domingo, 14 de dezembro de 2014

SMS do dia

"Pido "temporalmente" disculpas a los adeptos"

O treinador do FC Porto inventou uma nova forma de desculpar-se. A forma "temporal".
Claro que Lopetegui não tem culpa de ser um treinador fraquissimo, sem qualquer ideia de jogo e que foi totalmente engolido por um Jesus em modo "raposa" que soube explorar muito bem as nossas fragilidades. Lopetegui também não tem culpa de ter perdido os dois jogos em casa contra Sporting e Benfica porque são coisas que passam. Lopetegui também não tem culpa que o FC Porto tenha interrompido quase uma década sem perder em casa contra o Benfica para a liga. Felizmente para os portistas Lopetegui só tem culpa de ter sido escolhido por gente ainda mais incompetente que ele que transformaram o FCP num cordeirinho que está a caminho de testemunhar uma mudança de ciclo histórica. Quem dirigia o clube sabia a importância desta época e com o Benfica a seis pontos e sem Europa em Dezembro só lhes toca rezar. E rezar muito. Para isso tinham trazido o Scolari e a "Virgem" com ele!

55 comentários:

Ernesto disse...

Há dias eram hosanas cantadas sobre o percurso na CL, hoje o treinador já não vale nada e a SAD é uma cambada de incompetentes... Quanta congruência! A oportunidade que faltava chegou, e o Miguel não a desaproveitou! A viragem histórica, diz ele, num ano em que o benfica esgota as reservas de uma equipa madura, matreira é certo, mas em fim de ciclo. Perdemos, é certo, por alguma inexperiência, e na sorte do jogo. O benfica fez 2 remates e marcou dois golos, passando todo o jogo atrás da linha da bola, e com isto já deitámos a tolha ao chão...

a pessoa disse...

Eu que em muitas ocasiões critiquei o JL, hoje não lhe aponto nada.
O Benfica teve a sorte total do jogo, perante uma estratégia totalmente defensiva e a apostar no erro. Correu tudo perfeito a JJ. Acredito que em mais jogos iguais, o Benfica perderia a maioria. Hoje não foi assim.

Quanto a Lopetegui, ele é isto... Falta explorar o corredor central. Apesar de muitos não concordarem, o JJ é muito forte em alguns aspectos do jogo, nomeadamente a defender. E foi isso que ele fez hoje. Defendeu os nossos corredores bem e mesmo assim tivemos várias oportunidades que desperdiçámos.

Conclusão: é verdade que a 6 pontos e sem Europa para o Benfica, têm uma vantagem importante. Mas hoje não posso bater no treinador.

O futebol é isto. Bolas que entram como as do Kelvin, bolas que não entram como as duas na barra hoje. Ao contrário do que muitos acreditam, os treinadores não têm varinhas mágicas que fazem milagres...

Roberto H Santos disse...

A partir de hoje o meu clube é o Futebol Clube Miguel Lourenco Pereira... o unico clube que nunca perde...
O clube que nunca sofre golos mal batidos, em lancamentos e nunca manda bolas a trave...

reine margot disse...

Quanto veneno!
Mas, também não surpreende, já se sabia que o MLP não ia desperdiçar!...
... enfim...

Roberto H Santos disse...

Numa coisa concordo com o autor, idealmente prefiro um trabalhador português a trabalhar em Portugal.. mas como o autor bem sabe por vezes alguns países recrutam os melhores de outros países...
ou Portugal apenas pode exportar?
Eu acho que Portugal ganhou um bom treinador e despachou um bom palerma..

Mefistófeles disse...

Sinceramente, se há coisa que me entristece é que depois de um jogo destes se venha desancar no Lopetegui, como se ninguém tivesse visto como foi...
Atribuo este post a uma necessidade absoluta de "querer aparecer", já não sei se patológica.



Carlos disse...

Há dias eram hosanas cantadas sobre o percurso na CL, hoje o treinador já não vale nada e a SAD é uma cambada de incompetentes... Quanta congruência!

Subscrevo

PortoMaravilha disse...

Viva,

Pessoalmente, gosto como Lopetegui se expressa na li'ngua de Camões e de Gil Vicente - quanto a este u'ltimo autor é pouco sabido, fora de portugal, que também escreveu em Português - como, também, gosto de ver o Porto nos oitavos de final da Liga dos Campeões.

Continuo a pensar que o Porto continua a não conseguir finalizar nos minutos primeiros, o que lhe tem sido fatal. Perante um adversa'rio que fez 28 faltas - é enorme - acho que o Porto teve pouca sorte... Mandar duas bolas à trave num lapso de tempo tão curto deve ser raro.

O primeiro golo remeteu-me para a final de Viena onde Jaime Magalhães, sendo obrigado a recuar, permitiu o golo do Bayern resultado dum cruzamento longo.

Com este treinador o Porto recuperou o presti'gio que tinha perdido, recuperando, assim, a sua imagem e a dos seus jogadores.

A pergunta que me levanto é o porquê desta incapacidade em não concretizar as oportunidades criadas nos ini'cios de jogo?

A pouca sorte não dura sempre!

E Viva o Porto!

Diego Oliveira disse...

Que passem outra vez muuuuitos meses até que Miguel Lourenço Pereira ponha a cabeça de fora da toca para mandar um SMS outra vez. "Portistas" destes fazem cá tanta falta como lampiões.

