sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Obrigado Rafa

Tudo indica que a novela Rafa chegou ao fim. O extremo assinará a troco de 2,5 milhões de euros anuais pelo Benfica e o Braga embolsará á volta de 16 milhões de euros por um jogador que não tem mercado no futebol europeu, que não foi opção no último Europeu e que não tem sido realmente um futebolista capaz de levantar estádios na sempre exigente liga portuguesa como foram outros jogadores de clubes do perfil bracarense. No fim de isto tudo resta dizer uma coisa, obrigado Rafa.

Obrigado Rafa por teres escolhido o Benfica e nos teres poupado um sério problema. Ou dois. Ou três.
Não, Rafa Silva não passou de bestial a besta por ter assinado pelo Benfica. Não se trata disso. Rafa é um bom jogador. Um bom jogador. Não é um grande jogador. Não é um fora de serie. Mas também não é um jogador mediano. É bom e com potencial de crescimento.
Mais, é um jogador capaz de funcionar MUITO bem no Benfica. Porquê? Ora porque o Benfica de hoje é, em muitas coisas, similar ao melhor Porto, permitindo que jogadores absolutamente medianos como Mitroglu, Fejsa, Pizzi ou André Almeida pareçam muito melhores do que aquilo que realmente são. Estão protegidos pela "estrutura", pela organização táctica - criada por Jesus, potenciada por Vitória - e por tudo o resto que já sabemos. Nesse cenário, Rafa poderá ser decisivo como foi Gaitan, como pode vir a ser Cervi ou Carrillo e como tem sido Jonas, um jogador que em Espanha fracassou por completo e em Portugal parece um fora-de-serie. Não o é, nunca o foi, mas está no contexto perfeito para o parecer. E Rafa pode perfeitamente seguir o mesmo caminho. Isso no entanto não significa que fosse capaz de lograr o mesmo no Porto nem que valha por isso os 16 milhões que vai custar.

É fácil entender que este Porto em construção precisa de jogadores feitos e não por fazer se é para acrescentar algo. Já temos nos Andrés e Otávios as promessas da casa, o que vier de fora tem de ter impacto imediato como teve Moutinho, por exemplo. Rafa é ainda um projecto de bom jogador - apesar dos 23 anos - e podia tanto encaixar como não. E não estamos num momento para riscos dessa magnitude a estes valores. Rafa nunca valeria 16 milhões de euros. Nunca.
Nunca recebeu propostas fora do circuito externo das grandes ligas. Nem de Espanha - onde está o verdadeiro jogador perdido do Verão, Diogo Jota - nem de Inglaterra, onde 16 milhões são trocos para a imensa maioria dos clubes da...II Divisão. Não, Rafa não teve ofertas salvo a do Zenit e da liga turca e é natural que não quisesse ir para aí porque rapidamente cairia no esquecimento. Em Portugal sente-se protagonista e quer jogar com isso, é natural e lógico por sua parte. E o Braga, presidido por um tipo que é mais daninho aos interesses do Porto do que foram algum dia Valentim Loureiro ou Pimenta Machado, também sabia disso e de aí os valores na mesa. Um leilão que não fazia sentido para este Porto. Um Porto com muitos problemas de liquidez, de financiação, de necessidades gritantes de tesouraria e que tem de encontrar o "seu" Rafa numa cifra de valores muito inferior. Porque os há seguramente. O primeiro de todos chamava-se Carrillo, era grátis e o Porto perdeu a luta contra o Benfica no ano passado - porque entrou na luta, não a assistiu de fora - mas não seria o último. A diferença é que, como se viu com Depoitre, parece que o FC Porto, ao contrário de qualquer adolescente, não conhece mais de dois ou três jogadores por posição e insiste em perfis que não se adequam ás suas necessidades. Isso ou está á espera que Luciano D´Onofrio tenha um extremo á mão como teve um avançado que na lista apresentado por NES estaria provavelmente nos últimos lugares da fila.



