quarta-feira, 21 de agosto de 2013

MST, o cruzado anti-VP

Após três anos de sucessos (no primeiro ano como treinador-adjunto de André Villas-Boas), a Administração da FC Porto SAD decidiu não renovar o contrato do treinador Vítor Pereira (VP).
Por sua vez, o treinador espinhense (mas portista de coração), decidiu continuar a sua carreira longe de Portugal, na Arábia Saudita.
A época 2013/14 arrancou no início de Julho e no comando técnico da equipa do FC Porto está Paulo Fonseca, ex-treinador do sensacional Paços Ferreira 2012/13.
Durante a pré-temporada, a equipa disputou uma série de jogos em diferentes países (Holanda, Bélgica, Venezuela, Colômbia, Inglaterra e Portugal) e o novo treinador pôde observar um plantel de cerca de 30 jogadores, que a SAD colocou à sua disposição.
O 1º jogo oficial foi a Supertaça Cândido de Oliveira, disputado no dia 10 de Agosto.
O campeonato nacional arrancou no passado fim-de-semana e começam a ser notórias as escolhas de Paulo Fonseca, quer em termos de modelo de jogo, quer em relação aos jogadores com que conta para o pôr em prática.

Perante tudo isto, faz algum sentido que alguns portistas analisem os jogos do FC Porto desta época, continuando a ter como alvo o ex-treinador Vítor Pereira?
Entre estes portistas está o Miguel Sousa Tavares (MST), cujo comportamento em relação a Vítor Pereira é já um caso patológico.

(Miguel Sousa Tavares, A Bola, 15-01-2013)

De facto, apesar de Vítor Pereira ter deixado de ser treinador do FC Porto há mais de três meses, MST parece que ainda tem contas a ajustar com o homem que contrariou as suas “sábias” profecias, tendo ganho dois campeonatos em duas épocas (o último dos quais invicto!) e, semanalmente, nas suas crónicas em A Bola, continua com uma inexplicável cruzada anti-VP.

«Espero que Paulo Fonseca medite no exemplo de Vítor Pereira, na época passada: também ele encostou o Atsu, descartou o Iturbe e renunciou a apostar no Kelvin. Imaginou poder ganhar o campeonato com o Varela e foi só quando se viu a perder em Braga a dez minutos do fim que lançou o Kelvin – e ele respondeu com dois golos, que viraram o jogo e mantiveram o Porto na luta. É claro que, como represália, na semana seguinte Vítor Pereira sentou o Kelvin no banco e o mesmo fez no jogo do título, contra o Benfica. Mas de novo, vendo-se empatado e a patinar no jogo, lá soltou o Kelvin outra vez a dez minutos do fim... e aconteceu o que se sabe. Foi o Kelvin quem ganhou o campeonato para o Vítor Pereira. Ganhou-o apesar do Vítor Pereira.»
Miguel Sousa Tavares
in A Bola, 20-08-2013


Pouco há a dizer deste texto do MST, tamanha é a idiotice e até uma certa desonestidade intelectual que o mesmo revela. Mas vale a pena comentar algumas afirmações e corrigir evidentes falsidades.

Pelas razões que são conhecidas, Atsu foi encostado esta época; com Vítor Pereira jogou em 32 (trinta e dois!) dos jogos oficiais disputados pelo FC Porto na época passada.

Em relação a Iturbe, antes de atirarem pedras, convinha que os portistas se recordassem da sua atitude em campo quando teve oportunidades, das declarações que o amuado “novo Messi” fez para forçar a saída do FC Porto e das diversas declarações públicas que proferiu enquanto esteve emprestado ao River Plate.

(O JOGO, 21-06-2013)

Por que razão, esta época, Iturbe ainda não foi sequer convocado para jogos oficiais da equipa principal ou da equipa B? Será por ter sido "descartado" por Vítor Pereira? Ou é por ser um jogador problemático, que tem o rei na barriga?

Quanto à "renuncia" em apostar no Kelvin, felizmente que, ao contrário do MST, tivemos um treinador que percebe (e muito) de futebol e que soube gerir a utilização de um jovem talentoso de apenas 19 anos (nasceu a 1 de Junho de 1993) – 8 jogos na I Liga, 1 Taça Portugal, 3 Taça Liga e 13 na II Liga – contribuindo para o seu crescimento futebolístico.
Mais. Ter no banco um avançado com as características do Kelvin, que em alguns jogos pode funcionar como uma especie de “arma secreta”, é algo que nem sequer é inovador. Será que o MST se lembra do Juary?
E, já agora, eu bem sei que o MST é pouco dado a "pormenores", mas na sua cruzada anti-VP convém que tenha um mínimo de rígor. Foi no Estádio do Dragão e não no Estádio Axa, que o Kelvin, após ter substituído o capitão Lucho (com VP não havia "vacas sagradas") a 15 minutos do fim, marcou dois golos ao SC Braga.

Claro que dentro da lógica do MST, se fosse ele o treinador (Deus nos livre!), Atsu, Iturbe e Kelvin teriam todos feito parte das suas escolhas para o onze titular do FC Porto 2012/13. Atendendo à natural imaturidade e falta de cultura táctica destes três jovens jogadores, teria sido bonito...

E quem sairia para entrarem estes três jogadores, tão "desprezados" por VP?
Varela, um dos ódios de estimação de MST (lamentável a afirmação "... (felizmente, felizmente!) Varela lesionado..." que, a propósito do Vitória Setúbal x FC Porto, faz parte da sua última crónica publicada em A Bola), seria um deles.
E quem mais? James? Lucho? Pois, pormenores...

60 comentários:

Saci Pererê disse...

José Correia clap clap clap.
Muitas vezes discordo com a sua opinião, mas aqui assino por baixo, palavra por palavra. Este MST é um desonesto e chega a ser pior que um lampião.
Não sei se há muitos portistas que ainda ligam alguma coisa a este homem que fala escocês depois de almoço. Mas uma coisa é certa este tipo há muito tempo que deixou de ser uma referência de opinião dos adeptos portistas, desde o Apito Dourado que nunca mais lhe fiz caso, costumo ler a sua crónica para depois me rir um pouco com os comentários do José da Silva Pereira no Sou Portista com Muito Orgulho, de resto não me interessa para nada.

Joao Goncalves disse...

Muito bem José!

Acho que já todo o país sabe o quanto a maioria dos adeptos portistas despreza o MST.

Eu já à muito que deixei de ler as crónicas dele... provocam-me enjoos...

