domingo, 19 de abril de 2015

Nas nuvens

Na viagem para Munique, rumo ao sonho de eliminar o colosso da Baviera e seguir em frente na maior competição de clubes do Mundo, a comitiva do FC Porto foi recebida em apoteose no Aeroporto Francisco Sá Carneiro, por milhares de adeptos portistas, num ambiente de verdadeira loucura e enorme amor clubista.




Na sua versão online, o JN escreveu:

«Bandeiras, cachecóis e gargantas afinadas foram os sinais de uma grande manifestação de fé portista, ao início da tarde, no Aeroporto de Pedras Rubras. Os adeptos azuis e brancos mobilizaram-se e invadiram, no bom sentido, a aerogare, acompanhando os jogadores desde o autocarro até ao “check in”.»




e O JOGO escreveu:

«A saída do autocarro demorou cerca de 10 minutos, tal o mar de gente que bloqueou a passagem. Quaresma, que marcou dois golos na primeira mão, foi o mais saudado pelos adeptos, seguido pelo colombiano Jackson.»




Na sua página no Facebook, Maicon partilhou um vídeo e escreveu:

«Hoje presenciei um dos momentos mais brilhantes, esses adeptos são fantásticos. Cada dia nos surpreende mais. Arrepiante, mágico! Muito orgulho de fazer parte dessa família que é o FC Porto. Porto Sempre! #FCPorto #SomosPorto»




Se o FC Porto conseguir o feito histórico, que seria, numa eliminatória a duas mãos e com o 2º jogo disputado na Alemanha, eliminar o Fußball-Club Bayern München, eu... eu nem quero imaginar!

Deixem-me sonhar!...



16 comentários:

miguel.ca disse...

Que Deus nos permita chegar ao intervalo sem sofrer golos.
Pressão altíssima, contra ataques supersónicos e o gigante tombará

Saci Pererê disse...

Só nós sabemos o que é viver este sentimento porque só nós #SomosPorto. Espero que a equipa acredite e vá para cima do Bayern para ganhar o jogo lá como cá, com alma e com querer mas sobretudo com inteligência.

José Correia disse...

"Sensibilizou-nos muito e deu-nos ainda mais vontade de fazer um resultado positivo e dedicar a vitória a todos os que nos estiveram a a apoiar e foram despedir-se de nós e transmitir confiança. Não estava à espera. Foi fantástico. O apoio que nos têm dado tem sido admirável"

declarações de Pinto da Costa, a propósito da recepção feita pelos adeptos no aeroporto do Porto

jnporto disse...

Bom Dia.
É a Força do FC Porto que permite resistir ao apoucamento e falta de respeito que constantemente recebe da Comunicação Social portuguesa. Mas agora isso não interessa. Estamos a caminho de mais uma vez fazer História pelo Porto e por Portugal. Que a sorte esteja connosco. Força Porto!

True Blue disse...

O sr José Correia escreve muito bem, gosto de o ler mas parece que desta vez, gosta de se fazer de crédulo..

Já ontem lhe disse aqui que foi a própria SAD do FCP que não quis adiar (e bem) o jogo com a Académica, mas o sr JC continua a bater na tecla, a insistir que o jogo devia ter sido adiado. Agora faz-se, finge-se de ingénuo ao citar PdC ("não estava à espera").. como se não soubéssemos que estas coisas não acontecem por acaso. Como se no sábado, não tivéssemos visto a tarja a convocar os adeptos para o Aeroporto... eh, pá, nós portistas não somos assim. O jogo foi disputado no sábado e bem, e no Aeroporto contavam com 300 SD a apoiar... é lógico que depois do resultado positivo com o Bayern, muito mais gente apareceu, até porque o horário era propicio!!

E, claro que é bom para dar moral às tropas.. mas também não vamos exagerar. Fanfarronice em demasia, costuma sair caro.
E show off, dar nas vistas, algazarra é lá para outras bandas, mais a Sul!!!

José Correia disse...

O sr True Blue, um user recente deste blogue, anda num frenesim e parece estar muito preocupado, quer com os resultados alcançados pelo FC Porto, quer com os posts que são publicados no 'Reflexão Portista', quer com o número de adeptos que foram ao aeroporto apoiar a equipa (300? Não estará a exagerar? Eu acho que foram 30...)

Olhe, espero que "True Blue" não seja fingimento e uma forma de encobrir simpatia por outras cores...

Mefistófeles disse...

A sorte protege os audazes ! Que não falte audácia, que eles são muito bons mas não são imbatíveis. Metade já foi feito.

True Blue disse...

