terça-feira, 1 de setembro de 2015

O desnorte no final do mercado

Ricardo Pereira e Hernâni.
Dois jovens jogadores portugueses. Dois extremos. Com os seus defeitos e virtudes. Não é por acaso que são isso mesmo, jovens jogadores. Mas são portugueses. E são jovens. O que neste projecto parece ser mais do que a solução, o problema. Os dois tinham um futuro no plantel. Um deles foi uma aposta de há um par de anos com pés e cabeça. Figura importante nos vice-campeões de Europa sub21, Ricardo tinha tudo para ser um extremo de alternativa aos melhores á medida que ia crescendo. Tentaram fazer dele um lateral, raramente falhou mas na hora H preferiu-se apostar num futebolista que lá nunca tinha jogado. Não foi preciso dizer mais nada. Dois anos de empréstimo são sentença de morte. Tozé que o diga. O outro foi uma contratação importante no mercado de Inverno que serve apenas para fazer grandes negócios ou negócios urgentes. Hernani não era nem uma coisa nem outra. Tinha poucos meses de futebol de elite, dava nas vistas como um extremo clássico mas alguém quis apostar tanto nele que se pagou mais de 3 milhões de euros pelo passe e três jogadores que fizeram o caminho inverso. Alguém, imaginamos que o treinador, o pediu porque contava com ele. Já não conta. Este é o desnorte.

O FC Porto deste defeso tem-se revelado um verdadeiro puzzle, um quebra-cabeças sem sentido nenhum.
Salvo pelos negócios feitos ainda em Junho e princípios de Julho - incorporações de Casillas, Imbula, Danilo, Bueno, André André, Oliveira e do lateral uruguaio - tudo parecia indicar que havia pouco mais que tocar. Afinal muitos deles eram troca por troca (Casillas por Fabiano, Danilo por Casemiro, Imbula ou Bueno por Oliver) pelo que faltava apenas um avançado para dar o retoque final. Mas tudo foi distinto. Lopetegui - que muitos funcionários do clube não suportam - quis despachar Quaresma. Tudo bem. Podia entender-se a decisão, especialmente porque havia Tello, Brahimi, Hernani e Ricardo para as alas. Também se desenrolou com naturalidade a novela Alex Sandro que acabou na sua venda e na chegada de Cissokho para o seu lugar. Troca por troca, tal como a incorporação de Osvaldo por Jackson e a promoção de André Silva no lugar de Gonçalo, um jogador que podia ter sido emprestado em Janeiro mas que sai agora, vá-se lá entender o porquê das coisas.

No entanto, o que podia ter sido uma transição pacifica apesar do volume de alterações revelou-se um desnorte total. Lopetegui pediu Andrés Fernandez. Lopetegui despachou Andrés Fernandez. Lopetegui pediu Jose Angel. Lopetegui quer despachar Jose Angel (e para isso queima Cissokho na Madeira e coloca Indi no Dragão logo a seguir). Lopetegui pediu Bueno mas ao mesmo tempo não o utiliza e quando quer um jogador das suas caracteristicas prefere desviar Brahimi da sua posição habitual. Lopetegui pediu Hernâni em Janeiro e agora Lopetegui despacha Hernâni para o Olimpiakos porque afinal "não era bem aquilo que eu queria" e isto é um serviço a la carte que logo responde com um mexicano de 10 milhões de euros. No meio Lopetegui era o homem da selecção sub21 espanhola que vinha lançar a nova fornada de jovens dragões e que decide prescindir de Ricardo (não formado mas contratado muito jovem), Gonçalo, Mikel e relega para um segundissimo plano aquele que foi, talvez, o melhor jogador da pré-temporada, Ruben Neves. Tudo muito lógico e seguindo um mesmo raciocinio.



No final ficamos a saber que as apostas de Lopetegui quase sempre têm redundado em fracassos sob o seu próprio ponto de vista. Dos jogadores que chegaram por sua indicação e influência, metade já não está no plantel. Da juventude que ia encontrar o seu espaço melhor nem falar porque todos sabemos os minutos que André Silva e Ruben Neves vão ter, eles que são os únicos que sobram porque Layun e Corona chegam para tapar definitivamente a Rafa e Ricardo, dois futebolistas que podiam perfeitamente fazer parte do plantel de 25 jogadores.

