domingo, 28 de agosto de 2016

Quem eram estes tipos de amarelo?


Foram precisos 100 anos de clássicos para alguém, certamente mais inteligente que  o comum dos mortais, concluir que o verde às riscas horizontais se confunde com o azul às riscas verticais.
E eis, então, que uma equipa, ridiculamente vestida de amarelo, se apresentou em Alvalade para escurecer ainda mais o nosso futuro.

E vão 3 derrotas consecutivas contra o scp de Jesus. Em nenhuma delas eles tiveram sequer que se esforçar muito.

Dinâmica? Rotinas de jogo? Para NES, afinal, bastam 2 treinos e já está.
Óliver saiu há apenas um ano e três meses do nosso clube mas, deste "11" de hoje, só tinha jogado com 2: Marcano e Herrera. Sintomático.

E por falar nele, eis que também tivemos direito ao Marcano habitual: o "central" que tudo deita a perder nos jogos a doer.

O scp, sabedor da sua importância decisiva, aproveitou Slimani até ao último segundo, não querendo saber de possíveis lesões ou estados de espíritos.
Já o FCP acha por bem poupar Brahimi, para que este chegue bem fresquinho ao seu próximo clube.

Também ao fresco, já em terceiro lugar, eis o FCP após apenas 3 jogos disputados.


42 comentários:

MBC disse...

Bolas ao lado não são um exclusivo dos avançados do Porto!

Hugo Ambrósio disse...

Estou totalmente de acordo consigo no que respeita ao equipamento! Mas quem raio se lembrou de uma coisa daquelas. Jogar com o terceiro equipamento num clássico? Não lembra a ninguém só a algum infiltrado que por lá possa haver.
No entanto, não posso nem estou nada de acordo com a analise ao jogo. Não temos, nem podemos uma vez mais calar e dizer que temos que mesmo ROUBADOS temos que fazer mais e melhor. Porra mas algum dos presentes foi ou jogou futebol a serio? Eu já. E posso vos dizer que entendo complemente o que o Casillas disse, se um lance ilegal em que os jogadores o viram doí e afecta, levar o segundo da mesma forma e de um resultado 0-1 por dois lances ilegais idênticos ficar aos 20 minutos em desvantagem para um 2-1 destrói uma equipa psicologicamente, só quem nunca jogou futebol pensa que isto é o FM que com uma substituição mudamos o jogo e ganhamos num campo como o de Alvalade. Até ao primeiro golo duplamente ilegal (falta inexistente e golo com domínio de braço) o sporting nem cheirou. só dava Porto, o segundo nasce de uma falta sobre o Coates sobre o André Silva não marcada por este fantástico árbitro internacional e mais uma bola com assistência "andeboliana". A partir daí, naturalmente, o sporting galvanizou-se e controlou o jogo perante um Porto destruído psicologicamente. Isto noutros tempos era motivo para as claques se unirem com a Direção do clube e fazerem um ataque vincado à arbitragem para que isto não se repetisse. Estamos a levar com isto à 4 épocas e continuamos sempre a achar que a culpa é sempre dos nossos jogadores. PORRA utilizem o blog não só para atacar o nosso clube mas para atacar quem efectivamente nos ataca. Parece que nos dá prazer encontrar sempre problemas....

DC disse...

O Marcano deitou tudo a perder por deixar passar um remate? Porra. E o danilo que faz a falta idiota do 1o golo? ou que depois perde aquela bola que quase dá golo do adrien? o cancro do Porto está no meio-campo.

Pedro Moreira disse...

Uma vergonha. Depois da vitória em Roma e dos milhões conseguidos pensei na hipótese de algo mudar, de que alguém reconheça que o plantel não presta. O que foi feito, trouxeram o Oliver ( uma ilusão colectiva do portismo decadente) e grande Jota. Cá se mantém o seguro Marcano e o escondido Herrera que tem a virtude de ser constante nos grandes jogos: não joga NADA. Gostei da questão Brahimi, pessimamente gerida e aguardo para ver o que se vai fazer com o dinheiro amealhado com a sua venda. Como é possível que o Porto à terceira jornada tenha este banco miseravel, como é possível que Adrian continuem a jogar...Outro aspecto, espero a habitualmente dureza do clube com o árbitro,espero ler amanhã um rotundo " Tiaguinho portaste-te mal seu malandro,um dia ainda levas um puchaozinho muito pequenino de orelhas". Este Porto impoem-se com este estilo duro, feroz...

Pedro ramos disse...

Esqueceu-se de pedir a cabeça do AS, porque como ficou provado não presta e tem de ir embora, é mais uma ilusão do portismo decadente. 11 Danilos para ontem.

Mário Faria disse...

Prefiro que o FCP jogue sempre que possível com o seu equipamento tradicional, mas não acho que seja um pecado capital jogar de amarelo;
Esta derrota nada teve a ver com as duas anteriores;
Óliver pouco acrescentou ao jogo. Yuran e Kulkov chegaram ao FCP e jogaram de imediato. O treinador era Sir Bobby Robson, um palerma;
O Marcano é a próxima vítima: assobiemos o homem;
É verdade que estamos em terceiro, mas ainda nada está hipotecado;
Acho que este comentário fala pouco de futebol e é muito injusto: treinador e jogadores não o mereciam.

Luís Gagliardini Graça disse...

Concordo integralmente com este comentário.

rbn disse...

Bom começo, mas depois de dois gols sofridos sem saber como,
reinou um certo desnorte na equipe que nunca mais se encontrou.

