segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Os “vândalos” ficaram em casa

Título de notícia do jornal Record

Quando, no sábado de manhã, li o bombástico título desta notícia do jornal Record, fiquei preocupado.
Queres ver que (adeptos portistas?) destruíram, à bomba, o Estádio do Arouca e não vai haver jogo, pensei para com os meus botões de punho (que não tenho).

Contudo, lendo o corpo da notícia, percebi que o “vandalismo”, afinal, se resumia a umas mensagens de protesto pintadas numa parede do estádio.

«As paredes do Estádio Municipal de Arouca, palco do encontro desta noite, foram alvo de vandalismo por parte dos adeptos portistas, indignados com o preço dos bilhetes.
Segundo Record apurou, durante a noite de quinta-feira foram pintadas mensagens de reclamação pelo valor dos ingressos, que ascende até aos 30 euros para a zona reservada para os adeptos visitantes.
Entretanto, as paredes já foram pintadas e as mensagens foram removidas, apesar de ontem ainda serem visíveis alguns vestígios do ato, nomeadamente na zona do parque de estacionamento.»


Ou seja, em vez de um título do tipo “Adeptos portistas protestam contra o preço dos bilhetes”, o Record optou por um título muito mais sugestivo e muito mais de acordo com a sua linha editorial (e clientela!), a qual, como é sabido, privilegia o ódio anti Porto.

E, para além de umas paredes pintadas, o que é que a Direção do Arouca ganhou em ter colocado os bilhetes, para os adeptos do FC Porto, a um preço mínimo de 25 euros?

Isto…
Aspecto de uma das bancadas no Arouca x FC Porto


P.S. No Name Boys destroem café e põem-se em fuga. Disto não falam os jornais do Grupo Cofina…

6 comentários:

rbn disse...

"Estádio do Arouca vandalizado por adeptos portistas
NA NOITE DE QUINTA-FEIRA"
Sábado, 25 outubro de 2014 | 06:13
Autor: C.O.

"As paredes do Estádio Municipal de Arouca, palco do encontro desta noite, foram alvo de vandalismo por parte dos adeptos portistas, indignados com o preço dos bilhetes"

"Segundo Record apurou, durante a noite de quinta-feira foram pintadas mensagens de reclamação pelo valor dos ingressos, que ascende até aos 30 euros para a zona reservada para os adeptos visitantes."

"Entretanto, as paredes já foram pintadas e as mensagens foram removidas, apesar de ontem ainda serem visíveis alguns vestígios do ato, nomeadamente na zona do parque de estacionamento."

"Recorde-se que, no mesmo dia, a claque Super Dragões manifestou, através de um comunicado na sua página do Facebook, o seu “profundo desagrado” pelo preçário estabelecido."

Pergunta 1: o tal C.O. estava lá no local e viu com os próprios olhos???

Pergunta 2: se estava, e se foi na quinta-feira, por que não publicou ontem na 6ª feira, deixando para publicar às 6:13 da madrugada de sabado???

Pelos vistos os Super são mesmos muito burros:-)

Onde já se viu tanta burrice junta, ao anunciar no facebook que estão descontentes com os preços e NO MESMO DIA, vão até Arouca pintar o estádio???:-)

Haja burrice:-)

meirelesportuense disse...

Também reparei nisso e até pensei que as bancadas tinham sido deitadas abaixo, não foram, mas se calhar era melhor terem sido, porque assim construiriam umas melhores...Mas depois é que vi que tinham sido feitas umas pichagens nos muros das bancadas que é uma coisa horrorosa -mas aguentam-se bem- e até já fizeram isso nas Paredes e Pontes de toda a área Metropolitana do Porto, mas prontos no Porto é outra coisa...

Aristodemos disse...

No Names Boys destroem café e põem-se em fuga
Home

Joao Goncalves disse...

Vocês também são tramados pah!

Os bilhetes do Arouca eram a esse preço que foi para preservar as bancadas pois todos sabem que menor uso maior a longevidade...

Mancini disse...

Caros Portistas,

Importa divulgar estes casos!!! Isto é tudo abafado pelas bolas records e correios da manha!!!!

No hoquei também aconteceu:

http://www.ojogo.pt/multimedia/fotografias.aspx?content_id=4201783

É em todo o lado. Todas as modalidades. Jogos cá e jogos lá fora. Não se safa um em que não haja violência. Os lampiôes estão em todas. Agora até o proprio clube lhes pede para não rebentarem petardos senão a UEFA fecha-lhes o estádio!!! Gandulos !!!!

Temos que ser nós a divulgar estes casos senão isto passa completamente em branco. Depois ainda dizem que os SD é que são o diabo.

Cumprimentos.
VIVA O FUTEBOL CLUBE DO PORTO.

meirelesportuense disse...

Reparem mesmo assim na diferença de tratamento:
-Cerca de 30 "alegados" membros da claque benfiquista "No Name Boys"...