No fundo o FC Porto acabou o defeso com um excelente registo de vendas, uma contratação emblemática, uma contratação estapafurdia (os 20 milhões que ninguém acredita que o clube pagou por um jogador que, claramente, não os vale), um futebolista que vinha de um rival directo para fazer o contrato da sua vida e alguns ajustes. Tudo isso teria a sua lógica se o pânico das últimas duas semanas de péssimo futebol, falta de ideias e desnorte táctico não tivesse sido completo a ponto de hipotecar mais apostas do clube a médio prazo. Poucos duvidam que nem Ricardo nem Hernâni voltarão a vestir a camisola do clube tendo entrado naquela espiral de empréstimos sucessivos que vão acabar em vendas mais tarde ou mais cedo. São jovens, mas são portugueses. Não falam espanhol e ao parecer não são aquilo que o treinador quer. O treinador que mais vontades viu satisfeitas na história recente do clube. O treinador que agora não se pode queixar. Já fez a limpeza que quis. Já trouxe quem quis. Agora tem de demonstrar o que vale.

53 comentários:

Azul disse...

Para mim este treinador é:
Fraco: não consegue pôr a equipa a jogar;
Medroso: Mesmo a perder não arrisca nada;
Cobarde: Nunca assume a responsabilidade pelos insucessos da equipa, ao invés após um resultado negativo queima sempre um jogador, já foi assim com Quaresma, Fabiano e agora com Cissokho.

Para mim a diferença entre o Tello e o Hernani está apenas no ordenado que os dois recebem.

Assim como as vitórias dos últimos 30 anos tiveram como responsável máximo Pinto da Costa, os insucessos dos últimos 2(3?) anos são também da sua responsabilidade.
O clube está pronto para a sucessão?

Filipe Sousa disse...

Pinto da Costa está a lidar com um problema de saúde; está ausente e tem, naturalmente, outras prioridades acima do FC Porto. Bastou-lhe "sair do escritório" por uns dias, e é o que ve: um vislumbre do que será o clube quando ele deixar de ser presidente, e se nao se fizer uma purga a sério, de cima a baixo, sem olhar a nomes e cargos, na SAD.

Lápis Azul e Branco disse...

Caro Filipe Sousa

O Porto não é uma monarquia! Quando e se PdC sair a meio de um mandato, terão de ser convocadas eleições e caberá aos sócios (e accionistas) decidir quem será o novo presidente. A purga será natural (e se não for, é porque os sócios decidiram manter as mesmas pessoas...)

Um abraço portista
http://doportocomamor.blogspot.pt/

Pueertô disse...

Caaalma

Lápis Azul e Branco disse...

Obviamente que o clube não está preparado. Nem poderia, após tão longa e profícua liderança.

Mas se me permite a ousadia, este não é o momento para falar disto. Quando se aproximarem as eleições, cá estaremos todos para o debater, sem tabus. Por agora, cabe-nos apoiar a equipa rumo à vitória no campeonato (goste-se ou não do treinador).

Um abraço portista
http://doportocomamor.blogspot.pt/

Lápis Azul e Branco disse...

Caro Miguel

Se me permite, creio que está a ficar demasiado absorvido pelas coisas negativas que na sua opinião (e na de muitos outros, eventualmente) têm acontecido no clube e com a equipa.

Visto de fora, o seu post contém muitos factos e outras tantas conjecturas que acabam por se sobrepor ao que de positivo existe. Quer um exemplo concreto? A forma como se refere a Imbula, que acabou de chegar e ainda tem tudo para mostrar...

Como sabe, não sou dos que pretendem condicionar ou até silenciar opiniões divergentes, mas não pude deixar de lhe dar a minha impressão.

Um abraço portista
LAeB
http://doportocomamor.blogspot.pt/

Nuno Andrade disse...

Olho para este texto e riu-me..
Este são os adeptos que em Maio se devem fechar em casa e não sair. Mas eu vou para a rua com a minha camisola e festejar a conquista do campeonato.
Para destruir já chegam outros.. ganhem vergonha na cara!

O2T disse...

MLP tem potencial para bem melhor, até pela distância física que permitiria algum distanciamento crítico. Sabe escrever bem, mas o conteúdo é um desnorte.

miguel87 disse...

Miguel, só duas questões:

"Lopetegui - que muitos funcionários do clube não suportam"
Care to elaborate?

À excepção de Casillas e Bueno, há assim tanta certeza que os outros reforços, Hernani incluido, foram pedidos expressos do treinador? Não terão sido muitos deles opções/oportunidades de negócio da SAD?

Ricardo disse...

Um treinador de Sub 21 que não aposta neles

Hernani = Tello mas mais barato. Incompreensível esta gestão de ativos. São jogadores úteis apenas para 12 jogos por ano (os da CL e com os rivais, pois são os jogos em que as equipas adversárias não estão só há defesa).

Ricardo é o futuro, Varela o passado - enfim... Corona? 10 Mi €?!

O Osvaldo nada vai fazer, já podia ter sido expulso na Madeira, mas nem convoca o André Silva.

Tanto desnorte!

Manuel Lopes Rocha disse...

Concordo totalmente consigo. Ganhou um leitor!