Apesar de não gostar de muitas coisas no VP e de sempre ter defendido a não renovação, o homem teve o grande mérito de nos dar dois campeonatos apesar das suas lacunas (e para mim sempre foram a nível da gestão emocional e da relação com os jogadores desvalorizando uma série de jogadores), mas mais que isso VP é parte da história e agora é o futuro... e de uma história que a nível de resultados para o campeonato é singular.

A seu o que de direito!

De resto MST deveria ser excomungado do Dragão!

Anónimo disse...

AS crónicas de MST são realmente de alguém que percebe pouco de futebol (e do resto) mas se acha o maior. Apesar disso, de vez em quando, por acaso, acerta em alguma coisa. Sim, havia vacas sagradas com Vp, como há com quase todos os treinadores. Não subscrevo nada a opinião sobre Varela, que acho um excelente jogador, estando em muitos dos grandes momentos das últimas épocas, como nos jogos contra o Benfica. Mas tem momentos de menos rendimento, quanto a mim rende nitidamente mais com futebol de Verão, baixando de rendimento no Inverno. Para vaca sagrada tivémos o exemplo do Kleber, que apesar do falhanço permanente tinha lugar cativo. E outra vaca sagrada, realmente sagrada, que os portistas não põe em causa, o Joao Moutinho. Na pré-época tivemos um Maicon excelente a marcar livres e não foi só um. Pois o VP pôs o Moutinho a marcar. Moutinho é um grande jogador mas tem um (grande) ponto fraco. O remate. Péssimo a marcar livres. Apesar disso nunca mais se viu o Maicon. Já para nem falar dos marcadores de penaltis...

Resumindo, o VP foi um bom treinador, com qualidades mas também com limitações. Algumas devido à teimosia. Apesar disso foi aprendendo e esteve nitidamente melhor na segunda época.

RBN disse...

Faço minhas as palavras do Saci Pererê.
Também quando leio as crónicas do MST é pra rir no Sou Portista:-)

Quem diria que MST virou motivo de chacota entre portistas...

Duas épocas inteiras a bater num ceguinho que em 60 jogos pro campeonato perdeu 1, cujo único erro na minha opinião foi ter entrado com esquema ultra-defensivo em Málaga, e mesmo tendo James e Moutinho em má forma, dava pra ganhar se jogasse normalmente, mas só erra quem está lá, depois do jogo é fácil achar soluções...

E não satisfeito, MST ainda embirrou com o bigode do Rui Quinta e com os já famosos óculos à Milton e caderninho do outro adjunto(que por acaso foi o 1º colocado no UEFA-PRO, onde Paulo Fonseca foi 3º, demonstrando que MST "sabe tudo").

Esta época, Varela e o penteado do Defour(MST acha que um jogador com um penteado daqueles não pode vestir a camisola do FCP).E como o MST é que sabe, e seguindo a sua lógica, o FCP jamais poderia contratar Neymar, Balotelli, El-Sharawy do Milan, o trinco belga do Nápoles(ganda jogador), Axel Witsel ou Sérgio Ramos do madrid, por exemplo, devido aos penteados:-)

Mais comentários pra que?

Anónimo disse...

A mãe do Miguel Andresen de Sousa Tavares, Sophia de Mello Breyner Andresen, escapou ao provincianismo da capital do império, mas o filho não.

“Porque nasci no Porto sei o nome
Das flores e das árvores
E não escapo a um certo bairrismo.
Mas escapei ao provincianismo da capital.”

Pinheiro disse...

O gajo escreve para abola..que querem mais? Como portistas daqueles um gajo não precisa de inimigos..

littbarski disse...

«Por que razão, esta época, Iturbe ainda não foi sequer convocado para jogos oficiais da equipa principal ou da equipa B? Será por ter sido "descartado" por Vítor Pereira? Ou é por ser um jogador problemático, que tem o rei na barriga?»

Se o Iturbe joga mal, não é convocado. Se joga bem, não é convocado na mesma. Portanto, o problema só pode ser mesmo do Iturbe, que é um jogador problemático, que tem o rei na barriga.

O que é estranho é o jogador passar a ser problemático, precisamente antes do primeiro jogo oficial. Porque antes, ninguém deu por isso. Inclusivamente, o treinador, que lhe deu mais minutos de utilização do que ao titular Licá.

E também é estranho que não tenha sido um jogador problemático na Argentina, mesmo quando foi regularmente suplente. Claro que no River encontrou alguém que lhe deu uma verdadeira oportunidade, coisa que nunca teve no Porto. Pormenores...

Unknown disse...

São 12.18h de 21/08 acabei de ver uma entrevista de MST ao Goucha na TVI em que disse que não é sócio do FCP.
Uma vez que certamente não é por dificuldades financeiras fico contente por saber que este submarino não é meu consócio, já me bastava o orelhas...

Anónimo disse...

Sou um apreciador do MST, enquanto escritor e bem sei que o futebol é do domínio do irracional, mas tudo tem os seus limites e, na minha opinião o MST, como comentador de futebol, já os ultrapassou. A afirmação sobre o Varela, de que, felizmente estava lesionado, é no minimo lamentável. Nelson Barbosa

Petrov disse...

Excelente texto, concordo a 100%. Costumo dizer que quando uma estação como a TVI e um jornal como A Bola dão tanto crédito e tanto espaço para um portista assumido escrever e mandar bitaites, só podia ser um daqueles consciente ou inconscientemente (acredito mais na primeira) ponha fogo à casa e dê argumentos aos adversários para nos atacarem.
Eu não dou qualquer crédito ao Amargurado Sousa Tavares, nunca o ouvi, nunca li nenhuma crónica dele e assim continuarei a fazê-lo.

José Rodrigues disse...

MST fala muito bem quando nao se trata do futebol nas 4 linhas, e em particular quando e' para desmascarar ataques ao FCP ou favores aos adversarios.

Mas se nesse aspecto (futebol nas 4 linhas) nunca foi mais do que mediocre, parece-me que anda cada vez para pior.

Mas dai' a considera-lo pior do q os inimigos ou pedir a sua "excomungacao" do Dragao (?!) vai uma GRANDE distancia. As suas opinioes sobre os treinadores e jogadores do FCP sao inocuas, por muito espatafurdias que sejam.

José Rodrigues disse...

Ja' agora, se ha' uma coisa q me irrita em particular no MST nas opinioes sobre os treinadores, jogadores e jogo jogado, e' a sua... preguica.

