terça-feira, 14 de outubro de 2014

Uma Selecção do Carvalho

Após a equipazinha de Paulo Bento ter feito uma exibição miserável e sido derrotada, em casa, pela Albânia, logo no jogo seguinte, a Seleção de Fernando Santos foi à Dinamarca (teoricamente, o adversário mais forte deste grupo) e regressou a Portugal com uma vitória e “6” pontos (3 pontos para Portugal e 0 pontos para a Dinamarca) na bagagem.

Olhando para o onze inicial do jogo em Copenhaga, estavam lá três jogadores que não contavam, ou tinham sido proscritos por Paulo Bento: Tiago, Danny e Ricardo Carvalho.

Onze inicial da Selecção portuguesa em Copenhaga

E que jogo fez este “jovem” Ricardo de 36 anos, uma exibição do Carvalho!

Mas o melhor de tudo, a cereja em cima do bolo, foi aquele cruzamento teleguiado, ao minuto 90’+5, de outro Ricardo, outro dos mal-amados de Paulo Bento (e não só): Ricardo “mau balneário” Quaresma.

Eu imagino a azia que esta vitória do “engenheiro do penta”, com o forte contributo de alguns “proscritos de Paulo Bento”, causou nos geninhos deste país.

Ah, e ainda por cima a Seleção Nacional jogou de azul e branco!

22 comentários:

JON disse...

Se este cruzamento levar a que o Quaresma jogue no sábado, gostava muito de ter empatado ontem.

PS: vi o jogo por alto, mas em todos os lances que vi o Quaresma, com a excepção do golo, ele fez sempre asneira... tipo receber de costas no nosso meio-campo e tentar virar-se em fintas em vez de jogar em quem está de frente. Ridículo como habitual.

José Correia disse...

Nestes dois jogos - França x Portugal e Dinamarca x Portugal - o Quaresma, para além de ter marcado um golo (de penalty) e feito a assistência para o golo de Cristiano Ronaldo (?), desfez dois mitos:

1º mito) O Quaresma não pode ir à Seleção e ficar no banco, senão amua e cria mau ambiente (mau balneário...);

2º mito) O Quaresma e o Cristiano Ronaldo são incompatíveis (viu-se, no golo marcado em Copenhaga...).

Pedro Azevedo disse...

Caro José Correia explique-me lá essa teoria:

- O Tiago deveria ter sido convocado depois de ter renunciado à selecção?

- O Ricardo Carvalho deveria ter sido convocado depois de ter abandonado um estágio quando soube que não ia ser titular e só passado 3 anos vem pedir perdão e desculpar-se?

- O Danny deveria ter sido convocado quando simulou uma lesão/problema para não vir a um jogo da selecção e jogo logo pelo clube? Viu o que aconteceu ao Hulk?

Por isso, não percebo o que quer demonstrar ao vir agora nas vitórias, quando antes dizia que nem a via. É apologista da indisciplina?

Quanto ao Quaresma, ele não amua só na selecção. Ele amuou no FC Porto, o ano passado, este ano e foi preciso colocar-lhe na linha e isso mérito ao Lopetegui e agora ate parece ser uma rapaz humilde. Mas mesmo assim, jogou alguma coisa? Foi pelo centro?

Quanto à vitória, ainda bem que está eufórico, pois Portugal com todos os craques que admira ganhou aos, veja bem 5 minutos de descontos. Sim, era a Dinamarca , aquela equipa que vinha de empatar com a Albânia quando esteve a perder até quase 5 minutos do fim.

Ainda bem que fica eufórico com a mediocridade, a indisciplina. Basta estar lá alguns da sua cor que vê tudo cor de rosa.

Nainho disse...

Pois... defender o Ricardo Carvalho é preciso ser muito... mas mesmo muito.... aparvalhado... porque se aquilo que ele faz é feito no FCP... onde anda o Rolando por muito menos...?
Bah... jogou muito bem na seleção mas no FCP o Carvalho nunca mais jogaria ....
Estas Cenas do CArvalho e do Tiago a razão estava totalmente do lado do Paulo Bento , a do Danny é sempre suspeito... e o Quaresma é uma opção... para mim ele nunca jogaria no FCP... mas ai todos temos as nossas escolhas..
Espero que o Brahimi nao se lembre e apanha um aviao para França e fique por lá uns dias porque sentiu que não ia ser titular... e que ia jogar o Quaresma... Acho que o autor do artigo ia dizer que a culpa é do Paulo Bento...

