quarta-feira, 12 de junho de 2013

O fanatismo cego e doentio da benfica TV

«Estive a ver no YouTube o que se disse na Benfica TV sobre, por exemplo, o lance do Benfica-Estoril em que há um claro penálti de Artur sobre Luís Leal. Para quem não sabe, o que faz a Benfica TV durante os jogos do seu clube é filmar dois comentadores/relatadores, vendo-se ao lado um pequeno monitor de televisão que está a passar o jogo. Neste caso, a primeira exclamação é: “O árbitro tem que mostrar cartão amarelo a Luís Leal”; a segunda é: “O árbitro Paulo Baptista aproxima-se e fica-se pela reprimenda”; a terceira é, vendo-se o lance através do monitor e o pé do guarda-redes em cima do pé do avançado: “Não há absolutamente nada, nem sequer há protestos”.
O mesmo foi defendido por Rui Gomes da Silva, no programa da SIC ‘O dia seguinte’. Mas, neste caso eu desculpo, porque Rui Gomes da Silva não é jornalista, nem tem que responder perante um código deontológico que pede verdade. Está lá como comentador do Benfica, para defender o Benfica. Que o faça de forma a que se torne ridículo, porque desonesto, só diz respeito a ele e, eventualmente, a quem o lá pôs.
Mas na Benfica TV é diferente. É um órgão de comunicação social e quem está a relatar, creio, tem carteira de jornalista. E, nesse caso, não pode fazer isto de forma sistemática. O Sindicato, a comissão da carteira, não têm nada a dizer sobre esta deontologia?
Não acho que se possa proibir uma televisão de ter os direitos de jogos, mas acho que aquilo que é agressão ao espectador, aquilo que é lavagem ao cérebro, aquilo que é desonestidade pura deve ser denunciado e a Entidade Reguladora da Comunicação deve ser chamada a pronunciar-se.
A democracia também se faz da sanidade mental do nosso sistema audiovisual. A Benfica TV não contribui para isso. Pelo contrário. Já lá ouvi dizer: “Este árbitro devia ter um acidente quando sair daqui”.
Há coisas inadmissiveis!
Felizmente o Porto Canal tem outra génese. E outra prática! Espero que continue assim.»
Manuel Queiroz
semanário 'Grande Porto', 10-05-2013


A benfica TV é um canal de televisão dominado por um fanatismo cego, associado a um tal ódio ao Porto, que chegam ao ponto de convidar para comentadores dos seus programas indivíduos com o “perfil” de António Pragal Colaço e Sérgio Luís Bordalo.

Aliás, a propósito de umas tristemente célebres declarações de Sérgio Luís Bordalo feitas na benfica TV, a Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC), emitiu uma Deliberação em que chamou à atenção que “a natureza do serviço de programas não o isenta, ao contrário do que a Benfica TV parece indicar na defesa, do cumprimento das normas aplicáveis à actividade de comunicação social” e que “a Benfica TV não está desonerada de zelar pela conformidade dos conteúdos transmitidos”.

Só que, tal como na história do escorpião e do sapo, a natureza da benfica TV é o que é e as recomendações e deliberações da ERC caíram sempre em saco roto.

É neste contexto e sabendo-se que, a partir da época 2013/14, a benfica TV vai passar a transmitir os jogos que o slb vai disputar em casa, não é difícil prever o que vai acontecer.

A propósito, em 29 de Outubro de 2012, num artigo de opinião publicado no site Maisfutebol, Luís Sobral escrevia o seguinte:

«A hipótese de passar jogos na Benfica TV, a concretizar-se, obrigará também a rever a utilização que é feita das imagens televisivas em diferentes instâncias do futebol, da disciplina à arbitragem. Digo eu.
O Maisfutebol levantou o tema na última sexta-feira. Do meu ponto de vista, a Liga e a Federação estão obrigadas a olhar com lupa para os regulamentos de competições e disciplinar. Deixará de ser legítimo utilizar as imagens de jogos para tomar decisões, pelo simples facto de que o olhar deixará de ser neutro, distante, frio, igual para todos.
Eu sei que a minha opinião não será partilhada por muitos leitores. Mas também sei que já fiz mais transmissões de futebol do que a esmagadora maioria de quem me lê. E sei como se faz e conheço quem faz. Também sei que nada na prática atual dos clubes portugueses me leva a acreditar que algum dia poderão ser fontes justas e isentas. É contra a sua natureza, viciados em colocar o emblema antes do futebol. Valia a pena começar a pensar sobre isto. É impensável que uma televisão de clube transmita jogos de uma liga profissional e os regulamentos e práticas não se alterem


Aparentemente, a Liga de Clubes não está minimamente preocupada, mas gostava de saber o que tem a dizer o seu presidente (Mário Figueiredo), ele que, ainda por cima, faz da centralização dos direitos televisivos uma espécie de cruzada (contra Joaquim Oliveira).

E também gostava de ouvir a opinião do responsável do sector de arbitragem (Vítor Pereira) porque, segundo julgo saber, uma das componentes da avaliação dos árbitros e dos observadores é baseada nas imagens televisivas.

Já quanto à ERC, não tenho qualquer tipo de expectativa. Todas as recomendações e deliberações dirigidas à "Ódio TV" continuarão a ser ignoradas e a irem direitinhas para o caixote do lixo.

Nota: Os destaques no texto a negrito são da minha responsabilidade.


P.S. Conforme referiu o jornalista Manuel Queiroz, o Porto Canal tem outra génese e outra prática. Ora, o Porto Canal vai ser o tema do Painel 1 do II Encontro da Bluegosfera e, após três interessantes apresentações, questões como “qual a utilidade para o FC Porto e para os seus adeptos do clube ser dono do Porto Canal?” ou “por que razão é que a programação desportiva do Porto Canal não é mais agressiva?”, poderão ser debatidas durante 45 minutos à Porto, na presença do Diretor-Geral do Porto Canal, Júlio Magalhães.

29 comentários:

Carlos disse...

Felizmente que a opção do F.C.Porto passou por algo totalmente diferente daquilo que é a tv encarnada.

Diferenciamos-nos pela qualidade, uma vez mais.

Para além dos programas de âmbito desportivo, há bastante qualidade no Porto Canal.

Uma vez mais o NGP escolheu bem, escolhendo o Júlio Magalhães para liderar este projecto.

Hélder disse...

A Benfica TV, é hoje um canal à imagem do actual Benfica, do seu presidente, e de toda a estrutura directiva: Um circo.

Paulo Figueiredo disse...

No jogo de juvenis entre o porto e o benfica também vimos como o porto canal é diferente...

O guarda-redes do porto a querer bater em tudo e todos e os comentadores a dizerem que os jogadores do benfica é que tinham provocado os santinhos dos jogadores azuis. Para já nem falar dos treinadores adjuntos do porto Mário Silva e Fernando Monteiro que agrediram jogadores e treinadores do benfica. Mas, os comentadores do porto canal foram de uma isenção pura. Aliás, as imagens desapareceram do ar por milagre...

E já nem falo das imagens que o porto canal coloca das comemorações dos títulos do porto. Lembro-me do Hulk a cantar uma musica sobre os 5-0, o Reinaldo Ventura a cantar uma musica sobre o melão - coitado, falou antes de tempo...

Mas, claro que são diferentes... Virgens ofendidas!

José Correia disse...

Que eu saiba, as imagens do FC Porto x slb em juvenis, não foram manipuladas nem censuradas pelo Porto Canal.
Pelo contrário, foram cedidas tal e qual aos outros canais de televisão que, sobre elas, fizeram o tratamento jornalístico que entenderam.

José Correia disse...

O guarda-redes do porto a querer bater em tudo e todos e os comentadores a dizerem que os jogadores do benfica é que tinham provocado

Por alguma razão a Federação Portuguesa de Futebol castigou com três jogos de suspensão o avançado do slb Romário Baldé e o guarda-redes do FC Porto João Costa.

