domingo, 16 de março de 2014

O “crime” compensou


Então, gostaram da arbitragem deste jogo?
A “sensibilização” aos árbitros (e não só), particularmente a que foi feita durante a última semana, valeu a pena?

Aos 44’, viram o Cedric a carregar o Jackson Martinez pelas costas, quando o colombiano estava no ar, impedindo-o de marcar aquele que seria o 0-1?
Aquilo é que foi uma falta feita com classe! Com tanta classe que Pedro Proença não viu, não assinalou o penalty que se impunha, nem expulsou o defesa sportinguista.

Jackson e Cedric (estas duas fotos falam por si)

Pergunta dos 8,6 milhões de euros: Como seria o resto do jogo (faltavam 46 minutos) com o sporting a perder por 0-1 e a jogar com menos um jogador? Pois, isso é daquelas coisas que não interessa nada…

E aos 52’, viram o golaço dos calimeros, na sequência de um “fantástico cruzamento de André Martins” para a cabeça de Slimani?
André Martins estava em fora-de-jogo (mais de um metro)? Que pena... Mas o que é que isso interessa?

E, já agora, interessa comentar o cartão vermelho direto (!) que Proença mostrou a Fernando (mais uma expulsão ridícula de um jogador portista em Alvalade), por este ter reagido a um comportamento incorrecto de Montero com um “gravíssimo” encontrão? Normalmente este tipo de lances não se resolvem com um amarelo para cada lado?

A expulsão de Fernando em Alvalade

O que interessa é que ninguém ponha em causa a “vitória justíssima” dos calimeros.

O que interessa é sublinhar que a “verdade desportiva”, à moda de Alvalade, foi salvaguardada por uma “arbitragem de grande nível” do melhor árbitro do Mundo. Depois do trabalhinho de hoje, Pedro Proença voltou a ser o melhor do Mundo, certo?

Acerca deste SCP x FC Porto e enquanto houve um jogo limpo, porque a partir do minuto 44 o jogo ficou inevitavelmente falseado, eu poderia ainda falar na fantástica exibição de Quaresma, que fez do pobre Cedric gato sapato, ou das três oportunidades flagrantes de golo dos dragões contra 0 (ZERO!) dos calimeros.

Também poderia falar que, apesar dos calimeros jogarem em casa e com 14 jogadores (11 mais o trio de arbitragem), no computo global dos 90 minutos o FC Porto foi quem teve mais e as melhores oportunidades de golo.

Num jogo cujo resultado final foi completamente adulterado por graves erros de arbitragem (inacreditável como não houve um único erro minimamente relevante em prejuízo dos calimeros!), uma palavra final para Helton: FORÇA CAPITÃO!


P.S. Se dúvidas tivesse (que não tinha), depois de ver e ouvir as declarações que fez hoje no programa Play-off da SIC Notícias, nunca votarei no sócio António Oliveira para a presidência do Futebol Clube do Porto. E mais, se após a saída de Pinto da Costa ele se candidatar, farei campanha activa contra ele.

P.S.2 Tal como o Miguel Guedes (tem estado muito bem como adepto do FC Porto no programa 'Trio de Ataque'), vou aguardar serenamente pelo próximo comunicado do Sporting Calimeros Portugal ou conferência de imprensa de Bruno Carvalho, cujo tema será, seguramente, relacionado com a arbitragem portuguesa e verdade desportiva...

44 comentários:

NFM monteiro disse...

O movimento do Sporting começa a dar resultado...

Acho que o Bruninho hoje não faz um comunicado

Pedro Albuquerque disse...

O crime não sei, mas quem não chora...

rbn disse...

Por que ninguém menciona que Cedric fez falta em Jackson no lance aos 43 minutos, em que Jackson perdeu o golo embaixo da baliza?
Era penalty e amarelo...

Será que amanhã os pasquins vão publicar na capa FORA DE JOGO???

rbn disse...

Por que será que ninguém menciona que Cedric fez falta em Jackson no lance aos 43 minutos, onde Jackson foi deslocado no ar e perdeu golo feito???
Era penalty e amarelo

Será que os pasquins vão publicar nas capas de amanhã FORA DE JOGO???

DC disse...

Fomos prejudicados sim, mas sinceramente, há tanta coisa mal no clube que acho que isso até pode ser benéfico. Esta época, se calhar, temos que bater bem fundo para que soem os alarmes na direcção do clube.
O Porto não pode ter um central como o Abdoulaye, não pode ter um médio incapaz como o Carlos Eduardo a titular (Josué, onde andas?), não pode estar dependente do Quaresma para criar perigo porque ele é demasiado inconstante.

