sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Lille, Monaco e a propaganda lisboeta

«O treinador português Leonardo Jardim, do Monaco, reconheceu esta quarta-feira que “os objetivos iniciais eram muito ambiciosos”, sobretudo depois de ter “perdido” jogadores como Falcao, James Rodriguez, Rivière e Obbadi.
Questionado, em conferência de imprensa, se o clube mantinha os mesmos “alvos” da época passada – luta pelo título e oitavos de final da Liga dos Campeões –, o técnico respondeu negativamente: “Os objetivos perderam um pouco de força, mas a equipa mantém-se ambiciosa”. (…)
Jardim considerou-se “satisfeito” com o fim do mercado, “por duas razões: porque o Monaco perdeu cinco titulares, os seus três melhores goleadores e o seu capitão, por um lado, e porque agora os jogadores estão completamente concentrados no seu trabalho”.»
in record.pt, 10-09-2014


Notoriamente, o AS Monaco está num processo de brutal desinvestimento e de decomposição da equipa ambiciosa que tinha começado a ser montada na época passada.

Consequentemente, as quatro primeiras jornadas do campeonato francês, que incluíram um AS Monaco x Lille na 4ª jornada, mostraram que, neste início de época, o Lille é claramente melhor equipa que o Monaco.

Contudo, quem lesse a comunicação social lisboeta, após o sorteio da fase de grupos da Liga dos Campeões, ficava convencido que o FC Porto tinha eliminado uma equipa francesa fraquinha no play-off (o Lille), enquanto que o SLB vai defrontar um colosso europeu na fase de grupos (o AS Monaco).

Evidentemente, isto não tem nada de novo ou surpreendente. A comunicação social lisboeta é coerente e a lógica da sua propaganda é sempre a mesma: desvalorizar as equipas que o FC Porto defronta e hipervalorizar os adversários europeus do SLB.

E já sabemos, se a equipa de Jorge Jesus voltar a ficar em 3º lugar do grupo, a Liga Europa passa a ser, automaticamente, uma competição de grande nível…

Nota: Os destaques no texto a negrito são da minha responsabilidade.

12 comentários:

Jorge Vassalo disse...

Sim, a comunicação social é terrível.

Mas também, nos programas de debate futebolístico, que ao contrário do que se possa pensar, são bastante importantes para a opinião pública sobre os clubes e até, infelizmente, para alguns "adeptos" mais influenciáveis e desinformados.

A contrapôr benfas doentes cheios de inside information como Gobern, Seara, Gomes da Silva e Simões, jornalistas facciosos como o nosso amigo de Paredes e o sr Huguinho vira-casacas e os zbordenguistas sincronizados no discurso tipo um relógio suíço como Alves, Barroso e Oliveira e Costa, temos Portistas de cujo Portismo eu não duvido, mas que querem ser "distanciados", "independentes" e "pensar pela própria cabeça", como o Rodolfo Reis e o Miguel Guedes, e um que, apesar de ser intelegentíssimo e grande empresário, o Serrão, prefere passar por pateta alegre e dizer disparates.

Assim não vamos lá. Guilherme Aguiar é demasiado parcimonioso, Oliveira tinha interesses bem vincados e cada um destes acabava por prestar um mau serviço a uma coisa que eu considero urgente, que é ter um Portista que desmonte rapidamente e de discurso vincado cada teoria palerma e ignóbil vomitada por esta gentinha.

Não sou suspeito de pertencer à mesma ala política destes, mas adorei ver Diogo Feyo a desmontar aqueles argumentos patéticos da bancada da segunda circular, Pedro Marques Lopes com um discurso forte e musculado a arrasar com a vilipêndia desta gente maníaca.

Acho que João Nuno Coelho tem de estar já num destes programas de grande audiência, um homem bem informado, preparado e civilizado, que não dá ideia de que somos "bimbos" e "grossos".

Por último, meus amigos, temos um treinador que também se acha uma grande coisa e que diz coisas como "com Jonas o benfica fica com um plantel a grande nível" e quejandos. Eu sei que ele granjeia grande apoio por estes reflexivos lados, mas a mim parece-me sinceramente que este está cheio de sobranceria e ressabiamento não sei bem de quê, porque foi a nossa casa que fez de dele tudo aquilo que ele é.

Urge a nata do nosso Porto, a elite se se quiser, fazer parte destes paineis, para acabar de uma vez com estes disparates difamatórios.

Abraço Portista.

Olhem, porque não o José Correia, o Jorge Fiel ou então, a nossa caríssima Catarina.

