sábado, 9 de maio de 2015

Sport TV com prejuízo de 6,2 milhões

A Sport TV Live foi uma experiência falhada

Os prejuízos da Sport TV voltaram a aumentar em 2014. A empresa detida em partes iguais pela Controlinveste de Joaquim Oliveira e pela NOS fechou o último ano com um resultado líquido negativo de 6,2 milhões de euros, quase meio milhão acima do registado em 2013.
São já cinco anos consecutivos em queda para a empresa que registou lucros pela última vez em 2011 (6,5 milhões de euros). Os canais ‘premium' de desporto têm sido penalizados sobretudo pela perda de subscrições, a sua principal fonte de receita. Em 2014, os proveitos da Sport TV caíram 12,5 milhões de euros, para 111,4 milhões de euros, o que prejudicou o resultado dos canais apesar do corte de 12 milhões nos custos operacionais.
Na base desta quebra está a diminuição do consumo privado e o aumento da pirataria - potenciada pela propagação da banda larga nas casas portuguesas -, mas também a entrada no mercado, em Julho de 2013, da Benfica TV ‘premium’. O impacto da concorrência será sempre o saldo entre o investimento que o canal deixou de fazer nos direitos de transmissão dos jogos realizados no Estádio da Luz – uma vez que o clube decidiu mantê-los em casa – e os assinantes que terá perdido.»
Diário Económico, 06-04-2015


Desta notícia do Diário Económico tiram-se algumas conclusões:

1) Os resultados financeiros da Sport TV iniciaram a sua trajetória descendente há cinco anos atrás, muito antes dos jogos em casa do SLB começarem a ser emitidos pela Benfica TV. (ou seja, não há uma correlação directa entre as duas coisas, pelo contrário, como irei demonstrar na última conclusão)

2) Os custos da Sport TV em 2014 foram de 117,6 milhões de euros (111.4M de proveitos + 6.2M de prejuízo).

3) De 2013 para 2014 os proveitos da Sport TV caíram de 123.9M para 111.4M. ("Em 2014, os proveitos da Sport TV caíram 12,5 milhões de euros, para 111,4 milhões de euros")

4) Em 2013 o prejuízo da Sport TV foi de 5.7M. ("um resultado líquido negativo de 6,2 milhões de euros, quase meio milhão acima do registado em 2013")

5) Os custos da Sport TV em 2013 foram de 129,6 milhões de euros (123.9M de proveitos + 5.7M de prejuízo).

6) A diminuição de proveitos da Sport TV de 2013 para 2014 (12.5M) é muito inferior ao valor anual que a Sport TV ofereceu ao SLB pelos jogos em casa (22.1M).


Em resumo, os números não mentem e demonstram que a Sport TV já estava mal (financeiramente) antes do SLB ter decidido passar a transmitir os seus jogos (disputados em casa) na Benfica TV.
E estaria ainda pior, se o SLB tivesse aceite a proposta da Olivedesportos, de 111 milhões de euros para o período de 1 de Julho de 2013 a 30 de Junho de 2018 (5 épocas).

15 comentários:

Nainho disse...

e qual seriam as receitas... da sportv se o Benfica (em casa) estivesse dentro.. nunca sabemos... cada exercício mais falacioso...
qual seria o retorno dos 22 oferecidos....

santosanonymus disse...

O que retiro dessa notícia é a fragilidade da Sport Tv.

Desses 111M€ uns 75M€ vão directamente para os clubes e UEFA. Sobram 36M€ para os restantes conteúdos + todo o staff e logística.

Em 2018, que é quando os contratos dos clubes terminam, que oferta é que esta empresa pode apresentar à Liga? Partindo do principio que entram todos os jogos no "leilão" estamos a falar de mais de 90M€ em custos fixos, só para manter os valores actuais.

A não ser que apareça um ovni em forma de concorrente estrangeiro vejo um pós-2018 muito complicado para o futebol português (no contexto europeu) se os clubes forem forçados a aceitar os mesmos valores dos últimos largos anos (ou valores ainda mais baixos).

Cumprimentos.

José Correia disse...

"qual seriam as receitas... da sportv se o Benfica (em casa) estivesse dentro.. nunca sabemos... cada exercício mais falacioso..."

Falacioso?
O Nainho benfiquista, que gosta de se fazer passar por portista, não leu/percebeu que os resultados da Sport TV vêm piorando de há 5 anos para cá?

O Nainho não percebeu que a Sport TV já tinha resultados negativos, mesmo transmitindo os jogos caseiros do SLB?

Miguel Magalhães disse...

Há uma musica dos Taxi que diz que "quem vê TV, sofre mais que no WC ; nao transmite nada de jeito, paga-se a taxa sem ter proveito" - assenta bem à SportTv

jnporto disse...