Carlos disse...

O que não significa que o jogador do 5lb não tenha sido o instigador.
As imagens são bem claras. Os 10 colegas do Baldé foram comemorar -como é normal- o título com os colgas do banco e equipa técnica. Ao contrário, este energúmeno -à imagem do 5lb- preferiu ir provocar os adversários.

João disse...

Mas quer comparar o comentário a uma rixa isolada a TODOS os lances de arbitragem comentados na Benfica TV? Aconselho-o a ver mais jogos no Porto Canal. Dá na televisão, também. Não é só no YouTube..

João disse...

Isto para mim é o maior escândalo da próxima época. Com o Benfica a ser progressivamente mais beneficiado, e isto principalmente nos jogos em casa, que são uma autêntica vergonha (o 5lb-Porto e 5lb-Sporting são bons exemplos, mas estamos todos recordados dos penaltys inventados aos 94' contra a Académica ou contra o Beira-Mar) agora, mais grave que os comentários daqueles dois imbecis que já nem asco metem, vão ser as repetições que ficam na gaveta. Lembro-me de um lance evidente de grande penalidade sobre o Álvaro Pereira há dois anos que ficou por assinalar e nem na Sport TV teve direito a repetição. A pergunta que faço é: há alguma forma de obrigar aqueles fanáticos retardados a mostrarem os lances na área deles? Senão é preciso começar já a fazer o inventário de lances que ficam por assinalar porque vai valer tudo!

Vergonha de país e de clube do regime. Onde é que isto existe no Mundo?

Miguel Correia disse...

Caros Companheiros:

Penso que comparar o Porto Canal à Benfica TV é um exercício impossível. Como se diz na gíria, “é comparar o incomparável”.
Tratam-se de duas Empresas com formas de actuar e comunicar distintas. Aliás, emitir uma opinião séria sobre a Benfica TV é, para mim, algo absurdo. A Benfica TV é um mero veículo de Propaganda de um Clube, não podendo sequer ser definida como um Órgão de Comunicação Social.
Todavia, pendo que a Grelha de Programas do Porto Canal deve ser urgentemente revista. Em síntese, penso que há que dedicar mais tempo de antena ao Clube e Programação Desportiva mantendo a mesma qualidade e seriedade na forma de comunicar. Está provado, estatisticamente, que a incorporação de conteúdos do Clube na Programação é um elemento exponenciador de audiências do Porto Canal
Orgulho-me do meu Clube ter um canal televisivo com uma génese tão especial. Mas, na óptica de adepto, “quero mais” FCP no Canal até porque nos dias que correm trata-se de um meio fundamental à estratégia de projecção da Marca. Pena é que o nosso Departamento de Marketing continue a falhar nesta área…

Abraço

José Correia disse...

A Benfica TV é um mero veículo de Propaganda de um Clube, não podendo sequer ser definida como um Órgão de Comunicação Social.

Sim, mas existem leis, regras e uma entidade – ERC – que deve zelar pelo seu cumprimento.

José Correia disse...

Todavia, pendo que a Grelha de Programas do Porto Canal deve ser urgentemente revista. Em síntese, penso que há que dedicar mais tempo de antena ao Clube e Programação Desportiva mantendo a mesma qualidade e seriedade na forma de comunicar

Que tal inscrever-se e aparecer no II Encontro da Bluegosfera?

Pode emitir a sua opinião no espaço de debate (cerca de 45 minutos) que vai existir após as apresentações do Painel 1.

Quem sabe, não obtém uma resposta logo na altura às suas observações, da parte do Diretor-Geral do Porto Canal – Júlio Magalhães –, o qual irá estar presente para comentar as apresentações do Painel 1 e participar no debate subsequente.

Silva Pereira disse...