Há outros exemplos, como a insistência na ideia de que Lopetegui só aposta em jogadores espanhóis em detrimento dos portugueses (sim, foi o mesmo que foi pescar Rúben Neves... aos juvenis) ou na sobrevalorização de jogadores como Tozé ou Hernâni (que acompanho, como sócio do Atlético Clube de Portugal, desde os primeiros tempos de sénior). E não resistiu, infelizmente, à habitual "fonte interna" que diz que "muitos funcionários do clube não suportam" Lopetegui (curiosamente, ainda hoje Oliver veio tecer grandes elogios ao homem).

Quando se gosta muito do clube e se sofre por ele, estas reacções são normais. Mas, permita-me, o Miguel Lourenço Pereira está demasiado obcecado com um ódio cego ao nosso treinador e à estrutura ao ponto de afirmar coisas que não correspondem à realidade. Se me permite ainda mais uma palavra, acredito que se conseguisse canalizar o seu espírito crítico para casos concretos e reais, tenho a certeza que a qualidade dos seus textos seria muito melhor.

Manuel

Pedro ramos disse...

Se o clube está em pânico nao sei o que dizer dos adeptos.

Na 3º jornada já leio demagogia em todo o lado, desde os técnicos adversários serem todos melhores que Lope (ainda vou-me rir com adeptos dizerem que PF é que é bom), à tradicional necessidade de aposta nos jovens portugueses da cantera que resolveriam todos os problemas ou pelos menos nao são piores daqueles que jogam actualmente e mais baratos.

Curiosamente sobre Hernani, ao contrário de si, disse que era uma péssima aposta e que no final da época estaria a ser dispensado, tudo nao passava de fogo de vista. Sobre Ricardo, se nao vai ser aposta regular, quanto mais tempo deveria ficar no clube a encher chouriços? Era Rafa que iria solucionar a lateral esquerda, quando ele demostra tantas dificuldades na 2º divisao? Era Ivo que podia ser aposta para os extremos quando nem no Guimaraes conseguia fazer a diferença? Quintero parece que fala espanhol mas também foi dispensado e nao me lembro de fazer 2 jogos consecutivos na época passada mas como nao é portugues aí já está tudo bem, certo?

Na época passado se a memória nao me falha contratamos 17!!! jogadores, mas ficamos a saber que as apostas de Lope sao sempre falhanços com 3 exemplos.

Curiosamente, e repetindo-me, ninguém mas absolutamente ninguém ficou incomadado com o que aconteceu com Fabiano (lá está nao é portugues) mas péssimo é o que faz com Ricardo ou Hernani!!!!
Importante, importante é que existem funcionários que nao o suportam e repetir que Lope teve tudo o que pediu.

Com tantos aspectos em que se devia e podia criticar o treinador ficamos apenas pelo populismo da coisa, é pena.

PS. Os adeptos nao querem este futebol de posse, ponto. Já o demonstram desde o tempo de VB, podem festejar os titulos no fim quando os há, mas sempre criticaram este futebol. Eu pelo menos nao me esqueço dos assobios e insultos à equipa durante a época de VB e VP.

Ricardo Rocha disse...

Eu sugiro uma mudanca de nome para depressaoportista.pt.

"O FC Porto deste defeso tem-se revelado um verdadeiro puzzle, um quebra-cabeças sem sentido nenhum."

O que vale e' que o proprio sem notar descreve uma pre-epoca como tantas outras neste Porto (que nao e' certamente o do autor), e onde se tem acertado muito mais do que o contrario. Mais Iker...

"que muitos funcionários do clube não suportam". E os nomes dos funcionarios sao? Ahhh o veneno :-)

Frederico Cotta disse...

Criticar é fácil, sem motivos ou dizendo o que se quer analisando o que quer, mais fácil fica.
Não gosto nada desta atitude lisboeta para com a "vida"
Sem o conhecer, não tenho duvidas da sua idade, ou falta dela, como quem diz, memorias de outros tempos e de como chegamos onde chegamos a lutar contra tudo e contra tolos...
Espero sinceramente que um dia profissionalmente se encontre numa situação semelhante onde todas as opiniões contam (ou não) em que nem é preciso fundamentar....
Já agora, o Sr. Miguel é sócio?

Miguel Lourenço Pereira disse...

Lápis Azul e Branco,

Não conheço nenhum espaço onde o salutar debate de pontos de vista possa afectar o rendimento desportivo de 11 ou 23, como se queira, profissionais que na imensa maioria dos casos nem sequer lê ou acompanha o que os adeptos pensam deles.

O que a equipa consiga em campo é perfeitamente compativel com qualquer debate sobre o clube noutros pontos sem que isso seja indicativo de que o apoio não existe.

Luís Vieira disse...

