terça-feira, 6 de maio de 2014

Uma explicação aos sócios

Pinto da Costa é o presidente mais titulado de sempre do futebol mundial e é, também, o principal responsável pela transformação dos “andrades” em “dragões” (com tudo o que isso significa em termos de mentalidades e mudança estrutural do Futebol Clube do Porto).


Mas se Pinto da Costa é um presidente top, com um passado recheado de sucessos e mereceu todos os elogios que nós, adeptos portistas, lhe fizemos ao longo das últimas quatro décadas é também ele o principal responsável pelo descalabro desta época.

Foi ele, Pinto da Costa, que, em tempo oportuno, não renovou com um treinador que era campeão nacional, o qual, nos últimos meses da época 2012/2013, com um plantel limitado, continuava a lutar, taco-a-taco, com uma das equipas encarnadas mais fortes dos últimos 30 anos.

Foi ele, Pinto da Costa, que quis esperar pelo final da época 2012/2013 e, tendo em casa um treinador acabado de se sagrar bicampeão, não fez tudo o que estava ao seu alcance para o convencer a ficar (tivesse Pinto da Costa oferecido a Vítor Pereira 30 a 35% do que Jorge Jesus ganha no SLB…).

Foi ele, Pinto da Costa, que escolheu e contratou Paulo Fonseca, um homem sem qualquer experiência anterior de clube grande (ao contrário de José Mourinho, André Villas-Boas ou Vítor Pereira) e um treinador sem qualquer experiência de competições europeias e de gestão de balneários cheios de vedetas.


Foi ele, Pinto da Costa, que, em 16 de Janeiro de 2014, quando os sinais da crise que afetava o futebol portista já eram mais do que evidentes, afirmou o seguinte (numa entrevista ao Porto Canal): “Se a época e o contrato dele [Paulo Fonseca] acabassem hoje, ontem tinha renovado com ele. Não é necessário dizer mais nada. Tenho absoluta confiança no Paulo Fonseca. Se eu entendesse que ele não era o treinador que o FC Porto neste momento precisa, era o primeiro a dizer-lhe”.

Perante tudo o que se passou nos últimos 12 meses, penso que Pinto da Costa deve uma explicação aos sócios e adeptos do FC Porto (talvez numa outra entrevista ao Porto Canal).

E, já agora, depois de uma época horribilis, a nação portista precisa de uma mensagem forte acerca do futuro imediato do Futebol Clube do Porto. Porque, como Pinto da Costa disse várias vezes, do passado vivem os museus.

31 comentários:

Nainho disse...

Como qualquer pessoa Pinto da Costa esta saturado e cansado de futebol... e a prioridade dele é a mulher e a família... Só não vê quem não quer ver....
É o fim do ciclo deste grande grande presidente que se aproxima..

Sacaio disse...

Ele apenas aguarda pelas finais do Benfica, na esperança de que se espalhem como no ano passado e depois vir vender-nos a imagem de que perdemos um campeonato de 4 em 4 anos, e de que (se ganharmos o jogo com eles no sábado) somos muito fortes e no próximo ano voltaremos a vencer tudo. Já vi o filme todo!

Bruno Cardoso disse...

Meus Senhores, o Lopetegui?????
Mas o que é isto? Está tudo louco para o lado das Antas? É o excesso de oxigénio do Olival? Mais um treinador sem provas dadas, que não treina um clube há uma série de anos?
Vamos tentar apelar ao bom senso da SAD para não cometer (novamente) um erro de palmatória na escolha do treinador.

Nuno Fonseca disse...

Que exagero! Se analisarmos com distância o que vemos?
-VP não foi apoiado nem pela direcção e muito menos pelos adeptos, mas parece-me que poderia ter ficado se quisesse;
-Se não acreditam nessa versão, pelo menos não tomem o despedimento de VP como certo, admitam que não sabem;
-Paulo Fonseca é péssimo treinador, mas não foi uma má aposta. Fez um campeonato muito bom com o Paços e parecia ser uma boa aposta. Para além disso ia de encontro à politica que tem sido utilizada na qual os treinadores ficam normalmente 2 ou 3 anos.
-PdC não pode a meio da época dizer que esperava mais do treinador, a não ser que o vá despedir naquela hora, tem de dizer precisamente o contrário e com convicção mesmo que não pense dessa forma;
-Nestas fases más prefiro que haja um silêncio conjugado com trabalho e que esse trabalho traga resultados. Qualquer declaração agora pode ser usada mais tarde se as coisas não correrem bem;
-As coisas não correram bem este ano, mas vimos PdC muito activo, até a "fazer de segurança" no parque de estacionamento do dragão ele apareceu para mostrar quem manda e que está presente;

Carlos Jorge disse...

