segunda-feira, 26 de maio de 2014

O “Sistema” segundo Preud’Homme

Michel Preud’Homme foi um extraordinário guarda-redes belga (considerado o melhor guarda-redes do Mundial 1994), que chegou ao SL Benfica em Agosto de 1994 e permaneceu como guarda-redes das águias durante cinco épocas (até 1999).

Numa recente entrevista ao site Maisfutebol, “Saint Michel”, como era conhecido pelos adeptos benfiquistas, tantas foram as vezes que salvou a sua equipa com defesas impossíveis, foi questionado como é que, em cinco temporadas ao serviço dos encarnados (1994 a 1999), só tinha ganho uma Taça de Portugal.

Parece impossível, não é?”, foi a resposta de Preud’Homme ao jornalista do Maisfutebol.

Recordo que, nessas cinco temporadas, o FC Porto dominou, de forma esmagadora, o panorama do futebol português.

É frequente (muito frequente) ouvir benfiquistas e sportinguistas, incluindo dirigentes e ex-dirigentes desses clubes, explicarem o sucesso desportivo do FC Porto nos últimos 30 anos como sendo resultado do tenebroso “Sistema”.

Ora, Michel Preud’Homme, que viveu por dentro o “período áureo” desse “Sistema” (foram os cinco anos do Penta), explicou, para quem o quis ouvir, o que era esse famoso “Sistema”.

O Benfica não estava forte e o FC Porto era muito melhor. Nessa fase o domínio deles era intocável. Tinham uma espécie de superioridade moral nos jogos contra nós, eram arrogantes no bom sentido. No futebol isso é um bom começo de conversa”.

E quando confrontado pelo jornalista do Maisfutebol acerca dos famosos 0-5 na Luz para a Supertaça, a resposta, entre risos, foi a seguinte: “Pergunte-me tudo, menos para analisar esse jogo”.

Eu acho que este tipo de entrevistas são uma maldade e não deviam ser feitas. Andam os benfiquistas (e sportinguistas), há tantos anos, a atribuir todos os méritos ao “Sistema” e afinal…

6 comentários:

João Bastos disse...

Curioso como esta entrevista foi pouco divulgada. Porque será? Obra do acaso, certamente.

miguel.ca disse...

A verdade é como o azeite...

Miguel Ângelo VR disse...

Se ele tivesse dito que o FCP só ganhava com a ajuda dos árbitros, da fruta, etc... A entrevista aparecia em todos os jornais e até na TV. Como ele muito simplesmente descreveu aquilo que era um facto, ninguém quer saber.

Jorge Portojo disse...

Sistema é sistema, e só espero que para o ano ele volte.

Bacalhau_com_belgas disse...

De um lado e de outro, aparentemente cada um acredita no que lhe da mais jeito e conforto espiritual: a vermelho, so corrupcao: a azul, so pureza...

meirelesportuense disse...

E vice-versa!...Que os nacos de fruta boa dados aos Juízes Estrangeiros nos hóteis Lisboetas está documentado!
Até pela BOLA...