José Correia disse...

"O Tiago deveria ter sido convocado depois de ter renunciado à selecção?"

Na Seleção devem estar os melhores e não os amigos do seleccionador.

Por que razão o Tiago quis/aceitou voltar à Seleção, mal o seleccionador deixou de ser o Paulo Bento?
Pense nisso.

José Correia disse...

"O Ricardo Carvalho deveria ter sido convocado depois de ter abandonado um estágio..."

Sim, devia, tal como voltaram a ser convocados diversos jogadores, após as cenas tristes e lamentáveis que protagonizaram ao serviço da Seleção, no final do França x Portugal do EURO 2000.
Ou já não se lembra disso?

Joaquim Lima disse...

Acrescento: para mim faz parte do papel de um treinador, em especial o de seleccionador nacional, convencer os melhores jogadores a jogarem pela selecção, coisa que acredito que não tenha sido feita com o Paulo Bento.

José Correia disse...

"O Danny deveria ter sido convocado quando simulou uma lesão/problema..."

Ai simulou?
O Pedro Azevedo tem provas disso?

Olhe, o que eu sei, é que com Paulo Bento houve problemas, não com um, mas com N jogadores.

José Correia disse...

"... jogou alguma coisa? Foi pelo centro?"

Não, o Quaresma não jogou nada.
Em 10 minutos em campo, "limitou-se" a ultrapassar um defesa dinamarquês no um-para-um, ir à linha de fundo (a única vez que um jogador português foi à linha de fundo e centrou) e colocou a bola, teleguiada, na cabeça de Ronaldo.
Só...

Claro que o Quaresma não se compara com alguns dos "amigos" de Paulo Bento, como o Miguel Veloso, o Ivan Cavaleiro ou o Postiga, entre outros "craques"...

José Correia disse...

"Quanto à vitória, ainda bem que está eufórico..."

Eufórico não estou, mas é um "bocadinho melhor" ir ganhar à Dinamarca (onde, se não estou em erro, Portugal já não ganhava desde os anos 70), do que perder em casa com esse colosso do futebol europeu que é a Albânia.

Pedro disse...

Sim de facto nada era culpa do Paulo Bento. O futebol cada vez pior, a má relação com vários jogadores, os conflitos em pleno treino de não 1, nem 2, mas com 3 jogadores. O não convocar certos jogadores só porque achava que não eram compativeis. As opções de convocatória mais do que suspeitas (Nelson Oliveira numa fase final depois de 90 min no Benfica foi uma risota). Nada é culpa do Paulo Bento.

É só culpa do Carvalho, que ontem fez inchar muitas cabeças, e de um tal de quaresma, que segundo Paulo Bento, esse grandissimo treinador, era fraco defensivamente e incompativel com Ronaldo.

Pedro disse...

Caro Pedro,

1- Não sei como sabe dessa história do Danny. A versão veiculada na imprensa foi muito, mas muito diferente!
2- Não vi qualquer euforia no post, apenas a constatação de alguns factos. Um deles que Carvalho foi excepcional.
3- A Dinamarca é tão fraca que Portugal até lá costuma ganhar sempre...
4- Actos de indisciplina... vamos recuar ao pré e durante Scolari, nessa altura não vi esse fundamentalismo pro-disciplina.
5- Bem bem estavamos ao perder com o colosso Albania não era?
6- Ainda melhor era ter certos jogadores, como Nelson Oliveira, misteriosamente convocados por Paulo Bento. É que Quaresma não tem qualidade nenhuma nenhuma, mas o Nelson.. ai o Nelson.

Pedro disse...

Quaresma sempre foi, e será, um jogador de riscos. Perde 4 bolas por cada assistência que faz. O certo é que acrescenta qualidade no ataque e mete respeito. Vierinha em 10 jogos faz metade.

Ninguém pede a titularidade de Quaresma, mas tem lugar óbvio nas convocatórias. E afinal.... combina com Ronaldo. Mas havia um mestre da táctica que dizia que isso era impossível.

DC disse...