Obrigado Rafa, também, porque era importante ter consciência de que um grande investimento num jogador sem garantias era um problema sério para NES. Não está claro que Rafa funcione no seu sistema de jogo - um sistema que ainda não está evidente, por outra parte - e a sua chegada obrigaria seguramente a novas adaptações, variações e tudo isso depois de mês e meio de trabalho e um play-off Champions pelo meio. O peso de um possivel erro de casting ou de uma prestação desportiva a la Adrian Lopez - que agora está a ser utilizado para ser revalorizado até dia 31 de Agosto e também por quem se pagou muito mais do que valia - pode ter consequências catastróficas para o grupo e para o staff técnico e esses já têm problemas suficientes agora em mãos. Rafa não é Lima. Nem vinha grátis, nem tinha o aspecto de ser o jogador determinante desde o minuto 1. Basta ver o seu ratio de golos e assistências para entender que o seu perfil não adivinhava a solução de todos os problemas ofensivos da equipa o que não invalida que um extremo, um avançado e outro médio criativo são necessidades gritantes porque os que estão no plantel - Brahimi, Quintero, Aboubakar - já deram, por uns ou outros motivos, sinais de estarem em figura de corpo presente.

Por fim, obrigado Rafa por teres deixado mais uma vez evidente que na dúvida os jogadores hoje escolhem o Benfica ao Porto. Doi ler, doi ouvir doi sequer pensar mas é absolutamente lógico. Os jogadores dos anos 2000 que o Porto sacou debaixo das barbas do Benfica não o faziam por amor ao Dragão. Faziam porque ganhavam mais, recebiam a horas, disputavam a maior competição mundial de clubes e ganhavam títulos. Tudo aquilo que o Porto lhes podia oferecer e que mais ninguém em Portugal era capaz de o fazer. Hoje o mesmo perfil de jogador, nacional ou não, opta pelo Benfica exactamente pelas mesmas razões, nem mais, nem menos. E isso o que nos diz? Que o Porto não tem problemas apenas em campo, na falta de títulos nos últimos três anos - nem uma misera Taça de Portugal - mas que tem problemas ainda maiores fora dele porque deixou de ser apelativo, tanto para os clubes compradores - que cada vez menos encontram aqui jogadores que valham os negócios mirabolantes que alimentavam a máquina - mas sobretudo para os jogadores de potencial futuro que alimentavam essa mesma dinamica. Os Rafas, como os Cervis, hoje preferem o Benfica porque estão mais perto de ganhar bem, vencer, exibir-se na Champions e depois dar o salto. O Porto já não é garantia de nada para ninguém.
Uma realidade que tem de ser interpretada de duas formas. A primeira, e mais importante, a confirmação do fracasso definitivo do poder desportivo e negocial da direcção desportiva de Antero Henriques e da presidência e que prossegue, um verão depois, apesar da esperada reeleição. A segunda, que o Porto terá de voltar a ser o que foi por um caminho alternativo, não o de depender de um modelo de negócio que já não funciona porque não captamos matéria prima para a revender, e sim de uma aposta na prata da casa e em jogadores de um perfil e de mercado distinto ao que agora domina o Benfica. Uma vez restablecida a paridade competitiva - os títulos, as presenças na Champions com regularidade e bons resultados - então aí sim poderão reavaliar a situação mas até lá os Rafas serão sempre jogadores com mais perfil Benfica do que Porto. E essa realidade é óbvia e inevitável.

Obrigado Rafo por não nos teres custado mais do que valias, por teres evitado ao treinador um potencial problema e por teres deixado exposto, pela enésima vez, os podres do modelo de gestão vigente e ao mesmo tempo caduco. Agora vai lá ter o pior ano desportivo da tua carreira para que mais tarde te arrependas de ter entrado no leilão e não teres lutado para servir o melhor clube português.

PS: A imprensa começa a falar do potencial empréstimo de Jota ao FC Porto. A questão é mais grave do que parece. Se Jota realmente vir, desportivamente fará sentido, mas a nível de gestão é mais uma mostra de incompetência. Jota está no radar do FC Porto há dois anos, não o estava no do Atlético de Madrid. Nem havia sequer urgência do Atlético em contratar o jogador. Nesse periodo o FC Porto empenhou todos os esforços em Rafa sem pensar em planos B e deixou Jota voar por uma ninharia de Paços de Ferreira para Madrid para agora ir valorizar um jogador alheio. Em que cabeça cabe que um gigante de Espanha seja capaz de se antecipar por um puto de 19 anos de Gondomar ao FC Porto? Quando nem o mercado geográfico mais próximo o Porto controla - e Jota está referenciado desde os 17 anos por quem segue o futebol no Grande Porto, como minimo - como querem realmente competir?

17 comentários:

Miguel Magalhães disse...

