terça-feira, 28 de abril de 2015

International CHAMPIONS Cup

Depois da muito boa campanha na UEFA Champions League (8 vitórias, 3 empates, 1 derrota), onde foi o único clube português que superou a fase de grupos e só foi travado nos Quartos-de-final, após uma série de 11 jogos sem perder…

… o FC Porto foi convidado para participar na International Champions Cup North America, juntamente com clubes como o Manchester United, Chelsea, Barcelona e PSG, entre outros.

International Champions Cup North America - todos os jogos

O FC Porto, um "clube regional", foi o único clube português convidado para a International Champions Cup?

Sporting e SL Benfica, dois "colossos mundiais", não foram convidados?!! Porquê?

Para um torneio de Champions, não faria muito sentido convidar clubes de Liga Europa, pois não?…


O calendário do FC Porto já está definido e prevê jogos no Canadá, EUA e México:

18 de Julho: FC Porto x Paris Saint-Germain (BMO Field, Toronto, Canadá)
24 de Julho: FC Porto x Fiorentina (Rentschler Field, Hartford, EUA)
26 de Julho: FC Porto x NY Red Bulls (Red Bull Arena, Harrison, EUA)
28 de Julho: FC Porto x América (Estádio Azteca, Cidade do México)

Prestigio, dinheiro (cachet), divulgação mediática e internacionalização da marca.
Eu diria que é quase tão bom como disputar o Torneio do Guadiana ou a Eusébio Cup…


P.S. Quem ler os jornais de Lisboa, ou assistir a programas sobre futebol nas televisões da capital portuguesa, fica convencido que o FC Porto está numa crise profunda porque, atenção, vai ficar dois anos seguidos sem ganhar o campeonato. Dois anos! Ena… Contudo, e infelizmente (para muitos anti-portistas), a notícia da "morte" desportiva do FC Porto parece que ainda não chegou ao estrangeiro…

3 comentários:

José Lopes disse...

Ganhei o dia ao saber que o jogo contra o PSG sera em Toronto num sabado. Vivo agora em London, a duas horas de distancia e la estarei a matar saudades!

Quanto ao prestigio internacional que se conclui deste convite, o Porto e' sem sombra de duvida o grande clube portugues para as pessoas de ca que seguem futebol (regra geral fas da Premier League). Jogadores como Jackson, Tello ou Quaresma sao referencias mesmo a esta distancia e num pais onde o futebol esta longe de ter grande relevancia. A vitoria sobre o Bayern foi excelente para reforcar esse prestigio, mas e' claro que a goleada sofrida fez com que a distancia que nos separa dos colossos se tornasse evidente para qualquer um. E' bom marcarmos presenca nestas competicoes e para isso e' fundamental fazer boas prestacoes na Liga dos Campeoes, que e' a unica competicao europeia com peso fora do Velho Continente.

Luís Vieira disse...

A confirmar-se a perda do campeonato, não será uma crise "profunda", mas será certamente uma crise de resultados pouco vista no Dragão. Por um lado é bom, porque nos obriga a ser mais humildes e a não ter como adquirida a conquista de títulos todos os anos. O portista burguês está mal habituado, acha que a concorrência não existe e que o Porto tem de ganhar faça chuva ou faça sol, sem grande esforço. Não é bem assim: para ganhar precisamos de ser "munta fortes", como diz o outro. A tendência arbitral, por princípio, favorece os vermelhos. Só não foi assim a partir dos anos 80 e até ao processo apito dourado, altura em que houve um equilíbrio de forças nos corredores do poder. Agora, tudo está como dantes e, por isso, temos de ser duplamente fortes, principalmente na prova de regularidade que é o campeonato, onde as influências externas mais se fazem sentir. Não obstante, a incapacidade para conquistar uma taça que seja para amostra é sintomática. O Porto vive de títulos e, não ganhando o campeonato, ao menos que vença outras competições. Assim se aumenta o palmarés. Por mais participações meritórias na Champions que tenhamos, se não ganharmos títulos ficaremos para trás na hierarquia do futebol português (vide Sporting). O JJ, em entrevista à Bola por alturas do Natal, disse que se o Benfica fosse campeão este ano, a hegemonia do Porto estaria quebrada. Infelizmente, tendo a concordar. Confio em quem está ao leme do clube, mas esta seca de títulos tem de ser rapidamente combatida. É essa a minha crítica ao Lopetegui: foi incapaz de vencer o que quer que fosse. A Champions e a luta no campeonato até ao fim, depois de uma época terrível, granjeiam-lhe simpatia, mas é pouco. No próximo ano terá de vencer.

Unknown disse...

http://desporto.sapo.pt/futebol/primeira_liga/artigo/2015/05/22/benfica-tira-fc-porto-de-torneio-americano