Faz um horrivel trabalho de casa, indesculpavel num jornalista profissional. Ele sao erros de facto como o Jose' Correia apontou (troca de estadio, falar em jogador encostado quando fez 32 jogos), ele e' trocar nomes aos nossos jogadores como ja' o vi fazer, etc.

Da-me a clara impressao q nao so' segue os jogos do FCP muito ao de leve (possivelmente nem metade ve^) como nao esta' para se dar minimamente ao trabalho de gastar 5mins a pesquisar se alguns factos sustentam minimamente o q escreve.

Isso num bloguista amador qualquer, ainda se aceita (ainda que o descredite). Num gajo que e' certamente bem pago para escrever num jornal nacional de grande tiragem, nao se aceita minimamente.

alex disse...

Pelo que se passou em Setúbal, acho melhor que os portistas que continuam a citar Vitor Pereira de modo negativo, revejam a sua posição e deixem de minimizar os bons resultados, em termos globais, que alcançou. O Marítimo parece-me ser o adversário que vem a calhar para ficarmos a perceber o que de facto aconteceu em Setúbal. Só vi parte do 1º tempo, e ainda por cima na Internet, mas fiquei de tal modo apreensivo que (tenho 70 anos) não tive coragem para continuar a ver o jogo. No tempo do Jesualdo praticamente todas as equipas faziam bons jogos contra o FCP, por vezes até parecia que os craques estavam na equipa adversária. Algo parecido aconteceu agora em Setúbal...

Anónimo disse...

@ J. Correia

"... a Administração da FC Porto SAD decidiu não renovar o contrato do treinador Vítor Pereira (VP)."

História mal contada. A Administração apresentou ao treinador uma proposta de renovação do contrato. Vitor Pereira recusou prolongar o vínculo com o clube.

juon disse...

o MST é um bronco...diz que percebe de futebol..mas mal do Porto e dos seus dirigentes e tècnicos se lhe dessem ouvidos...andou meses dizer que nao via nada de especial no Moutinho, depois redimiu-se, mas k? por ele jogava o Belushi..por ele tinhamos candeias e castros a jogar de inicio..nao gosta de fernando, varela, etc etc..nao percebeu a contrataçao de Mangala e outros...depois nao corrige as suas opiniões pk é um idiota..quando o Varela quer em Europeu ou no Porto esteve em grande..nem um letra..quando o homem falha..meu deus que ódio..é triste ler as suas crónicas quando fala do FCP...ainda vai acertando quando fala dos outros...

Paulo disse...

Concordo plenamente com as suas opiniões, acho que dão importancia de mais ao que ele escreve sobre futebol , são as ideias dele ainda que as achemos por vezes disparatadas, já o mau trabalho de casa é evidente e fica-lhe mal. Mas não vale a pena estar sempre a "bater" no homem ás vezes a chegar ao insulto,não gosto de ver portistas a maltratarem-se uns aos outros.

Saudações Portistas
Paulo Almeida

Anónimo disse...

"No tempo do Jesualdo praticamente todas as equipas faziam bons jogos contra o FCP, por vezes até parecia que os craques estavam na equipa adversária. Algo parecido aconteceu agora em Setúbal..."

É e no tempo do VP isso não aconteceu nunca. Eram maravilhas atrás das outras. No ano passado a primeira jornada foi uma coisa fantástica.

helder disse...

Boas,
sobre este senhor continuo a achar que as cronicas que ele escreve so tem um objetivo....como ja dizia o outro "o importante é que falem de mim. nao importa que seja bem ou mal, o importante é que falem"..a quantidade de artigos que se le nos varios blogs do porto acerca deste senhor, na minha opiniao, é dar uma importancia a uma pessoa que nao tem mais importancia do que qualquer um de nos que tb somos adeptos do porto e no meu caso socio tambem.tenho apelado em varios blogs para que nao leiam as cronicas dele e muito menos o jornal a bola.facam como eu, dou uma utilização a esse jornal bastante importante...para acender a lareira no inverno e o fogareiro no verao. falta fazer essa experiencia, pura e simplesmente nao se fazer qualquer comentario acerca dos artigos deste senhor. acreditem que o "ambiente" por esse blogues azuis ficará muito melhor!! ja agora, a proposito da possivel saida do varela..acho que é uma boa oportunidade para o clube realizar dinheiro com o jogador DESDE QUE para o seu lugar venha alguem que faça a diferença. se eu mandasse, tentava o quaresma porque acho que acrescentava algo a equipa mas tambem o bruma como aposta de futuro e mais importante ainda para cagar na cara dos calimeros. sobre os jogos no dragao e dando como exemplo o que se passou em caso dos calimeros com a musica que os adeptos cantaram e que muitos outros o fazem (liveropol é arrepiante), para quando uma atitude das nossas claques para se tentar implementar uma canção que arrepie a espinha aos jogadores quando entram em campo...nada de canticos a atacar os adversarios nada disso, estou a falar de uma musica que represente a nossa força, o norte, que seja mais um motivo para ir ao dragao....seria fantastico e sem custos para os adeptos, clube, claques...abraços

JOSE LIMA disse...

Caro José Correia
Este comentador está para o nosso clube como Gomes da Selva para o Benfica, mas com uma diferença. Enquanto o cómico do clube da treta engana os sócios com as aldrabíces que diz no DIA SEGUINTE, a este ninguém liga pêveda ao que escreve. Mas lá que irrita, irrita...
Eu tinha um amigo ateu que "inventou" o oitavo pecado. Dizia ele: "O único pecado mortal é a estupidez".
Abraço

João disse...

«Perante tudo isto, faz algum sentido que alguns portistas analisem os jogos do FC Porto desta época, continuando a ter como alvo o ex-treinador Vítor Pereira?
Entre estes portistas está o Miguel Sousa Tavares (MST), cujo comportamento em relação a Vítor Pereira é já um caso patológico.»

Faz tanto sentido como analisar compulsivamente qualquer lance desta época à luz do que era o Porto do Vítor Pereira, e duvido que, depois de ele sair, o MST lhe tenha dedicado tantas crónicas quantos os artigos que vocês publicaram a louvá-lo.

Não me move qualquer simpatia pela criatura, tem opiniões com as quais concordo e outros com que discordo. É exactamente a mesma opinião que sobre este NONO post de praising gratuito do treinador do Al-Ahly.

Relevância para o clube, zero.

alex disse...

Mas o José da Silva Pereira faz praticamente a mesma coisa que o MST: só defende aqueles que MST ataca, de resto, ataca toda a gente. Quanto ao MST, custa a entender que se tenha regozijado com a lesão do Varela: isso ultrapassa o direito à opinião que assiste a todos os cidadãos...