Pela primeira vez nos últimos anos, sinto-me contente por o Porto ser gerido com uma enorme incompetência.

Vidente Mor disse...

tem razao so isso. diogo jota que tambem e um projeto de jogador e a demonstraçao categorica da incapacidade de antero henriques porque PC e mais um chairman nunca pode ser executivo por manifesta incapacidade pelo menos fisica.

Madeiran Marvel disse...

Quando li a noticia esta madrugado pensei QUE BOM!
Que bom que nao entramos em loucuras so para ganahar a corrida ao benfica. Que bom que ajudamos a inflacionar o preco ao agora riquissimo benfica... Que bom que eles agora terao que mostrar que o jogador vale esse dinheiro... ja estou a ver as capas dos jornais com a sua foto cada vez que joga bem mesmo que depois passe varios jogos a jogar mal ou no banco... a maquina que se tornou a imprensa para o benfica dara garantias para eles com Rafa, mas se viesse para o nosso FC Porto eles estariam a fazer capas nos jornais com a foto do Rafa so quando o FC Porto nao ganhasse.
Que bom que agora pudemos focar em Oliver, jogador que tera melhor futuro mercado do que Rafa, nao ficaria espantado ver ele sair para o Real Madrid ou Barca por 45m daqui a 2/3 anos.
Que bom nao fazer mais negocios com o Braga porque acabamos sempre por perder... o unico que se afirmou foi Candido Costa mas isso foi no Porto Canal e nao na equipa.
Que bom nao ter que dar / emprestar jogadores ao braga para depois marcarem golos contra nos em finais.

Nao sei para que queremos o Jota ao nao ser que consigamos uma boa opcao de compra. Precisamos que opções validas para agora e nao so para amanha. Ser for para comprar um bom jogador com a ajuda do D'Onofrio entao porque nao fomos atras do Moses Simon que jogava ao lado de Depoitre?! Se o Depoitre foi visto pelo nosso departamento de scouting eles deveriam também ter visto Moses Simon so que e muito provável que Depoitre veio por indicação do Nuno sem ser vetado pelos nossos scouts.


Ha varios jogadores com o mesmo potencial que poderiam ter sido adquiridos no fim da ultima epoca... nao compramos e agora estarão mais caros porque as equipas estao a fechar os planteis entao a única opcao e ir atras dos "rejects" dos outros clubes ou pagar mais do que vale. Custa-me a dizer isto mas a culpa e da nossa direcção e devemos ter mais paciência com o Nuno embora ele seja o culpado pelo afastamento do Paciência. Nao entendo exactamente o que estivemos a fazer durante a pre epoca mais longa de sempre ao nao ser indo atras das bufas do Rafa mas que bom que agora pudemos andar em frente.

Filipe Sousa disse...

Já só falta esquecer esse desvario do Óliver, e reforçar a equipa convenientemente.

Luís Vieira disse...

O regozijo pelo fracasso neste negócio, a meu ver, só faz sentido do ponto de vista financeiro. Porque do ponto de vista desportivo o Rafa é uma perda. Faz claramente falta ao plantel do FCP e duvido que o nosso clube, até 31 de Agosto, contrate alguém com a mesma qualidade. Espero ser desmentido.

Andre Sousa disse...

Concordo com quase tudo o q aqui foi escrito com uma grande excepção, como adepto, não aceito que o Porto possa pagar prémios milionários a uma SAD incompetente, possa pagar 4 milhões por um Marega, possa pagar a todos e mais alguns empresários comissões absurdas, possa pagar 2 milhões ano a Maxi, um jogador que eu nunca quis ver equipado de azul, possa pagar 250 mil mês a Casillas q é o que se tem visto... e no fim não tem 16 milhões para pagar pelo mais promissor extremo a jogar na nossa liga.

Dr Sigmund V disse...

A raposa de La Fontaine ("estão verdes, não prestam, só os cães as podem tragar") está em grande forma. E não me refiro ao articulista, que até escreveu bem.

Vai ser um longo inverno - preparem-se. E, no fim, digam que a culpa é dos que não se candidataram às eleições, cassette mais recente das avestruzes azuis e brancas.

Luis disse...

Quem não tem cão, caça com gato.Velha máxima do meu Porto. E só faz falta quem está.O Rafa já é um não assunto,mesmo sendo um erro de casting da sad que apostou todas as fichas num só tabuleiro.Tempo de seguir em frente e apostar em quem está empenhado, tal e qual como na vida.

