quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Massa salarial, propaganda e os burros

Na véspera da “entrevista” de Luís Filipe Vieira ao canal do clube, o vice-presidente José Eduardo Moniz também quis falar e, entre outras coisas, afirmou o seguinte:

Aquilo que o FC Porto faz, representa um caminho. Não vou considerar se é bom ou se é mau. É simplesmente um caminho diferente que leva a aumentar significativamente a massa salarial que o clube tem de suportar

Outro vice-presidente do Benfica, no tempo de antena que tem às segundas-feiras na SIC, tem insistido na mesma tecla (até fico comovido com a preocupação dos benfiquistas em relação à massa salarial e saúde financeira do FC Porto…).

Para mostrar que estão a seguir um caminho diferente do FC Porto, os encarnados de Lisboa decidiram ir ao mercado e contratar o “baratinho” Júlio César, para suceder a outro guarda-redes brasileiro – Artur – na baliza das águias.


Naturalmente, antes de assinar um contrato de dois anos com o Benfica, Júlio César teve de rescindir o contrato que tinha com o Queens Park Rangers até Junho de 2016 e onde ganhava £100,000 por semana.

«Julio Cesar is set to clinch a season-long loan move to Benfica this week after being deemed surplus to requirements at Queens Park Rangers.
The Brazilian is earning a staggering £100,000-a-week at Loftus Road and the club are keen to get the goalkeeper off the wage bill.
Cesar’s salary is a problem for the Portuguese side but they are likely to reach a compromise for the 34-year-old.»
in Daily Mail, 17-08-2014


Deixa ver se eu percebi. Júlio César ganhava cerca de £5 M (cerca de 6,2 milhões de euros) por ano no QPR mas, segundo a propaganda ao serviço do clube do regime, aceitou vir para Lisboa ganhar 1 milhão de euros por ano.

Capa do Correio da Manhã de 20-08-2014

Ou seja, provavelmente pelo prazer de jogar no Benfica (mais um que deve ser benfiquista desde pequenino…), Júlio César aceitou rescindir um contrato que lhe assegurava cerca de 12 milhões de euros até Junho de 2016 para, no mesmo período, receber 2 milhões de euros.

«Todo o burro come palha, a questão é saber dar-lha»
Provérbio português

7 comentários:

Jorge Vassalo disse...

Enfim, aguardamos todos ansiosamente o R&C de 2014 dos meninos abicalhados. É uma vergonha como se mente descaradamente.

Tiago Matos disse...

O salario é efectivamente esse! 2M por duas épocas! E com um prémio de assinatura de.... dixa-me fazer as contas... e ainda os prémios de jogo de... Se ele receber um abismo por jogo, mais provavel o Artur em Fevereiro regressar ao 11 para poderem pagar salarios outra vez...

José Correia disse...

“aguardamos todos ansiosamente o R&C de 2014 dos meninos abicalhados”

Sim, partindo do princípio que os Relatórios e Contas do grupo empresarial do Benfica são mais credíveis que, por exemplo, os R&C do BPN e do BES (por sinal, dois Bancos que tinham relações privilegiadas com Luís Filipe Vieira e/ou o Benfica).

José Correia disse...

“O salario é efectivamente esse! 2M por duas épocas! E com um prémio de assinatura de.... dixa-me fazer as contas...”

É uma forma de “baixar” a massa salarial… e tranquilizar os adeptos (pelo menos os mais crentes).

Miguel Lima disse...



@ José Correia

todos nós sabemos que o Júlio César é um benemérito, um "dado", um autêntico "mãos largas". aliás, o 'mineirazo' confirmou-o. e por sete vezes :D

abr@ço
Miguel | Tomo II

meirelesportuense disse...

Não esqueçam a "conta caucionada" por todos os Portugueses...Mas deve ser verdade, o Júlio vem ganhar 5 vezes menos porque é Benfiquista desde pequenino...E é tempo de lançar fora a guita e dar corda ao coração.

Luís Negroni disse...

São 2 milhões de euros de salários fora os 10 de prémio de assinatura, claro.