E se o Kjaer não tem metido a bola na baliza (não, o ronaldo nem lhe toca) e o Schmeichel não fazia uma saída à Ricardo nem tínhamos direito a comentários ao jogo...
Realmente, há quem considere que há mérito em qualquer coisinha caída do céu.
É pôr o homem a titular outra vez contra o Sporting. Da outra vez correu mesmo bem. Só foi pena o Kjaer não ter jogado.

reine margot disse...

Que disparate de comentário! Vamos ao seu último "testemunho": Primeiro nos clubes os jogadores têm contratos, bons ou maus, e, mal ou bem, têm um valor de mercado potenciado pelo clube. Uns são para cumprir os outros são para acatar ou arranjar melhor!. Acho que concorda que não é bem a mesma coisa.
Depois, não sabe você, nem ninguém, o que se passou com o Ricardo Carvalho, pela simples razão que nunca ninguém contou ou relatou o que se passou; há muitas formas de se sentar alguém no banco. O RC sempre disse que foi desrespeitado. Já agora não seria normal ter havido um inquérito da federação? Para saber até que ponto ele tinha ou não razão? Em vez disso houve cs e PB, e muito: "vocês sabem do que estou a falar !!" que é sempre o que mais se ouve em portugal à cerca daquilo que gostaríamos de saber, pensamos que sabemos, e esperamos que os outros nos confirmem, mas afinal não passam de suposições e intriguices e dor de cotovelo e vantagem para este e aquele ...
Tenha paciência: disciplina militar ? mando eu e tu comes e calas ?
Como se vê disciplina à força , não leva a lugar nenhum.
Está aí a nova chamada à seleção para o confirmar !

Nainho disse...

E nosso clube não funciona assim... PC manda e todos comem e calam?....
Tantas vezes e tanta gente é desrespeitada e mesmo assim continua no local de trabalho....
Se trabalhar e o chefe disser qualquer coisa que não lhe agrade vires as costas pegue num carro e vá para casa... e depois veja se tal atitude não lhe trás consequências...
E o R Carvalho foi de longe o melhor em campo!
E espero que o quaresma nao tire o lugar ao brahimi com aquele super ultra maravilhoso cruzamento.

JON disse...

Ontem quando vi o golo, pensei: "pronto, está-se a formar um caldinho para o Quaresma jogar no sábado!"...

A ver se o Lopetegui tiene huevos...

José Correia disse...

Apesar da boa resposta que deu ontem (e no jogo contra a França), não é obrigatório que o Quaresma jogue contra o Sporting e muito menos que seja titular.

José Correia disse...

Já agora, ninguém disse que o Quaresma tinha de ser titular na Seleção (agora ou no Mundial do Brasil) e também não digo que tem de ser titular no FC Porto.

O que ficou demonstrado ontem, é que não é impossível o Quaresma ser suplente e, quando é chamado a dar o seu contributo à equipa (a 10, 15 ou 20 minutos do fim), ajudar a resolver jogos.

Luís Vieira disse...

O José Correia tem razão: está visto que esta vitória "causou azia". No caso em apreço, a "indisposição" provém de um singelo facto: foi o Quaresma a arrancar o drible e o cruzamento que resultaram no golo da vitória. É uma desfeita grande para o ódio militante e para o radicalismo cego e fanático anti-Quaresma que impede uma análise mais equilibrada. Tivesse sido qualquer outro personagem a fazer o mesmo e seria, para usar a terminologia vigente, "uma decisão fantástica"; tratando-se do Cigano o veredicto é diametralmente oposto: foi um charuto caído do céu gizado pelo Kjaer e pelo Schmeichel.

meirelesportuense disse...

Fiquei com dúvidas quanto a quem meteu a bola na baliza...Num primeiro momento fiquei com a sensação de que a bola toca em último lugar na cabeça do defesa Dinamarquês, depois visto numa pequena fracção de desvio da imagem, dá-me a sensação que o único a tocar a bola é o Ronaldo. De qualquer modo, ficou-me, persistente, a dúvida.
Agora o centro do Quaresma é quase completamente ocultado, fala-se do golo, de CR7 e de Quaresma praticamente nada.

Rui Mendes disse...

Tire as suas dúvides. reveja o golo aqui: https://www.facebook.com/video.php?v=997043756987975&set=vb.116840608341632&type=2&theater