DC disse...

Este homem é um doente e não é portista, pode ser tudo mas portista não é.
Pode-se viver o clube de muitas formas agora um atrasado mental que diz que o Moutinho é um jogador banal que só sabe passar para trás, que diz que o Jackson só tinha de relevante ser o avançado mais feio da história do Porto, que diz o que diz do Varela, que na última crónica escreveu meio texto a arrasar o Defour, que disse que o Porto tetracampeão tinha o pior plantel dos últimos 10 anos, QUE DEU POR DUAS VEZES OS PARABÉNS AO 5LB PELO TÍTULO EM CAMPEONATOS QUE ACABAMOS POR GANHAR etc, etc, etc (e eu não compro o jornal e só muito raramente leio as crónicas deste idiota, se as lesse de certeza tinha muito mais asneiras para contar)... um atrasado mental destes é anti-portista não é portista de certeza.
Este idiota de certeza que celebrava as derrotas do Porto no tempo do VP (azar o dele para o campeonato só celebrou uma).

Aliás acaba por ser normal ter este energúmeno no jornal em que está a "defender" o Porto. Mal por mal prefiro a Leonor Pinhão, escreve menos mal sobre o nosso clube.

P.S. Mas o pior é que nos dois últimos anos tivemos muitos "adeptos" que pareciam parentes do MST. Enfim...

DC disse...

Tinha tanto o lugar cativo que jogamos mais de metade da época com o Hulk a ponta-de-lança e o Kléber no banco.
Parece que o MST nao é o único a falar de cor...

E o Maicon ia marcar livres do banco, era?

Donnie Darko disse...

Boas, estão a falar de um gajo que preferiu ir à caça em vez de ver a intercontinental com o Once Caldas. Não o podem levar a sério. .. gosto de o ler. Faz-me rir mas acho que um "representante" do FCP num media devia ter outra postura. Ele às vezes diz que é para espicaçar os jogadores. No tempo do avb escreveu que felizmente ia passar umas semanas ao Brasil e assim não ia assistir ao descalabro (jogos com Sevilha e Braga). Priceless :-) abraços

DC disse...

Pois e o Littbarski que tanto bateu no VP por causa disso vai já bater de frente com o Paulo Fonseca ou a culpa continua a ser do VP?

É engraçado, o Iturbe é o maior, é fabuloso, é isto e aquilo, os treinadores é que estão todos errados. Ah não, esperem, na Argentina é que há treinadores a sério, pelos vistos.

DC disse...

Não concordo consigo. Opiniões que, teoricamente, são vindas "de dentro", do nosso grupo, dos portistas, e são tão idiotas servem como muito maior arma de arremesso contra nós do que qualquer Leonor Pinhão ou Querido Manha.

Este homem é uma vergonha para o nosso clube, é uma vergonha ter o símbolo do nosso clube ao lado dos disparates dele.

alex disse...

Até no tempo do Villas-Boas o Porto fez jogos muito maus. Mas uma coisa é a equipa jogar mal, outra coisa é implantar uma filosofia de jogo que concede espaços aos jogadores adversários ao ponto de trocarem a bola entre si com todo o à vontade, ao passo que o FCP se vê em palpos de aranha para encontrar linhas de passe. Com o Jesualdo Ferreira era o que acontecia. Não devemos esquecer que no único ano em que se defrontou com adversários directos verdadeiramente fortes, Jesualdo não foi campeão!

Bluesky disse...

MST é tão só um adepto igual a milhares de tantos outros...
Ou será que jamais houve assobios no Dragão logo á primeira falha? Ou será que para a esmagadora maioria dos sócios portistas, nunca nenhum treinador serve (até Pedroto e Bobby Robson foram assobiados!!!!)?
Só fala assim quem não frequenta o Dragão, carago!!!!
Só que MST é um "notavel"... e como notavel diz imbecilidades!!!

DC disse...

Quantas vezes falou o João no AVB para criticar VP?
Agora já não lhe convém?
Coerência faz muita falta.

Joao Goncalves disse...

José,

O MST vê coisas que nenhum portista consegue ver (aliàs que nenhum Benfiquista consegue imaginar ou inventtar) e eu a isso chamo destabilização.

Sõ não é mais destabilização porque está sem qualquer cridibilidade e é alvo de chacota semanal, mas tendo em conta que onde escreve é um meio de comunicação publica com larga difusão, deveria ser um meio que deveria ter dois neurónios para escrever.

Portanto a este senhor, que parece que nem sócio do FC Porto é, não deveria ser permitido escrever em nome do FCP, aliás, a nossa direcção já se deveria ter afastado deste senhor.

littbarski disse...

E, mesmo assim, o DC não percebe que, para mim, tanto me faz que o treinador se chame Vítor Pereira como Paulo Fonseca (critico e elogio, quando acho que o devo fazer). E como não percebe que o que me preocupa não é o treinador do Al-Ahli, mas sim a hipótese de se estar a desperdiçar um jogador com características únicas no plantel e no qual o próprio treinador (do Porto, não é o do River) acreditou, até à véspera do primeiro jogo oficial, vai continuar a ver-me bater no Vítor Pereira, em todos os comentários.

Daniel Gonçalves disse...

DC 19:11 disse "Mal por mal prefiro a Leonor Pinhão, escreve menos mal sobre o nosso clube..." Como??????? MST tem vários defeitos - todos temos, a natureza humana não é perfeita - mas nunca teve insunuações reles, odiosos e intelectualmente desonestas como faz a Leonor relataivamente ao nosso clube. NUNCA li ou ouvi um comentário da Leonor a reconhecer mérito pelas conquistas do FC Porto. MST é/foi excelente (como reconheceu o José Rodrigues) a defender o FC Porto fora das 4 linhas aquando da intentona denominada "Processo Apito Dourado". A sua afirmação só pode ser gozo.

O DC continua com uma defesa acrítica e irracional do Vítor Pereira. Estou grato ao VP pelas conquistas que ele proporcionou ao FC Porto, mas não sou cego, VP tinha as suas limitações técnicas e de liderança/pedagógicas. Paulo Fonseca, numa mera hipótese teórica, até pode vir a revelar-se pior treinador do que Vítor Pereira, mas tal facto não faz de VP, por comparação, um génio do futebol.

As nossas preocupações devem estar focadas no presente e no futuro.

João disse...