Estou triste pelo resultado e obviamente preocupado com a situação pontual. Mas nada aponto ao treinador nem ao esforço e dedicação da equipa.

Não foi a nossa noite. Doi? Sim, e muito. Mas também não é para entrar em pânico e começar a chorar.

Ernesto disse...

Condenar uma equipa com esta bravura, que contra uma equipa adulta e matreira, e na contingência da sorte, marca dois golos em dois remates (sendo um deles de lançamento da linha lateral), e nisso meter a SAD ao barulho, alvitrando-a por incompetente, é estranho vindo de alguém que se diz tão portista quanto eu!

pancas disse...

Jon (presumo que esteja a usar o outro login),
nao lhe aponta nada?
Eu aponto-lhe o mesmo que em 90% dos outros jogos... nao treinou um modelo de jogo de jeito, nao escolheu o melhor 11 e subestimou o adversario. Isto tudo apesar de, como em TODOS os jogos ate agora, ter defrontado um adversario que tem um 11 e um plantel que e claramente mais fraco que o seu.
Como diz o Miguel, um treinador fraquissimo...

Eu so gostava de perceber porque e que grande parte dos adeptos continuam a apoiar este treinador mas tinham problemas com o Vitor Pereira (2 campeonatos, uma derrota, plantel que valia metade do de hoje) porque "era aborrecido" - mais uma vez a profecia dele de "vao ter oportunidade de ver outro tipo de futebol" se concretiza...

agostinhop disse...

Caminhamos para nos tornarmos clientes da 2ª circular. Derrota com os lagartos. Agora derrota com os lampiões. Então ficamos fora da taça. Hoje acabou o campeonato. Pessimismo. Não realismo e bom senso. Ou acham que com a lua de mel com os àrbitros que o SLB está a gozar que há alguma dúvida quanto a quem vai ganhar o campeonato.

Paulo Vieira disse...

a equipa e o treinador lutaram até ao final do jogo. os adeptos não. e pelos vistos já estão a abandonar o barco depois da 1ª derrota.

o portismo anda pelas ruas da amargura.

agostinhop disse...

E obviamente custa ainda mais perder contra uma equipa banal que foi vulgarizada na CL, pelo simples facto de ser apenas mediana. Mas isto ´o futebol Português e no fundo Portugal. O reino da mediocridade.

Pedro disse...

Perder com o benfica sempre levanta o pior de cada portista. Sempre foi assim e sempre será.

Durante algumas horas/dias vamos procurar culpados e alvos para abater. Por isso não levo a sério este post. É tão ridiculo que não merece resposta com argumentos, mas é uma prova que se hoje o Porto não é maior, é por culpa dos seus adeptos.

Quanto ao jogo, ganhou quem foi mais eficaz, mas não quem jogou melhor ou teve mais oportunidades. Lopetegui tem algumas culpas, sobretudo com Marcano... mas nada se pode apontar no risco e na vontade que ele e a equipa demonstraram.

O campeonato está praticamente perdido, mas temos muito para ganhar e muito para evoluir, A começar por nós, adeptos.

Luís Vieira disse...

O teor do post não vou comentar, para não perder as estribeiras. Quanto ao jogo, só posso dizer que saí optimista do Dragão. Em muitos anos de clássicos, este foi dos benficas mais pequeninos, mais rasteirinhos, mais fraquinhos que já vi. Muito naturalmente, o jesus vai ser elevado a génio da táctica, mas o que o benfica fez hoje no Dragão seria suficiente para vencer 1 em 10 jogos iguais. Limitou-se a defender, a tentar o contra-ataque, a fazer anti-jogo. Preocupou-se apenas com o adversário e não com o que poderia fazer para vencer. Foi igual a um qualquer Penafiel ou Moreirense. Teve 2 méritos: defender bem e ser eficaz. De resto, foi muito inferior ao Porto. Não foi goleado por mero acaso, pelo que este "campeão" de Inverno não convence ninguém. Para vencer campeonatos não basta a chico-espertice, é preciso qualidade. E nesse particular o Porto mostrou hoje que é melhor, com ou sem jogo interior.

DC disse...

Lopetegui é muito limitado, disso já sabíamos.
Indi é muito limitado a sair a jogar, só passa para o lado, também já sabíamos.
Herrera é um médio banal sem espaço para correr, também pelo menos eu e mais uma pequena fracção de adeptos do Porto já sabia.
Casemiro é limitado na construção, também já sabíamos.
Também já sabíamos que normalmente sem Quintero em campo não há jogo interior nem há grandes apoios ao portador da bola.

Agora hoje o que se passou foi que saiu o euromilhões ao Olhanen... perdão ao Benfica. Porque quem ganhou foi o autocarro que veio ao Dragão, quem ganhou foi a equipa que não jogou futebol nem deixou a outra equipa jogar recorrendo a faltas e anti-jogo. Foi uma noite triste para o Porto mas ainda mais para o futebol. Perguntam porque é que os estádios estão vazios? Para ver isto? Vale a pena pagar para ver 20min de tempo útil e 70min de lançamentos, pontapés de baliza e lesões fictícias?

