sexta-feira, 23 de maio de 2014

SAD não precisa de vender Mangala e/ou Jackson

05-02-2014
A Futebol Clube do Porto – Futebol, SAD, informou ter chegado a acordo com o Valencia Club de Fútbol, para a cedência dos direitos de inscrição desportiva de Otamendi, pelo valor de 12.000.000 € (doze milhões de euros).
Este acordo prevê o pagamento de uma remuneração variável, pelo que o montante global a receber poderá atingir os 15.000.000 € (quinze milhões de euros).

09-05-2014
O Kasimpasa oficializou a contratação, a título definitivo, de André Castro. Através do seu site, o clube turco revelou que o contrato com o ex-jogador portista é por três anos (estende-se até 2016/2017).
Os valores envolvidos na operação não foram referidos (a comunicação social referiu que o negócio envolve verbas na ordem dos três milhões de euros), mas sabe-se que Castro tinha sido cedido por empréstimo, com direito a opção de compra por parte do clube turco.

22-05-2014
A Futebol Clube do Porto – Futebol, SAD, informou que o Hellas Verona Football Club exerceu a opção de compra dos direitos de inscrição desportiva de Iturbe, pelo valor de 15.000.000 € (quinze milhões de euros).

O JOGO, 23-05-2014

Resumo do encaixe da FC Porto SAD, com empréstimos e transferências, no exercício 2013/2014 (de 1 de Julho de 2013 a 30 de Junho de 2014):
- Rolando (empréstimo ao Inter): 1 milhão de euros
- Atsu (transferido para o Chelsea): 4 milhões de euros
- Otamendi (transferido para o Valência): 12 milhões de euros
- Castro (transferido para o Kasimpasa): 3,5 milhões de euros
- Iturbe (transferido para o Hellas Verona): 6,75 milhões de euros

Total (até 23-05-2014): aprox. 27 milhões de euros

O JOGO (capa), 23-05-2014
Para além destes jogadores, há o caso de Fernando, cuja saída (para Inglaterra) a RTP e O JOGO dão como certa (O JOGO fala numa verba que deverá rondar os 20 milhões de euros).

Entretanto, em 18 de Maio, em declarações à imprensa italiana, Piero Ausilio, diretor desportivo do Internazionale, afirmou: “Queremos manter o Rolando connosco, mas não vamos perder a cabeça. O Rolando vai fazer 29 anos e negociar com o FC Porto pode não ser fácil. Mas é verdade que queremos que ele continue connosco e esperamos que a nossa vontade e a vontade do jogador tenham algum peso nas negociações.

A imprensa italiana referiu que o Inter está disposto a oferecer até 5 milhões de euros pelo passe de Rolando.

Ou seja, a confirmaram-se as vendas dos passes de Fernando e Rolando (por montantes próximos dos referidos), o encaixe total da FC Porto SAD, com empréstimos e transferências, irá saltar para valores na ordem dos 45 a 50 milhões de euros.

Isto significaria que a FC Porto SAD fecharia o exercício 2013/2014 com um resultado líquido positivo, sem necessitar de vender mais qualquer jogador, nomeadamente os muito falados Mangala e Jackson Martinez.

28 comentários:

Joao Goncalves disse...

O Porto não precisa de vender e queremos ficar com jogadores que não estão com a cabeça cá como é o caso do Jackson?

Isso sim é o aspecto relevante para além dele ter 27 anos.

O Mangala é um caso diferente pois esse quer continuar no Porto e cada vez que fala diz que está muito bem cá e que quer cá ficar e não pensa em sair, ao contrário do Jackson que já à mais de uma época que quer se por a milhas do dragão.

Deco disse...

Precisamos de vender porque precisamos de dinheiro para reforçar a equipa. Um bom extremo, um bom substituto do Fernando e mais um elemento com qualidade para o meio-campo. Se saírem Jackson e Mangala também precisamos de 2 bons jogadores para os substituir. Por Mangala deve chegar uma proposta grande, difícil de recusar. Jackson, penso estar na altura de sair, apesar de serem já muitas perdas significativas numa só janela de transferências.

