentos leitores saberão, há dois meses que eu aqui veiculara esta notícia, provinda do meu barbeiro, a quem, mais uma vez, saúdo. E àqueles que na altura desdenharam dessa revelação, só digo: não sejais como São Tomé!

Anónimo disse...

Confesso que para mim é uma decepção.Não tem cultura à Porto,nao tem qualquer identificação com o clube e tem uma comunicação deficiente.E uma aposta de risco acentuado. Nesta logica preferia o Domingos, o Pedro Emanuel ou o Marco Silva. So nos resta apoiar.

Saci Pererê disse...

Eu acho um erro a saída do Vitor Pereira. Espero que não se confirme.

Luighi disse...

Eu queria o treinador frances da real sociedad, alias o proprio assumiu que gostava treinar o nosso FCP.

Dos portugueses era entre p.fonseca ou treinador do estoril.

DC disse...

Sou 100% a favor da continuidade de VP e acho que este foi um dossier tratado de forma ridícula pela direcção.

Apesar de só sabermos coisas pelos jornais, a sensação com que fiquei foi a de que a direcção disse a VP que não contava com ele, procurou outros treinadores (Pellegrini confirmou uma proposta), recebeu negas desses treinadores e voltou a chamar VP que por sua vez e, na minha opinião, com toda a legitimidade, não esteve para ser uma segunda escolha e rejeitou a proposta.
Ou seja, a direcção vai contratar a 3ª ou 4ª escolha para treinador.

Que tenha toda a sorte do mundo, que em vez de perder 1 em 60 jogos não perca nenhum, agora para mim, a direcção fica muito mal na fotografia.


Quanto ao VP espero sinceramente que encontre um bom clube à sua altura e que continue a demonstrar a sua enorme competência.

DC disse...

Estou a precisar dum corte de cabelo e de saber se vamos contratar o Ghilas e o Bernard. Não me arranja a morada? :D

DC disse...

Confesso que não entendo como se pode falar em Pedro Emanuel, um treinador que quase desceu a Académica, para o Porto.

É grande portista? Sim! Mas se é por isso vou eu para lá então que também sou.

A comunicação e o discurso não ganham jogos. O que ganha é o trabalho e a competência. E nisso tinhamos um grande treinador e, espero eu, que continuemos a ter.


Isso não invalida que, na minha opinião, fosse fantástico ter um treinador competente e com um enorme portismo como VP.

Bluesky disse...

Vitor Pereira não conseguiu ter carisma para cativar não os sócios e adeptos portistas, mas o próprio Pinto da Costa!!!!
Continuo a achar que VP sai não por incompetência desportiva, mas sim pelo seu perfil...
Hoje devido a afazeres profissionais estive em Rio Maior onde está Paulo Fonseca a tirar o curso UEFA PRO... Alguns riomaiorenses a brincar perguntaram-me se eu tinha vindo buscar o homem...

Alexandre Burmester disse...

Não se soube pelos jornais primeiro, mas sim pelo Reflexão Portista, a 5 de Abril.

Alexandre Burmester disse...

Bem, falar em comunicação deficiente depois do Vítor Pereira deixa-me sem palavras.

Mas a comunicação é o menos, mesmo nesta idade de "sound-bites".

Ruca disse...

Como seria se o Kelvin não marcasse o golo ao 5lb? Defendia-se com tanta força a continuidade do VP? Pergunto isto porque o próprio afirmou que não renovaria com o Porto se não ganhasse o campeonato. Sendo assim, só foi possível negociar a renovação, ou não, findo o campeonato.
Pelos vistos fez exigências incomportáveis e sendo assim...o clube está a cima de qualquer grande craque, bom ou razoável treinador.
O nosso Presidente é Jorge Nuno Pinto da Costa. Jorge Nuno Pinto da Costa. Pinto da Costa. Porra, se ele decidiu assim, é porque sabe o que está a fazer. Resta apoiar a decisão. Se por acaso correr mal, como pode para todos os outros, virá outro treinador.
Siga ganhar o TETRA CARAGO!