Perdemos hoje o 2º lugar e ainda iremos provavelmente perder muita coisa até ao final da época. O essencial é que estas derrotas sirvam para construir o futuro. Vi hoje o Porto B e temos lá um ponta de lança FABULOSO, que arrisco dizer é já o melhor ponta de lança português. Se a época está praticamente perdida, pelo menos que se comece a trabalhar a próxima.

Pedro Albuquerque disse...

https://fbcdn-sphotos-a-a.akamaihd.net/hphotos-ak-ash3/t1/1975178_10203174077970616_2056624406_n.jpg

Miguel Ângelo VR disse...

Temos um lateral direito que é médio centro... Não temos jogadores que substituam os laterais. O Abdoulaye pode vir a ser um excelente central, mas neste momento não é, nem deveria jogar a titular... mas não temos outro (?).

O que dizer dos nossos alas? Há muito tempo que venho a sublinhar que precisamos de alas velozes (e bons de bola). Não temos. O Quaresma tem estado bem mas, viram os jogadores que o SCP colocou? Mané, Capel, Carrilho, Wilson Eduardo... Tudo jogadores muito rápidos, e bons tecnicamente. Até me admirei como é que eles não exploraram melhor os passes em profundidade, para trás das costas dos defesas do FCP. Os nossos contra-ataques raramente produzem problemas, pois os nossos jogadores são lentos, e os adversários são mais velozes...

Fazer melhor é difícil:
- a defesa treme que nem varas verdes;
- todos os jogadores são lentos, excepção para o Mangala (não é só neste ano que isto se verifica);
- temos sempre poucos jogadores no ataque, e estão sempre em más condições para alvejar a baliza (esta situação não é só deste ano);
- temos maus rematadores. Alguém se lembra do último golo fora da área? Eu não.

Enfim, na 5ª-feira há mais... O Luís Castro não pode fazer milagres, infelizmente.

Cumprimentos portistas.

Maria Lopez disse...

Passemos à frente o obvio: uma arbitragem vergonhosa e decisiva que será sempre associada à campanha do Bruninho e escória dos média lisboetas, Mas eu pergunto qual a resposta do FCP? Quem se manifestou, quem fez o contraponto, quem repos a verdade dos factos face às mentiras sucessivas e aquela classificação virtual falsa. Falo disto porque reflete o estado do nosso clube. A saída tardia do treinador como era obvio, e como sempre pretendeu passar o José Correia, não era a solução. Era inevitavel face ao evidente erro de casting, como era inevitavel contratar um extremo (Quaresma foi um bom remendo embora o seu cerebro continue a funcionar de forma muito intermitente). Volto a insistir no mesmo: plantel miseravel, com jogadores sem nivel que são o espelho da politica de empobrecimento do plantel que por diversas vezes comparei com a politica do país que esta como esta. Lamento que nestes blogs se continue a insistir na qualidade de Danilo, a comparar Carlos Eduardo com Deco, a desvalorizar João Moutinho (os planteis são identicos, "apenas" falta Moutinho), o homem que dava solidez à defesa, equilibrava o meio campo, dinamizava o ataque. Falam de Defour como substituto, de bradar aos céus...ridiculo. E depois deliram com opiniões que só encontro paralelo no Benfica de alguns anos: qualquer alma penada que faça uns bons minutos, que marque um bom golo ou que assista já é craque e deve ser titular: Ghilas, Josué, Quintero, Ricardo...Este era o Benfica há alguns anos. Já não interessa a consistencia, a regularidade e pressão dos jogos a sério...enfim, uma tristeza total. Tenho que estar de acordo com o DC, se começarmos a ganhar estes iluminados (dirigentes e adeptos) vão pensar que tudo esta bem e vão insistir na tecla de que o plantel é bom (inacreditavel!!!). E o pior, a exemplo de Portugal, é que depois vemos as contas pelas ruas da amagura (muito dificil de perceber), vai ser preciso mais asuteridade e vender (eu já me rio para não chorar, vejo 10 tipos no SLB que valem mais de 20 milhoes, no Porto vejam 1 ou dois).
Temo um ciclo muito negro e duvido da actual capacidade de Pinto da Costa para dar a volta. Como sempre espero estar enganado.

Dr Estranho Amor disse...

A verdade é que tudo isto dá muita pena. Pena,muita pena. Até um pouco de vergonha alheia dá esta campanha contra a arbitragem, as queixas por dois minutos de atraso na Taça da Liga, as audiências com Secretários de Estado a pose de constante prisão de ventre do Bruno. É tudo tão enojante, tão fake, tão sobredimensionado, tão histriónico e histérico, que dá pena, muita pena. Desculpem, mas não os consigo levar toda esta gente a sério, nem tomar como ofensas coisas que são, obviamente, consequência de anos e anos de Belenização galopante. A sério que dão pena.

Josef K. disse...