Ivo Gonçalves disse...

"Isto significaria que a FC Porto SAD fecharia o exercício 2013/2014 com um resultado líquido positivo, sem necessitar de vender mais qualquer jogador, nomeadamente os muito falados Mangala e Jackson Martinez."

Possivelmente sim, mas com algumas condicionantes. Olhando para o relatório do 1º semestre de 2013-2014 temos:

- resultado líquido negativo de 29.239.000
- Atsu já entrou nas contas, tendo gerado uma mais-valia de 1.991.667 para um valor bruto de 3 milhões
- Nada é dito sobre o Rolando mas é mais credível que já tenha entrado nas contas
- Otamendi ainda não entrou nas contas

Posto isto temos:

- 12 milhões do Otamendi (tínhamos 100% do passe)
- ~3.5 milhões do Castro (tínhamos 100% do passe? Não encontrei esta informação nos RC)
- 15 milhões do Iturbe (tínhamos 45% do passe)
- Assumindo 5 milhões do Rolando (temos 85% do passe)
- Assumindo 20 milhões do Fernando (temos 80% do passe)

O que dá um resultado parcial líquido de 13.261.000, ao qual falta deduzir:

- os resultados financeiros do 2º semestre (necessariamente negativos)
- os resultados operacionais do 2º semestre (muito provavelmente negativos)
- imposto sobre o rendimento
- as aquisições para a próxima época que sejam realizadas até final de Junho

Só tendo em conta os 3 primeiros factores, é bem provável que não haja lucro ou que este seja baixo ~3-4 milhões. Ao que falta somar o último factor: as aquisições. Dando por boas a notícias que têm vindo a público temos:

- Opare e Ricardo a custo zero (podem e devem estar envolvidos prémios de assinatura/comissões/etc)
- Evandro: 1 a 2 milhões já com a troca do Licá

O que dá um resultado líquido final de ~1-2 milhões sem contratar mais ninguém. O que é manifestamente pouco tanto para reforço do plantel como para reduzir o passivo. Por isso, temos que vender pelo menos um deles (Mangala e Jackson). 30 milhões pelo Mangala renderia apenas 56.7% (17.010.000) e o mesmo montante pelo Jackson renderia 100%. Eu defendo a venda dos dois os que nos daria ~50 milhões de lucro neste exercício, o que permitiria reforçar o plantel com alguma liberdade e reduzir o passivo uns bons milhões.

Jorge Vassalo disse...

José, o talento de Jackson foi visto na época de 12/13. Mas a verdade é que ele agora não quer estar cá. E o Porto que eu cresci a amar sempre disse " Ai queres ir embora? Então boa viagem!" e raras vezes ficou a perder com isso. A condição do clube deve ficar boa sim - para poder encontrar alternativas para construir, que é por isso que Lopetegui tem um contrato de 3 anos.

DC disse...

Que não se venda Mangala então já que temos tão pouca percentagem do passe.
De resto, estas contas parecem-me demasiado simplistas.

DC disse...

O Porto que eu conheci tinha jogadores como Zahovic ou Deco a querer ir embora e só os deixava ir quando entendia que era realmente o momento certo e não quando os jogadores pediam.

José Lopes disse...

Nem mais!

Carrela disse...

Defour deve sair... com sorte por 8..10M

Jackson, infelizmente n está com a cabeça no FCP, por isso... SIGA!!!

+40M

José Correia disse...

