quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Seja esperto, seja como o Rui


Sou portuense e portista, a ordem certa que venha o diabo e escolha porque nem eu sei ao certo mas tenho profundo orgulho de ambas. Tudo aquilo de positivo que acontece à minha cidade e ao meu clube é sempre motivo de regozijo. E poucas coisas têm sido tão positivas nos últimos tempos como Rui Moreira. O Presidente da Câmara Municipal do Porto - portuense e portista, seguramente numa ordem que ele também não saberá ao certo precisar - é uma lufada de ar fresco e um sinal de esperança para todos aqueles que sobreviveram ao cinzentismo dos últimos quinze anos na Invicta. É também um sinal de esperança para todos os portistas.

Há uns largos tempos atrás o RP publicou uma série de textos opinativos em que se abordavam os perfis dos futuros presidenciáveis do clube. Nenhum parecia ser tão consensual como o de Rui Moreira, ainda que já na altura se mencionasse a sua ambição política (confirmada) e a sua presença como cronista no jornal A Bola (se podem atacar Vitor Baía por colaborar com o Correio, que diriam de quem colaborou com A Bola?). Era um perfil que gerava as dúvidas naturais de quem não era particularmente distante da SAD vigente mas que, ao mesmo tempo, nunca se posicionou abertamente como presidenciável por ter outra frente aberta. O facto é que ele podia ter sido - nas palavras de um grande portista - o Joan Laporta que o clube necessitava depois de décadas de um perfil radicalmente distinto que ajudou a elevar o clube aos píncaros da glória mas parecia desgastado. Laporta fez isso com o Barcelona e foi chave para cimentar o êxito actual. Moreira é, seguramente, uma pessoa muito mais séria e de fiar do que um Laporta rodeado de polémicas por todos os lados, mas a ideia de regeneração (a todos os níveis) desde dentro era o plano. Infelizmente para o FC Porto e felizmente para a cidade do Porto, Rui Moreira deu um murro na mesa e apresentou uma candidatura independente à Câmara para acabar com o compadrio partidário que representava Luís Filipe Menezes, o candidato "salta-pontinhas". Moreira ganhou, ganhou bem e ganhou de forma tão surpreendente que foi noticia um pouco por todo o Mundo. Poucos tinham defendido tanto a cidade como ele durante o seu mandato à frente da ACP. Os que nele acreditaram esperavam o mesmo perfil agora à frente da Câmara Municipal e não  se enganaram. Desde o momento em que foi eleito Rui Moreira não lutou apenas para melhorar a vida quotidiana dos portuenses - depois de década e meia de cinzentismo orçamental - mas também se ergueu como o grande defensor da cidade e região contra o asfixiante centralismo da capital. Fê-lo como sempre, com elegância, classe, valores mas uma autoridade moral que ninguém podia questionar (e quem não se lembra do seu abandono no programa Trio de Ataque, um ataque de portismo do mais exemplar que se viu em Portugal). Fê-lo, sobretudo, por convicção e por amor à sua cidade.   


Olhando para as últimas batalhas ganhas por Moreira ficamos sempre, nós, os portuenses, nós os nortenhos, orgulhosos de um homem assim. Para os que também somos, naturalmente, portistas, fica também a pontinha de inveja. Como queríamos um líder deste nível à frente dos destinos do nosso clube. Hoje o FC Porto precisa mais de Rui Moreira do que nunca precisou. 
Quando todos calam, ele levanta a voz. Quando todos tentam desviar as atenções, ele enfrenta as balas. Quando uns misturam alhos e bugalhos para ir pelas costas, ele vai de frente. Rui Moreira tem demonstrado ser um líder exemplar e espero, sinceramente, para o bem da cidade, que cumpra todos os mandatos a que legalmente se possa candidatar. O Porto agradecerá enormemente ter alguém como ele a conduzir os destinos da cidade. O Clube, esse, terá de olhar e procurar inspiração num perfil similar ainda que não seja fácil. Ruis Moreiras não há muitos.