Boa tarde,
Comparar o Porto Canal co o canal do SLB é extensível a comparar os dirigentes e comentadores e também adeptos aos congéneres do SLB.
Quem já viu transmissões de várias modalidades (andebol, hóquei, futebol) no Porto Canal e ver as mesmas modalidades no canal do SLB é como comparar a água com um bom vinho, para além de falta de rigor demonstram uma falta de conhecimento das modalidades e os seus comentadores são autistas e mais grave focam-se essencialmente na arbitragem com um facciosismo que só não ofende os benfiquistas pois que esse é o seu ADN.
Aliás eu penso que o Porto Canal é até por vezes a sua imparcialidade dá a sensação que é para não “ofender” o status quo do centralismo.
Fico com a sensação que Júlio Magalhães quer deixar uma porta aberta para um dia ter a possibilidade de voltar á capital do império, mas isso talvez seja tema de debate no encontro.

José Correia disse...

Aliás eu penso que o Porto Canal é até por vezes a sua imparcialidade dá a sensação que é para não “ofender” o status quo do centralismo. Fico com a sensação que Júlio Magalhães quer deixar uma porta aberta para um dia ter a possibilidade de voltar á capital do império, mas isso talvez seja tema de debate no encontro.

Penso que está a ser muito injusto em relação ao Júlio Magalhães, que trocou o conforto e poder que tinha na TVI, pelo projeto de fazer do 'Porto Canal' um canal feito no Porto mas com relevância nacional.

Mas, caro Silva Pereira, se tem uma opinião formada sobre este assunto, não fique em casa. Inscreva-se e apareça no II Encontro da Bluegosfera, porque o Painel 1 vai ser sobre o Porto Canal.

João disse...

Exercício académico - alguém imagina que o Porto Canal não fizesse um único debate entre dois candidatos à presidência do FC Porto? Está explicada a diferença. Como alguém disse e muito bem, a Benfica TV é única e exclusivamente um veículo de propaganda da presidência vigente.

Pedro Albuquerque disse...

Eu gosto do Porto Canal como ele é actualmente.
Temos os jogos da modalidade, do FC Porto B.
Temos programas sobre os adeptos como o Cadeira de Sonho.
Programas sobre a actualidade desportiva do FC Porto.

Depois temos programas de um canal generalista, como Telejornais, ou como o programa sobre a História da Zona Metropolitana do Porto.

Fico parvo ao ler noutros blogs a insurgirem-se que o Porto Canal devia servir para atacar o Benfica e a arbitragem!

JotaPe disse...

Dois candidatos à presidência? Onde? :)
Mais a sério: sou Benfiquista mas não me revejo na Benfica Tv. Mas se fosse do vosso clube também não me reveria no Porto Canal.
Quanto à transmissão dos jogos da Liga Portuguesa pode ser que o problema não se ponha. Cada vez é mais incerto essas transmissões virem mesmo a acontecer.

João disse...

"Exercício académico (hífen)"

Anónimo disse...

Sou Benfiquista e em nada me revejo na Benfica tv. Tirando um programa chamado Vitórias e Património, e os programas sobre futebol de formação, infelizmente pouco ou nada se aproveita na tv do meu clube. Agora em relação à Porto Canal, praticamente não vejo e o pouco que vi ( o jogo de juvenis entre Porto e Benfica) tenho a dizer-vos que aquele jornalista também me pareceu "faccioso quanto baste"... então a pérola de dizer que aquando o golo do Benfica a barreira estava à distância regulamentar e normalmente não costuma estar é qualquer coisa de surreal. Cumprimentos.
Ângelo Oliveira.

Pedro Paulo disse...

Porque é que querem comparar um canal de desporto com um canal generalista regional? E começar o tema com um texto do Manuel Queiroz e falar em código deontológico é igualmente surreal. Há que ter olhos... E já agora porque é que não falam na RTP informação, em que temos o Zona Mista com 3 comentadores azuis em que dois dos três são sócios do FCP que pelo menos eu saiba.

DC disse...

Chamar à lixoTV canal de desporto é como chamar ao Javi Garcia jogador de futebol. É um ENORME exagero!

Agora se lhe chamarmos canal de propaganda mentirosa, incitação ao ódio e apelo ao fanatismo aí concordo plenamente.