Pedro ramos disse...

Claro que não é nenhum drama ter perdido Rafa, quer financeiramente quer desportivamente. Dessa forma, e como andam as finanças do clube, já se começa a poupar para no mercado de inverno podermos comprar mais 3 ou 4 Maregas. Para quê gastar tanto num jogador quando podemos comprar vários que serão tão úteis.
Desportivamente, porque como sabemos, até um clube amador depois de falhar o 1º alvo no dia seguinte já está a trabalhar na próxima opção, basta lembrar na eficiencia do clube após falharmos Bernard ou Lucas Lima. Tenho a certeza que este ano não será diferente.
Temos André Silva e Otávio para as 34 jornadas do campeonato, para quê mais alguém que os possa incomodar, até porque já investimos perto de 20 m por Filipe, Alex e Depoitre, todos jogadores que já fazem a diferença. Filipe até já decide eliminatórias da LC.

PS. Jota? Para quê? Os nosso "olheiros" descobriram um adolescente chamado Zé Manuel que daqui a 4/5 anos irá dar que falar e parece que depois de muita luta iremos conseguir renovar contrato com um jovem jogador da formação a quem prevêem um grande futuro e que vai poder ganhar experiencia num clube turco.


pancas disse...

Miguel,
Concordo com 90% do que escreveu. De facto o nosso clube transformou-se no mesmo que nos fazia rir dos clubes lisboetas, desde a incapacidade de ganhar leiloes ate a compra de jogadores da treta ao desbarato, e passando pela mentalidade de que e tudo culpa de outrem e que vamos por isso no bom caminho.

Quanto ao pouco que nao concordo, tem a ver com a sua analise ao valor do Rafa. Diz que ele nao teve clubes europeus atras dele, mas na verdade teve os mesmos que Hulk, Witsel, Javi Garcia, Bruno Alves, Costinha, Maniche quando de ca sairam, apesar de nao jogar nos 3 grandes.
Tambem diz que ele nao vale 16M - eu acho que ele nao vale o risco de 16M para o Porto, mas que o jogador os vale, vale.
Finalmente espero que esteja enganado sobre Adrian Lopez e que estejamos a ver uma reintegracao de um jogador bom e nao so uma valorizacao para Venda rapida.

Pedro disse...

Concordo em tudo, parece-me uma óptima análse com uma ressalva importante, ainda para mais porque tenho ideia que o autor reside em Madrid.
Jonas fracassou por completo em Espanha?!?!? Titularissimo no Valência a jogar por trás do ponta de lança, saiu devido à chegada da dupla Lim/Mendes que tinha de arranjar espaço para colocar os seus jogadores - e que bem que lhes tem corrido.

bruno disse...

nem Rafa nem Oliver!

já basta de novo riquismo parolo!

2 defesas centrais fortes é o que nos falta, os 8 e extremos, há soluções em casa

miguel.ca disse...

Não achas que o Rafa ia queimar a evolução e explosão do Octavio? Um jogador que na minha opinião pode vir a ser MUITO melhor que o Rafa?

miguel.ca disse...

Para mim, Rafa não foi uma perca. Não vale 16 milhões e nao faria nada que Octavio, Corona, Layun ou mesmo Alex Telles não possam fazer.
No entanto, fico contente por saber que (aparentemente) temos 16 milhões para gastar! Deve dar para um muito bom central... de certeza.

jorgen80 disse...

Escreves o texto e depois dizes que Jota faz sentido? Não há aqui pontos que se anulam?
O Porto neste momento precisa de dois ou 3 craques que galvanize a equipa. Rafa será importante, como será Oliver.

Luís Vieira disse...

Não. Acho que são jogadores que podem perfeitamente coabitar na mesma equipa. Ainda hoje pudemos ver o Varela em campo e a miséria que foi. Um trio Rafa/Otávio/Corona nas costas do André Silva seria bem interessante. Mas o que está feito, está feito, e se vier o Óliver dou-me por satisfeito. Cereja no topo do bolo seria recuperar o Brahimi ou contratar outro extremo para compor o plantel. A ver vamos.

Paulo Marques disse...

Porque raio é que a SAD confia num gajo que se queixa de ajudas ao FCP quanto é beneficiado e não se importa de levar no pelo das galinhas seja de que maneira for?