Preocupante a situação pois dela se infere que a indústria do futebol em Portugal está falida pois não consegue gerar receitas para viabilizar uma operadora de televisão da especialidade que é essencial para a economia do jogo. Descontando meia dúzia, os jogos da primeira liga portuguesa são fracos, têm audiências insignificantes e isso não motiva as audiências nem viabiliza economicamente as transmissões. Quem se interessa por um Estoril / Boavista ou por um Penafiel / Marítimo, por exemplo, a não ser os adeptos desses clubes que sendo poucos e bons naturalmente, não enchem estádios nem subscrevem significativamente canais por cabo. Os canais generalistas têm vindo a ficar com os jogos de potencial grande audiência como o Mundial, a Liga dos Campeões ou a Liga Europa. A indústria do futebol em Portugal terá de passar a ser gerida de forma capaz, com o rompimento drástico com a tecla do "clube nacional" e de mais dois, quais eucaliptos que secam tudo à sua volta. É preciso publicitar os jogos, sem privilegiar as partes do costume que são sempre os grandes e o Benfica em particular, pois os jogos precisam de rivalidade e de verdade. A Liga deveria ocupar-se disso, está a tempo, deixando de se focar e de se deixar influenciar pelos interesses dos clubes do costume. No actual estado das coisas nenhuma operadora será viável. A menos que as coisas mudem, também não se vê que algum operador estrangeiro se venha a interessar pelo charco em que caiu o futebol português...

Jose Rodrigues disse...

A pirataria, e a crise em geral, são o principal problema da Sport TV.

Quanto à BTV, como já foi aqui dito o mais certo é q tenha sido um "blessing in disguise".

True Blue disse...

É óbvio que a Beneficia Tv ajudou à festa. Mas sem dúvida que ter Net em casa ajuda e muito. Há quem ligue até do PC para o aparelho de TV e vêem na própria Televisão de graça.

Já agora, dizer que a BTV também não tem os resultados que apregoam. Daqui até Agosto muitos vão deixar de pagar.





reine margot disse...

Já agora valeria a pena pensar se a porto canal tem mesmo de ser; no contexto em que só dizem mal de nós, óbvio que tem de ser. Pelo menos uma voz (com imagem) temos de ter; mas do ponto de vista financeiro está-se a ver no que vai dar...
Quanto à SportTv têm de diversificar mais a oferta - não pode ser só futebol - e o futebol tem de ter outros intervenientes...
Mas, lá está, somos um país pobre e enquanto o formos lá virá aquela coisa da pescadinha de rabo na boca, etc etc etc...

Nightwish disse...

Tendo em conta o crescimento nulo na zona euro e o correspondente próximo do zero na inflação, não será assim tão terrível.

Jose Rodrigues disse...

...para a Sport TV.

Miguel Lourenço Pereira disse...

Eu não daria um só centimo ao Joaquim Oliveira. Um só centimo.

Serge disse...

Como a BTV não está relacionada com isto, posso resumir e concluir:

1) O que aconteceria se a sportv não tivesse efectuado cortes no valor de 12 milhões nos custos operacionais ?

2) A Sportv não transmitir os jogos do SL Benfica é uma dávida porque se tivesse efectuado o contrato no valor de 111 milhões, ainda seria maior o prejuízo é isso ? Ou seja a melhor coisa que podia ter acontecido à sportv foi não assinar com o Benfica, de acordo com o que escreveu o senhor José Correia no final do texto.

3) Se isso é verdade chega-se então à conclusão que a Sportv é dirigida por perfeitos incompetentes, pois ofereceram ao Benfica um contrato de 111Milhões que lhes iria causar um enorme prejuízo. (a juntar ao que já têm)

4) Então o melhor é subirem ainda mais o preço do pacote, para que não tenham novamente 6 milhões de prejuízos. Ou então despedem, técnicos/jornalistas/etc. Ou então oferecem menos dinheiro ao Porto, Sporting, Braga, etc. Há alguma outra maneira de diminuirem prejuízo numa altura de estagnação económica, falência de BES, crise na PT, etc ... e em que os consumidores nunca irão gastar mais do que aquilo que gastam neste momento ?

4) Claramente a estratégia da Sportv tem falhado em toda a linha, com os resultados em queda dos últimos 5 anos e dos prejuízos nos últimos 3. Até a Sportv Live foi um insucesso tremendo, que não durou muito.

5) Por último sabe bem ler este post. Duma reflexão soberba.

José Correia disse...

Alguma das contas ou dos números ou que eu apresentei está errado?
Se estiver, agradeço correcção, mas parece-me que não.

Fonseca disse...

A pirataria será o maior problema, mas não o único com certeza. De qualquer forma para esse problema em específico não percebo como ainda não testaram sequer o sistema de subscrição por jogo. Quem daqui, não estando disposto a assinar a sporttv, não assinaria apenas os jogos do FCPorto por 3 euros o jogo por exemplo? o sistema de subscrição do pacote global funcionaria em paralelo e até podia baixar os preços, digo eu. mas sou leigo nesta matéria. De qualquer forma , da mesma forma que testaram o sporttv life, poderiam perfeitamente testar este sistema.

Num mundo ideal para mim, que não é viável penso eu, a sporttv ou um canal do género seria propriedade da Liga e seria gerida por ela de uma forma igualitária para todos os clubes, ajudando à sua auto promoção.

António Araújo disse...

Claro que a BTV não tem nada a ver com a queda da SportTv... E entretanto já conseguiu umas ligas secundárias e depois uma das mais importantes do mundo, a Inglesa.
Queria ver a conseguir também a Espanhola e imagino que se a BTV não tem nada a ver com a queda da SportTv, esta ainda passava a ter lucros, já que não tinha que pagar por ela, tal como "ajudou" não ter que pagar ao Benfica os seus jogos em casa...
Contem-me histórias, contem...