«Olhando para o relatório do 1º semestre de 2013-2014 temos:

- resultado líquido negativo de 29.239.000
- Atsu já entrou nas contas, tendo gerado uma mais-valia de 1.991.667 para um valor bruto de 3 milhões
- Nada é dito sobre o Rolando mas é mais credível que já tenha entrado nas contas
- Otamendi ainda não entrou nas contas

Posto isto temos:

- 12 milhões do Otamendi (tínhamos 100% do passe)
- ~3.5 milhões do Castro (tínhamos 100% do passe? Não encontrei esta informação nos RC)
- 15 milhões do Iturbe (tínhamos 45% do passe)
- Assumindo 5 milhões do Rolando (temos 85% do passe)
- Assumindo 20 milhões do Fernando (temos 80% do passe)

O que dá um resultado parcial líquido de 13.261.000, ao qual falta deduzir:
(...)»

Bem visto.
É possível que mesmo com as vendas dos passes de Fernando e Rolando, isso seja insuficiente para a SAD apresentar um Resultado líquido positivo do exercício 2013/2014.

José Correia disse...

«José, o talento de Jackson foi visto na época de 12/13. Mas a verdade é que ele agora não quer estar cá.»

O que eu quis dizer é que, a confirmaram-se as vendas dos passes de Fernando e Rolando por montantes próximos dos referidos, isso significaria um encaixe total (que não é a mesma coisa que mais-valias) na ordem dos 45 a 50 milhões de euros.

Nesse cenário, a FC Porto SAD não estaria com a faca na garganta, a ter desesperadamente de vender.

José Correia disse...

«Jackson, infelizmente n está com a cabeça no FCP, por isso... SIGA!!!
+40M»

Por 40 milhões de euros (que é o valor da cláusula), o Jackson sai de certeza. Mas não acredito que algum clube esteja disposto a bater o valor da cláusula.

Quanto a estar ou não com a cabeça no FC Porto, penso que uma renovação do contrato, com valores melhorados para o jogador, resolvia o problema.

José Lopes disse...

Excelente comentario, Ivo.

Ricardo Rodrigues disse...

O empresário de Jackson ainda ontem disse que ele quer continuar...

Bluesky disse...

Jackson pode ir de vela... e nem deixará saudades por muito que tenha sido bi-melhor marcador....

miguel.ca disse...

O post está coberto de razão mas há que ter dois factores muito importantes em contact:
- A vontade dos jogadores e dos seus empresarios que a única coisa que vêm à frente é o "salto".
A vontade dos comi$$ionistas da SAD em abdicar dad suas preciosas comissōes.

Carrela disse...

Os 40M são Jackson + Defour

Eu pessoalmente acho Jackson do melhor que há, estou mesmo convencido que ele é MUITO melhor do que tem mostrado. Ele claramente não anda bem... seja físico ou mental ele claramente não está/esteve a 100%.

Pelo que se vê por ai, seria mesmo mt estranho um jogador desta categoria ficar + um ano no FCP.

Se renovassem e ele ficasse satisfeito, seria fantástico! Mas não acredito...

meirelesportuense disse...

Se os jogadores indicados quiserem mesmo ficar no FCPorto, então seria um bom ponto de partida para a nova época e um fôlego aceitável à priori...

Amphy disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Amphy disse...

O Jackson só tem dois anos de contrato, se fica mais um ano amuado, depois sai a custo zero. O problema de ter jogadores que gostam mais de dinheiro que do clube é mesmo este (de muito dinheiro, entenda-se).

Mas a bem dizer, ao Jackson foi prometido uma renovação que nunca aconteceu. E cheguei a ouvir alguém a dizer que isso estava tratado há largos meses. Era mentira.

Renova-se com o Mangala e permanece mais um ano, ou aproveita-se o hype do campeonato do mundo para sobrevalorizar. Se é um projeto novo, avança-se com as mudanças.

DC disse...

Duvido muito que o Mangala jogue no Mundial.

Amphy disse...

Deviam ter convencido o sheik do PSG a comprar francês. Ele esbanja fortemente.

Joao disse...

Fazer dinheiro com os excedentários (emprestados de longa duração, gajos que não querem estar no Porto, e gajos com salários demasiado incomportáveis para a nossa realidade), será essencial...