Miguel, se no ano passado fui frontalmente crítico relativamente à sua opinião sobre a direcção do clube - posição que mantenho - este ano, concordo em muitos dos aspectos. A actuação no mercado deixou muito a desejar e não se entende bem o critério da SAD/treinador. O plantel diminuiu de qualidade e houve uma autêntica razia de titulares, como há muito não se via. Ainda é possível construir uma boa equipa, mas vai levar tempo e exigir engenho do treinador.

Miguel Lourenço Pereira disse...

Lápis Azul e Branco,

Eu não vi em três anos nada no Imbula que justifique um valor de 20 milhões de euros. Se o FC Porto fosse o Norwich, com dinheiro para dar e vender, numa liga onde se paga 80 milhões por um Martial, ainda podia entender mas, no nosso caso, mais ainda numa posição onde já havia alternativas, parece-me claramente um exagero. Se o Imbula me demonstrar que estou errado, melhor para todos.

Em relação ao positivo e ao negativo, os clubes, como qualquer empresa ou instituição, não crescem com louvores e sim com criticas acertivas que permitem melhorar o que está mal. Acho que um bom adepto e sócio é aquele que está sempre preparado a fazer ver se alguma coisa pode ser feita melhor e não apenas aquele que aplaude os exitos conseguidos. É a minha visão!

Miguel Lourenço Pereira disse...

Manuel Rocha,

Lopetegui aposta maioritariamente em futebolistas espanhois. Aos números das contratações no seu mandato me remito. Não é uma invenção, é um facto.

Quanto ao Ruben, elogiei no seu devido momento a aposta do Lopetegui e apenas estranho o zero protagonismo neste ano quando foi para mim o melhor jogador da pre-temporada. É uma opinião meramente pessoal. Quanto a Tozé, Hernani e Ricardo considero que os três podiam perfeitamente ser parte do plantel. É também, naturalmente, uma opinião.

Quanto ao que muitos funcionários do clube pensam de Lopetegui é, igualmente, um facto. Basta conhecer alguns e perguntar que eles respondem.

Agora, dizer que eu tenho "ódio" a um profissional assalariado pelo clube é chegar a um extremo que não é só falso - para saber quem odeio ou não convinha perguntar antes talvez - mas bastante deselegante. Afinal, basta ir ao arquivo quando defendi, no final do ano passado, que era importante manter Lopetegui ao leme, decisão que, reitero, deve ser mantida até ao final do ano!

Miguel Lourenço Pereira disse...

Miguel,

Que há funcionários do clube - pessoas que trabalham em distintos departamentos e que coincidem com o treinador - que não gostam da sua atitude e a sua maneira de estar. Nada mais.

No caso dos reforços, posso confirmar que uma esmagadora maioria - talvez um 80% dos reforços - foram aprovados e/ou sugeridos pelo treinador. Houve negócios da SAD (Otávio foi um deles, por exemplo, como Oliveira e André André) mas no caso de Marcano, Andrés, Jose Angel, Opare, Hernani, Imbula, Tello, Oliver, Casemiro, Corona, regresso de Varela) o papel do treinador foi chave.

Lápis Azul e Branco disse...

Claro que sim, Miguel, não entendeu o que pretendi alcançar.

Aliás ainda recentemente defendi essa ideia no meu blog, quando me queriam convencer de que aquilo que escrevemos desestabiliza os jogadores!

O que defendo é que agora só nos resta apoiar, e em concreto, refiro-me a quem vai ao estádio. Os assobios de sábado passado foram injustos e contra-producentes. Queriam assobiar, deviam ter esperado pelo final do jogo (ainda assim seria injusto, no meu entender - fartei-me de aplaudir a contra-gosto, apenas para contrariar os assobios).

Miguel Lourenço Pereira disse...

Pedro,

O Hernani podia ser uma boa, má ou aposta regular. No passado mês de Janeiro foi uma aposta sem sentido. Mas foi-a a petição do treinador. Custou dinheiro e jogadores emprestados. Portanto, foi algo que a estrutura achou que valia a pena. Eu não achei que valesse tanto mas fiquei á espera para ver o que era tão relevante que justificava o negócio. A resposta foi zero e os mesmos que tanto apostaram são os que o mandam agora dar uma volta. Se isso não é desnorte, não sei o que è.

Ricardo é um extremo mais do que competente, óptimo para ser opção em jogos em que é preciso abrir o campo. Já cá estava quando veio Hernani pelo que deduzo que ninguém o visse aí apesar de jogar sempre bem com a selecção. Também como lateral ninguém acreditou nele, viu-se em Munich. A minha opinião pessoal é que o clube acabou de queimar um jogador de grande potencial futuro sem qualquer tipo de sentido.

Rafa podia perfeitamente ser o segundo lateral do plantel como Ricardo o quarto extremo e André o terceiro avançado. Mas agora temos três laterais esquerdos sem que ninguém confie plenamente em nenhum. Se isso não é desnorte, não sei o que é.