O DC e a Maria Lopez já disseram o que penso sobre o jogo e o momento atual do FCP.
Nesta época resta segurar o 3º lugar (o 2º é possível mas já não depende de nós) e preparar muuuito bem a próxima época. Precisamos de bons ovos e de um cozinheiro que saiba fazer uma boa omelete.
E pra termos um e os outros, é preciso que a Administração comece a arrepiar caminho. Já rolaram cabeças na equipa técnica, no final da época vão-se embora certamente jogadores no plantel, e na outra parte diretamente ligada diretamente à situação que atravessamos (não é só quando se ganha que são responsáveis!)? Fica tudo na mesma?

Nightwish disse...

E falta um penalty na segunda parte da qual houve uma única repetição mas em que o Jackson foi claramente puxado.
Já nem o Proença se aproveita nesta liga.

E DC, desculpa lá, por muito mediocre que ainda esteja o FCP, esperava milagres em duas semanas? A verdade é que foi muito menos mediocre que os calimeros, e por muito pouco que seja, merecíamos outro resultado pelo que fizemos e pelo que o árbitro não deixou.

Saci Pererê disse...

Boa noite.
Em primeiro lugar quero desejar as melhoras do nosso guarda-redes e capitão Helton. Espero que volte rapidamente e em grande forma.

Não vou fazer referências à arbitragem, acho que já todos estão esclarecidos.
Faço a análise à equipa e ao futebol que jogámos hoje.

Em primeiro lugar considero que a equipa até ao final da época vai-se ressentir do comando de Paulo Fonseca. Não há milagres. Queimaram-se jogadores sem qualquer razão. Com a saída de um jogador como Moutinho e sem alternativa à altura o ex-treinador considera que deve mudar a estrutura do meio-campo(coração e cérebro da equipa), e rebentar com os mecanismos tanto defensivos como atacantes (onde já antes de Fonseca aterrar, sentíamos dificuldades).
por muito bom que seja este novo treinador, mudar tudo em 15 dias é impossivel. Considero infelizmente que esta época está perdida, e que tudo o que o Luís Castro conseguir ganhar,é um excelente feito.

Em relação ao jogo de hoje.
Mangala fez um jogo vergonhoso, perdeu bolas inacreditáveis e nota-se que continua a existir uma falta de concentração inaceitável a este nível. Não se recomenda que o jogador se sente no banco, porque de instabilidade já tivemos mais do que suficiente, mas é importante que corrija estas falhas gravíssimas.

Jackson não merece ser titular neste momento. Acredito que o cansaço e a falta de motivação sejam neste momento a razão principal para esta quebra de forma. Por outro lado acredito que Ghilas (como podia P. Fonseca ter este homem remetido para os 5 mins) pode fazer mais neste momento.

Por ultimo espero que o Fabiano aproveite a oportunidade que lhe chega por infelicidade do Helton.

Faz falta ao Porto um jogador com a classe de Quaresma. Acho que se andou a desperdiçar muito tempo para lançar um Quintero, um Kelvin, um Iturbe, até mesmo um Tozé. Agora não é o momento para o fazer, mas faz falta ao Porto mais elementos que desequilibrem. Mesmo pensamento em relação a alternativas para as laterais (que permitissem descansar os dois titulares).

DC disse...

Deixe-me só esclarecer que eu não acho o nosso plantel fraco, muito menos comparado com o do Sporting.
Acho sim, que foi ridículo ter deixado sair Otamendi e Lucho em Janeiro e ter mantido PF. Foi a direcção e os seus erros que perderam o jogo hoje, muito mais que os de qualquer árbitro.


Considero que temos um plantel com muitos jogadores subaproveitados que com um treinador a sério lutará sempre pelo título. Porém, com a saída do Nico ou o Reyes "explode" ou temos necessariamente de ir ao mercado por centrais a sério. Já no meio campo, acredito em Defour, Josué e Quintero. Acredito muito menos no Carlos. Mas é preciso um treinador que os saiba potenciar. Daí que, se havia um treinador mau, considero ainda mais estapafúrdio ter despachado dois dos jogadores mais experientes do plantel em Janeiro.

Louro disse...

..Hoje fomos vigarizados, roubados, vilipendiados, espoliados... só para acrescentar que Helton foi assistido durante 3 mns e com as substituições, o arbitro deu 4 mns quando deviam ter sido 7 e mesmo nesses 4 jogaram-se 2..!
O Porto jogou bem na 1ª parte apesar da inépcia de Varela que não entendo como pode ser titular. Com varias ocasiões de golo contra ZERO do clube da casa, Cedric impediu Jackson de inaugurar o marcador aos 44mns- penalti e expulsão...
Na 2ª parte perdemos fulgor físico ( a Liga Europa pesa), mas a equipa ficou afectada com o golo em off side e com a lesão grave do Helton...
Estamos a jogar melhor mas é preciso motivar estes jogadores, pois 5ª feira temos uma final, no entanto concordo que Danilo, Abdoulaye e Varela não dão garantias a um clube tão grande como o nosso.
De salutar Quaresma pela enorme 1ª parte e também pelo facto de termos ganho um guarda redes (teve duas grandes saídas com os pés) apesar de ser á custa da lesão do Helton.
Comecem a apostar no Ricardo na direita, no Rafa na esquerda, no Ivo , Tozé , Mikel, Gonçalo..em suma a preparar a próxima época, mas sem esquecer que temos 3 taças para vencer!..
P.S.Só tenho pena de não termos mudado de treinador em Dezembro!