José Correia disse...

Não se soube pelos jornais primeiro, mas sim pelo Reflexão Portista, a 5 de Abril

É verdade. Está aqui a prova...

Sexta-feira, 5 de Abril de 2013
O meu Barbeiro informa!
http://www.reflexaoportista.pt/2013/04/o-meu-barbeiro-informa.html

Mário Faria disse...

A RTP pediu um comentário a Rui Costa sobre a renovação de JJ. O Rui ouviu atentamente a pergunra, com um ar sempre muito grave e foi dessa forma e nesse tom que respondeu um conjunto de banalidades que significavam coisa nenhuma. Sei que a simplicidade é complicada, mas no futebol parece transcendental. O FCP na escolha e na divulgação do treinador, que ainda não fez, seguiu essa via. Não sei se é ridículo, mas está na moda. É a estratégia, carago!

Anónimo disse...

Eu fui um dos atentos; não desdenhei da sua informação, mas sinceramente não a dei como certa. Porquê? porque nunca pensei que o nosso presidente tira-se o tapete e a confiança ao treinador escolhido por ele próprio nessa altura tão importante e delicada do campeonato. Será que o VP nessa altura também já sabia que ia ser uma carta de fora do baralho, ganha-se ou não a Liga? Se sabia, só mostra que é um excelente profissional e olhe que eu nunca fui adepto do VP; mas reconheço que após mais um titulo era de toda a justiça renovar com o homem. Qual será a imagem que esta contratação passará para a opinião pública e para os futuros treinadores do FCP depois de tudo o que se passou?

Alexandre Burmester disse...

Isso mesmo, Mário. Os futeboleiros conseguiram tornar-se mais opacos e ambíguos que os políticos.

Alexandre Burmester disse...

Bem, meu caro, você parece não conhecer Jorge Nuno Pinto da Costa. Para mim é óbvio que esta decisão sobre o novo treinador há muito estava tomada, Kelvin ou não Kelvin. JNPC não gere o clube em cima do joelho.

DC disse...

e mais um problema para o novo treinador.
http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=407076

ainda me lembro do tempo em que este tipo de declarações só se via no 5LB...

José Correia disse...

Será que o VP nessa altura também já sabia que ia ser uma carta de fora do baralho, ganha-se ou não a Liga? Se sabia, só mostra que é um excelente profissional

Muito bem observado.

Pelos vistos, no início de Abril, um barbeiro do Porto já sabia que o Vítor Pereira tinha guia de marcha e até "adivinhou" o nome do seu sucessor.

Pois apesar disso, o VP manteve a equipa unida, superou um slb fortíssimo e sagrou-se bi-campeão nacional. E sempre com um comportamento impecável e sem mandar bocas.

O Vítor Pereira, homem e treinador, vai deixar-me saudades.

Alexandre Burmester disse...

Ora, ora, meu caro, isto não é caso virgem: Tomislav Ivic, Carlos Alberto Silva e António Oliveira dizem-lhe alguma coisa?

E não se trata de tirar o tapete: tal como muitos portistas, JNPC percebeu que Vítor Pereira não era o homem mais indicado para o lugar, e tomou a decisão que achou mais consentânea com o interesse do clube.

Isto não é uma questão de justiça: é uma questão de defender os interesses do clube.

Anónimo disse...

"O futuro de Vítor Pereira vai ser de certeza absoluta continuar uma carreira vitoriosa, porque é um homem competente e um conhecedor do futebol. Só não lhe posso dizer se vai ser no FC Porto. Durante a época combinámos falar só quando a época acabasse. Ontem [quarta-feira] almocei com ele e estivemos a analisar a vantagem ou a desvantagem, para ele e para o clube, de ele continuar o trabalho. Ele ficou de pensar e para a semana vamos reunir-nos outra vez para definir. Não há um desacordo de verbas, não é isso. Há uma vontade mútua, mas eu e o Vítor Pereira, para continuarmos o projeto, temos de sentir que há condições para isso."