Lopetegui não é brilhante mas hoje merecia ganhar e ganhar facilmente. Se Herrera soubesse acertar na baliza numa jogada onde até podia se quisesse passar ao lado a outro colega isolado; se Jackson hoje não tivesse com a pontaria dum Kléber, se a porra da barra hoje não estivesse enfeitaçada, se Fabiano não frangasse e se aqueles ridículos lançamentos laterais não continuassem a cair do céu a quem até aí não tinha entrado na área do Porto.

Perdemos mas fomos muito muito melhores.

Miguel Magalhães disse...

Desde a época 75/76 que nao perdiamos em casa na mesma época com o Benfica e o Sporting. Esse era o tempo das vitorias morais.
Desde entao que nos habituamos a ganhar aos dois maiores rivais de forma regular. Desse por onde desse, na nossa casa mandavamos sempre nós e ganhavamos quase sempre. E o respeito/temor que eles nos tinham vinha também daí.
Hoje sinto que estamos de volta aos tempos das vitorias morais e acho que fomos uns meninos e que o treinador levou um banho de matreirice do Jesus.
Esta equipa tem talento e até terá algum futuro (se os jogadores nao forem todos vendidos, como habitualmente) mas presente parece-me que ainda tem pouco.

Roberto H Santos disse...

Esta a tentar confundir para ter razao... Eu defendi VP ate ao ultimo minuto em que esteve no FCP mas agora ja nao esta.. agora defendo o Lopetegui... esperava era defendo-lo dos ataques dos adversarios mas tal como o VP, que chamou agora a esta discussao, tambem o JL tem maiores inimigos nos adeptos do proprio clube do que no exterior...
Quando o Lopetegui se fartar de nós tal como o VP, tambem vai passar a defende-lo? voce tem razao, tem é um treinador de atraso... passe a defender o actual em vez do martire do anterior...

Luís Vieira disse...

Lapidar e melhor não diria eu. Hoje até as claques foram absolutamente inócuas, quando a equipa mais precisava de apoio. Revolta-me.

Louro disse...

1ª Derrota do campeonato e toca a bater no treinador!
Que culpa terá o treinador da inercia do Danilo (que o mesmo confessou) no lance do golo de lançamento lateral irregular do Maxi!
E que culpa terá o mesmo dos golos falhados por Herrera Jackson por 4 vezes, Quintero (livre) e cª!
Tello, Herrera e Brahimi (tanto individualismo) estiveram muito aquém mas a culpa é do treinador?
O Fabiano falhou no lance do 2ª golo e agora dirão que o guardião espanhol é que é bom?
Um jogo com 35 minutos de domínio absoluto do Porto , acontece um golo fortuito e depois dizem isto?
O Jesus desde quando é que joga taco a taco no Dragão?
Foi uma vitória da estratégia na qual saiu a sorte grande e a terminação, foi injusta mas é futebol, o primeiro golo é uma anedota, mas o Maxi não tem os 2 pés no chão como dizem as regras ( se as tivesse não colocava a bola na área do GR), depois procuramos marcar e o treinador colocou as peças que tinha de colocar, até o Quaresma entrou muito bem, teve um lance genial que o Samaris cortou contra o mesmo Quaresma e em vez dum canto, foi pontapé de baliza!..isto sem falar em 2 bolas nos postes e no golo anulado (bem) ao Jackson!
17 remates contra 6, 5-1 em cantos, 28 faltas do adversário, 58& posse de bola não chegam ,mas já sei: quando formos á luz , querem ver o Porto á defesa , pontapé para a frente, fé na sorte grande, muita porrada nos avançados ( como Jardel, Samaris, Enzo , Andre Almeida e Enzo o fizeram hoje), 2, 3 remates á baliza e vencer por 1-0?
Já agora, peçam também a ajuda do colinho que tem tido os mouros neste campeonato , hoje não viu uma mão do Maxi no tamanho da torre dos clérigos e não admoestou o mesmo Maxi por insistir nas inúmeras faltas sobre o Brahimi, já para não falar no lance do 1ºgolo, ah afinal o Jorge Sousa é do Porto..blah, blah, blah...
Façam as contas e vejam que em condições normais o Benfica teria menos 4 ou 6 pontos no campeonato e nós mais 2 ou 3 pontos!

O FC Porto joga muito mais futebol que este benfica, mas não tem os árbitros a ajudar, coisa que não acontece nas competições europeias, porque será?
Porque a culpa é do treinador do Porto que pegou numa equipa completamente nova?
Que raio de portismo é este?

Roberto H Santos disse...

Quanto a primeira parte do seu comentario considero-o limitado e "varelizado"... so releva o que quer, confirmation bias...
Quanto ao restante totalmente de acordo mas acho que na questao da matreirice na perda de tempo, ainda que lhe custe, o arbitro tem uma palavra a dizer..
Eu nao quero pagar para ver um enzo perez ja amarelado demorar 5 min a marcar um canto sem medo nenhum de ser expulso...

Pés-Juntos disse...

Miguel, desculpa lá mas não concordo com a tua análise ao desempenho do treinador até aqui.
Temos feito um campeonato muito bom a ganhar bem e a sofrer poucos ou nenhuns golos. Fizemos uma fase de grupos da CL muito boa que só não foi brilhante porque os adversários foram quiçá um tanto ou quanto macios.
Sim, perdemos com Benfica e Sporting (Perder na taça com o Sporting nunca é bom, mas se queremos o campeonato e a CL olha é um mal menor) mas ainda estamos a tempo de inverter a situação.
A equipa ainda é muito novinha, o Fabiano é um excelente shot stopper mas tem outras lacunas e é o melhor GR que temos num conjunto de 5 ou 6. Temos que ter paciência.

rbn disse...

boifica, 2 remates, 2 golos oferecidos...sempre que vem ao Dragão, jogam na retranca explorando contrataques como equipa pequena, e ontem não foi diferente...tiveram a sorte do jogo e uma eficácia de 100%...