O sr JC não me deve conhecer.. está no seu direito. Posso dizer-lhe no entanto que há mais de 3 anos que aqui comento, pouco, mas comento. E, no Record por ex., comento há mais de 10 anos. E no DAM sou cliente assíduo, e sou também dos poucos portistas que comento num Blogue benfiquista, o NGB.

Feitas assim as apresentações, dizer só ao sr JC que não me entendeu, não me percebeu por certo.. Pois em lado nenhum eu disse que estiveram 300 no Aeroporto (aliás, fui até o 1º a reclamar aos Editores do Record e do Maisfutebol, que falavam em centenas, e eu disse-lhes que eram milhares).. não, eu apenas disse que estas coisas não acontecem por acaso: disse que houve antes um convite, uma mobilização a convocar os adeptos. Foi só isso que eu disse. E disse que quem convocou pensava poder ter 300, e afinal, apareceram mais de mil !!!
E, por fim, dei a minha opinião, para não darmos tanto ênfase, importância a estas manifestações, pois, para mim, na minha opinião, costumam dar mau resultado quando há muito chinfrim, confiança a mais. No fundo, dito por outras palavras, cautelas e caldos de galinha... a bon entendeur!!! E, não, nós portistas, não somos como outros, mais a sul, que fazem sim essa algazarra!!!
OK?!

Bruno Guedes disse...

Bom dia Sr. José Correia e Reflexão Portista.
Desafiava o sr. João Nuno Coelho a escrever algo para aqueles portistas péssimistas como eu, que sonhamos na quarta feira, que andamos com um frio na barriga desde esse dia, que já nem a comida sabe bem, que andamos ansiosos mas cheios de medo para amanhã.
Desafiava-o a escrever umas poucas linhas para que eu einfeliamente tantos como eu possamos ganhar um pouco de esperança.
Acho que deveriam de ser suas as últimas palavras para o jogo de amanhã. Acho que as suas palavras teriam o mesmo ténico que o discurso do Rei Artur no intervalo em Viena.
É uma agonia muito grande isto, que vivemos. Penso que perdemos anos de vida. Todos queremos um milagre, todos sonhamos. Eu nunca pensei estar na posição que estou hoje. Sim, não sou hipócrita, aquando do sorteio a esperança e o sonho acabou com o nome Bayern. Apenas pedia para não ser goleado em casa, um empate e já ficava feliz. E subitamente, como uma Fénix, o meu clube o meu FCPORTO faz o que faz. Mesmo assim o péssimismo está cá interiorizado, o receio de uma goleada está cá, o medo deste sonho lindo terminar esta terça está bem vivo.
Para todos esses portistas como eu, péssimistas, que não acreditam no seu clube, que se estivessem ( ainda nem sequer tinha nascido) em 78 nas Antas, não tinham visto o golo do Ademir, pedia que as suas palavras nos dessem alento, que nos fiizesse acreditar que podemos conseguir superar este gigante.
Bruno Miguel Guedes - 28061

João disse...

Nenhuma equipa em prova é superior a este Bayern e a frente de ataque do meu Barça tem outro nível mas a nível de casas cá atrás, até o Dante fazia boa figura ali no meio. Para além de terem um campeonato para disputar, Real idem.

Vamos ter tudo contra nós, e uma arbitragem habilidosa é o mínimo que se pode esperar, mas na remota hipótese de passarmos esta eliminatória, temos toda a legitimidade para sonhar.

Só rezo para uma primeira parte sem penaltys e que o Casemiro se aguente em campo. E um golo, um golinho!

Luís Vieira disse...

É caso para dizer: até os comemos, carago! Off-topic: foi só a mim que pareceu estranho o 1º golo do Benfica em Belém?

jnporto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
João disse...

A desmarcação do Péle para o meio da defesa, sem justificação possível? Não, não foi.

Mas este ano..

Luís Vieira disse...

Pois, eu vi logo. A somar à saída extemporânea do Ventura e à tentativa pouco convincente para cortar a bola do defesa que acaba por metê-la lá dentro. Parecia um lance modelo de apostas combinadas. Ou então sou eu que estou com delírios conspirativos...

Tiago Stuve Figueiredo disse...

Luís,

Para mim, mais escandaloso que o atraso/passe do Pelé, é a falta de vontade que o central mais recuado tem para cortar a bola.

Se vir a repeticao, ele tem mais que tempo para cobrir a baliza e cortar facilmente o remate do jonas, mas prefere nao o fazer.

Veja no video que o defesa nem sequer comeca a recuar quando ve que jonas fica com a bola.

Luís Vieira disse...

Sem dúvida Tiago. É mais um dos lances "inexplicáveis" deste campeonato...