Olhando para o panorama actual, é difícil encontrar no Clube o defensor absoluto da cidade e região que já foi. O elo de identidade desaparecido. Os valores perdidos. A conexão apagada. A história reescrita. O Porto não deve nunca deixar de ser a máxima referência e prioridade do FC Porto por muito que este procure, legitimamente, expandir-se para a China, Colômbia, México, Espanha ou Nova Zelândia. Se alguma vez chegamos onde chegamos foi também pelas nossas origens. Hoje, como nunca, nota-se a falta desses laços. Desses jogadores da casa que entendem cada palavra murmurada pelas gaivotas. Desses dirigentes que se preocupam com o Clube e com a cidade muito mais do que com arranjar trabalho para filhos, genros, cunhados, irmãos e companheiras dentro da estrutura do clube, repartindo benesses que pertencem a todos os sócios e accionistas, a dedo. Desses adeptos que antes faziam das Antas uma plataforma gigante de portismo e de sentimento nortenho e que agora gelam o Dragão ao som do sorver de bebidas, do mastigar de pipocas e de assobios que envergonhariam as pedras da Constituição.


Rui Moreira pode não estar disponível nos próximos dez anos para ser Presidente do FC Porto mas o seu exemplo está aí, para todos verem. O Presidente da Câmara não dá trabalho à família num organismo que é de todos. Não se preocupa em beneficiar os amigos de fora - os fundos legais e suspeitos, os agentes e comissionistas - e sim os seus concidadãos através da dinamização das forças-vivas da cidade que crescem com o turismo, a indústria e as marcas mais fortes da Invicta onde está, inevitavelmente, o nosso clube. Rui Moreira não se cala quando se prejudica o Porto da mesma maneira que outros calam quando se prejudica o FC Porto. Não se vende àqueles que insultam a cidade como outros se vendem àqueles que insultaram o clube e os recebem entre mordomias no palco presidencial. Rui Moreira pode não ser o próximo Presidente do FC Porto mas alguém que siga o seu exemplo deveria sê-lo. O Rui é esperto. O Rui é fiel. O Rui é frontal. O Rui é honesto. O Rui é corajoso. Futuro presidente do FC Porto, seja esperto. Seja como o Rui.
   

23 comentários:

Vidente Mor disse...

nao seria dos piores sem duvida, como fernndo gomes da fpf, ja oliveira demasiado protagonista e entao baia Deus nos livre.

Norte disse...

Artigo de opinião que respeito, com umas coisas discordo, com outras concordo, sempre numa determinada linha de pensamento.

MAS (e nestas coisas há sempre um "mas") todas as pessoas que um pouco por todo o lado escrevem, comentam, opinam, bitaitam sobre este e outros temas, onde têm andado nas Assembleias Gerais?

Estou farto de ver AG's com 20\30 sócios, o presidente a vangloriar-se de tão fraca adesão pois considera sinónimo de concordância com a Direção, e depois chega-se ao computador e são aos milhares as críticas.

Hoje está na moda a crítica fácil, apontar o dedo ao que existe há uma década, e ao mesmo tempo aproveitar as redes sociais e blog's para dizer tudo o que se pensa.

É pá, saiam de trás do computador...dêem a cara por aquele que tanto dizem amar! O Porto ainda é nosso!

José Sampaio disse...

Norte, não se esconda por detrás de um pseudónimo! Você que está atrás dum pc, dê a cara.
Tenha coragem, pelo menos nisso!
De resto, experimente ir a uma Assembleia Geral, opinar contra a maré.....

Silver(io) disse...

Assim é que se fala Norte.O FCPorto é dos seus sócios e será o que a sua maioria quiser.

Filipe Martins disse...

Que resposta LOL

DC disse...

Seria sem a menor das dúvidas o meu presidente. Espero que no final do mandato na câmara venha tirar o Porto deste lamaçal.

Mário Faria disse...