Porto, 17 remates, duas na trave e no golo bem anulado, a bola de Casemiro que ia entrar e daria o 2 x 1, encontrou Jackson mesmo em frente...

Não era dia de Jackson, errou tudo o que tentou e até atrapalhou um golo certo no remate de Casemiro...quando assim é...

Nightwish disse...

Este jogo faz-me lembrar o que Vilas Boas perdeu em casa com os mouros: dois chouriços, muita sorte e um árbitro que em época de frio não se incomoda com a distribuição de lenha. Como é possível que um jogador faça 15 faltas num jogo e não esteja perto de ver um cartão? Como é que é possível jogar com a mão em 5 ou 6 jogadas e nada? Isto é que é matreirice, quando os jogadores do FCP levavam amarelo quando faziam falta para isso? Como é o que Maxi e o Jardel acabam sem cartões, como é que o André Almeida chega ao fim do jogo? Matreirice é escolher um árbitro que apita sempre a favor dos vermelhos, depois de muita propaganda para afastar o mais equilibrado dos árbitros portugueses.
Depois... mestre da táctica? De quem, da equipa que passou a primeira parte a ver jogar e sem saber como fazer para causar perigo? De quem passou quase o jogo todo a mandar bolas para a frente a ver se calhava alguma coisa? Isso é que é táctica? Já para nem falar de que tiveram o jogo todo com os jogadores todos atrás da bola e a perder tempo. Isto é que é futebol, carago. Só ninguém percebe é como lá fora levam no pêlo e ficam com dez jogadores em campo... Coitados, a UEFA não gosta de matreirice.

Tive oportunidade e vontade de ir ao estádio duas vezes esta semana e lembrei-me de uma grande razão porque deixei de tentar ir ao estádio: ver o campo completamente enquinado não tem piada nenhuma. Ainda fiquei até ao fim para apoiar a equipa, mas a vontade era ir-me embora porque não foi para esta pouca vergonha que fui ao estádio.
Ainda podia falar do jogo, mas não me apetece, nem vale a pena. Digo apenas que cada vez mais gosto do treinador e da equipa e já não tenho as dúvidas que tinha em Outubro. Há muito a melhorar, mas ha muito que tem melhorado, pode ser que um dia também aprenda como combater a matreirice. Talvez jogando como o grande slb com a equipa atrás da bola e com chouriços para a frente. Isso é que era.

DC disse...

Relevo o que quero e aquilo que nos condicionou muito o jogo. Ou gostou do jogo interior do Porto hoje? Ou achou que os centrais estiveram à vontade a sair a jogar? Ou gostou do Herrera com bola hoje, acha que criou o que quer que seja? E Casemiro idem...
Não critico por criticar, critico o que nos condicionou o jogo hoje.

Apesar disso fomos melhores que eles, mas com Quintero em campo, por exemplo, fomos bem melhores.
Quanto a arbitragem concordo. Mas o problema é que esta é a arbitragem típica portuguesa. Não é só a favor do slb porque eu vejo isto em dezenas de jogos todas as épocas. É o triste futebol português.

Filipe Sousa disse...

O karma é f***do...

miguel.ca disse...

Embora odeie as teorias de sorte e de azar, acho que hoje tivemos um azar enorme e o benfica uma sorte medonha mas não foi só. Aqueles dois golos furtuitos nascem do unico erro grave que aponto a Lopetegui e à sua já habitual tendencia suicida de promover mudanças inuteis de ultima hora.
É que não foi apenas retirar Maicon para colocar Marcano. Foi tambem trocar Indi de lado o que provocou hesitações que nos foram fatais.
Depois a equipa voltou a sentir uma dificuldade brutal para ultrapassar um bloco de jogadores faltosos mas com qualidade e a esmagadora maioria de saídas para o ataque esbarraram em maus passes, péssimas opções e num exagero de lateralizações.
Mais uma vez constatei que o Casemiro só serve para defender e que a sua presença em campo obriga a descida de Torres ou Herrera para a zona de primeira fase de construção retirando-nos automáticamente uma hipotese de recepção ou de linha de passe. Como dizia alguem aqui noutro dia, com o Ruben Neves a cantiga é outra e o jogo flui muito melhor.
Tambem achei que as substituições foram porventura um pouco tardias. Depois de uma primeira parte em que fomos incapazes de desbloquear o sistema do slb e ainda por cima a perder por 1:0, Lopetegui deveria ter mexido ao intervalo. Quando o fez, já estáva 2:0. Foi tarde.
Uma ultima palavra para os superdragões. Para ter uma claque assim, mais vale não ter nenhuma! Com o 2:0 atiraram com as tarjas e bandeiras para o chão atrás da baliza, sentaram-se e ninguem mais os ouviu até ao fim do jogo.

Nightwish disse...

Concordo consigo, como é que o Jardel faz 15 faltas sem ver um amarelo? É patético o colo que os mouros levam este ano.