Quando ao Fabiano, o que mais me incomodou foi a atitude do treinador - ele próprio guarda-redes - e disse-o na altura. Quem realmente foi desrespeitado no meio de tudo isto foi Helton. Mas quem está dentro do clube saberá seguramente algum dia explicar-lhe bem o que fizeram nas suas costas.

Miguel Lourenço Pereira disse...

Se eles quiserem ser citados, citam-se. Se não quiserem, não se citam. Como em tudo na vida.

Miguel Lourenço Pereira disse...

Frederico,

Todas as opiniões expressas são fundamentadas. Gostar ou não dos fundamentos já é outra coisa, algo pessoal e perfeitamente respeitável. Não existem verdades absolutas, nem no futebol nem na vida como seguramente a idade já lhe terá ensinado.

Quanto à minha condição de sócio, há mais de 21 anos, é perfeitamente irrelevante. Conheci muitos portistas que o eram sem ser sócios e muitos sócios que sendo-o não eram nem sequer portistas. Mas se vamos agora começar a exigir números de cartão, anos de filiação para opinar, anoto como sugestão para comentadores futuros que seguramente terão muito que dizer desde a sua longevidade como membros da familia FC Porto!

Lápis Azul e Branco disse...

Miguel,

Sobre Imbula leva de facto grande vantagem sobre mim, que apenas o comecei a seguir desde que cá chegou. Mas ainda assim, não lhe parece razoável esperar para ver?...

Quanto ao resto, estamos de acordo, mas por vezes não é enfrentando o touro de frente que se consegue chegar ao objectivo.

Parece-me que está a conseguir hostilizar muito mais portistas do que certamente pretenderia. Mas esta é apenas a minha visão, respeito a sua na integra e faço votos para que continue a escrever.

Over and out (sobre este assunto, obviamente)

Sansoni7 disse...

Olá
Também já me chegaram criticas internas aos métodos de trabalho e aos «modos» de Lopetegui e, a propósito de Imbula, o jogador 20 milhões, um destes dias numa pesquisa pela Net, encontrei-o associado à Doyen e a...Alexandre Pinto da Costa. Sim, torci o nariz....
Cumprs
Augusto

Miguel Lourenço Pereira disse...

Lápis Azul e Branco,

Nunca na minha vida assobiei a equipa. Guardo as criticas para o debate entre portistas, seja no contacto directo, tertulias, conversas seja em plataformas como esta. Debater o clube e apoiar o mesmo em campo para mim complementam-se sempre!

Miguel Lourenço Pereira disse...

Lápis,

Hostilizar portistas ou não hostilizar é perfeitamente irrelevante. Não se agrada a todos e não é o meu objectivo agradar a ninguém quando escrevo o que penso. Se alguém escreve para agradar a paróquia de leitores, está no seu direito. Não é, claramente, o meu caso.

Quanto ao Imbula, não tenho qualquer problema em esperar para ver se a sua valia cresce em comparação com o que vi. O que não posso esperar para ver é o investimento. Do mesmo modo em que me pareceu um despropósito pagar o que se pagou por Danilo e Alex Sandro. Um clube responsável deve saber que a evolução de um futebolista é algo que pode ou não suceder (vide Quintero ou Reyes) e cada investimento deve ser analisado ao detalhe. Não considero que o FCP possa pagar 20 milhões (ou o que quer tenha pago na realidade) por um jogador com zero provas dadas quando existem alternativas de mercado.

Mas sobre Imbula e outras contratações via Doyen sairá um artigo proximamente que o explica melhor.

Lápis Azul e Branco disse...

Totalmente de acordo

Sansoni7 disse...

Olá
Pelo lugar que ocupam nos Quadros do FCPorto, não creio que queiram....
Cumprs
Augusto

JON disse...

Concordo com o Pedro.

Miguel, o Hernani é horrivel. Tem juizo. Nunca devia era ter vindo. Se veio por vontade de Lopetegui isso ja nao sei.

Ricardo foi emprestado porque estava para estar mais um ano sem jogar. Como extremo é limitado. Provavelmente nao quer ser lateral... Foi bem emprestado, pode ser que mude de ideias.

Eu acho que Lopetegui tem coisas inexplicaveis. Concordo no que dizes do Bueno. Ruben fez excelente pre-epoca e agora joga o acerto-5-em-10-passes-Danilo. Mas dai a ter estar tudo mal como dizes...

Enfim, da euforia à depressão são 5 mins...

Zefansa disse...