Pinto da Costa, 23-05-2013, em entrevista à RTP

Depois desta declaração de Pinto da Costa, só se pode concluir que entre o presidente e o barbeiro do Alexandre Burmester, um deles é um grande mentiroso.

Joao disse...

Há umas semanas apedrejavam o VP, agora pedem a continuidade...

VP saiu com 2 campeonatos e 2 supertaças se nao estou em erro. 4 titulos em 2 anos. Fez um bom curriculo e sai pela porta grande. Para mim depois da derrota em Malaga, quer VP fizesse o tri quer nao fizesse o tri, o seu ciclo terminaria.

Paulo Fonseca é um tiro no escuro, mas é um treinador novo e ambicioso, vai agarrar esta oportunidade e não a quererá desperdiçar.

Há que lhe desejar o melhor. E que o futuro sorria ao VP.

José Correia disse...

«O treinador que qualificou, contra todas as previsões, o Paços de Ferreira para o play-off da Liga dos Campeões deverá ser apresentado, nas próximas horas, como sucessor de Vítor Pereira na liderança da equipa tricampeã nacional de futebol.
Aos 40 anos, Paulo Fonseca, natural de Moçambique e criado no Barreiro desde um ano de idade, chega ao FC Porto uma época depois de se ter estreado na l Liga, vindo do Desportivo das Aves.
Técnico-revelação do ano, Paulo Fonseca entrou em março para o exclusivo grupo de profissionais representados pelo agente Jorge Mendes, altura em que o presidente do Paços de Ferreira inflacionou de 500 mil para dois milhões de euros a sua cláusula de rescisão.
"Foi o primeiro sinal de que tinha mercado junto dos grandes, nacionais ou no estrangeiro", refere Fernando Sequeira, líder da Assembleia Geral do Paços de Ferreira, apesar de garantir "não estar a par das eventuais negociações com o FC Porto".
Em meados do maio, Carlos Barbosa, presidente do clube, já alertara que o Paços se tinha tornado um clube demasiado pequeno para Paulo Fonseca, apesar de ainda ter mais um ano de contrato.»
in expresso.sapo.pt


Quando houver a confirmação oficial, espero que a FC Porto SAD esclareça a questão da cláusula de rescisão.

Miguel Oliveira disse...

Quanto ao nosso treinador, parece que vai ser o Paulo Fonseca só peço 3 coisas: Competência, Coragem e Ambição!
Só lhe desejo que tenha no mínimo o mesmo sucesso de Vítor Pereira...

Hélder disse...

Vitor Pereira, não consegue motivar os jogadores. Tudo o que era bom, e jovem, foi queimado. A sua saída, pecou por tardia. Vergonhosa Champions, para o que se previa...

JOSE LIMA disse...

Caro José Correia
Foi tudo mais simples do que parece. Não se tratou de um erro. Do lado da SAD e, perante o descontentamento de muitos sócios e comentadores sobre o tipo de futebol apresentado, sobretudo depois do empate com o Olhanense e eliminação da Champions, o tempo do treinador estava esgotado e foi aconselhado a procurar clube
.
Por seu lado Vítor Pereira sentiu o mesmo. Ficou completamente desapoiado, quer pela SAD, quer pelo público. O grupo de trabalho começava a abrir brechas e vários jogadores manifestaram, também, desconfiança sobre o modelo de jogo.
Vítor Pereira começou a procurar novo rumo e fez contactos com alguns clubes ingleses, especialmente o Everton que parecia interessado nele. Subitamente, e perante o descalabro do clube da treta, ganhámos o Campeonato mas era tarde demais. Foi impossível para ambos, SAD e Treinador, voltar com as posições atrás. Vítor Pereira não se sentiu motivado para continuar a trabalhar onde não acreditaram nele.
O Everton, perante todas estas indecisões, contratou outro treinador. Por seu lado, Paulo Fonseca, actualmente a terminar o 4º nível já estava há muito em carteira. O anúncio oficial marcado só para o dia 12, prende-se com esta questão.
.
Abraço

Anónimo disse...