O Rui Moreira tem sido um bom presidente, mas representa todos os portuenses. O futebol é um negócio diferente. E nem sempre junta os habitantes da nossa invicta. Nem dos sócios. Fiz muitas críticas a algumas arbitragens e à modorra da denúncia. Mas, note-se que, muitas dessas manifestações de repúdio sobre essas arbitragens foram recusadas dentro de portas, por parte de muitos sócios e adeptos. Alguns chegaram a escrever que tinha sido bom (os erros da arbitragem) porque, assim, não tinha sido possível escamotear a miséria da nossa prestação em campo. O nosso poder de influência foi dizimado. O SLB melhorou desportivamente e lidera o sistema. Que não estremece pela denúncia. Só as vitórias servem neste combate. Porque só elas legitimam o direito à indignação. Os derrotados são sempre mais frágeis. Só os fracos se queixam. E parte da nossa fragilidade está em casa. E os sócios perderam os melhores hábitos a favor do assobio e do "matem o Maicon" para lavar a honra.

Norte disse...

JOSÉ SAMPAIO

Não seja ridículo!
Você não sabe o que está a dizer, e muito menos quem eu sou, o que eu digo, onde digo e a quem digo!
Apareça um dia numa AG e tenha a coragem de falar....quando fizer isso a primeira vez, eu já lhe levo algumas dezenas de avanço!

JOSE LIMA disse...

Os tempos mudaram Mário. O "nosso" Futebol Clube do Porto já não existe. Os sócios hoje não mandam nada. Então na SAD nem e bom falar. A sucessão vai ser muito complicada. Abraço

Silva disse...

Foi a cidade, pela voz do presidente do município, quem virou as costas ao clube. Foi a câmara que se fechou ao FCP. Não o contrário.

Pedro disse...

Esta bajulação a Rui Moreira deve ter algum interesse pessoal por trás. Só pode. Rui Moreira tem méritos, tanto na vida profissional como na presidência da câmara. Mas apelidar o homem de fiel e honesto é assobiar para o lado em relação a vários negócios e negociatas, e certas amizades de negócios com pessoas de ética discutivel, e algumas delas com processos de fraude nesta última década. Isto não faz dele uma má pessoa, mas coloca-o na mesma onda de outros.

Aconselho a ler velhos artigos de Rui Moreira na imprensa, antes de endeusar a figura. Aprender com ele lições sobre coerencia e honestidade? não! Basta olhar para o que em tempos escreveu sobre o FCPorto na Bola, e sobre certos jogadores/treinadores...

Gaspar Santos disse...

"Espertos são os burros"!

Pedro disse...

Não podiam faltar os desafiantes apelos "vão às assembleias!", os quais, diga-se mais soam a ameaças. Só faltou o também lancinante apelo "se não concordam ,formem uma lista e candidatem-se!"

Que pobreza de argumentação! "Se não falas na AG, então que para sempre te remetas ao silêncio!"

Esquecem-se ainda os proferidores de tais ditâmes que, nas AGs do clube, se não pode discutir assuntos da SAD e, portanto, do futebol. Mas, se calhar, apenas o dizem porque nunca foram a uma AG!

O passo seguinte será: "Se querem criticar, comprem acções e vão às AGs da SAD!"

Tudo isto, claro, não passam de modos camuflados de tentarem silenciar quem discorda do regime.

Pedro disse...

Miguel, já que você levou a conversa para a política citadina, deixe-me que lhe diga que só o "cinzentismo" a que se refere possibilitou ao actual presidente fazer a política municipal que está a fazer. E isto porque o "cinzentismo" herdou uma câmara financeiramente exausta, depois dos mandatos daquele sportinguista de vila do Conde que agora é administrador da SAD.

Fernando B. disse...

Há anos atrás Rui Moreira começou a preparar uma candidatura, ele para a SAD e Vítor Baía no Clube. PC soube e começou o amuo PC-RM
Entretanto a vida de VB deu no que deu e RM agora é quem é
Se PC não estivesse prisioneiro duma teia que o sufoca, bem poderia alterar Estatutos e escolher um Vice Presidente capaz e liberto das ligações da tal "estrutura".
André Vilas Boas seria o ideal para ser esse Vice-presidente, mas...
Só posso terminar com um grito
Acorda Dragão

Norte disse...