José Correia disse...

"não pode ter um médio incapaz como o Carlos Eduardo a titular"

Segundo veio a público, o Carlos Eduardo tem andado a jogar limitado e é notório um menor fulgor físico.

Veremos na próxima época. Eu acho que o DC se vai enganar em relação ao Carlos Eduardo.

José Correia disse...

"qual a resposta do FCP? Quem se manifestou, quem fez o contraponto, quem repos a verdade dos factos face às mentiras sucessivas e aquela classificação virtual falsa"

Esta época faltou competência na escolha do treinador.
Faltou competência na gestão das entradas e saídas do plantel.
Mas também faltou competência na forma como são geridos os bastidores do futebol português.
O FC Porto foi "comido" e de que maneira quer pelo slb, quer agora pelos calimeros.

José Correia disse...

"Acho sim, que foi ridículo ter deixado sair Otamendi e Lucho em Janeiro e ter mantido PF. Foi a direcção e os seus erros que perderam o jogo hoje, muito mais que os de qualquer árbitro"

Podemos discutir (noutros artigos) o impacto das saídas de Otamendi e Lucho em Janeiro, mas por favor, minimizar o impacto que os erros de arbitragem tiveram no jogo de hoje, só por má fé.

meirelesportuense disse...

A posição de António Oliveira é coerente ele nos deve-haver entre Porto e Sporting tem uma tendênciazinha para o verde e branco!...Já o disse aqui que não entendo como não reage no Programa às provocações constantes sobre o seu próprio irmão.Se não o faz quando em causa estão familiares directos como reagirá se é o Clube a ser questionado?...Esqueceu completamente a "tentativa de assassínio televisivo de carácter" de que se queixou um dia?...Não acredito.
Quanto ao jogo mais do mesmo, "Porto roubado é árbitro louvado" e o contrário é crime de lesa-Pátria!...Tenho muitos anos de futebol na memória, sou do tempo das "avarias de material" cirúrgicas.Hoje a falta de vergonha é ainda menor.Porque é sustentada pela opinião da Maioria Silenciosa.
-Porto foi mais prejudicado pela arbitragem? 36%.
-Foi o Sporting mais prejudicado?14%.
-Sporting mereceu ganhar? 50%.

meirelesportuense disse...

E também desejo as rápidas melhoras do Helton...Sei como dói aquele tipo de lesão...Mas sinceramente espero que o Fabiano não desiluda e aproveite esta oportunidade.

Costa disse...

E que dizer dos FDP travestidos de jornalistas desportivos que a comentaram em direto e com varias repeticoes o lance aos 44min, com um 'contacto com Jackson que o impede de cabecear nas melhores condições' sem que utilizem a palavra PÊNALTI ?

Jorge Vassalo disse...

Tudo isto me enoja e enjoa. Este jogo hoje enojou-me. Vi-o em casa do meu pai, sportinguista, e achei-o nojento. Não vou sequer comenta-lo, já tudo foi dito.

Quero é dizer-vos, caros Portistas, que acredito nas 3 verdades fundamentais, para mim, do nosso Porto:

- Não há cá vedetas. Não me venham falar de contratar jogadores reconhecidos. Não é esse o ADN do Porto. O ADN do Porto é cria-los, potencia-los, não recebe-los. Nada há de errado com o Carlos Eduardo (condicionado fisicamente), o Quintero ou o Licá. Vieram agora. O Emerson demorou 2 épocas a acontecer, como o Falcao, o Lucho e por ai em diante. O Ghilas é bom, o Reyes também. O Anderson. O Sapunaru. Entre tantos, tantos outros.

- Estão á espera de justiça na imprensa? Nos comentários? Nasci em 78, nunca vi um Porto bem amado. Vi o Porto ganhar a Champions com o Mourinho e a capa da borla ser do benfas. Estavam à espera do quê? Já se sabe, Porto à Porto ignora esse vento, sabe que só ele terá a cassete ad infinitum por uma coisa que todos faziam, ganhará sem gloria nem aclamação. É a luta que nos faz fortes. O "já vão ver" que faz com que seja do Porto. Ou acaso seremos nós os calimeros? Pra cima deles, caralho!

