quarta-feira, 11 de março de 2015

Quero o Real Madrid!

Não sabemos ainda quem se vai apurar para os Quartos de Final. Tenho o Chelsea, o Bayern e o Barcelona por favoritos absolutos e não os quero ver à frente para já. Dos restantes o equilíbrio é a nota dominante e não vejo num Dortmund vs Juventus, um Monaco vs Arsenal ou um Atletico vs Leverkusen um grande papão. São equipas que nos podem perfeitamente eliminar como podemos surpreender. Por isso mesmo deixo já aqui publicamente um desejo. QUERO o Real Madrid!

Se o FC Porto jogar como tem jogado, se o Real Madrid jogar como tem jogado, temos perfeitamente hipóteses de os eliminar. E mesmo que depois percamos nas meias-finais, eliminar os milionários campeões europeus já valia um ano. Seria a consagração definitiva deste projecto em crescimento com um golpe de autoridade e uma oportunidade perfeita para o Danilo perceber que aqui vai estar sempre melhor (menos na conta claro)!

Por isso que venha o Real. O Dragão está à espera!

16 comentários:

DC disse...

Pelo espectáculo e pelo desafio que venha Bayern, Barça ou Real.
Pela maior facilidade Mónaco, Dortmund ou Leverkusen se passar.
Para um jogo feio e cínico que portanto quero evitar, Chelsea e Atlético.
De todas só mesmo estas duas me irão desagradar muito caso calhem ao Porto.

Se tivesse que escolher, por uma questão de desafio e de espectáculo acho que seria Dortmund ou Real.

Bruno Guedes disse...

Bom dia Sr. Miguel Lourenço
Eu querer, querer queria o Rebordosa ou os Passarinhos da Ribeira. Estou a brincar. Só existe uma equipa ( sempre foi) que não quero, é o Barcelona ( caso passem). Foi sempre a equipa que nunca gostei de enfrentar, contra outra qualquer a eliminatória é sempre 50/50 contra o Barça é 51/49 e por isso não os quero nem agora nem nunca. Não me perguntem porquê, sempre tive medo deles.
Tivemos sorte no sorteio e como tal não acredito que o tenhamos agora.
Obviamente que todos nós queremos o Mónaco ou até o Leverkusen ( caso eles passem) mas um raio não caí 2 vezes no mesmo sítio.
Independentemente de quem vier, penso que de 2 coisas estamos certos ( só se acontecer algo de muito anormal) vamos discutir a eliminatóra até ao último minuto e o que eu quero e queremos todos é de passar.
Bruno Miguel Guedes -28061

José Correia disse...

"QUERO o Real Madrid"

Ó Miguel, cá entre nós, tu queres o Real Madrid, porque podes ir a pé ver o jogo ao Santiago Bernabeu... ;-)

José Correia disse...

Agora a sério.
Conforme já disse nos comentários a outro artigo, os quartos-de-final são daqui a 5 semanas.
Ora, daqui a 5 semanas que Real Madrid iremos ter?
O Real das últimas semanas ou a equipa que, entre 16/09/2014 e 20/12/2014, disputou 22 jogos oficiais, tendo ganho TODOS esses jogos, com um saldo de 81 golos marcados e 10 sofridos.
Honestamente, quem acha que o FC Porto teria alguma hipótese contra esse Real Madrid?

Miguel Lourenço Pereira disse...

DC,

O Bayern e o Barcelona estão num momento de forma excelente e não me surpreendia nada - depende do sorteio - que a final seja entre eles. Caso toque o Monaco, Dortmund, Leverkusen e até Juve a eliminatória seria equilibrada mas se cair-mos ficariamos com mau sabor de boca. E sim, para não ver futebol, o Chelsea e o Atlético.

É por isso que o rival ideal é o Real Madrid. Se ganharmos, prestigio eterno. Se perdermos, seria inevitável. O jogo será aberto, o Real está num pessimo estado de forma, a nossa equipa sabe explorar muito bem precisamente o que o Real tem de pior (recuperação á perda, espaços entre linhas, fragilidade do GR). É o rival ideal!

Miguel Lourenço Pereira disse...

Eheheh,

Sim, são só cinco minutos desde casa. Também tinha bilhete garantido. Mas a verdadeira razão é ir no dia a seguir á eliminação ao café com a camisola vestida!

Miguel Lourenço Pereira disse...

Zé,

O Real de agora é uma equipa praticamente acessivel a todos. Daqui a cinco semanas não sei. O jogo com o Barcelona será daqui a nove e definirá a temporada. Uma derrota e o risco de perder a Liga vai obriga-los a por todas as fichas nos jogos seguintes - 3 anos sem titulo de liga é muito - e vão-se desgastar bastante. Ainda para mais a rotação, para Ancelotti, não existe.

Esse Real, de que falas, vivia do melhor estado de forma do Ronaldo (que já sabemos todos que se prepara especialmente para a época de votos do Balon D´Or), de uma equipa fresca (com Kroos e Isco com pernas e pulmões) e sem lesões. Mas mesmo essa equipa sofreu - e muito - em vários jogos e as derrotas têm tido sempre denominadores comuns (lentidão de processos, defesa espessa, falta de dinamismo).

Como não albergo mais ambição do que sair com a cabeça alta, o desafio é tremendo!

Miguel Lourenço Pereira disse...