Bom dia a todos.

A ser confirmada a noticia avançada hoje em todos os jornais e que aliás já ontem alguém tinha mencionado, dizia eu que prova que já se trabalha no FCP... acabaram as férias.

Apoiaremos a escolha se for esta ou outra,... cá estaremos para ajudar como sempre fizemos... Queremos voltar a vibrar com a nossa equipa a jogar bom futebol e a deixar tudo em campo. É preciso garra e determinação pois os tempos são e serão difíceis.

Para começar definitivamente um novo ciclo ficarão ainda a faltar as explicações e as responsabilizações do que até hoje se passou...

Saudações Portistas

Luis Pereira disse...

Concordo com tudo que escreveu. Falar ou escrever "a posteriori" sera sempre mais facil. Partilho da mesma versao relativamente aos temas que abordou!!

DragaoMinho disse...

Quando é que certos adeptos vão meter na cabeça que esta época foi horrível não por culpa do presidente ou dos dirigentes desportivos mas sim culpa de um treinador que se achou melhor do que era e de jogadores que se acham tao bons mas depois não valem um tostão e nem vontade demonstram para jogar!
Certas prima-donas precisam de ser metidas no lugar, como aconteceu com iturbe queria ser titular pela fama, em vez de passarem a época a dizer que querem sair casos de jackson fernando quinteros defour e outras "senhoras" que tais, que em nada dignificam a camisola que vestem!
Noutros tempos eram "duas chapadas na cara" e ficavam logo com os pezinhos na terra e bem acordados, pois parece que andam a dormir em campo!
Agora estes "meninos" são estrangeiros em clube grande e acham que a qualidade e as grandes transferências aparecem só por obra e graça da divina camisola que vestem!
O presidente não tem que pedir desculpas a ninguém nem dar satisfações pelas decisões que toma, esta lá para decidir, se quem esta de fora acha tudo muito fácil e que o presidente já não tem capacidades, apresente-se em eleições!!
Pensem bem antes de se acharem opinadores de ocasião, é desesperante ver o nosso Porto a jogar assim , custa muito mas nao vamos desperdiçar nem duvidar da experiencia do nosso "velhinho" presidente que sabe muito!

José Correia disse...

22 de Maio de 2012
Frases do discurso de Pinto da Costa no 12.º aniversário da Casa do FC Porto de Espinho:

“Sei como foi difícil esta época [2011/2012]”

“Foi complicado pegar num conjunto de jogadores que tinham ganho tudo e que pensavam que eram os melhores do mundo. Não são, embora sejam muito bons”

“Quando escolhemos [referindo-se a Vítor Pereira] é com critério, rigor e cuidado. E quando assinamos contratos não são para rasgar, mas para renovar”

José Correia disse...

19 de Fevereiro de 2013
Afirmações de Pinto da Costa na cerimónia da entrega do prémio de excelência médica da FIFA à Clínica Espregueira Mendes:

“Se não estivesse agradado com o desempenho de Vítor Pereira era porque havia alguma coisa de errado em mim. Mas hoje não é dia para falar sobre a renovação”

José Correia disse...

Março de 2013
Após o jogo de Málaga, diversos órgãos de comunicação social anunciaram que, independentemente do FC Porto se sagrar (tri)campeão, Vítor Pereira não iria continuar.
Da parte do FC Porto (Pinto da Costa ou SAD) não houve qualquer desmentido, nem qualquer declaração de apoio/confiança em relação ao treinador.

José Correia disse...

22 de Maio de 2013
Três dias após o abraço público de Vítor Pereira a Paulo Fonseca (que já era dado como seu sucessor), o empresário do treinador do FC Porto, Christophe Henrotay, em entrevista à TSF, afirma que ainda não tinha sido contactado pela FCP SAD para falar do futuro de Vítor Pereira.