Isto é muito simples Lopetegui é o pior treinador do FCP dos ultimos 10 anos temos que nos lembrar do outro espanhol que cá esteve para encontrar alguém..
Um ano depois de lop ter chegado não jogamos nada a equipa não tem fio de jogo, bolas paradas é utopia, ainda esta para aparecer um golo de canto a unica jogada de bola parada é uma jogado do Jesus que o Maxi trouxe do benfica.
Mandamos o Quaresma embora que era o 2 jogador com mais talento no plantel e que podia resolver jogos, para ficar com o Tello que é fraco todos os dias.
E que dizer do nosso treinador no banco? Ainda não virou um resultado desde que chegou em 9 possiveis, parece uma barata tonta não vê nada, com oportunidade de ganhar o campeonato da luz acaba a trocar a bola no meio campo com Aboubakar no banco.

Este ano o benfica tem o plantel mais fraco desde 2006 ou por ai, dificilmente vamos perder para eles, mas estão reunidas todas as condições para passarmos a humilhação de perder para os lagartos.

pedro carmo disse...

Última hora:

Fontes informam q o porteiro e o jardineiro odeiam o lopetegui. ...

E agora? Como resolver este problema

Mais informo, Paulo Gomes cá era amado pelos supracitados funcionários!

O q deve o FCP fazer perante isto?

João M disse...

Eu não sou sócio, pois moro em Setubal, e não faz sentido estar a pagar cotas quando não tenho possibilidades de me deslocar ao estádio do Dragão para ver jogos, e tenho a dizer que isso não me faz menos portista. Criticar é salientar as qualidades e/ou defeitos de algo ou alguém. A critica é algo subjectivo que parte da opinião de quem a faz, e todos temos direito a ela. Não sei o que quer dizer com a atitude lisboeta para com a vida, mas posso-lhe dizer que sendo um portista no sul, gosto que o Porto ganhe, mas mais do que isso, gosto que o Porto jogue bem. O Porto deve ser dos poucos clubes no mundo que tem uma massa adepta que não é um rebanho, pois mesmo o clube ganhando, os adeptos não ficam satisfeitos quando se joga mal; e o problema é que já se joga mal à demasiado tempo. Agora pode-se ter uma visão do genero "Épa ganhamos onde está o problema?" ou então ter outra visão "Epá ganhamos, mas só não adormeci, porque causa da taquicardia que os adversários me deram".

Abraços.

Miguel Lourenço Pereira disse...

JON,

Eu não duvido que o Hernani possa ter sido um erro de casting. Em absoluto. Mas foi escolhido a dedo pelo treinador, custou mais do que uns tostões e foi incorporado num mercado que só devia funcionar para emergências pelo que imagino que houvesse um óptimo motivo para isso. O desnorte está, precisamente, em achar que um jogador é muito util e seis meses depois achar que não serve.

O Ricardo é um extremo com potencial. Não vai ser o Quaresma mas pode, perfeitamente, ser um jogador de plantel. Dois anos no Nice não vão fazer dele um grande jogador e se o queriam emprestar, podiam perfeitamente fazê-lo com um ano e numa equipa distinta e com outros objectivos.

Quanto a estar tudo mal, nem está tudo mal nem está tudo bem. Mas nos ultimos dois anos quantos jogadores entraram e quantos sairam do clube? Isso pode significar muita coisa mas uma delas é a ausência total de um critério unificado e sem estabilidade nunca há exito!

Pueertô disse...

Podes fazer-te socio correspondente, e pagas muito pouco..

Helder Oliveira disse...

Fico feliz em ler opinioes completamente contrarias, algo que em alguns blogs e completamente impossivel.Já agora vou dar tambem a minha,claro que a razao nunca estara so dum lado basta só escolheres o lado em que queres estar.Dou so um exemplo para muitos portistas neste momento PINTO DA COSTA ja esta a descansar á sombra dos titulos que ajudou a conquistar,para outros ele ainda continua muito activo.Agora podemos escolher algo que mostre que estamos certos.Desde que nao se comece a imitar os nossos rivais nestas ultimas decadas,pois nunca teremos a comunicaçao social do nosso lado.A uns e a outros BEM HAJAM.

Sempre porto disse...

Infelizmente, O problema é muito mais grave que o treinador, nos com os sócios somos tão culpados como eles, acabem com os negócios com a doyen o mais rápido possível, dos 111 milhões quantos serão realmente para o clube?
Qual é a percentagem da doyen?
Estamos a deixar hipotecar o clube.

Felisberto Costa disse...

Ao vivo, a cores e em directo, Lopetegui tem os dias contados; não é timoneiro para tamanha nau. Na bluegosfera passa-se o contrário. Lopetegui é bom, exemplar e genial... mas aposto que o pessoal é o mesmo!
Eu por mim digo e em bom tom mesmo que seja á 2ª ou 3ª jornada: Lopetegui é apenas e só... banal!

Luís Pires disse...

só por diversão :)
https://www.youtube.com/watch?v=mhn3VIPMLCI

Paulo Marques disse...