Esqueceste-te da parte em que o Pedro Emanuel venceu uma taça de Portugal...A parte da comunicação nao é importante?? Porque será que os nossos maiores sucessos se deram com Mourinho, Villas Boas e Artur Jorge?

José Correia disse...

Subitamente, e perante o descalabro do clube da treta...

Descalabro do clube da treta?!
O descalabro do slb resumiu-se ao empate contra o Estoril (não foi derrota porque o árbitro não deixou).
O resto da recuperação do FC Porto foi no confronto direto.

Anónimo disse...

Antes do jogo do FC Porto em PF o José Correia colocou um texo onde se podia ler o seguinte:

"A verdade é que o grande beneficiado com uma vitória ou um empate do Paços de Ferreira será o Benfica, um clube com o qual os pacenses mantêm boas relações e realizado alguns negócios, como foi o caso das transferências de Luisinho e Mitchel para a Luz no último Verão, a troco de um milhão de euros e do empréstimo de Melgarejo aos "castores" na época passada.
Ainda na quarta-feira, Carlos Barbosa foi um dos convidados do Benfica para a final da Liga Europa, onde foi muito saudado pelos adeptos encarnados.»

in semanário GRANDE PORTO, 17-05-2013

Hoje passado um pouco mais de um mês e depois daquele lance vergonhoso em que o arbitro do encontro beneficiou claramente o FCP com uma grande penalidade inventada, os grande beneficiados são pelos vistos o Paulo Fonseca que entra directamente na fase de grupos da LC como treinador do FCP, o mesmo acontece com o Josué; o que só confirma que não é só o SLB que faz negócios com o PF e que tem muito boas relações com o PF, até porque quem vai emprestar o estádio para o PF realizar os seus jogos na LC é o FCP e não o SLB.

Isto Já para não falar numa possivel indeminização do FCP ao PF; há quem fale em cerca de 1 milhão de euros.

Agora quero ler o que o JC tem para escrever a estes três negócios com a equipa do PF.

De um Benfiquista de Braga.

José Correia disse...

Caro José Lima,

Eu já ouvi várias histórias, nem todas coincidentes, acerca do processo de não-renovação do Vítor Pereira.

Temos muito que falar no próximo dia 15 de Junho, nos intervalos do II Encontro da Bluegosfera.

Abraço

José Correia disse...

O Josué é um jogador formado no FC Porto e a FCP SAD detinha 50% dos respectivos direitos económicos.

Após a época que o Josué efectuou em Paços Ferreira, o que me pareceria estranho é que o FC Porto abdicasse dos seus 50% e o deixasse ir para o clube do "presidente banana".

José Correia disse...

Não podendo o Paços Ferreira disputar os jogos das competições europeias na Mata Real, parece-se mais lógico que os dispute no Estádio do Dragão (a 30 Km de Paços Ferreira), do que no Estádio da Luz (a 300 Km).

JOSE LIMA disse...

Caro José Correia
Eu só ouvi esta mas foi em vários capítulos. Esqueci-me de acrescentar a história do vencimento baixo, versus "contrato por objectivos", mas isso não são histórias. São meros pormenores dos contratos.

Abraço

Anónimo disse...

"O descalabro do slb resumiu-se ao empate contra o Estoril (não foi derrota porque o árbitro não deixou)."