DC disse...

O Mónaco é "só" uma das 5 piores equipas na Champions. Duvido sequer que seja melhor que o BATE, por exemplo. Equipa banal e em crise de resultados.

Carrela disse...

Concordo em absoluto com a ideia do artigo!
O Lille foi desvalorizado de uma forma que roçou o ridículo!
Nada de novo!

Mas no caso do Mónaco, que estava no 4º pote juntamente com a Roma, sejamos honestos, quem não olhava para estes dois como sendo as favas?

Agora, que o mercado fechou, e se constata a realidade, pode-se dizer que afinal a coisa até foi simpática!

Ainda assim, e tal como o ano passado afirmei SEMPRE, que o grupo do FCP era dos mais complicados da CL, porque tinha 3 equipas fortes! E para mim um bom grupo é aquele que tem à partida 2 equipas fortes, nem que seja o Barcelona, Real, Bayern etc etc. O grupo do Benfica é claramente (dos Portugueses) o mais complicado, porque tem 3 equipas fortes e não tem 4, porque o Mónaco desinvestiu largo!

Bluesky disse...

O Lille foi humilhado até por próprios portistas com blogs!!!!
Portanto desta vez não podemos culpar o vizinho quando em nossa casa há pior...

Carrela disse...

Bluesky, sem dúvida!

No meu comentário tinha escrito uma crítica relativamente aos muitos Portistas que igualmente desconsideraram o Lille... mas depois removi... Isso sim é triste! Mas enfim... é o poder da propaganda!

DC disse...

O Zenit é melhor que o Shakhtar? Tenho dúvidas
O Leverkusen é mais forte que o Bilbao? Tenho muitas dúvidas
O Mónaco é mais forte que o BATE? Tenho dúvidas

Daí, não sei qual o grupo mais difícil.

Carrela disse...

Sim!
Sim!
e Sim!


Relativamente ao Monaco, dizer que está mais fraco agora, depois do fecho de mercado ter mostrado o que mostrou é uma coisa! Antes do dia do sorteio, em 100 adeptos, qts diriam que era melhor apanhar o Mónaco que o BATE? 1? 2? Vá... 3?

DC disse...

Tem que começar a ver mais jogos do Bilbao então. Já nem falo do campeonato russo e ucraniano porque isso ninguém vê. Agora Bilbao em casa? Depois falamos das dificuldades que lá vamos apanhar. Apareça por cá no rescaldo desse jogo.

Carrela disse...

DC, eu disse que era fácil?
Alguma vez leu um comentário meu a dizer que este ou qq outro jogo é fácil? Eu sou dos que não acredita em facilidades! São 11 contra 11... se estão lá é porque têm valor! Ponto!

O que eu afirmo, é que se puder escolher, não hesitaria 1 segundo entre escolher este Shakhtar de Lucesco a este Zenit de AVB!

O mesmo para o Leverkusen / Bilbao.
Por mt bom que o Bilbao seja! Que acredito que seja! Em que lugar ficaria no Liga Alemã?

Quanto ao BATE, para mim é uma total incógnita, sei que deu luta ao Bayern de Guardiola o ano passado...

Mas diga lá, se no dia do sorteio lhe perguntasse, queres que toque o Mónaco ao Porto ou o BATE, quem escolhia??

Claro que depois, o mercado fecha, sai Falcao, Não vêm os craques...

Estou confiante que o nosso Porto vai fazer de 10 pontos para cima!
E ao mesmo tempo acredito que os de Lisboa se fiquem por 3/6 um, e 1/4 o outro!

Eu sei que pensaria o mesmo relativamente ao nosso Porto, se se tivesse-mos ficado no grupo do Benfica, mas...

Mr. Lord disse...

ainda hoje perdeu mais um jogo o Mónaco. Mas compara-lo ao BATE. Não brinque. A comparação com o Lille é a melhor. Estava um degrau acima destes e agora está um degrau abaixo. Não esquecer que Falcao teve o ano passado praticamente todo lesionado.

maisumblogdofcp.blogspot.pt

Santos Dias disse...

Caro José Correia leia p.f. o mail que eu enviei através do site brasileiro UOL
para poder entender a situação actual do AC Mónaco.
Um abraço

José Correia disse...

Este fim-de-semana disputou-se a 5ª jornada do campeonato francês. O Monaco voltou a perder e o Lille voltou a ganhar.

Ao fim de 5 jornadas, o "fraquinho" Lille é o líder isolado do campeonato francês e o "colosso europeu" AS Monaco é o 19º e penúltimo classificado.