Ainda não recebi nenhuma chamada do Porto. Não depende de mim, depende do que o Porto quiser

José Correia disse...

23 de Maio de 2013 (à noite)
Numa entrevista à RTP, quando questionado sobre a continuidade de Vítor Pereira como treinador do FC Porto, Pinto da Costa afirmou que tinha almoçado na véspera com Vítor Pereira e que foi consensual que havia “vantagens e desvantagens” numa terceira época de Vítor Pereira no FC Porto, tanto para o treinador como para o clube e que ambos (Vítor Pereira e Pinto da Costa) ficaram de “pensar nessas vantagens e desvantagens” e voltar a falar.

DC disse...

Depois de ver quem é o agente do Lopetegui, que por acaso é o mesmo do PF, acho que já encontrei o critério para renovar ou contratar treinadores.
É mais ou menos o mesmo que se tem usado para as contratações e para as vendas de jogadores. Quem mete o dinheiro ao bolso é sempre o mesmo.

Filipe Quintas disse...

Esperemos que não venha um PF II...
http://rr.sapo.pt/bolabranca_detalhe.aspx?fid=46&did=147565

Nuno Fonseca disse...

Não altera nada daquilo que eu disse e repito:
"VP não foi apoiado nem pela direcção e muito menos pelos adeptos, mas parece-me que poderia ter ficado se quisesse"

Nuno Fonseca disse...

Ui agora se ele inverter o triângulo como PF fez e tiver bons resultados quero onde se vão enfiar as sapiências futebolisticas que diziam que era por isso que o porto perdia, que diziam que bastava trocar o triângulo. como se se o que os jogadores estivessem a jogar fosse subbuteo, esse mítico jogo de tabuleiro.

Pedro disse...

Depois de ver a sua expressão na conferência de imprensa de hoje... acho que PC está tudo menos saturado. E vai querer sair em grande. A impressão que me dá é que a fome de ganhar na SAD é quase exclusiva dele.

Esperemos pelos fins de ciclo, mas acho que PC ainda vai dar um último coice na história.

Pedro Moreira disse...

Caro José Correia impressiona-me a sua obstinação e a sua casmurrice. Durante o ano foi o rei das previsões falhadas. Insistiu à saciedade na qualidade do plantel, inventou Decos, Lisandros e outras estrelas e usou sempre a fantasia para inventar um plantel de luxo e melhor que o anterior. Onde todos vemos mediocridade e miséria o José vê qualidade e futuro. E nos poucos momentos em que fomos razoáveis (e apenas isso) ainda se deu ao luxo de vir para aqui com textos onde humildemente e dentro da modéstia criticava os que como eu falavam mal do plantel e se perdia nos simpáticos “eu tinha dito”, “eu já sabia”. Perdoe-me a franqueza mas enganou-se em quase tudo, nos jogadores, nas táticas, na leitura da situação. Continua hoje a não perceber que o FCP sem Moutinho, James, Hulk ou Lucho não pode jogar como o FCP com Josué, Eduardo, Licá ou Defour, por exemplo. É inacreditável que para si tudo se limita ao VP ou à sua ausência. Sou um crítico da SAD mas reconheço que esteve bem com VP: durante o seu último ano o FCP jogou mal, foi eliminado nas taças e a SAD foi adiando a decisão de renovar. Depois veio o milagre Kelvin (num jogo onde nos temos que lembrar, em pleno dragão, jogamos HORRIVELMENTE) e então houve uma tentativa de continuar com o técnico. VP percebeu que a equipa não lhe dava qualquer garantia (saíram os fundamentais) e não quis renovar, foi esperto e foi embora. Falar persistentemente do treinador e pensar que esta foi a principal causa da desgraça desportiva do clube á não perceber nada disto. E preocupa-me porque centrar a discussão no futuro treinador a não na necessidade de contratar 7 ou 8 futebolistas de garantia vão-nos levar à desgraça. Felizmente na SAD à outras cabeças com bom senso e sem radicalismos ou obstinações.

JOSE LIMA disse...