- E finalmente, o Presidente errou, sim. Este ano foi um tiro no pé. Em 30 anos de grande glória e luta. Reagrupar, puxar valores da B (Tozé, G.Paciência,Ivo R, Mikel, entre outros), treinar treinar treinar. Confio que a casa ficará em ordem e para o ano entraremos com um bom treinador (Pode ser este! Gosto muito de Castro! Não acredito que alguém tenha algo a dizer sobre ele!) e uma atitude à Porto. Vamos a eles!

Somos Porto!

Brandon Salvador disse...

Mais nada a dizer !
Gosto muito de Castro tambem, e sei que so esta no Porto a 2 semanas, mas queria ver mais oportunidades dadas aos B's.
E gostava de saber onde anda o kelvin ??

DC disse...

José concordo que o árbitro teve influência mas a verdade é que o 5lb vai a Alvalade sofrer um golo irregular e tem capacidade para recuperar. Nos não tivemos. Quantos anos seguidos temos sido roubados em Alvalade? E quantos jogos perdemos?

DC disse...

Não esperava. Daí não imputar responsabilidades ao Luís Castro e sim à direcção.

Madureira disse...

Arbitragem vergonhosa, mais uma, como tem acontecido ao longo dos anos na casa do sporting! Quanto á nossa equipa excelente 1ª parte do quaresma, que praticamente levou á equipa ás costas e foi dele que saíram quase todas as jogadas de perigo. A defesa até dá dó, sinceramente se Mangala é para continuar a jogar assim é melhor vende-lo, Abdoulaye é um jogador medíocre, sem capacidade alguma para ser titular numa equipa como a do Porto, Alex Sandro uma lastima, perdeu lances e bolas uns atrás dos outros, falta claramente outra opção para aquela faixa. Deffour voltou á banalidade de sempre e nisso foi acompanhado pelo Varela faz 1 jogo bom e 5 que nem se ve, C.Eduardo desapareceu por completo desde a lesão e Jackson, bem Jackson não quer nada com isto! Uma palavra para L.Castro, eu gosto de L.Castro, sente o clube, tem um discurso razoável, tenta transmitir outra forma de estar em campo mas com o que herdou...

Luís Vieira disse...

Arbitragem perniciosa, com influência directa no resultado, mas que não desculpabiliza a incapacidade do FCP em dar a volta ao rumo dos acontecimentos. Na 2ª parte tivemos apenas uma oportunidade clara de golo, que o Jackson falhou clamorosamente, como tem vindo a ser seu timbre. Apesar disso, fizemos uma 1ª parte interessante, com 3 hipóteses flagrantes para marcar, mas a falta de eficácia penalizou-nos demasiado. Neste período, o Quaresma esteve endiabrado e fez o que quis do Cédric. Deliciosa a finta de partir os rins, culminada com uma assistência de letra, bem como o remate em arco à trave. Para não falar na entrega ao jogo e na participação defensiva. Passo a palavra aos seus detractores que acham que ele não acrescentou nada ao Porto (sic), que foi um tremendo erro de gestão, ao nível do negócio Postiga/Pedro Mendes (sic), que, quais profetas da desgraça, traçaram-lhe um futuro risível, que ele agora limita-se a cumprir inexoravelmente, dando-lhes razão (sic). Absurdo. Quanto ao resto, não há muito mais a destacar: os laterais brasileiros estão anedóticos, principalmente o Alex Sandro (culpa da SAD que não garantiu alternativas - que jeito dariam o Sílvio ou o Piris, por exemplo); os centrais tremem que nem varas verdes e perdem bolas estupidamente (a abordagem do Abdoulaye ao lance do golo do Slimani é inenarrável); o meio-campo, descontando o Fernando, é engolido em jogos de maior exigência (o Carlos Eduardo e o Defour são uma sombra de jogadores como Lucho e Moutinho); o ataque vive das iniciativas do Quaresma, porque o Varela é inoperante, incapaz de desequilibrar, ao passo que o Jackson regrediu de um ano para o outro. O campeonato fechou para obras, o 3º lugar é quase uma fatalidade e cuidado com o Estoril, que tem vantagem no confronto directo. Há um aspecto positivo: se não nos apurarmos directamente para a Champions, a SAD, obrigatoriamente, vai ter de trabalhar bem no planeamento da próxima época porque é imperativo entrar na fase de grupos da prova milionária, para garantir os milhões necessários à gestão de risco do clube, agora mais do que nunca. Não deveria ser assim, o clube não deveria andar a reboque do dinheiro, mas parece que, mais do que a fome de títulos e de engrandecimento do clube, o que move neste momento a cúpula directiva é o negócio. Por isso, estando os milhões em perigo, pode ser que se mexam como deve ser, tal e qual o Verão de 2010.