Olhe que não o fiz assim tantas vezes por iniciativa minha. E garantidamente não o fiz para louvar o treinador do Chelsea, quanto muito para comparar opções tácticas com o treinador do MEU clube. Não andei a pedir dragões de ouro para o treinador do Chelsea, nem a escrutinar o tratamento da SAD ao dossier treinador do Chelsea, nem a questionar o compromisso/categoria de todos os jogadores que o treinador do Chelsea não conseguiu potenciar na época anterior ou a analisar minuciosamente ao entrevistas do treinador de Chelsea.

E mesmo assim não foram tantas tantas vezes. Mais vezes terei falado do Catedrático ou até do Jesualdo.

Coisas diferentes, portanto.

meirelesportuense disse...

Off-topic:
O jogo dos B confirmou uma coisa que eu já admitia, o nosso defesa-esquerdo Quiño não consegue fazer um corte decente, é um verdadeiro passador.Do outro lado da defesa temos o exemplo exactamente contrário, com um jogador raçudo, determinado e que consegue conquistar a seu favor 80% dos lances!
-Uma revelação, Ivo!
E a constatação de que Zé António precisa de mais alguém com qualidade ao seu lado.Kadu confirma-se um bom GR.
Boa vitória obtida com jogadores quase todos da formação.Alguns com idade de Juniores.

Anónimo disse...

"Não devemos esquecer que no único ano em que se defrontou com adversários directos verdadeiramente fortes, Jesualdo não foi campeão!"

Não devemos esquecer que nesse ano Hulk foi afastado pelos superiores interesses do regime, não devemos esquecer que nos anos de Jesualdo o Sporting estava bastante mais forte, nem que o referido Jesualdo só perdeu ao 4º ano, nos outros 3 ganhou sempre. E já nem vou pelas campanhas europeias...

"Mas uma coisa é a equipa jogar mal, outra coisa é implantar uma filosofia de jogo que concede espaços aos jogadores adversários ao ponto de trocarem a bola entre si com todo o à vontade, ao passo que o FCP se vê em palpos de aranha para encontrar linhas de passe."

E quem disse que o Paulo Fonseca quer dar espaços aos adversários e defende que isso aconteça?

Anónimo disse...

Como escritor é fraco.
Como comentador - tudólogo é incompetente, com erros factuais grosseiros nas análises que faz e profundo desconhecimento das bases (mesmo as mais "básicas") de alguns dos assuntos que comenta.
Como comentador desportivo roça a desonestidade intelectual - roça-a, quando não lhe dá com o cacete, visando despejar a bílis sobre os seus ódios de estimação.
Como portista é miserável.

Costa disse...

O MST é um caso perdido e não é de agora...
Sinceramente não percebo como ainda se perde tempo a criticar esse 'portista'.

Costa disse...

O Iturbe está para o Littbarski assim como o Atsu está para o MST...

littbarski disse...

O Iturbe está para o Costa como qualquer jogador que não tenha êxito no Porto: a culpa é sempre toda, 100%, do jogador. Porque tudo o que a «estrutura» faz é sagrado e qualquer pessoa que não aproveite tamanha benção, só pode ser coisa do capeta...

Anónimo disse...

Mourou.. com tantos anos em Lisboa, o MST mourou.

Uma grande desilusão o MST que se tem vindo a acentuar:
- Comentário muito infeliz em relação ao Varela. comentário completamente estúpido..
Quanto ao Vitor Pereira é para fazer a panelinha dos lampiões e lagartos.

O MST mourou..

Saudações portistas



José Rodrigues disse...

Quanto ao Iturbe, ha' um factor q ainda nao vi aqui ninguem mencionar...

Suspeito q o limite de clubes em q um jogador pode jogar em 12 meses podera' ter tido a sua influencia em nao ter sido convocado para os jogos do campeonato.

Ora tendo em conta uma possivel venda/emprestimo ate' ao fim do mes (ou em Dez) e' possivel q a SAD tenha decidido nao limitar mais as opcoes, poupando o jogador de jogar oficialmente. Nao?

Claro q mesmo q o escrevi seja verdade, isso nao invalida q claramente nao e' jogador com q contem A SERIO para o FCP, pq se fosse assim nao se preocupavam com esse factor.

José Rodrigues disse...

Acho q algum pessoal perde um bocado o sentido da realidade. Maior impacto negativo do q uma L. Pinhao???

Expliquem-me bem explicadinho como e' q NA PRATICA o FCP sai (ou pode sair) lesado por um MST falar mal de um treinador ou jogador nossos...

Acho q comparar o impacto dessas opinioes dele com o impacto do q os nossos inimigos dizem e fazem, so' pode ser piada de mau gosto.

O impacto negativo (na pratica) de criticas do MST ao treinador e este ou aquele jogador e' tao grande ou pouco mais do q se eu fizer o mesmo aqui no RP: i.e. zero.

O mesmo nao e' verdade de quem faz acusacoes graves ao FCP clube/SAD, e ainda por cima andou a sustentar livros difamatorios para o nosso clube e investigacoes judiciais.

Nightwish disse...

É normal em quem nunca teve que fazer pela vida...

Nightwish disse...

Alex, calma, foi o primeiro jogo a sério, há tempo para tudo.
Isto porque o Guimarães foi um jogo de treino.

DC disse...

Sem dúvida que o Iturbe tem características únicas. Eu pelo menos no Porto nunca vi ninguém com tanto jeito para usar o twitter.

DC disse...

E o MST não faz críticas desonestas? O qe é então dizer que o Jackson era um flop e que só se destacava por ser feio sem o ter visto jogar?
O que é dizer que o Moutinho é um médio banal?
É honesto isso? É ser sério?

E mérito pelas conquistas? Depois de ver o MST dar os parabéns ao 5LB 2 anos consecutivos em que fomos campeões vem-me falar de dar mérito?
A Leonor é benfiquista, logo tem razão para ser assim idiota. Agora um suposto portista? Não brinque comigo.

E defesa acrítica e irracional do VP onde? Eu ataquei o MST por inúmeros factos, muitos deles no tempo de AVB e JF. Quem parece continua com dor de coto em relação a VP não sou eu.
Eu estou muito feliz pelas duas últimas épocas, pelo futebol que vi nelas e pelos troféus que festejei. Espero esta época no mínimo festejar o mesmo e ver um futebol com uma qualidade semelhante.

Agora desafio-o as vezes que quiser, já que me chama irracional não sei bem porquê, para discutir factos sobre as duas últimas épocas. Onde e quando quiser!

DC disse...