Que todos os treinadores do FCP chegassem aos quartos de final da Champions, ganhassem um jogo à segunda melhor equipa do mundo e só perdessem o campeonato graças a enormidade de aldrabices que até no estrangeiro teve eco.

meirelesportuense disse...

Eu vou esperar uns tempos para ver o decurso da época...E depois lá mais para diante, direi qualquer coisinha.
-Para já o concurso de Corona é um bom presságio. Sempre gostei deste jogador. Quando o Herrera foi contratado -como não o conhecia- tive muita curiosidade em ver a equipa do México actuar e o único jogador que me entusiasmou nos jogos que vi, foi exactamente Corona. Hoje chega finalmente, creio que com dois anos de atraso.
Também acho que o plantel precisava de um central direito e um ponta de lança a sério. No meio campo temos muitas soluções, para além do Imbula e do Danilo -que penso ser o que está mais à vontade- temos o Bueno, Evandro, Sérgio Oliveira, André André e Herrera e ainda Brahimi. Acho que lá na frente apenas temos Aboubakar, que é um lutador e muito generoso. O Osvaldo precisa de dois meses muito intensos de ginásio. Depois veremos como se apresenta. Cissoko é titular de caras, a não ser que o novo lateral surpreenda bastante.Na outra banda temos o "Uruguaio" que é um outro João Pinto.

aires disse...

As coisas mais mesquinhas enchem de orgulho os indivíduos baixos.
William Shakespeare

VIVA O FUTEBOL CLUBE DO PORTO

Helder Oliveira disse...

Tambem acho que ja mostrou que nao tem maos nem sabedoria para ser treinador do PORTO, mas como agora anda na moda ,dizer a quem nao é socio de que a opiniao dessa pessoa nao interessa,por aqui me fico.cump

Madeiran Marvel disse...

De maneira nenhuma Hernani foi aposta do Lopetegui... podia ter dado o final aval mas esta transferencia partiu dos dirigentes... ou foi oferecido pelo empresário porque sabia que pagávamos mais que o Sporting. Hernani teve tempo de jogar e nao fazia nada se nao correr rapido (como o Tello ja faz). Marcou uns golitos mas fazia muito pouco, ate desaparecia do jogo. Nao podemos criticar o Lopetegui por tudo! Hernani nunca era explodir nesta equipa e foi melhor ser emprestado. O Corona e bem melhor, mesmo que Hernani seja Portugues (de Cabo Verde). Ao fim do dia o que interessa e qualidade e nao nacionadade.
Cissoko também nao devera ter sido ideia do Lope. foi alguem tipo Antero Henrique / Alexandre PDC.... ele nao teve pre epoca e nenhum treinador podia adivinhar que um jogador profissional com quase uma década de experiência faria uma asneira daquelas.

Também foi Lope. que pediu o Marcano (de longe o nosso melhor defesa), foi ele que pediu o Brahimi (de longe nosso melhor jogador)... 2 anos atras o Jackson pareceu uma miséria em muitos jogos mas o ano do Lopetegui ele voltou e fez mais que nunca. Danilo também melhorou bastante com Lope.... mas o trabalho positivo fica logo esquecido es as palavras de lagartos e lampiões invejosos sao repetidas.

Ainda estão a falar do Quaresma ser despachado mas o Quaresma era irregular e podia misturar o melhor como pior... Em pouco tempo ja foi expulso no Besiktas depois de marcar um golao... mas claro que as suas bufas cheiram a rosas agora que o Lopetegui paga as favas! Ele nao quiz agradecer os adeptos por jogar so poucos minutos (e ate era capitao da equipa) mas claro que a culpa caio no treinador (por jogar so poucos minutos)... What ever happened to rational reasoning?!

Os portistas do meu tempo apoiavam a equipa quando o inimigo nos criticava... agora preferem uma mentalidade "jump on the bandwagon" ou repetem as criticas em vez de dar soluções. Ninguém é mais portista por criticar mais e quer queiram quer nao estes sao os nossos jogadores e este e o nosso treinador. Como vimos no ultimo jogo os jogadores so pioram quando comecam a assobiar, assim as criticas sao destrutivas em vez de construtivas e seria melhor para a equipa jogar todos os jogos na Luz ou Alvalade.

Lopetegui também foi o grande responsável pela vinda do Casillas, se foi boa ou ma contratação ainda nao sabemos mas de facto que muitos dos críticos de Lopetegui ficaram orgulhosos do nosso clube ser falado mundialmente e conseguir contratar uma lenda do futebol.

Nuno Andrade disse...

Banal?? qual foi o ultimo treinador a chegar aos quartos de de final da champions pelo porto???