José Correia disse...

"concordo que o árbitro teve influência mas a verdade é que o 5lb vai a Alvalade sofrer um golo irregular e tem capacidade para recuperar. Nos não tivemos"

DC, se a única queixa do FC Porto fosse o golo do Slimani (o único golo do desafio e, por isso, determinante para o resultado final) ter sido precedido por um fora-de-jogo claro (André Martins está mais de um metro adiantado!), eu quase que poderia concordar com esta sua afirmação.

Mas muito mais grave que o golo dos calimeros ser irregular foi o lance entre Cedric e Jackson aos 44'. O erro (inquestionável) de Pedro Proença neste lance, não só impediu o FC Porto de se colocar em vantagem no marcador, como fez com que os calimeros continuassem com 11 jogadores. Ou seja, foi um erro com implicações brutais no resto do desafio.

Se Pedro Proença tivesse ajuizado corretamente este lance, não tenho qualquer dúvida que o FC Porto teria saído de Alvalade com uma vitória e em 2º lugar no campeonato.

Luís Vieira disse...

Só uma nota: irrita-me profundamente o branqueamento que alguma comunicação social está a fazer, por um lado, dos erros de arbitragem, por outro, da sorte/eficácia que o Sporting teve. Face ao que foi o jogo, o resultado acertado seria o empate, nunca a vitória do Sporting. O Sporting foi aquilo que se esperava que fosse (embora não o tenha sido contra o Benfica na Luz): aguerrido, organizado, compacto, de processos simples, eficaz. Mas não justificou a vitória, como querem fazer crer, por isso tiradas como "Sporting vence com justiça o clássico dos milhões" ou "leão de garra e classe deixa dragão de pernas para o ar" são um insulto à inteligência, mesmo dos sportinguistas. A Bola neste aspecto é execrável, até o Record, pasme-se!, faz referência aos erros de arbitragem.

Daniel disse...

Subscrevo, até na parte de ter visto o jogo na casa do pai sportinguista e acrescento também o irmão sportinguista. Não achei nojento mas levei o resto do jogo após o golo irregular a ouvir falar de lances que prejudicaram o sporting..ou seja nem quando são beneficiados se calam. E vai ser assim o resto da semana, não tenham dúvidas.

giovani disse...

Não nos enganemos mais! Neste momento estamos no que de pior tinham o Benfica e o Sporting há uns tempos. Do primeiro, o olhar para o passado glorioso através da fixação doentia no museu do clube, do segundo, o conformismo com o fado das derrotas. Herdámos o mau e não o bom, nem a construção de uma equipa com valorização sistemática de jogadores e muito menos uma equipa a jogar futebol, virando resultados, com um orçamento de tostões e jogadores formados no clube. Todos sabemos de quem é a culpa. É de alguém que em vez de agir a tempo e horas, apenas reage, tarde e mal. Alguém que teve, desde Vilas-Boas, mais que tempo para escolher um treinador de jeito e anda a jogar na roleta russa a ver no que dá. Alguém que rejeitou Leonardo Jardim, contra o resto da SAD e lá colocou um neófito. Alguém que nada aprendeu com o título caído do céu ao minuto 92. Alguém que afasta bons gestores e mete fulanos do tipo Fernando Gomes, que nada é fora das "políticas palacianas". Alguém que já nem os adeptos mais fanáticos convence, está a mais... e enquanto não se afastar, temo que o plano será cada vez mais inclinado. É horrível dizer isto acerca da pessoa a quem tanto devemos, mas é a lei da vida, as pessoas - todas - têm um apogeu e um declínio e as grandes sabem reconhecer esse ciclo e tratar da renovação a tempo. A decadência da pessoa que estimamos iniciou-se indelevelmente com o protagonismo que deu a Carolina Salgado no clube e nos danos irreparáveis que a mesma causou na imagem do mesmo. Não nos iludamos com as arbitragens, nem com essa conversa que apenas serve para manter a mediocridade que se apoderou do clube, pois já estivemos com uma larga vantagem que foi delapidada por culpa própria.

Sansoni7 disse...

Olá

« P.S. Se dúvidas tivesse (que não tinha), depois de ver e ouvir as declarações que fez hoje no programa Play-off da SIC Notícias, nunca votarei no sócio António Oliveira para a presidência do Futebol Clube do Porto. E mais, se após a saída de Pinto da Costa ele se candidatar, farei campanha activa contra ele.»

Caro josé correia, o que disse António Oliveira de tão gravoso?

Relativamente a Miguel Guedes...tenho gostado de o ver defender o seu FCPorto....e contra aqueles dois/três até que nem tem sido fácil.
Um palavra de muita força para Helton...estámos contigo capitão!