O Tiago foi o melhor em campo contra o Portimonense, não percebi essa do Zé António.

Os melhores foram de longe o Tiago, o Kadú e o Mikel.

José Rodrigues disse...

Eu nao sei se o MST faz criticas «desonestas» ou nao.Se calhar sao. Espatafurdias sim, sem duvida (algumas delas).

Mas o q eu sei é q independentemente da resposta a essa pergunta as criticas dele sao inocuas, ao contrario das acusacoes e feitos dos nossos inimigos (como uma L Pinhao). O MST pode ser um idiota, mas a se-lo é um idiota q nao faz danos ao FCP.

Há q saber distinguir entre meros «idiotas» e «inimigos». Sao duas coisas distintas.

meirelesportuense disse...

Queria dizer que o outro central não está à altura. Se acha que estou errado, explique-me então porque é que o Quiño continua, mesmo fazendo erros atrás de erros.
Parece óbvio que o Rafa é muito melhor que ele. E no entanto foi metido no jogo para se colocar à sua frente. Se fosse ao contrário ainda admitia, mas assim acho estranho, é como uma moção de confiança ao Colombiano que veste bem mas tem deficits de qualidade defensiva. Por isso falei também no defesa direito que foi exactamente o oposto. Vítor Garcia é uma esperança com muito potencial.

Daniel Gonçalves disse...

DC,

"E o MST não faz críticas desonestas?" Convêm distinguir a ignorância - e o pedantismo de alguém que se julga sábio - da má-fé e da desonestidade intelectual. MST não é desonesto com intenção ou deliberadamente, algo que a Leonor Pinhão é com letras maiúsculas, se o caro DC não consegue diferenciar as duas atitudes podemos duvidar da sua capacidade de análise.

Julgamentos ou avaliações erradas de jogadores, e opiniões pessoais sobre treinadores, que o MST efectua apenas revelam ignorância ou idiotice da parte dele mas não má-fé ou desonestidade intelectual. Devolvo-lhe as palavras: "É honesto isso? É ser sério" não distinguir MST de Leonor Pinhão?

"Quem parece continua com dor de coto em relação a VP não sou eu." Isto é um exemplo de um argumento irracional ou primário, ou seja na sua opinião aqueles que criticam Vítor Pereira fazem-no unicamente por inveja, não existem críticas a VP que tenham como intuito melhorar a qualidade do futebol ou a qualidade técnica e estratégia do treinador, não... para si é tudo crítica destrutiva. Uma dedução grosseira da sua parte.

"Agora desafio-o.... onde e quando quiser..." Nem é preciso colocar em causa a honra, basta beliscar ou apontar a mais leve crítica à sua "Donzela" que o DC vem imediatamente a correr pronto a defende-la contra os impuros que se atrevem a opinar a tecer comentários sobre o valor da dita Donzela. Desafia-me? É um duelo de capa e espada ou de pistolas? Estas suas palavras não demonstram uma atitude irracional da sua parte? Devolvo-lhe as palavras: não brinque comigo.
Factos? "Eu estou muito feliz pelas duas últimas épocas, pelo futebol que vi nelas..." As eliminações na Taça de Portugal, face ao Braga e à Académica, sobretudo contra esta última com uma exibição miserável deixaram-no contente? Pois a mim não, permita-me discordar de si.
As exibições frente ao Hapoel para a Champions deixaram-no feliz? A exibição e o resultado contra o Málaga deixaram-no contente? A exibição frente ao Braga na final da Taça da Liga, na temporada passada, deixou-o contente? Respeite a opinião discordante da sua, se para si foi um futebol brilhante, para outros não. Também eu estou feliz com os 2 títulos ganhos, simplesmente acho possível um futebol mais brilhante do que aquele que VP colocava a equipa a praticar. Factos: com a inferior qualidade das equipas da Liga Portuguesa e face à diferença de plantel do FC Porto para com essas equipas não é um feito do outro mundo ser campeão sem derrotas, JJ e o benfica também quase o alcançavam.

Não seja fanático, procure ser mais tolerante e respeite as opiniões dos outros, não venha imediatamente censurar - como um censor do pensamento - o João, o Littbarski a mim ou qualquer outro comentador que possuam uma opinião diferente da sua sobre o Vítor Pereira.

DC disse...

Não Daniel, não tem absolutamente nada a ver com a honra de VP. Tem a ver com a minha já que me acusou de ser irracional.

Não vou ser de certeza tolerante com "bocas" dessas e até estou a ser bastante meigo, porque podia ter tomado como insulto.

Sempre sustentei todas as minhas afirmações sobre o VP portanto você é que usou um argumento infundado (para não usar o irracional) ao dizer que faço uma defesa irracional de VP. Pelo contrário, se calhar eu até tenho várias análises de jogos de VP, ao detalhe, com frames, vídeos, etc... e sei bem porque o defendo.
Já você se calhar baseia as suas críticas em pouco mais do que nada, ou seja a sua opinião pessoal. E por isso lhe repito: se quiser discutir FACTOS estou disponível.

Agora para estar a levar supostas lições de moral de quem acusa os meus argumentos de irracionalidade e depois me vem chamar de intolerante e fanático? De alguém que trouxe o assunto VP para a baila respondendo a um comentário onde eu nem sequer o referi?????? Ao menos leia o que escreve para não fazer figuras tristes.

Quanto ao respeitar a sua opinião, onde é que eu a desrespeitei? Eu neste post falei no VP com o Littbarski e com o João e nunca desrespeitei a opinião deles, nunca os chamei de irracionais. Simplesmente referi que o João estava a ser incoerente no comentário dele (coisa que ele admitiu parcialmente na resposta) e perguntei ao Littbarski qual seria a posição dele face a Paulo Fonseca e à sua dispensa de Iturbe.
Onde é que me viu desrespeitar alguém?

Fanatismo, intolerância e por aí fora vi num único comentário neste post que foi o seu a responder-me e a vir com o assunto VP e a minha "defesa acrítica e irracional" quando só lhe tinha falado de MST!
No mínimo, surreal!

DC disse...

Posso-lhe dar mais exemplos: acha honesto dizer que VP desperdiçou o Candeias quando ele há muito tempo não era jogador do Porto quando o VP assumiu o comando?

Podemos vir dizer que é só falta de informação mas isso para mim não existe em jornalismo. Se ele não se informou e colocou lá o nome para atacar o VP foi por alguma razão. Foi porque quis alongar a lista e tentar atribuir o máximo de falhanços a um alvo.