João disse...

Dá para ver que este post disparou um sistema de clipping qualquer lá na redacção na merdum TV e aquela gente é tão rudimentar, tão atrasadinha que o melhor que conseguem fazer é "a RTP tem um programa não-sei-o-quê".

Deves estar a falar do Hélder "bora almoçar com o Jesus" Conduto. Mais vergonha na cara, sff.

Um Portista de Lisboa (entre MUITOS) disse...

A Benfica TV é a imagem do que é o Benfica, uma equipa construida na ditadura e que só consegue conceber ditadura, mas temos tambem que perceber que muito do que la se faz provem apenas de demasiadas derrotas, muita azia e dificuldade em engolir tanto sapo todos os dias. Ja é uma vergonha e vai ser pior mas quem pensar que o Porto nao responde rapido esta enganado e muito. Falta no entanto falar numa coisa, se se materializar a ideia de fazerem este tipo de farsa de jornalismo, esta garantido que a cada jogo fora é uma guerra. Ganham inimigos em todo o lado. Por ultimo, por favor impecam que ressabiados da luz escrevam aqui, eles nao tem nenhuma honestidade intelectual. Blogs do slb só é aprovado o que eles querem.

João disse...

Há benfiquistas e benfiquistas. Aqui sabem que não se podem esticar se não querem estar a escrever para aquecer. Enquanto forem educados e não se fizeram passar por aquilo que muito gostariam de ser mas nunca terão a oportunidade, acho que deviam mantê-los por cá. Da mesma forma que o Porto Canal é diferente, da mesma forma que não temos rega nem apagões no Dragão Caixa.. também podemos mostrar que isto não é dos currais habituais da internet deles.

Anónimo disse...

Só sei que a minha qualidade de vida vai aumentar a partir de agosto, quando esse canal for bloqueado para não assinantes.
O sr benfiquista que colocou aqui a informação de que a RTP informação tem um programa em que 3 dos 5 comentadores são azuis, das duas uma : Ou está muito enganado, porque não noto nada, ou então habitue-se, e mude para a TVI , o seu canal do benfica encapotado.

Pedro Martins

Pedro Paulo disse...

É o que é. Tem uma grelha e uma programação péssima. Tem um, as vezes dois programas bons. O resto para além dos jogos das várias modalidades não serve para nada. Nada contra. Agora é preciso reconhecer que se não fosse a junção do Porto Canal com a temática do deporto centrado no FCP, não haveria um canal FCP. Porque não teriam uma audiência média necessária para poder vender a publicidade para cobrir as despesas correntes de uma estação de TV e quem sabe breakeven ou talvez dar algum lucro. E o Porto Canal é primeiro um canal generalista do que o canal do FCP, mesmo que não queiras admitir que seja. É assim que esta registado. Não sei o que é pior, se sou eu que vejo bajulação levado ao extremo no vosso canal ou tu que vês propaganda mentirosa na do SLB.

Hulk disse...

O Porto Canal é 10x diferente (para melhor) que a BTV, mas há coisas que estamos a igualar, infelizmente. Não somos tão extremos, mas naquele fatídico Domingo que perdemos sub-19, Andebol e Hoquei (tudo para os rivais de Lx), simplesmente ELIMINARAM DA GRELHA o FlashPorto, o que é LAMENTÁVEL!!!! Mais valia falarem de berlinde ou peão, mas nunca alterar a grelha em cima do joelho pelo motivo de resultados desportivos!

SP

Anónimo disse...

Provavelmente porque teria sido insultado o jogo todo, até com impropérios racistas. Mas isso não se viu nem se ouviu.

DragaoPortista disse...

Sim claro... "Nao se viu nem se ouviu"... entao como e que sabes dos supostos "improprios racistas"... estavas la? Ou sera que estas a tentar inventar?

tuggaboy disse...

A Sporttv pagava uma merda pelos direitos de transmissão dos Jogos do Benfica enquanto que ao Porto pagava e bem! É normal que quisessem adquirir os direitos de transmissão!