segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Há penalties e penalties (e também expulsões)

A propósito dos eventuais lances de penalty no SC Braga x SL Benfica (repararam que todos esses lances, de polémica nas áreas, fazem parte dos resumos do jogo?), e de mais uma expulsão de um jogador da equipa adversária do SLB (ontem foi a vez do bracarense Danilo Silva), vale a pena recordar os branqueados e praticamente ignorados lances de possível penalty (não assinalados) e expulsões (não efetuadas), nas últimas três deslocações do FC Porto (para o campeonato).


17-09-2014: Vitória Guimarães x FC Porto (4ª Jornada)

31’: Penalty por assinalar a favor do FC Porto. Defendi puxou o braço a Brahimi e desequilibra-o.

31’: Cartão vermelho por mostrar a Defendi, por ter cometido falta numa jogada em que não havia mais qualquer jogador entre Brahimi e a baliza vimaranense.

63’: Penalty por assinalar a favor do FC Porto. Traoré obstruiu e impediu Quintero de prosseguir.



26-09-2014: Sporting x FC Porto (6ª Jornada)

11’: Cartão vermelho por mostrar a Slimani, por ter apertado o pescoço a Martins Indi.

89’: Penalty por assinalar a favor do FC Porto. Após um toque de calcanhar de Jackson, Maurício corta a bola com o braço direito.

Maurício corta a bola com o braço

89’: 2º cartão amarelo e consequente cartão vermelho por mostrar a Maurício (o 1º cartão amarelo viu-o aos 23’, após atingir o pé de apoio de Brahimi).



25-10-2014: Arouca x FC Porto (8ª Jornada)

3’: Penalty por assinalar a favor do FC Porto. Nuno Coelho atingiu Jackson no seu pé de apoio, rasteirando-o.


55’: Penalty por assinalar a favor do FC Porto. Tinoco empurrou Brahimi de forma ostensiva, derrubando-o.


83’: Cartão vermelho por mostrar a Iván Balliu, que, por trás, varreu autenticamente Brahimi, num lance em que poderia ter provocado uma lesão grave ao internacional argelino.



Resumo arbitral das três últimas deslocações do FC Porto (4ª, 6ª e 8ª jornadas do campeonato):
- 5 penalties por assinalar a favor do FC Porto;
- 4 cartões vermelhos para jogadores adversários, que ficaram nos bolsos dos árbitros.

É a designada “verdade desportiva” à moda dos jornalistas e comentadores da praça, não por acaso, quase todos adeptos dos clubes de Lisboa…

9 comentários:

Augusto Baptista Ferreira disse...

Houvesse quem assim me empurrasse e eu faria o Tour de França.

http://portistasanonimos.blogspot.pt/

miguel.ca disse...

Quando ouvi o chicletes a queixar-se de um penalty que ficou por marcar por falta sobre o Gaitan, quase que me engasguei de espanto!
Como é possivel o descaramento e a falta de vergonha na cara chegar a este pinto!!!

miguel.ca disse...

*a este ponto.

Luís Negroni disse...

Não fossem estas "coisitas", que estão sempre a acontecer nos jogos fora do Porto e sempre contra e nos jogos do slb em casa e fora e sempre a favor, e já iamos com uns bons 8 pontos de avanço sobre o clube do regime, sem exageros.

miguel.ca disse...

Bastava não ter empatado com o Boavista para irmos na frente.

Mancini disse...

Eu acho uma piada ao Pedro Henriques!!! Lances claros de penalty!! Os outros dois confirmam, pra ele nunca é penalty pro FCP. Ou é porque é muito perto, ou é porque o contacto é posterior ao corte da bola....enfim......é sempre subjectivo, mas neste caso a subjectividade é sp contra o FCP !!! Lampiões do c******

Diziam os lampiões que o Micael devia ter ido pra rua por causa daquela entrada ontem.....epa é assim é preciso explicar ou nao vale a pena??
Eu explico: Entao uns tipos que tiveram aquela trancada do samaris com o arouca ainda em 0-0, e leva amarell, agora queriam o micael expulso??
Fiquemos por aqui....
Já nem falo penalti fantasma do lima com o moreirense, o penalty do maxi com o arouca ainda em 0-0!! como é possivel? agarrão claro na área!!!! Já pra não falar da patada do enzo no jogador do moreirense!!! Agressão!!!!

Cumprimentos.
VIVA O FUTEBOL CLUBE DO PORTO

Fernando disse...

Um pequeno reparo: aos 89' o Maurício não levava o segundo cartão amarelo, mas sim o vermelho direto...cortou uma bola que ia na direção da baliza!Segundo as leis do futebol era lance para cartão vermelho direto.

meirelesportuense disse...

O jogo dos Benfiquistas contra o Braga demonstrou mais uma vez que as arbitragens estão completamente descontroladas ou o contrário, depende do ponto de vista. Vi o árbitro transformar uma agarrão de Samaris a Rúben Micael num livre contra o Braga e porquê? Porque seria o 2º amarelo e a inevitável expulsão de Samaris. No PortoB contra o Framunde estranhei que um lance falta aparente de um defesa do Porto tivesse sido desvalorizado pelo Rui Costa, depois percebi porquê, dentro da área tinha acontecido uma agressão a Lichnowsky...Houve dois penalties óbvios contra o Benfica -faltas de Lisandro e Eliseu- e um contra o Braga -agarrão/abraço/derrube a Gaytan- e uma falta grave de Gaytan e outra de Micael sobre Samaris ou Jonas...Sempre a andar.
Uma coisa ficou evidente -independentemente das arbitragens- o Benfica está bem, joga como um bloco e quando sai fá-lo com muito perigo.Tem um ou dois jogadores desajustados e outro em fim de ciclo.E tem poucas alternativas.
Em sentido contrário está o Porto, em construção e com muitas alternativas de qualidade.

Miguel Rebelo disse...

Vê a imagem do suposto fora de jogo que esta neste blog http://deveeohaver.blogspot.pt/2014/10/8-jornada-braga-vs-benfica-26-de-outubro.html
a linha esta mal colocada, até nisto pá