É desonesto sim, na minha opinião. Um idiota diz asneiras não necessariamente mentiras. MST já mentiu inúmeras vezes! Para mim há uma ENORME diferença!

E volto a frisar, não é de hoje. Ele desancou Jesualdo, ele desancou AVB e ele desancou VP e inúmeras vezes com base em factos pura e simplesmente inventados.

meirelesportuense disse...

O Iturbe fez um jogo extraordinário num dos efectuados na pré-temporada. Encostado à linha sobre o lado esquerdo, rompeu sempre com muita velocidade e cruzou sobre a área com enorme qualidade. Agora se o Clube está de relações tensas com ele -ou vice-versa- as coisas estão então em outros domínios...O Porto perde e o jogador também. Porque ele tem um potencial enorme, para mim superior ao do Kelvin.

Pedro Jesus disse...

Quando há uns anos esse senhor MST disse que Anderson só conhece um (anderson luiz de sousa vulgo DECO)e que o miúdo que com 17 anos veio para o nosso FC Porto seria um flop e que Ibson era nome de electrodomestico ... está tudo dito.

Daniel Gonçalves disse...

Caro DC,

"que me acusou de ser irracional". Mas a irracionalidade não é característica dos seres humanos? Mas coloca-se em causa a honra de alguém se a acusarmos de ser irracional em certas questões? Apesar de os humanos procurarem ser o mais racionais possíveis na sua vida, haverá sempre situações em que a irracionalidade brota na personalidade. Seremos nós máquinas ou robots? Eu reconheço que no amor, ou na defesa dos que me são próximos, posso ser irracional, não levo a mal que me acusem de ser tal? Não é a irracionalidade uma condição inerente à natureza humana? Alguém consciente das limitações da natureza humana se sente ofendido por reconhecer que se é irracional ou emocional em certas questões? Poupe-me esse choradinho ou essa vitimização da sua parte.

"se calhar eu até tenho várias análises de jogos de VP, ao detalhe, com frames, vídeos, etc..." Não nego que as suas análises ou os dados em sua posse provem a excelência de Vítor Pereira, mas já é tudo perfeito? Será que não é possível melhorar, não existe a possibilidade de aperfeiçoamento?

"você é que usou um argumento infundado (...) ao dizer que faço uma defesa irracional de VP". Não sei a que argumento se refere, mas baseei-me nos seus constantes comentários afirmando que era tudo perfeito e imaculado nas exibições da equipa do FC Porto durante o período de VP, e na sua constante censura a quem ousasse criticar, mesmo que suavemente e construtivamente, o VP.

"se quiser discutir FACTOS estou disponível."
No entanto não respondeu a nenhuma das questões que eu lhe coloquei no meu comentário anterior, ou será que só os seus Factos é que possuem valor, os dos outros são irrelevantes?

"Agora para estar a levar supostas lições de moral." Não era minha intenção dar-lhe a si, nem a ninguém, lições de moral, nem considero que usei de um tom moralista, não é do meu carácter converter os outros à minha fé, nem me julgo único possuidor da verdade. Fui irónico sim, reconheço-o.

"De alguém que trouxe o assunto VP para a baila respondendo a um comentário onde eu nem sequer o referi??????" O DC não mencionou explicitamente o VP, mas implicitamente pareceu-me claro, pois a sua intenção ao censurar MST era por este ter criticado o VP.

"Onde é que me viu desrespeitar alguém?" Eu não disse que o DC desrespeitou pessoalmente alguém, mas sim que não respeitava - no sentido de censurar e desvalorizar - a opinião dos outros quando diferente da sua, agora também eu lhe poderia responder para "ler bem o que foi escrito, para não fazer figuras tristes", mas aqui sim era ser algo ofensivo e desrespeitoso.

DC, fique com as suas certezas absolutas, com as suas verdades irrefutáveis, e com a sua concepção perfeita e imaculada da natureza humana.

PS: tenho de efectuar sempre um novo comentário no final pois não consigo, ou não sei, colocar o meu comentário em resposta ao comentário anterior.

DC disse...

"firmando que era tudo perfeito e imaculado nas exibições da equipa do FC Porto durante o período de VP, e na sua constante censura a quem ousasse criticar, mesmo que suavemente e construtivamente, o VP."

MENTIRA!!! Prove-o!
Sempre disse que trocaria VP por melhor, apenas não via melhor em Portugal. Disse algumas vezes que o trocaria por Pellegrini.

"No entanto não respondeu a nenhuma das questões que eu lhe coloquei no meu comentário anterior, ou será que só os seus Factos é que possuem valor, os dos outros são irrelevantes?"

Não respondo a perguntas desonestas. Se fiquei triste com as poucas derrotas nestes anos? Sim, fiquei. Se acho idiota alguém filtrar apenas essas derrotas? Sim, acho. Seria como eu perguntar a um culé se gostou de perder no Camp Nou com o Mourinho e de perder na Champions com o Chelsea. Seria o ridículo de ir buscar apenas o mau para tentar desvalorizar um trabalho de muito tempo. Por isso não respondi, porque gosto de falar de futebol com gente intelectualmente honesta.

"O DC não mencionou explicitamente o VP, mas implicitamente pareceu-me claro, pois a sua intenção ao censurar MST era por este ter criticado o VP."
Pareceu-lhe pois claro, mesmo eu frisando em vários comentários que este tinha feito críticas injustas a JF e a AVB. A mim parece-me que os seus pareceres não têm grande validade.

"Eu não disse que o DC desrespeitou pessoalmente alguém, mas sim que não respeitava - no sentido de censurar e desvalorizar - a opinião dos outros"
Onde é que eu censurei alguém? Não posso contra-argumentar? Mais uma vez parece-me e muito é que o Daniel fez este comentário com base em preconceitos que só existem na sua cabecinha.

Aliás, termina mais uma vez em grande: "fique com as suas certezas absolutas, com as suas verdades irrefutáveis, e com a sua concepção perfeita e imaculada da natureza humana."
Meu caro, se tem dificuldade em aceitar as opiniões dos outros e em participar numa discussão sem entrar em fait-divers como este, se calhar você é que está mal.
Defendo VP sim, argumentei muitas vezes contra quem o critica, mas sempre o fiz com argumentos, sempre o fiz explicando o porquê do meu ponto de vista. Não vejo em nenhum ponto dos meus comentários nenhuma censura a ninguém, nenhuma verdade irrefutável que não tenha explicado ou discutido, portanto acho que o Daniel está muito confuso, no mínimo.