Não deixou??? se calhar está a referir-se aquela grande penalidade que o Artur fez sobre o jogador do Estoril e que o arbitro deixou passar; mas que também deixou passar como legal o golo em fora de jogo marcado pelo Estoril. De facto errou nos dois lances... Já o Xistra em Coimbra coseguiu inventar duas grandes penalidades contra o Benfica que por acaso foram os seus dois unicos remates á baliza e que fez perder dois pontos ao Benfica, que caso os tivesse ganho como deveria ter ganho se não houvesse mais uma arbitragem tipo arbitro heroi e o SLB era agora campeão. Já para não falar do golo limpo de Cardozo contra o SCB na 1ª jornada que daria o 3 a 2 a favor do benfica e os respectivos 3 pontos e não 1, como foi o caso.

Mas o que JC gosta é daquels arbitros que quando vêem um jogador do FCP em plena meia lua a cair sem ninguém lhe tocar, toca a apitar grande penalidade a favor do FCP e a expulsar o jogador adversário. E se for no último e decisivo jogo do campeonato, melhor, ainda. Se não, um golito em fora de jogo, já em tempos de desconto também serve.

De um Benfiquista de Braga

DC disse...

Porque eram 3 treinadores competentíssimos tacticamente, com métodos de treino modernos e no caso de Mourinho até inovadores.

Se é pela comunicação contrata-se um relações públicas. O nosso speaker é muito bom, será que não quer treinar a equipa?

DC disse...

Podia sempre pensar no Algarve, acho que há clubes que preferem jogar lá e descer de divisão do que jogar em casa. Deve ser muito bom esse estádio!

DC disse...

Para quem não conseguia motivar os jogadores ganhar 2 campeonatos com apenas uma derrota e não perder nos confrontos directos com os rivais é muito bom.

Imagine se os conseguisse motivar!

Anónimo disse...

Elá ... está acesa a discussão. Finalmente uma grande noticia. Agradeço tudo o que o VP fez, mas o seu tempo terminou. Na primeira conferencia de imprensa, vi logo que não era treinador para o Porto. Um treinador que revela medo no olhar e falta de confiança naquilo que diz não pode treinar o grande FCP. Isso de não perder um jogo ... é conversa da treta desculpem lá ... Os jogadores já não estavam com ele, nem os adeptos nem a SAD ... viu-se bem no final do jogo em casa com o braga, ele a mandar os jogadores agradecer ao publico e os jogadores a ignora-lo ... isso diz logo muito coisa ... falta de pulso e comando. Ter ganho o campeonato foi uma benesse do benfica e não mérito dele ... vamos ser honestos sff. Acho uma grande aposta mais uma vez ... se fosse aquele retardado do Mano ou mesmo o JJ, rasgava o meu cartão de socio e deixava de ver futebol durante uma epoca.

Anónimo disse...

Mas caro Alexandre que VP não era o homem mais indicado para o lugar, já todos nós sabiamos desde o final da época anterior.

condor disse...

Acho uma boa opção o Paulo Fonseca! Assim como acharia outro Paulo ou Fonseca qualquer!
Estavam á espera de quê? De um treinador de top? Habituado a fazer omoletes com muitos ovos?
Isso para o nosso "pequeno" clube não é bom! Não tardava estava a mandar o Pinto comprar ovos homologados para fazer as suas omoletes!
Este Fonseca fez uma omolete muito saborosa no restaurante Mata Real com poucos ovos!
O resultado é que o restaurante Mata Real conseguiu uma estrela Michelin e vai passear na europa dos campeões!
Posto isto acho que o homem dá um jeito na cozinha!
A não ser que a dimensão da cozinha do restaurante "O Dragão" o intimide!
A ver vamos como diz o cego!

Anónimo disse...

Pois é caro JC, quando é o seu Porto tudo tem justificação e é legitimo, quando são os outros... toca a elaborar as mais infames teorias da conspiração. Ainda me lembro de o JC levantar teorias da conspiração por exemplo quando o Estoril foi á Luz com a possivel ida do Steven Vitória para o Benfica. Não é que foi o Estoril a equipa B do SLB etc.. que veio a tirar o titulo da rota do Benfica. E não é que quem já contratou dois jogadores a esse mesmo Estoril foi precisamente o FCP. Pois é os peixes também morrem pela boca.