Mas passa-te pela cabeça o que estás a dizer?!
Nas AG's do clube não se podem discutir assuntos da SAD? Mas tu já estiveste em alguma ou chegas-te atrasado?

Numa AG falam-se das contas e resultados de todas as empresas do FC Porto, incluindo naturalmente a SAD. Nos 30m de assuntos de interesse do clube, cada um fala do que quer...ainda na última, um associado foi pedir ao presidente que demitisse Lopetegui! Onde estavas tu nessa AG? E na anterior em que se discutiram os estatutos, a tua intervenção foi sobre quê?

Lutem por aquilo em que acreditam mas com coerência, coragem e rosto!

Se te sentes ameaçado com o que escrevi, então o teu problema é de receio crónico e isso trata-se noutro local.

Isto são modos camuflados de silenciar quem discorda do regime? Leitura ridícula e esquizofrénica de quem se remete a blog's.

Importas-te de dar ideia de alguma acção com vista a expores os teus pontos de vista, a não ser nos blog's e redes sociais?

Pobreza de argumentação é daqueles que não são capazes de dar a cara por aquilo que pensam!
Lê bem: há 11 anos (podes portanto perceber que durante este período foram muito mais as vitórias do que os insucessos) que questiono diretamente e olhos nos olhos o presidente sobre aquilo que está mal, percebes-te?

meirelesportuense disse...

-Rui Moreira foi -e será- um potencial candidato à presidência do Porto na fase mais próxima do final do Processo Apito Dourado...Pinto da Costa manteve-se inamovível e Rui Moreira ficou imóvel e expectante. Concordo que tem um perfil que me agrada muito para cumprir o futuro e difícil cargo de Presidente do Porto. Não sei quem mais na Cidade e no Clube se lhe poderá comparar. Talvez tenha algum défice de experiência e manha, mas isso para mim não é factor negativo, pelo contrário, embora no futebol tudo seja diferente...Na Camara do Porto tem cumprido, faz esquecer o negrume e a tristeza dos 15 anos de Rui Rio -que se não é Benfiquista, contrapondo ao alegado "sportinguismo" do Fernando Gomes, enquanto por lá andou, disfarçou muito bem- e parece querer mostrar um espírito de elevado sentido ético e de justiça social, muito diferente do "oleadinho" do Bom Sucesso.

Miguel Lourenço Pereira disse...

"Se PC não estivesse prisioneiro duma teia que o sufoca"

Pinto da Costa não está preso absolutamente por nada.

Fernando B. disse...

Diziam isso de Salazar /Marcelo Caetano - deu no que deu... ACORDA DRAGÃO

Miguel Maria Teixeira Santos disse...

O que eu gostava de ver a dupla RM + AVB a liderar-nos na Tribuna e no relvado respectivamente...

Pedro disse...

Nem de propósito! Comentário de um leitor que sabe disto, no post acerca do "jogador à Porto" (16/2, 19:06):

«Se for à AG do Clube e pretender colocar alguma questão tem que a enviar previamente ao Presidente da Mesa para ser "filtrada".
Ainda não conhecemos a Ordem dos Trabalhos e só depois disso deve colocá-la.
Como sabe se "eles" não quiserem responder e não estiver dentro da Ordem dos Trabalhos não a aceitam.
Talvez possa pô-la nos "30 Minutos sobre assuntos de interesse para o Clube" mas o raciocínio é o mesmo.
Na AG da SAD nem vale a pena perder tempo. É malhar em ferro frio.»

A sua noção das AGs do clube é muito sui generis.

Sansoni7 disse...

Quem preferiu apoiar a candidatura à CMP de Luis Filipe Menezes em detrimento de Rui Moreira?

Sansoni7 disse...

...e eu também.