Caro José Correia
Acabaram as suspeições. E o endereçar das culpas. Agora é ESTE (desculpe estar a gritar) o nosso treinador.
Vamos todos apoiar a equipa técnica os jogadores, o elenco directivo e, naturalmente o senhor Pinto da Costa que tem crédito para isto e muito mais.
Puxa! Parece que nunca perderam um campeonato! Olhem, eu perdi vários.
Abraço para todos os que aceitam ou não esta solução.
JOSE LIMA (misticaazulebranca)

Pedro Albuquerque disse...

Ainda nem um treino fez e já é criticado. Ao menos merece o benefício da dúvida.

Quero-te ver aqui se este treinador ganhar o campeonato!

Pedro Albuquerque disse...

"Foi ele, Pinto da Costa, que quis esperar pelo final da época 2012/2013 e, tendo em casa um treinador acabado de se sagrar bicampeão, não fez tudo o que estava ao seu alcance para o convencer a ficar (tivesse Pinto da Costa oferecido a Vítor Pereira 30 a 35% do que Jorge Jesus ganha no SLB…)."

Tem provas que não foi oferecido os 30% a 35% de 4 milhões do JJ?
O que o VP disse foi que recusou uma proposta de renovação do Presidente.

Daniel disse...

A diferença entre o Lopetegui e o Rui Jorge é que um conhece o futebol português e o balneário do fcp...

José Correia disse...

«Insistiu à saciedade na qualidade do plantel...»

E continuo a pensar que o plantel 2013/2014 (plantel não é a mesma coisa que equipa) é melhor que o plantel 2012/2013.

José Correia disse...

«... inventou Decos...»

E continuo a dizer que o Carlos Eduardo (versão Novembro/Dezembro de 2013) mostrou ter características que faziam lembrar o Deco.
O que nunca disse é que era o novo Deco.

José Correia disse...

«Onde todos vemos mediocridade e miséria o José vê qualidade e futuro»

Quais todos?
O "Pedro Moreira", a "Maria Lopez" e quem mais?

Sim, eu vejo futuro em jogadores como: Danilo, Mangala, Reyes, Alex Sandro, Herrera, Quintero ou Ricardo, só para falar em jogadores do plantel que são Sub-24.

E vejo (via) qualidade em jogadores mais velhos, como Helton, Fabiano, Otamendi, Maicon, Fernando, Defour, Lucho, Jackson ou Quaresma.

José Correia disse...

«É inacreditável que para si tudo se limita ao VP ou à sua ausência»

O Vítor Pereira, com um plantel igual ao desta época, cujas diferenças eram:
- teve Moutinho e James (em pleno apenas até Dezembro de 2012);
- não teve Herrera, Josué, Quintero, Ghilas ou Quaresma;

fez muitíssimo melhor.

José Correia disse...

«... durante o seu último ano o FCP jogou mal...»

“Se não estivesse agradado com o desempenho de Vítor Pereira era porque havia alguma coisa de errado em mim”
Pinto da Costa, 19-02-2013

José Correia disse...

«Caro José Correia, Acabaram as suspeições.»

Caro José Lima, mas quais suspeições?

José Correia disse...

«Agora é ESTE (desculpe estar a gritar) o nosso treinador. Vamos todos apoiar a equipa técnica os jogadores...»

Naturalmente que vamos apoiar as equipas do FC PORTO, mas isso não impede que possamos ter opinião e que a possamos expressar livremente.
Pelo menos no 'Reflexão Portista' é e sempre foi assim, com os diferentes co-autores a serem responsáveis por aquilo que escrevem.

Abraço

José Correia disse...

«Tem provas que não foi oferecido os 30% a 35% de 4 milhões do JJ?»

Não.
Tenho informações (credíveis) de quanto é que o VP ganhava anualmente (prémios à parte), mas não tenho provas de qual foi o valor proposto a VP (e aos seus adjuntos) para renovarem.
Aliás, segundo julgo saber, o próprio VP também não tem as "provas" que o Pedro Albuquerque exige, porque a proposta não foi feita por escrito.

José Correia disse...

«O que o VP disse foi que recusou uma proposta de renovação do Presidente»

Concerteza.
Aliás, todo o comportamento do Presidente (e da SAD) nos últimos meses da época 2012/2013, foi ilustrativo de uma vontade forte e genuína de renovar com Vítor Pereira, certo?

É nisto que o Pedro Albuquerque quer acreditar?
Força.