Daniel Gonçalves disse...

Caro DC,

"MENTIRA!!! Prove-o!"
Em minha defesa tenho a dizer que não minto intencionalmente nem sou mentiroso por vocação, se me enganar nas minhas afirmações é sem intenção. Provas? São necessários todos os seus comentários nos últimos 2 anos.

"Não respondo a perguntas desonestas." E quem é que estabelece que as perguntas são desonestas? O Sr.? Ou seja colocam-lhe uma questão difícil ou que o DC não sabe responder, e para se sair bem na situação arranja a desculpa que a pergunta é desonesta ou mal-intencionada e desta forma safa-se de responder. Bravo. Quer um exemplo de uma atitude intelectualmente desonesta, aqui esta um magnífico exemplo.

"Se acho idiota alguém filtrar apenas essas derrotas? Sim, acho..." Nunca eu avaliei ou analisei o trabalho de Vítor Pereira apenas, ou unicamente, pelos maus resultados, e soube dar-lhe o devido mérito pelas vitórias alcançadas. O DC é que esta a arranjar argumentos onde eles não existem para me atacar. É uma velha táctica que foi usada por si: virar os argumentos do teu adversário contra ele próprio, mas evitando uma resposta directa à questão colocada.

"Onde é que eu censurei alguém? Não posso contra-argumentar?" Obviamente que pode contra-argumentar, assim como os outros o podem fazer, a questão era o tom “abespinhado” como o DC se atirava contra os críticos de VP – quando eles estavam apenas a usar do direito que o DC solicita para si – e a recusa do DC em valorizar, ou discutir sequer, algumas críticas que pudessem ser justas ou correctas.

"se tem dificuldade em aceitar as opiniões dos outros e em participar numa discussão sem entrar em fait-divers como este..." Não tenho dificuldades em entrar em debates, muito pelo contrário, gosto deles, pois posso usar da minha dialéctica e da minha capacidade intelectual, sou viciado em disputas, mas sei respeitar a opinião dos outros – pela experiência e pela formação a que fui sujeito – quando contrária à minha. Não uso fait-divers mas sim argumentos plausíveis baseados em dados concretos, e não evito perguntas que me sejam colocadas, nem invento subterfúgios para não responder ou fugir ao debate de ideias. Mais uma vez as suas insinuações me parecem desajustadas e incorrectas.

Zefansa disse...

O MST é adepto de quem lhe paga no caso o jornal a bola, é um vendido apenas e só.. só diz disparates.

DC disse...

Mais uma vez o Daniel está apenas a tirar conclusões precipitadas e baseadas em crenças pessoais e pior do que isso a tentar associar-me a características e métodos que nunca usei e que só existem na sua cabecinha.
E tendo em conta isso, que eu considero uma profunda desonestidade, vou terminar por aqui e evitarei até discutir mais consigo para evitar levar com teorias de que sou "fanático", "irracional" ou que me "atiro" a quem não concorda comigo.

Sublinho apenas que quem passou todo este debate a fazer insinuações e a tirar conclusões com base em absolutamente nada não fui eu. E também lhe posso dizer que se se orgulha tanto de respeitar a opinião dos outros, foi talvez a única pessoa aqui no RP que eu me recordo de ter desrespeitado profundamente a minha por a ter adulterado e viciado de acordo com os seus preconceitos.

Fique bem.


Daniel Gonçalves disse...

Caro DC,

Também vou dar por terminado este debate, para não abusar da paciência dos donos deste blog.

Refuto totalmente as suas acusações de desonestidade intelectual que me dirigiu, de ser preconceituoso nas minhas análises ou de ter adulterado intencionalmente os seus comentários e a sua opinião, nem nunca desrespeitei a sua opinião, e sei reconhecer que posso errar. Não faço insinuações, mas análises e avaliações baseadas em dados concretos, mas vi que o DC quando confrontado com a opinião contrária procura a vitimização – sinal de egocentrismo intelectual – em vez de reconhecer que o adversário poderá ter razão. Reconheço que às vezes posso cair no fanatismo, embora procure manter a lucidez, mas não insulto o meu adversário, embora possa usar a ironia.

No seu comentário de ontem às 21:07 o DC disse "Se fiquei triste com as poucas derrotas nestes anos? Sim, fiquei", não era essa a questão nem foi esse o problema que eu levantei. Obviamente que nenhum portista gostou do resultado, mas a minha pergunta era se as exibições dos referidos jogos não reflectiam que a abordagem estratégica da equipa técnica não foi a melhor? Que se podia ter feito melhor? Ora na sua opinião parece que feito o «melhor possível» pois nas suas palavras de 22/08 às 15:36 disse " Eu estou muito feliz pelas duas últimas épocas, pelo futebol que vi nelas...", pois eu discordo, considero que em alguns jogos a abordagem estratégica e a táctica usada não foi a mais adequada, que o futebol exibido era inconsequente, e que era possível aperfeiçoar. Se eu interpretei erradamente as suas palavras, por favor corrija-me e explique-as de outra forma, pois não é minha intenção deturpá-las. Quando o FC Porto defronta um dos gigantes do futebol europeu – Barca, Real Madrid, Bayern Munique, Man United, etc – e perder, obviamente que ficamos desgostosos com o resultado, mas se virmos que os nossos jogadores derem o melhor, que a estratégia usada pela equipa técnica foi a melhor possível, que foi tudo ao nosso alcance e apenas a mais valia do plantel adversário – fruto da diferença financeira – levou à nossa derrota ficamos com a consciência tranquila apesar de não termos gostado do resultado final. Era esta a questão: saber se a estratégia usada foi a mais correcta e a melhor tendo em consideração a exibição futebolística da equipa e não unicamente o resultado final. Questão que o DC não respondeu referindo apenas que ficou triste com a derrota.

"evitarei até discutir mais consigo..." Nunca evitarei um debate de ideias ou um confronto de opiniões, mesmo sabendo que o meu adversário possa ser irracional em certas questões – porque todos nós o somos, eu incluído – nem usarei desculpas para fugir ao debate mesmo que me dirijam algumas “bocas”, porque é sinal de maturidade suportar essas “bocas” (diferente de insultos) e negá-las quando falsas. Também não usarei a personalidade – e os seus possíveis defeitos – do meu adversário para evitar debater, porque aí sim seria faltar ao respeito.

Que este nosso confronto de opiniões não seja obstáculo a que festejemos com a mesma alegria e fervor as vitórias e conquistas do nosso FC Porto.

Melhores Cumprimentos.