Cumprs
Augusto

DragaoMinho disse...

Meu caro o problema do FCP e da "aproximação" dos rivais não penso que se deva a falta de capacidade do presidente nem de estrutura diretiva nem podemos congeminar teorias da conspiração acerca dos nossos rivais ou sobre arbitragens!
O problema do FCP deve-se a empresários e bancos, quando ha bancos que financiam clubes ate á exaustão de divida criando passivos gigantescos e em contra partida o nosso clube tenta gerir esse mesmo passivo , ficamos em desvantagem na contrataçao de bons jogadores, que depois rumam aos nossos rivais, sendo cada vez mais dificil ter vantagem competitiva!
Nao se quer gastar dinheiro na sad numa altura em que o futebol exige cada vez mais investimento e é cada vez mais dispendioso, isto inviabiliza excelentes contratações, e temos que ir buscar jogadores como quaresma(custo zero) em vez de um Bernard so para dar um exemplo!
A isto juntam-se os empresários de jogadores, e fundos de investimento que metem a pata em tudo só olham a quem da mais, como o nosso clube não quer gastar dinheiro, as boas contratações fogem e o que nos resta é Licás carlos eduardos, josues e outros assim!
Compreenda que estou de acordo com muito do que escreve mas tambem é preciso dar um olhar para o que o mudou fora do clube nos ultimos anos!
Saudaçoes

Deco disse...

tudo isso com um FC Porto que não joga a ponta dum c****! onde vale Fernando, Quaresma a espaços e onde Ghilas fica no banco a descansar. Mais do que pelos erros de arbitragem, fico triste pela nossa qualidade de jogo, porque tenho a certeza que mesmo prejudicados pela arbitragem, um FC Porto minimamente competente, não dava qualquer hipótese a esta equipa calimera onde William foi o único a revelar categoria.
Fico a esperar melhores notícias quinta-feira.
Na próxima época já se sabe, é fazer terraplanagem da concorrência.

Miguel Ângelo disse...

O Kelvin? Esse jogou ontem na equipa B... e jogou mal. Tirou o lugar ao Ivo que tem estado a ser um dos melhores... O Ivo, o Tozé, o Kayembe e o Domingos Paciência têm estado muito bem. Já merecem ser integrados com a equipa principal, por exemplo. Talvez nos surpreendessem (a mim nem por isso).

Jorge Vassalo disse...

Concordo com o Miguel Ângelo. Porquê sempre os mesmos?

Mário Faria disse...

Obviamente, o cenário foi preparado para produzir diversos efeitos. Tirando um ou outro comentador, a palhaçada montada por Bruno de Carvalho foi sempre tomada como adequada aos roubos de que o SCP vinha sendo alvo e que vinham sendo denunciados com muito choro e raiva. A opinião publicada, legitimou a bondade do acto. Muito pior do que a arbitragem de ontem, foi o circo montado á sua volta para a influenciar. O que se esperava se houvesse lances duvidosos? Era inevitável que caísse a favor do SCP. Foi o que aconteceu. Bruno Carvalho venceu, não foi a equipa. A vitória foi construída com erros de arbitragem, esse é um facto que não pode ser branqueado e não devemos permitir que o seja. E não me reporto tanto à condenação dos árbitros como os maus da fita, mas à campanha do Bruno Carvalho. Essa gente não pode ser poupada e deve ser tratada da forma que merece: sem respeito tal como “Basta” fez por gestos, palavras e actos, que ilustres senhores, doutores e senadores acompanharam, alarvemente.
No campo, os jogadores comportaram-se bem, houve luta e sempre dentro do quadro normal. Nada a dizer, salvo a expulsão de Fernando. Essa até me apareceu a maior fraqueza do árbitro, uma espécie de pontapé no dragão já sem quase poder de fogo. Essa foi para mim uma forma, ainda que involuntária, de se juntar ao golpe de mão covarde de Bruno de Carvalho. Não havia necessidade e não lhe ficou bem Pedro Proença.
O FCP teve duas caras como vem sendo habitual. Ontem, sentiu-se mais porque Defour não esteve tão bem como nos últimos jogos e Carlos Eduardo – que limitou bem a acção de WCarvalho no primeiro tempo – desapareceu mais uma vez, na segunda parte. Gosto de Quintero, mas tem que jogar na ala ou mais à frente e perto de Martinez, porque lhe falta capacidade de choque e de combate na zona central. Não sou capaz de definir que o plantel do FCP é fraco, porque há quem faça melhor com menos. Iria repetir-me, mas constato com alguma estranheza que não somos eficazes quando temos de defender lá atrás, nem quando reforçamos a zona central com mais gente, nem quando jogámos em ataque continuado e muito menos quando procuramos o contra-ataque porque falta explosão e velocidade na nossa frente atacante. Na época passada, tínhamos bola que nos defendia mais do que nos balançava no ataque. A equipa mantinha-se equilibrada e acho que o treinador tirou o máximo do grupo que tinha, não obstante tantas exibições descoloridas. Mas, hoje estamos pior, talvez porque se pensasse que o défice que a equipa apresentava residisse na incapacidade do treinador introduzir rotinas qua a tornassem mais activa na zona de fogo. Estamos bem pior: a equipa está menos coesa, mais cansada e continua desequilibrada. Se não fora, ontem, Quaresma o que restava da nossa frente atacante para desequilibrar? Alguma fragilidade individual pode ser camuflada com um colectivo forte, qua não se foi capaz de constituir. A denúncia da palhaçada desta jornada, não pode escamotear os erros próprios e como os vencer na presente época? e na preparação da próxima época que vai começar cedo, com muitos jogadores a chegar tarde por causa do mundial.