Vidente Mor disse...

existe alguma razao nisso com os espanhois que vieram que sao todos jogadores medianos a medianos menos. mas iremos ver se esses tais jogadores portugueses saem da mediania la fora e nao vao sair ( sao jogadores arremediados). O toze é um exemplo do jogador que nos jovens por questoes fisicas sobressai mas nao passa dai, fui muito criticado por ja nessa altura nao alinhar na maluqueira com o toze. O mentor da formaçao do porto ainda anda por ai na equipa B, do tempo dele nao existe UM unico jogador do porto que tenha subido a senior e se tenha evidenciado nem UM. O rui neves foi o basco que o lançou. Com o dinheiro que existe e é pouco tem se feito o que se pode, os outros clubes grandes reforçaram se muito menos e nas provas europeias isso nota se muito mesmo, por ca da para disfarçar com as queixas aos arbitros. Temos jogadores, o treinador tem de formar uma equipa, colocar os jogadores nos lugares certos e dar dinamica ao jogo.

Vidente Mor disse...

ah ja agora o celebre quaresma. Pois o quaresma foi muito bem despachado pois tem muitas fases de mau profissinal como alias se ira assistir no clube onde esta agora. Eu assisti ao quaresma no dragao a ser assobiado pelo estadio todo nos bons tempos dele porque nao recuava para defender, eram assobiadelas montruosas. O quaresma passou ao lado de uma grande carreira por nao se saber comportar e teve varias oportunidades, mais uma vez foi salvo por PC de uma morte lenta e despristigiante. Quaresma é daqueles jogadores que faz mal a qualquer grupo de trabalho FOI MUITO BEM DESPACHADO.

Sansoni7 disse...

Olá
Casillas é «a voz» do treinador no balneário....
Já é mais um «adjunto», do que um «simples» guarda redes.
Abençoada contratação....
Cumprs
Augusto

Zefansa disse...

Mas agora o FCP é isso? vitorias morais, ganhar um jogo e levar 6 a seguir e achar que foi uma grande coisa?

Até parece que este foi o unico ano em que o FCP foi roubado.. capela não te diz nada?

Com o Paulo Fonseca tambem o andaram a defender uma eternidade e a tentar esconder o obvio, com este é a mesma coisa...

O FCP não joga nada, isso devia preocupar...

Zefansa disse...

Qual foi o ultimo a não ganhar nenhum titulo no FCP?

Pedro disse...

Lido num blogue de benfiquistas:

«Mais uma vez, quando o assunto é questionar a direcção com interrogações válidas, aparece logo o Benficómetro: "O Benfica só existe por causa de Vieira", "As modalidades foram salvas por Vieira", "Eu apoio o Benfica nas vitórias e derrotas", entre outros lugares comuns debitados por gente alérgica a qualquer coisa parecida com uma discussão séria. »

Qualquer semelhança não é pura coincidência.

Alcina Monteiro disse...

Como diz o Vidente Mor, o Quaresma foi muito bem despachado. Aliás, nem devia era ter voltado nunca para o Porto. Já agora, porque será que o "fantástico" Quaresma foi para o "fantástico" Besiktas, enquanto os outros grandes (verdadeiramente) jogadores que saíram do Porto, foram para a Juventus, para o Atlético de Madrid e para o Real Madrid? Porque será?

Depois, questionar a saída do banal Hernani quando entra para o lugar dele o muito melhor Corona, só pode ser uma de duas coisas: ignorância ou má fé. Ou então uma terceira: Ser apologista de, antes português mesmo que mau do que estrangeiro mesmo que bom. Há quem chame a isto Xenofobia. E gostava que o sr. MLP deixasse de ser boateiro, e apresentasse, preto no branco, as provas de que foi o treinador Lopetegui (que, para mim, tal como para um outro portista relativamente ilustre, Pedro Marques Lopes, deu, na época passada, Lições de Portismo) que quis o jogador A, B ou C e de que não foram jogadores que lhe foram impingidos pela Sad.

Miguel Lourenço Pereira disse...

Estimada Alcina,

Isto ainda não é um tribunal para existir a obrigação de demonstrar "preto no branco" o que quer que seja. Caso contrário convinha a cada comentador, também, apresentar, "preto no branco" as suas próprias versões do que pensam que aconteceu e, em ultima análise, convém ao clube apresentar igualmente a sua versão - como a tal oferta de 30 milhões pelo Alex Sandro, que bonito seria ver esse faz não era? - de tudo o que passa na sua vida. Ou só vale quando o que se diz vai contra a opinião pessoal de cada um?

Já agora, ninguém aqui disse, creio eu, que o Hernani é melhor que o Corona. O que se disse foi pura e simplesmente que não tem qualquer lógica desportiva ou de gestão financeira apostar forte por um jogador que é dispensado seis meses depois, e nesse caso é irrelevante até quem propiciona a chegada do futebolista porque caso tenha sido feita à revelia do treinador isso só diz muito mal de quem administra o clube.