sábado, 11 de abril de 2015

Respeitinho

«Vítor Baía vai fazer parte da Federação Portuguesa de Futebol (FPF). Segundo o suplemento ‘Ataque’ do Jornal de Notícias, o antigo guarda-redes do FC Porto vai rumar a Lisboa, para integrar a estrutura do organismo máximo do futebol português liderado por Fernando Gomes, candidato que o ex-jogador apoiou.
O cargo que irá ocupar ainda não é conhecido, mas a publicação do JN revela que a sua futura função implicará uma presença diária em Lisboa, na sede da FPF.»


Record, 08-03-2015
Ah, bom, sendo assim, já se percebe melhor a afirmação, feita em Fevereiro passado, de que “os árbitros são sempre a desculpa para o insucesso da gestão, para o insucesso daqueles que não conseguiram ter uma boa equipa nem o melhor treinador”.

Temos de compreender que a vida está difícil e, para o atual colaborador do Record e da TVI, um “tacho”… perdão, um cargo na FPF dá sempre jeito…


14 comentários:

Jorge Vassalo disse...

E assim se esfuma um dos meus heróis. Paciência. Há sempre outros que nunca se vergam. E dos vassalos não reza a história (eu só o sou de nome).

Abraço Azul e Branco,

Jorge Vassalo | Porto Universal

Zé_Lucas disse...

«Nos 10 campeonatos que ganhei, os adversários diziam sempre que o mérito nunca era nosso, para justificarem os insucessos das suas equipas. Quando se formam equipas fortes, com boas estruturas, é muito mais fácil ser campeão. Fico triste que as minhas palavras tenham sido aproveitadas daquela forma pelo Benfica, quando o sentido não era aquele», disse Baía.

Pelos vistos, há portistas que nem com um desenho a acompanhar iriam perceber. Que mal lhes terá feito o Baía (para além dos 10 campeonatos nacionais)?

Miguel Teixeira disse...

Discordo com a opinião expressa no 'post'.
Nada do que o Vitor Baía disse despreza o portismo.
Em traços gerais qualquer um de nós afirma que os árbitros não devem servir de desculpa para o insucesso desportivo. Não foi isso que sempre defendemos quando fomos injustamente atacados durante décadas?

O Baía continuará a ser guardado nas minhas boas memórias e continuará a ser um dos símbolos vivos do FC Porto, mesmo que exista a vontade de alguns para aproveitarem as suas afirmações de forma a justificar o 'colinho', enquanto paralelamente e por motivos diferentes outros da nossa cor aproveitam para minar a sua posição no FC Porto do futuro.

Nessa eu não caio e quero acreditar que a maioria dos portistas também não.

José Correia disse...

Pois...
E o timing escolhido pelo Baía, para fazer a afirmação “os árbitros são sempre a desculpa para o insucesso da gestão, para o insucesso daqueles que não conseguiram ter uma boa equipa nem o melhor treinador”, não podia ser mais adequado, certo?

José Correia disse...

"...outros da nossa cor aproveitam para minar a sua posição no FC Porto do futuro"

Eu acho que quem tem minado a posição do Baía no FC Porto do futuro, tem sido o próprio Baía, com várias posições e declarações públicas despropositadas e com timings desastrosos.

Pyrokokus disse...

O comentário do Baia foi infeliz em especial devido à altura em que foi proferido... Por vezes o silencio vale ouro.

Relativamente ao facto de alguma vez o Baia poder vir a ser candidato a presidente do FC Porto, penso que as declarações dele não altera em nada, pois ele não possui capacidades para orientar a vida dele, quanto mais o FC Porto.

Abraços

Guilherme de Sousa Olaio disse...

Ora aqui está um comentário que diz tudo, abarca tudo e resume de forma definitiva o perfil do protodirigente da FPF.

Joaquim Fernandes disse...

Sim, e o rir-se à gargalhada do treinador do F C do Porto, (que é o mesmo que dizer, do Clube que lhe deu tudo, inclusivé uma mão para ele relançar a carreira) juntamente com os imbecis que o acompanham no programa da TVI, só porque o homem disse que não tinha criticado o trabalho do árbitro ( e não, só não concordou com o penalty, que eu também achei forçado).
E o título da crónica da semana passada no pasquim em que escreve, "a fpf em grande"? Parafraseando o grande Ivic, Baía, para mim, e finito...

Zé_Lucas disse...

Não tenho dúvidas que o José Correia seja um muito maior e melhor portista do que eu. Não deixa de ser verdade, no entanto, que sinto um enorme desconforto quando quero defender a tese do 'colinho', e me respondem com o Porto-Benfica, o Porto-Sporting na taça, o Porto-Boavista, o Nacional-Porto, o Marítimo-Porto...
Não sei, lembra-me uma vez, estava eu a ouvir uma conversa entre dois benfiquistas e dizia um - o Porto vai à final da taça porque só lhe saiu clubes fáceis - perguntando o outro, - e quem foi que eliminou o benfica?- foi o Gondomar.
Acho que não podemos perder nunca o sentido do ridículo.
Cumps.

condor disse...

E o Baia com a experiencia que tem,com todos estes anos a levar com a corja lisbonária em cima com tudo o que lhe aconteceu não deveria saber que o bêfique ia agarrar nas suas declarações com as duas mãos e tratar de as rentabilizar?
Andamos a brincar é?
O que me parece é que os homens do norte teem a coluna vertebral feite de gelatina! Quando vão ou aspiram ir para a cxapital do império começam a dobrá-la!

Jose Silva disse...

Penso que da outra x não consegui publicar o meu comentario.. ca vai outra tentativa.

O Vitor fez mal em dizer algo desde genero em ano de "apito encarnado".

Estas coisas e outras como "so' os burros e' que falam de arbitragem" so' se dizem em ano de apito de outras cores.

Não me digam que o Scolari e' que teve razão em deixar o malandro do Vitor de fora.. santa clubite

Mefistófeles disse...

A questão, Zé Lucas, é que nós perdemos pontos em todos os maus jogos que fizemos ( e até em alguns bons) e o slb ganhou pontos em quase todos os maus jogos que fez, e não foram poucos. Com a preciosa ajuda arbitral. É assim que se defende a tese do colinho, porque os factos comprovam-na.

Migas disse...

Nao anda seguramente muito atento se acha que a expressão colinho se refere aos jogos do porto. Enfim valham nos os inimigos com amigos destes...

Pyrokokus disse...

O Baía como guarda redes era excelente. Como dirigente (é o que se fala neste post) não tem as características necessárias. Agradeço - lhe todas as excelentes defesas que fez, é terei todo o gosto que trabalhe com o FC Porto numa área onde as suas características sejam mais valias, mas de ele quer ser dirigente, então por mim terá de ir pregar para outra freguesia.

Abraços