Fernando B. disse...

Sem a menor duvida uma arbitragem de verdadeira falcatrua... o fora-de-jogo, dada a posição do Auxiliar ( que é a vedeta !!), ainda sou capaz de pensar, " estava amedrontado com o Basta ! ", agora a carga no Jackson...e esta é do melhor do mundo, o PP ! enfim, surpresa nenhuma !

Agora olhemos também um pouco para a nossa casa...Voltemos a Julho de 2013 ! uma equipe tri-campeã e 70 Milhões de Euros na mão... alguém quer fazer um relação das asneiras da SAD nestes 8 meses !! Incrivel sm duvida...

Sansoni7 disse...

Olá
Uma reflexão que merece e deve ser efectuada... no local próprio...a Assemblia Geral do Clube.

Comungo de muitas das ideias aqui expostas.

Cumprs
Augusto

DC disse...

Miguel, o Kayembe, nem para limpar as botas ao Licá serve.
O Ivo ainda está muito verdinho, muito individualista. O Kelvin não esteve assim tão mal, esteve bem melhor que o Ivo no jogo anterior em que era preciso uma bola só para ele.
Quanto ao Tozé e principalmente ao Gonçalo concordo.

DC disse...

José, já viu o Porto ganhar um jogo ao Sporting em que ficaram 4 penalties por marcar para nós, já vi o Porto lutar contra 14 várias vezes em Lisboa e não perder.
Concordo que fomos prejudicados mas a falta de reacção após o golo sofrido, contra uma equipa medíocre como o Sporting, é preocupante. Temos que estar preparados e mentalizados para jogar contra 14 várias vezes e é o que temos feito normalmente. Esta época é fácil acabar com este Porto, qualquer habilidoso o consegue.

José Correia disse...

"o que disse António Oliveira de tão gravoso?"

Eu não quero para dirigentes do meu clube indivíduos que, notoriamente, se preocupam mais em agradar aos amigos de Lisboa (do futebol, do jornalismo, da política, etc.), do que em defender, intransigentemente, os interesses do FC Porto.

Do meu ponto de vista, quem quiser ser presidente do FC Porto, tem de colocar os superiores interesses do FC Porto acima de tudo, incluindo família e amigos.

José Correia disse...

"Esta época é fácil acabar com este Porto, qualquer habilidoso o consegue"

Por isso mesmo, os erros indiscutíveis desta arbitragem são ainda mais gravosos.

Luís Castro pegou numa equipa doente e, aos poucos, esta vinha mostrando sinais de melhorias. E, como todos sabemos, parte da cura passa por alcançar vitórias.

A lamentável arbitragem deste SCP x FC Porto não tirou apenas 3 pontos ao FC Porto e ofereceu-os aos calimeros (ou seja, um impacto total de 6 pontos na luta pelo 2º lugar). Foi também uma machadada no processo de recuperação da equipa portista.

MMF45 disse...

Eu como portista o meu maior desejo, era que na próxima epoca na equipa principal só estar o Quaresma e o Gilas todo o resto do plantel actual pode ser vendido(se aparecer comprador) a mim nenhum me vai deixar saudades tanta é a mediocridade que tenho visto estes ultimos 3 anos. Chega de vergonhas palhaços, jogai à bola sois pagos bem demais para isso.

Josef K. disse...

Sempre curiosa esta mania do "local próprio" para se comentar a atual situação do clube. Por acaso quando alguém critica o Governo (ou os políticos, quaisquer que sejam) no facebook, num blog ou em casa de amigos também tem de se candidatar a deputado? Sim, porque convenhamos que a "Assembleia Geral" do País é a Assembleia da República...

Concordo com o giovani com uma nuance: não me parece que todas as decisões erradas de gestão sejam da responsabilidade exclusiva do PC. Há mais gente no conselho de administração e custa-me acreditar que tenham estado todos contra as decisões que nos levaram até aqui.