Nightwish disse...

É como a Champions...

Roberto H Santos disse...

Aceito a critica se ela for exclusiva para o jogo de hoje...sim herrera nao esteve bem, fabiano tambem e casimiro nao tendo estado bem fez o que habitualmente fernando fazia, apenas destruir. Quanto ao Indi, tomara ao Porto ter dois. A minha aversao a sua critica prende-se com o "ja se sabia"...

Quanto ao resto, de acordo, é a chico-espertice... o Alex Sandro em Coimbra fez tres faltas e o arbitro muito bem mostrou-lhe o cartao... no jogo de hoje pagamos para ver golos falhados do porto, dois golos abencoados, simulacoes, perdas de tempo, lesoes ficticias e faltas consecutivas...

ja agora, o erro do lopetegui foi ter reclamado no lancamento do primeiro golo desconcentrando a equipa... A ideia era boa, significa que estudou o adversario mas funcionou ao contrario. Ele tal como eu devia desconhecer que agora e necessario dar 2 metros. Trata-se de alguma transposicao da uefa/fifa ou é uma lei a portuguesa? alguem me sabe esclarecer?

Filipe Sousa disse...

O jogo de ontem também foi de Chamoions, e ganhou a equipa que teve a prestação mais patética - em que é que isso ajuda o Porto?

DC disse...

Reveja os outros jogos e diga-me um único onde o Indi tenha saído a jogar. Quem dera que tivesse sido só neste jogo.
Todas as críticas que fiz são a situações crónicas deste Porto e não deste jogo. Como disse, já se sabia!

bombas disse...

Não concordo nada com este post do Sr. Miguel Loureiro Pereira. Nem sequer é disto que estou acostumado a ler aqui no Reflexão Portista.
O FC Porto ontem perdeu, na minha opinião, por ser demasiado "anjinho" (jogadores e treinador).
O André Almeida amarelado logo ao 1º minuto?! Porra! Acho que só devíamos ter começado a atacar só por este flanco! Era o Tello na máxima rotação e quando quisesse descansar trocava com Brahimi, o A. Almeida não ia aguentar e as oportunidades iam surgir.
O 1º golo também já foi mais do que explicado, muito "anjinho", até eu, que não sou profissional (sou um mero adepto) sabia exactamente onde a bola ia cair daquele lançamento, ou um centro ou mesmo o GR devia ter surgido a socar a bola rapidamente, a trajectória da bola estava desenhado ainda esta estava nas mãos do Maxi. Mas pronto, há dias assim.

E o Jackson virou saco de pancada?! Deus me livre! Nunca vi tanta tareia num atacante. O Jardel só jogava nas pernas e nunca saiu um amarelo! Para nenhum dos centrais?! Parecia que dava bónus dar pancada no homem!!

Estou 100% com Lopetegui. Estou a adorar o trabalho dele, a equipa que montou, o modelo de jogo e o profissionalismo. Continua que estamos no bom caminho, mas ontem, tive saudades de Vitor Pereira. Neste clássicos estava 1 ou 2 passos à frente (sabia perfeitamente que o Jesus vem sempre encolhido pro Dragão). Mas chegaremos lá.
Força PORTO!

JON disse...

Sim, fui eu que escrevi o comentário acima. Esqueço-me quando estou no pc da patroa...

O Lopetegui é isto... Falta jogo interior, falta mais paciência, há coisas a melhorar, claramente, mas já havia antes do jogo.

Agora, não é por este jogo que o vou criticar. Este jogo é futebol, acontece. O Benfica é muito bom defensivamente. Ainda assim na primeira parte, se metemos uma das oportunidades que tivemos a estratégia deles ia mudar completamente. Íamos ter espaço e com jeito comiam eles 3 batatas...

Se toda a gente ficou feliz com o chouriço do Kelvin, hoje não pode bater no treinador, porque isto é futebol. O Benfica veio jogar no erro e apostar naquilo que é forte, que é defender. O Benfica sabe defender bem, só não vê quem não quer. Apostou nisso e correu-lhes tudo tudo bem...

Benfica vai uma vez à baliza faz golo num chouriço, pouco antes do intervalo. No recomeço, faz passados poucos minutos. O jogo a seguir praticamente acabou com o Benfica a queimar tempo. Ainda assim se uma das bolas na barra entra, ainda chegávamos ao empate... É futebol

Querem bater no treinador, batam na abordagem ao jogo do Boavista, do scp nos 2 jogos, ou do Estoril. Ontem, fez o que tinha de fazer dentro do que é o seu modelo.

PS: eu também escolhia outro 11, mas nem foi por aí ontem...

Alberto Silva disse...

Ter dois centrais esquerdinos limita só de si a saída de bola...a bola tornava sempre para o Alex Sandro, porque o Indi não consegue colocar no Danilo de pé direito...e com isso se perdeu muito tempo e qualidade de jogo.

Jorge Vassalo disse...

Bravo, assino por baixo!

Jorge Vassalo | Porto Universal

Nightwish disse...

"O Benfica sabe defender bem, só não vê quem não quer."

Sabe, mas curiosamente só com árbitros portugueses.

Nightwish disse...

"o A. Almeida não ia aguentar e as oportunidades iam surgir. "

O André Almeida fez faltas qb para ir tomar banho mais cedo, apesar de tudo. Mas nunca iria ser expulso por um benfiquista ferrenho.

bombas disse...