Se cair nos quartos prefiro cair com um gigante que com um anão. Não gostaria de perder com um Monaco que, como o Basel, organiza-se muito bem defensivamente mas ataque bastante melhor, ou com um Leverkusen que pode ser um jogo muito mais exigente já que são uma equipa muito fisica, rápida e com grandes individualidades (ainda que acredito que passe o Atletico). O mesmo vale para o Dortmund.

Sendo assim, o único "gigante", salvo a Juventus, que nos pode dar alguma esperança de passar e não nos magoaria o prestigio e a alma se não passamos é mesmo o Real Madrid!

DC disse...

Não lhe chamaria ideal porque me assusta um pouco pensar em Benzema e Ronaldo contra Maicon e Indi (Marcano não joga o próximo jogo). Mas sim, temos algumas hipóteses. Mais do que as normais nestes confrontos Porto-Real.

Miguel Lourenço Pereira disse...

DC,

Não há ideais. Nem a velocidade do Abaumayeng e do Reus nos vinham bem, nem as movimentações do Moutinho-Berbatov, nem sequer as transições do Griezzman-Torres/Mandzukic. São os quartos.

Mas "este" Ronaldo e um Benzema claramente em baixo de forma são suportáveis. Os do ano passado não eram!

Bruno disse...

Era de facto giro calhar o Real Madrid, mas também tem um senão. Era interessante pois íamos ver como se ia comportar a equipa tacticamente, se ia assumir a posse de bola de forma avassaladora como tem feito em todos os jogos ou se íamos jogar mais na contenção e no contra ataque (aposto mais nesta). Mas, não nos esqueçamos que o Real tem sempre aquela ajudinha dos árbitros, tal como o Barcelona e outros tubarões, a UEFA quer o melhor para o negócio e o Porto ir longe não faz parte dos plenos deles.
Para os que dizem que querem o Mónaco, cuidado, o Mónaco é muito bom defensivamente e no contra ataque e a nossa equipa não se dá bem com estas equipas mais fechadas.
Com este Porto nesta boa forma tudo é possível, agora se voltarmos a ver o Porto do ano passado, aí sim podemos dizer que podemos perder com qualquer um.

Miguel Magalhães disse...

Assino por baixo. Já o dizia antes do jogo de ontem. A partir dos quartos nao temos que ter receio de jogar contra os melhores e se tivermos que cair que seja contra esses.
Para além das razoes apontadas há uma que creio que tambem jogaria a nosso favor e que seria o facto de termos muitos elementos no plantel e na equipa tecnica que sentiriam uma motivacao ainda maior por defrontarem o Real Madrid. E isso poderia ajudar a fazer a diferença.

Luís Vieira disse...

Precisamente Miguel, o que está a faltar ao Real, agora, é o "boost" enorme de qualidade do Ronaldo e o processo ofensivo ser regularmente bem sucedido, porque os problemas defensivos estão lá desde o início da época. Podemos aproveitá-los e beneficiar disso mesmo, mas compreendo os receios do José, porque se aquele ataque "engatar" é muito difícil de travar. Para além disso, defensivamente, embora tenhamos dado um salto qualitativo assinalável, ainda apresentamos algumas dificuldades, designadamente quando é ultrapassada a primeira linha de pressão, no espaço entre o meio-campo e a meia-lua da área, que podem ser bem exploradas por uma equipa de grande calibre. Em suma, entre Bayern, Barça e Chelsea, obviamente Real, mas a bem do sucesso do Porto (é sempre muito relativo, claro está), todos os outros, que não tubarões.

Quid disse...

Meus caros portistas,

Querer, desejar, sonhar.. sim, todos temos direito a opinar. O que muitos esquecem é que para além da boa forma das equipas, na hora da verdade, a questão das Centenas de Milhões de Euros envolvidos, dos Patrocinadores, das Marcas... também conta e muito no resultado dos jogos.

Na hora da verdade, os Platinis, os Colinas, fazem notar, fazem sentir aos árbitros que na dúvida, nas Meias Finais por questões comerciais, interessa sempre ter os Grandes Clubes que são seguidos na China, na India, nos EUA, na Amaérica do Sul, em Africa... Adidas, Nikes, Pepsis, Coca Colas, Fords, Carlsbergs... não cabem num País de 10 milhões de habitantes!!

Sim, sonhar, desejar, querer, nós podemos e devemos. Mas não podemos ser ingénuos ao ponto de julgar que jogamos com armas iguais.

Basta ver que o que se passa em Portugal. Os quase 3 milhões de portistas são uma minoria contra os quase 7 milhões de anti-portistas!!!

É que, insisto, como bem diz o RS, os jogos de futebol da Industria Futebol ganham-se em 60% fora das 4 linhas!!!

Mas, claro se fosse hoje, o actual FCP, o FCP de ontem jogaria olhos nos olhos com qualquer dos colossos europeus.

Nightwish disse...

" Mas, não nos esqueçamos que o Real tem sempre aquela ajudinha dos árbitros"

Já os últimos 3 jogos do FCP na Champions foram com campos fortemente inclinados...

Pés-Juntos disse...

Pois por mim podem vir todos menos os "Bês" Bayern e Barcelona que, por jogarem como nós e tendo melhores executantes do que os que nós temos não nos darão qualquer hipótese.

Gostava do Dortmund porque este ano tem uma defesa em muito má onda, tal como o Arsenal. O Mónaco seria simples mas aborrecido e para mim o jogo mais equilibrado seria contra o Atleti. O PSG é uma incógnita mas eu adoro ver o Porto jogar contra qualquer equipa com o David Luiz na defesa...