Já começamos a facturar alguma coisa mas parece-me insuficiente...





meirelesportuense disse...

Mas duvido muito particularmente da vontade do Jackson -já o Mangala parece ser menos influenciável- que me parece querer mesmo ir embora, ainda que o afirme falhando penalties de forma absolutamente incrível...Creio que contra o Benfica na última jornada, marcou um mesmo sem o querer fazer, tal a violência e direcção do remate...

Joao Goncalves disse...

O grande problema do Jackson é que foi contratado com a promessa que ia dar o salto e isso tem de ser comprido.

Ele não renovou provavelmente porque não quer a clausula nos 60M ou coisa assim ao mesmo tempo que assina um contrato com a extensão de mais 1 ou 2 anos do que tem, e aí já entra na caso dos 30 anos e ninguém lhe pega mais (daqueles que ele quer que lhe peguem como é óbvio).

O Mangala veio para cá com um intuito diferente... era um jovem em início de carreira e não lhe prometeram que ia dar o salto dois anos depois, um pouco como parece que acontece ao Reyes, mas esse nem sabemos se o ovo está bom ou podre (o futuro o dirá).

Contudo não me parece que nenhum deles irá ficar por cá e com muita pena minha, mas é a vida e estamos habituados a isso mas pode ser que sem dinheiro comecemos a ter jogadores mais tempo e com mais paixão pelo nosso clube, a vestir as nossas camisolas.

José Rodrigues disse...

Vocês estão-se a esquecer todos que há ainda q descontar o valor contabilistico do passe e comissões na venda. Infelizmente, o título do artigo está errado.

João disse...

E entretanto o tal Iturbe que era um buraco que não se conseguia potenciar sai por 15M€ com a perspectiva de ainda voltar a ser revendido por 20-25-30M€..

Curioso.

meirelesportuense disse...

A verdade é que o Iturbe foi mal cedido porque manifestava real capacidade de singrar no Porto.A partir do momento em que foi cedido, levou com ele agarrado uma cláusula de 15 Milhões que foram batidos na hora de o fazer...Se não tivesse mostrado qualidades em Verona essa cláusula não teria sido accionada e Iturbe teria regressado numa posição enfraquecida...Se não levasse consigo a referida possibilidade de aquisição Iturbe não teria em si o mesmo incentivo.
Quero com isto dizer que foi sempre esse o sentido desta transferência. Iturbe respondeu bem e valorizou-se.Agora será o Verona a potenciar ou não o seu passe.

Gugas disse...

Ora ai esta um excelente relatorio Ivo..
Assegurando como certos,os valores apresentados pela cedencia dos direitos desportivos tanto do Rolando- 5M..como do Fernando- 20 M ..partindo do fato que ficariam,apos as anunciadas aquisicoes 2 M em caixa, uma boa estrategia financeira e desportiva,seria alienar os 100% do passe do Jackson, por um valor na ordem dos 30 M..perservar a mais valia futura que e o Mangala, tentar tirar partido de receitas extraordinarias, passes de jogadores como o Kleber,o Walter,o Djalma,Abdulaye,Defour,e outros, afim de encaixes financeiros ou moedas de troca para reforco do plantel..medio defensivo,extremo de qualidade e um ponta de lanca similar ao racio qualidade-preco de Falcao ou Jackson..assim o encaixe financeiro rondaria os 30 M.. o passivo seria reduzido e desportivamente o plantel seria competitivo,com a ascensao de jogadores tipo Mikel,Toze,V.Garcia e Quino..acrescentaria a esse fato..potencias encaixes.. Stefanovic,Lica,Bolat,e alguns elementos da equipa B..valorizando o capital humano dessa mesma equipa,ja que o futuro treinador tem essa caracteristica..procurando nao repetir erros, como o do Seba o ano passado..esta sim,na minha humilde opiniao,seriam as directrizes a seguir.m