O Jorge Sousa é benfiquista? Estava convencido que o Jorge Sousa é mesmo Portista (o que, quando se sabe, é pior).
De qualquer modo quando escrevi, referia-me em puxar pelo erro defensivo do André Almeida (que jogava com medo de não levar o 2º amarelo), se fosse expulso como consequência disso, melhor.

Bruno Guedes disse...

Boa tarde Sr. Miguel Lourenço.
Respeito o seu SMS e não ponho em causa o seu portismo, felizmente somos livres de dar opiniões e de manifesta-las livremente.
Agora, gostava isso sim, de o ver numa assembleia geral do clube e votar contra esta direcção contra este Presidente. Quando o senhor fizer isso, terá o meu respeito, ter uma opinião contaria e não dar a cara é ser cobarde. Por em causa a direcção numa derrota e atravez de um Post é muito baixo, mostra pouco como pessoa. Ou o Sr. Miguel é daqueles que escreve mal contra a direcção, mas chegando o momento da verdade nas Assembeias, mete o rabo entre as pernas e aprova tudo com um sorriso nos lábios.?
Ser portista não é gostar de uma equipa é gostar de algo maior que isso. Ser portista só nas vitórias é muito fácil, dificil é ser portista no tempo do meu pai e dos demais sócios com mais de 60 anos que viveram um deserto muito grande. O meu Pai não deixou de ser portista, aliás e era mais portista anteriormente, depois habitou-se a ganhar. Eu tenho 31 anos e só vi o FCPORTO ganhar, mas sou mais portista nas derrotas. Envergo mais depressa a camisola do FCPORTO nestes dias do que quando ganha a liga dos campeoes.
Não me diga que voçê é um portista da moda, que o era só porque fica bem.
Realmente estamos a caminhar para o abismo com sócios/ adeptos como voçê que só sabem ganhar, que por ventura nem a história do FCPORTO deve conhecer.
Para si ser portista é só a partir de 1977, o anterior também faz parte.
Bruno Miguel Guedes -28061.
Na última A.G do clube para votar o relatório de contas, eu fui o único que votei contra. Ouvi bocas, ouvi risos mas não tive medo. Fiz 120 km para votar contra algo que acho inadmissivél.
Digo isso pois um dos senhores que pertence e escreve neste blogue estava lá e pode confirmar.
Bruno Miguel Guedes -28061.

Miguel Lourenço Pereira disse...

Caro Bruno,

Quando escrevo no RP escrevo sobre o FC Porto, não sobre o meu portismo ou a relação com o clube que é, como é natural, a que bem me aprouver. Não preciso sacar os vinte anos que tenho de sócio, nem as inumeras deslocações feitas para apoiar o clube dentro e fora do país nem preciso de relembrar o número de vezes que já escrevi/comentei neste blog que a) já votei em AGs quando vivia no Porto e sempre em contra as propostas da direcção e b) desde há muito tempo que me recuso a tomar parte nessa farsa que equivale tanto a democrático como uma eleição legislativa em Cuba ou no Burkina Fase.

Tendo isso fico feliz que o Bruno faça 120 kms para votar, que envergue a camisola nos dias em que mais lhe aprouver e que considere que há portistas de moda. Gosto sempre de quem tem uma lição de portismo a dar aos demais, especialmente quando essa lição coincide sempre com o "seu" portismo. É claramente um acerto moral tremendo. Mas como lhe disse, o meu portismo é meu exclusivamente e qualquer um pode, porque vivemos num estado de direito democrático, opinar o que bem lhe apetecer sobre ele o que não faz com que o comentador em causa ou o comentado seja minimamente relevante.

Miguel Lourenço Pereira disse...

Já agora, gosto sempre de quem comenta assinando com o seu número de sócio. O meu até é bastante mais baixo mas isso é irrelevante. Há uma certa ideia de que os sócios - colectivo do qual sou parte há mais de 20 anos - são mais portistas que os que não são e gostam de "sacar peito" disso mesmo. Partir dessa premissa para mim desmonta qualquer argumento posterior.

Miguel Lourenço Pereira disse...

Caro Bombas,

Esta frase é sua?
"O FC Porto ontem perdeu, na minha opinião, por ser demasiado "anjinho" (jogadores e treinador)."
e esta também?
"Estou 100% com Lopetegui. Estou a adorar o trabalho dele, a equipa que montou, o modelo de jogo e o profissionalismo."

Porque alguém se esqueceu de tomar a pastilha da coerência. Está claro que estou de acordo com a primeira - curioso que não estando de acordo com o SMS seja a primeira que escreve - porque demonstra que ao treinador este tipo de jogos lhe vem grande mas dizer que temos um treinador a fazer um grande trabalho para depois chamar o mesmo de anjinho é como dizer que o marisco preferido são tremoços.

Miguel Lourenço Pereira disse...

Pés-Juntos,

Um campeonato muito bom não podemos estar a fazer. Não conheço na história recente do FCP um campeonato muito bom onde estejemos á jornada 14 a 6 pontos do Benfica. Onde empatamos em casa com uma equipa que veio dos distritais, perdemos com o rival directo e somos incapazes de ganhar em Alvalade.