De um Benfiquista de Braga

Anónimo disse...

"Estádio do Dragão (a 30 Km de Paços Ferreira), do que no Estádio da Luz (a 300 Km)."

Eu também. Mas como já viu é bem possivel haver para ai mais uns campeões das teorias da conspiração e começarem a fazer contas de somar como o JC é habil em fazer... dai pergunto, porque não o estádio do Bessa! Até seria mais natural, pois é um campo que não pertence a um remoto, mas possivel adversário do PF na LC e depois como é! Será que os adeptos do PF terão que dar os seus lugares ao adeptos do FCP.

Anónimo disse...

Isto sim chama-se celeridade...

http://pt.wikipedia.org/wiki/Paulo_Fonseca

Carlos Santos disse...

Caro Alexandre Burmester, quanto ao seu barbeiro só lhe digo uma coisa: espero que você nunca fique careca!

Acho um erro tremendo a não renovação com Vítor Pereira. Um treinador extremamente competente, de longe o melhor da I Liga, um Homem exemplar e um portista como nós.

Costa disse...

E por acaso o FCP já anunciou que o VP não vai continuar ?!
Se calhar vai ser nessa altura que (logicamente) o irá fazer...

A pressa de dizer mal, só por dizer...

Filipe Sousa disse...

Paulo Fonseca já jogador do FC Porto; nunca vestiu a camisola, mas foi jogador no papel.

Anónimo disse...

Discordo, penso que é uma boa aposta, já deu provas este ano no campeonato e em anos anteriores tanto na taça de portugal como quando esteve para subir para a primeira liga. Parece ser um bom potenciador de talentos coisa que é importante num ano com tantos jovens a entra para o plantel.

Diogo Roque disse...

Bem, que Paulo Fonseca é um tiro no escuro também estou de acordo. Agora um treinador que pega num Paços e se qualifica para a champions, que numa época inteira perde 4 jogos, Porto casa-fora e Benfica casa-fora tem que ter muito credito. Quanto a Vítor Pereira, vai ser sempre um ponto de interrogação. Eu sou a favor da continuidade do mesmo, pois VP apanha na minha opinião um plantel com bastantes falhas a nível de construção, com agravante de ter um Moutinho e James a lesionarem-se. Acho que para alem disso foi um treinador pouquíssimo apoiado pela estrutura.
Não sei o que poderia fazer este homem, com a dinâmica e recursos já à muito conhecida do Porto. Tenho pena...

Quanto ao Paulo Fonseca, a ser verdade, é desejar a maior sorte.

Hugo disse...

Os meus parabéns ao barbeiro e à sua fonte

Ramiro disse...

Vítor Pereira não é, nem nunca foi, treinador para o FC Porto. E nao é um golo de Kelvin aos 90+2 que faz esquecer isso.

A derrota em Málaga, a derrota frente ao SC Braga, a derrota na Taça de Portugal, o futebol praticado que afastou os adeptos do Dragão... não era esse o caminho a seguir. Esteve 2 anos e já foi muito. Obrigado e venha o próximo.

Anónimo disse...

Para o Anónimo "De um benfiquista de Braga"

até concordei com o escreveu 2/3 parágrafos acima acerca das teorias da conspiração do JC. há que "criar" assunto para a malta ler...e acima de tudo há que haver subterfúgios caso as coisas corram mal...é o único aspecto na escrita de JC que não aprecio, apesar de que leio sempre os seus textos.

mas óh homem, abra os olhos! já vi que quando se fala apenas de futebol, o vermelho tolda-lhe a visão!

"um jogador do FCP em plena meia lua a cair sem ninguém lhe tocar,.."

mas quer com imagens e desenhos? ainda se bate que não houve falta???

e já agora, não sei como no jogo do Estoril não fala no Carlos Martins e na expulsão que colocou a equipa a jogar com 10?! prefere falar na arbitragem?
estás apresentado...

De um Portista de Lisboa!

Portista de Gaia disse...

Pois é benfiquista de Braga, na tua terra há muitas capelas...

Luchugo disse...

Eu gostava de perceber melhor essa ideia peregrina que o treinador (VP) não tinha o apoio da estrutura... Já com Jesualdo foi a mesma conversa: "... ah e tal, o Prof. Jesualdo está sozinho sem o apoio da direcção".

No entanto vai-se a ver e todos dizem que sem aquela estrutura (do FC Porto) não se conseguiam os resultados.

VP não podia ter tido mais apoio. Quando estava atrás do Benfica na sua primeira época, foi a estrutura que lhe deu a mão (Lucho+Paulinho Santos) depois deram-lhe Jackson... como é que a estrutura não apoiou VP? Não lhe levavam cházinho e bolachinhas?

É portista, é competente, sabe da poda, mas falta-lhe carisma. E sem carisma não há seguidores.

E depois havia a questão dos 45 minutos de avanço aos adversários. Contam-se pelos dedos das mãos os jogos que o Porto não ando a primeira parte a pisar ovos... Seria de propósito? Gestão do esforço?

Paulo disse...

O que eu percebi é que o" emprestimo" do Dragão é valido para que o Paços dispute a pré-eliminatoria da Liga dos Campeões ,se depois vier a dar-se o apuramento da fase de grupos para a qual o FCP já está apurado ,não sei se esse empréstimo será valido ou mesmo possivel.

Nuno Leal disse...

"Já para não falar do golo limpo de Cardozo contra o SCB na 1ª jornada que daria o 3 a 2 a favor do benfica e os respectivos 3 pontos e não 1, como foi o caso."

Qual jogo, aquele dos 11 contra 10 durante quase todo o jogo porque um jogador do Braga foi expulso erradamente por lapso do árbitro que se enganou?


Enfim.


De resto, só tenho que deixar UM ENORME OBRIGADO a Vítor Pereira, realmente foi por pouco que este ano não ganhávamos nada mas a verdade também é que só acabando sem derrotas e com 78 pontos é que se conseguiu derrubar um Benfica igualmente forte. Deram-lhe Jackson? Sim mas tb lhe tiraram Falcão, depois Hulk.

Sobre Paulo Fonseca, há meses que seguia a sua prestação e do seu Paços com muita simpatia e curiosidade, já dizia "está aqui um alto talento". Não foi nunca adjunto de ninguém mais pro como villasboas foi ou até vp com o próprio villasboas, mas realmente o paços perdeu apenas 4 jogos! todos com o porto e o benfica. Pelo menos para consumo interno acho que pode ser uma boa aposta. Veremos se a ambição lhe dá estaleca em jogos de champions, aí é que para alguém rookie, pode ser mais dificil.

Portista de Lisboa (Um entre MUITOS de Lisboa) disse...

Primeiro. Tendo em conta a tirada do Benfiquista de Braga.
Digo isto: Tenham vergonha! Sempre que foi possível foram ajudados, os jogos na Luz são uma vergonha contra o Estoril como é habitual estás a esquecer-te de coisas que dão jeito esquecer...contra o Braga jogaram contra 10 por roubo, contra o Sporting depois de convenientemente nao terem atendio o telefone para adiar o jogo, quando os receberam roubrama como nunca se tinha visto. Na Madeira tiveram um penalty a favor aos 5 minutos que é um caso de polícia...ninguém consegue explicar a nao ser pelas palavras do Presidente do maritimo antes do jogo "Nao vamos fazer nada para impedir que o Benfica seja campeão"...quando receberam o F.C. Porto na Luz deviam ter acabado com 9...mas isto dá para continuar...porque clinicamente jogadores do adversário seguinte eram expulsos/castigados na jornada antes da sua equipa jogar contra o Benfica, o Cardozo chegou a ter direito a puxar o arbitro pela camisola e levar um jogo, ele que faça isso na Champions que vao vêr o que lhe acontece...o Maxi conseguiu bater em tudo o que se mexe a época toda e nao ser ...vir clamar erros a favor do F.C. Porto e esquecerem-se de tudo p resto é uma falta de vergonha. Sublinho nao respondo a um unico facto apontado ao F.C. Porto a vergonha é esquecerem-se do vosso GORDO lado.
Ao MODERADOR: Por favor! Que benfiquistas participem muito bem, agora Benfiquistas sem Honestidade Intelectual chega-nos os media que les COMPRAM; os que lhes prestam vassalagem por serem assalariados do clube e que estão presentes nas reuniºoes da LUZ com a direcção. Por favor não dêm espaço a quem não merece nem espaço nem respeito.