Fizemos uma muito boa fase de grupos da UCL precisamente porque os nossos adversários não foram o PSG, o City, o Chelsea ou o Dortmund, por exemplo. Nada a dizer do mérito de passar em primeiro mas embandeirar em arco por isso é um erro que cada toque de realidade deixa claro.

Estamos a tempo de inverter 6 pontos de atraso com um Benfica que só tem o campeonato até Maio? Claro que sim! Falamos em Maio dessa paciência!

Miguel Lourenço Pereira disse...

A falta de memória no portismo moderno é tremenda mas seguramente que haverá quem se lembra por aqui que o que o Benfica fez era exactamente o que o Pedroto e Artur Jorge faziam nas viagens á Luz e Alvalade nos anos 70 e 80 e na altura "adultos e matreiros" eram elogios e não criticas despreciativas.

Quanto á SAD, naturalmente que está ao barulho de tudo o que tem a ver com a gestão desportiva do futebol profissional. Não estou a falar da secção de bilhar!

José Lopes disse...

Miguel,

Falas como se aqui nunca tivesses feito juizos de moral sobre a forma como os outros encaram o que a direccao faz, sobre o que deve pesar na consciencia na forma como se vive, etc. Tens todo o direito a viver o clube e as derrotas da forma que entenderes, mas era bom ler (muito) menos arrogancia.

Quanto ao post, gostava que o problema desta equipa fosse apenas a trave enfeiticada ou um frango do Fabiano. Mostramos os mesmos problemas de sempre, certamente agravados pela ineficacia gritante no ataque, mas os erros atras, a incapacidade de sair a jogar, o isolamento dos extremos confiando-se na sua qualidade, o problema de ter estes dois centrais para o nosso modelo de jogo, o Herrera nestes jogos, etc., nada disso e' novo. Ontem houve apenas um acumulado de coisas nao novas que levaram ao resultado final. Custa-me a crer que ganhemos algo este ano, mas a ver vamos. Tambem me custa ver que esta equipa nova, com potencial, de pouco nos valera, porque a nao ser que haja um milagre e sejamos campeoes, ja ca nao estara na proxima epoca em parte significativa (emprestados, Jackson, Danilo, etc.). Quanto a SAD que escolheu o treinador, aguardemos pelo balanco da epoca. Ao contrario da voz corrente, os falhancos na escolha dos treinadores tem sido frequentes; os sucessos e' que tem equilibrado a coisa por serem regularmente enormes.

Miguel Lourenço Pereira disse...

José,

Eu tenho a minha visão do que é ser portista (eu, não os outros) mas não me lembro de ter vindo aqui questionar o portismo de alguém. Posso ter questionado a lógica de apoiar de fé cega uma direcção nefasta na gestão financeira do clube mas jamais pensarei que quem pensa diferente de mim é mais ou menos portista. Não acredito que exista nenhuma balança para isso.

O problema que enuncias no seguinte paragráfo é, precisamente, o mais grave disto tudo. A SAD perderá os trunfos que lhe sobravam brevemente (Jackson, Alex Sandro, Danilo e Brahimi, que nem é nosso no fundo e está de "empréstimo" via Doyen) e como se apostou em trazer emprestados e não valorizar apostas nossas num periodo estável vamos pagar o preço. Também estamos já a pagar o preço de uma gestão nefasta da SAD que leva já 10 anos em cima e que tarde ou cedo tinha de dar o berro. Quem encheu a barriga de titulos que se prepare porque esta politica de varrer para os bolsos e destruir o Clube terá o seu preço e a confeção deste plantel é o melhor exemplo. Leio muita gente a reclamar pela falta ontem do Ruben, um miudo de 17 anos, num "Clássico" o que diz tudo sobre o que a SAD fez para planear a temporada e o treinador, com plenos poderes, na concepção do seu próprio plantel.

Pés-Juntos disse...

Miguel,

Compreendo e aceito os teus argumentos que baseias em factos, "however" devo lembrar-te (se é que é preciso...) que estamos a construir uma equipa após a pior época duma equipa do Porto desde 2004-5 o que, diga-se de passagem, não deve ser tarefa simples, ainda para mais depois de perder o pilar do meio-campo nas últimas 5-6 épocas (Fernando).
Eu sinceramente acho que estamos a fazer uma boa época porque estamos a recuperar uma ideia de jogo e uma identidade enquanto equipa, uma com a qual eu me identifico..
E sim, vamos availar em Maio o trabalho e os resultados. Mas digo-te já que para mim Lopetegui tem que levar o seu contrato até ao fim (2017).

Nightwish disse...

"desde há muito tempo que me recuso a tomar parte nessa farsa que equivale tanto a democrático como uma eleição legislativa em Cuba ou no Burkina Fase."

O que eu acho sempre curioso é que quem diz isto nunca continua o raciocínio lógico para as democracias onde se pode escolher entre dois partidos iguais.

Roberto H Santos disse...

Em Maio o FC Miguel Lourenco Pereira quer dizer "eu avisei"... se o Porto ganhar é aborrecido mas vai logo arranjar uma desculpa...
O campeonato nao é do Porto por decreto e nao jogamos sozinhos... Invocar o passado nao o faz mais portista que ninguem, tambem ainda pode escrever famacia com "p" e "h" que nao o faz mais letrado... Ja as suas atitudes, prefiro benfiquistas, esses sei como combater...

Bruno Guedes disse...