Anónimo disse...

O lapso foi natural: tirando o facto dum ser negro e o outro branco, os dois jogadores do Braga eram como duas gotas de água.

Ou foi isso, ou foi o facto do jogador que viu o amarelo já ter outro e ter sido expulso por esse facto.

Filipe Sousa disse...

Benfiquista de Braga, o jogador do Paços de Ferreira, expulso por ter derrubado o James, confirmou publicamente que tocou no adversário - que o James se tenha aproveitado, é possível, mas poucos são os jogadores que não o fazem - vide "penalty" sobre o Cardozo em Moreira de Cónegos.

Carlos Santos disse...

Você é dos poucos que assinalou um facto que eu me fartei de tentar divulgar.

No dia do Marítimo-slb (ou um dia antes, já não me recordo), o presidente do Marítimo faz esta afirmação: "Nada faremos para que o Benfica não seja Campeão".

Se fosse só isto, já era suficientemente mau, mas foi pior: o primeiro golo do Benfica é de penalty numa falta claríssima, mas impossível de explicar. O jogador do slb estava praticamente sozinho, sem apoio e de costas para a baliza. Vá-se la saber porquê, o jogador do Marítimo fez questão de fazer falta...
O segundo golo, foi a vergonha que toda a gente viu: um auto-golo. Relembro que o resultado final foi 1-2...

Anónimo disse...

Era obvio que VP só não foi mais cedo porque a vitória no campeonato obrigou Pinto da Costa a dar algum tempo para que se fosse desvanescendo a euforia à volta do treinador.
Se pensarmos unicamente no aspecto desportivo (resultados),de forma cega, claro que VP devia continuar, teve o mérito de ganhar com um plantel inferior ao do rival. Mas que ninguém se esqueça que o futebol é negócio é espetaculo e ai VP não tinha o perfil adequado: a equipa jogou, com honrosas excepcões, muito mal e também por isso o publico se afastou do estádio; os jogadores desvalorizaram-se; a mensagem transmitida por VP era cinzenta, triste, não empolgava ninguém. Se a tudo isto juntarmos os inumeros erros técnicos e tacticos então era dificil que VP continuasse. Eu percebo a saída embora também me parecesse justo, como alguem disse, que o que VP merecia era um plantel melhor. Agora o nosso futuro vai depender fundamentalmente da construção do plantel e insisto, chega de reforços para a equipa B, o FCP precisa de TITULARES que façam a diferença.

Pedro Moreira

Miguel Lourenço Pereira disse...

Luchugo,

Sem dizer nada contra o resto do comentário, que é uma opinião pessoal tão respeitável como qualquer outra, onde é que contratar o Jackson é fazer um favor ao treinador? É o trabalho da direcção de encontrar no mercado jogadores para as posições deficitárias de qualidade e a de avançado levava 265 dias de atraso. Ou iam deixar de contratar jogadores de propósito?

Anónimo disse...

O que o presidente do Maritimo queria dizer era precisamente o contrário, "nada faremos para que o Benfica seja campeão", mas o domínio da língua portuguesa não será nem nunca foi o seu forte.