Bom dia.
Sr. Miguel Lourenço, desde já as minhas desculpas pela forma como escrevi.
Não quis mostrar o meu portismo nem tão pouco mostrar que sou mais portista que alguém. Costumo dizer que ninguém é mais portista que eu nem sou mais portista que alguém.
Sou sócio á 20 anos e ainda bem que o sr. é mais antigo que eu, invejo-o e respeito-o por isso. Sou daqueles sócios que dá o seu lugar a um senhor ou senhora que apresente um cartão de prata ( acima de 25 anos é essa a cor do cartão). Acima de 50 é dourado.
Não sou mais portista por ir a AG, aliás a primeira vez que fui foi relativo a questão do estádio. Disse a mim próprio que depois daquela estaria sempre presente, e estive. A última foi para aprovação do relatório e contas na qual estariam cerca de 50 sócios.
Dou-lhe inteira razão, quando diz e muito bem que o nosso clube tem uma democracia como Cuba, China ou Burkina Fase, aqueles que hoje admitem prejuizos incriveis e inadmissiveis serão os primeiros a manifestarem-se quando o presidente não for JNLPC.
Sei perfeitamente que estamos a caminhar para o fim do nosso ciclo e que vamos demorar muitos anos até nos recompor. Sabe tão bem quanto eu, que uma democracia cujo o presidente tem uma liderança de mais de 3 décadas irá sofrer muito quando ele não estiver presente.
Concordo com muito que o senhor escreveu, o que não concordo é que se faça após um jogo.
Eu tenho um principio, posso ser contra o treinador, contra jogadores contra direcção, mas quando a bola começa a rolar, coloco o cachecol e apoio até ao fim.
Essa é a minha filosofia, não quero que todos sejam como eu, mas a meu ver criticar após uma derrota dolorosa, penso que não seja a melhor maneira de o fazer.
Digo isto nas derrotas, como mesmo que por casualidade sejamos campeoes europeus, não me vão ver na rua a gritar Pinto da Costa olé olé. A minha opinião quanto a liderança deste clube nos últimos 10/ 12 anos continua negativa.
Só espero que aceite as minhas desculpas, o campeonato na minha opinião está complicado, muito dificil mas perdemos uma batalha mais ainda não perdemos a guerra e continuo esperançado que esta época vamos ter muitas e boas alegrias.
Cumprimentos
Bruno Miguel Guedes -28061

Miguel Lourenço Pereira disse...

Caro Bruno,

Não tem por que pedir desculpas absolutamente nenhumas. Jamais a mim algum portista tem de pedir desculpas por expressar a sua opinião, não sou mais do que ninguém e não me senti de nenhum modo insultado.

Naturalmente que há comentadores que recorrem ao insulto mais ou menos fácil ou á ironia ácida mas a esses não há que dar cavaco. O Bruno expos a sua posição de forma clara e coincidimos em muito. Eu também, quando a bola começa a rolar, apoio até ao fim do jogo. Quando a bola termina de rolar, abre-se a tertúlia, o debate e a troca de opiniões. Foi precisamente o que quis fazer. Ninguém se alegrará mais do sucesso do clube do que eu apesar de quem dirige a SAD ou a equipa mas isso não invalida qualquer critica.

cumprimentos

Roberto H Santos disse...

Que eu saiba o FCP é um clube democratico onde todos podem votar e onde todos os votos valem o mesmo.
Por outro lado, todos se podem candidatar à presidencia.
Saber aceitar eleicoes democraticas
tambem é um acto democratico...
Sendo estas criticas tao estruturais, podia te-las feito logo depois de termos garantido o apuramento para os oitavos..
Por acaso ate discordo de muitas criticas suas mas se forem apresentadas na altura certa merecem a minha reflexao mas nunca numa altura destas...
É desonesto da sua parte e parecendo-me que quer ser de alguma forma parte de uma qualquer alternativa guarde-se para os momentos certos para atirar de forma certeira.

Bruno, comprendo e partilho da sua preocupacao com a sustentabilidade no futuro, mas veja la, baixando orcamentos e esperando que a prata da casa renda, corremos o risco de ter mais derrotas do que aquelas que temos e repare onde ja vai a conversa apos uma unica derrota no campeonato...

Bruno Guedes disse...

Bom dia Sr. Roberto.
Eu já sei que quando se fala em apostar na prata da casa, que vêm logo exemplos como os lagartos.
Eu estou contra é os milhões que se gastaram num projeto chamado 611 onde não foi aproveitado um único jogador. Já fez as contas a esse projetcto? Quando falo na formação não estou a dizer que temos que ser um Barcelona, um Ajax penso é que foram gastos rios de dinheiro em algum que não foi produtivo.
E não foi produtivo porquê? Porque era melhor contratar argentinos, brasileiros entre outros.
Mas eu não gosto de atirar pedras após uma derrota. Para mim perder contra as Galinhas ou contra o Rio Ave é igual. Não foi por perder domingo que critico o presidente JNLPC ou a politica que o clube teM. Aliás, julgo que esta época vamos ter boas alegrias e ainda não atirei a toalha ao chão.
Quanto a democracia do nosso clube, convido-o a ir a uma AG e ter uma opinião contrária a da direcção. Fidel Castro também dizia que o povo era feliz.
Mas isto só irei falar no fim da época quer sejamos campeoes quer sejamos 2.
Cumprimentos
Bruno Miguel Guedes -28061