E Nuno ali tão perto não enxergava que Otávio e Corona estavam muito mal no jogo, não acertavam absolutamente nada, deviam ter ficado no balneário os dois.

Depois, Oliver chegou e em menos de 24 horas já entrava em campo, sem ritmo e sem conhecimento do esquema, sem entrosamento com o que quer que seja.
E continuamos com menos 1 em campo, já que a troca por Corona resultou ZERO.

Depois, o artista não enxerga duas mãos, a do 2º gol claríssima, que resultaram em dois gols.

Depois, este time raramente - ou nunca - ganha divididas ou segundas bolas,
chega a ser impressionante... e irritante.
E quando tinham a bola, era sempre a pior opção que escolhiam...

Herrera igual a si próprio, errando passes ridículos, não acertou nada.Tá ficando igual ao Varela, com a média de 1 jogo bom para 10 medíocres.
Se for embora, não vai deixar saudades nenhumas a mim.

Depois, foi o desnorte coletivo total.

E para completar, a cereja no topo do bolo, com os medíocres do not sportem lisbon como marvim, semedo, joão pereira, bruno cesar e etc que hoje pareciam jogadores do Barça, não erravam nada.
E mesmo quando erravam, a bola nunca sobrava para nossos jogadores.
E podiam usar as mãos quando bem entendiam, NUNCA ERA MÃO!!!
Além de duas entradas assassinas de bruno césar, a pés juntos, onde só a segunda foi amarelada, muito a contragosto pelo artista, sendo que a 1ª era cartão vermelho direto, mas o gordo só levou cartão de...crédito.
E incrivelmente, dava tudo certo pra eles...

Resumindo, se o treinador não consegue detectar quem tá mal no jogo (Otávio, Corona e Herrera) logo no 1º tempo, e (tentar) corrigir para o 2º tempo...tá mal...

José Lopes disse...

Post disparatado de alto a baixo.

Acrescentando ao comentario do Mario Faria, lembro o nome de outro palerma - o Mourinho - que lancou o Sneijder a titular num derby de Milao com menos tempo de treino que o Oliver... Resultado: ganhou o jogo.

O maior problema nao e' ter entrado o Oliver, mas sim nao haver um extremo de jeito no banco. Ou, sim, a gestao do Brahimi. Ou ter de jogar o Adrian para ver se o despacham. Nada disto e' culpa do Nuno ou do Marcano. Tal como nao e' a dureza dos jogadores do Sporting ou a mao do Gelson. Ou, claro, o silencio da SAD a nao ser em extraordinarias vitorias europeias.

Alberto Silva disse...

Nem somos tao bons por ter goleado em Roma, nem tao maus por ter perdido hoje. Algumas incoerências que vou relevar Sergio Oliveira chega e entra direto hoje o mesmo com oliver, parece que nao se treina e passam por cima de outros sem o merecerem. Aboubacar e brahimi acrescentariam mais qualidade à equipa. Danilo tem de emagrecer 7/8 kilos no primeiro golo nao pode perder a bola de cabeça ou pelo menos nao atrapalhar os centrais. Filipe tem qualidade e vai melhorar com o tempo.

Pedro Sampaio disse...

E que tal mandarmos embota, para alem do Marcano e do Herrera, uma boa parte duns ditos portistas? Que miseria de comentarios...

Luís Pires disse...

MBC, Pedro Ramos e Mário Faria: concordo.

João disse...

O cancro do FC Porto são os seus adeptos. E vamos penar muito, talvez até não se volte a ganhar nada se esta mentalidade for para ficar. Os outros perdem pontos, fazem logo estardalhaço na comunicação social e pessoal vai parar à jarra, nós somos roubados à cara podre e o que se lê é aquele equipamento valha-me deus, c'horror e parabéns ao Telheiras.

É, isto assim vai doer, meus amigos.

Paulo Marques disse...

Não vale a pena falar de futebol, só em trinta minutos houve um golo com mão de uma falta inexistente, uma agressão do Adrien e uma do Slimani, sendo o resto do jogo basicamente idêntico. O jogo foi completamente controlado pelas escolhas de uma pessoa que terá uma longa carreira no futebol nacional e que conseguiu que uma equipa que não acertava um passa médio ou longo controlasse a partida.
Parabéns igualmente à SporTV, cujo comentador já estava rouco antes da bola entrar.

Se os adeptos acham que perdemos por culpa própria, continuo a dizer que merecem o cemitério azul e branco. Os assobios começam já para a semana.

Luís Vieira disse...

Na 1ª parte, o campo esteve inclinado, mas o Porto teve uma 2ª parte inteira para dar a volta ao resultado e não conseguiu fazer nada. A exibição foi medíocre e as substituições resultaram em coisa nenhuma. O Porto teve uma única ideia ofensiva: bola na profundidade, em busca do André Silva. A coisa resultou nos primeiros 15 minutos, depois o JJ ajustou os posicionamentos e o Rúben Semedo enfiou o miúdo no bolso. O meio-campo, sem espaço, não consegue criar e o Óliver não pode entrar para extremo direito (crime de lesa pátria). A derrota não é inusitada (basta conferir o histórico em Alvalade) - o problema está na impotência para virar o curso dos acontecimentos e nos Tiagos Martins que pululam por esses relvados fora.

Miguel Magalhães disse...

Também não gostei do equipamento amarelo. Antigamente os equipamentos alternativos eram usados quando poderia haver confusão de cores e/ou padrões. Hoje em dia não percebo os critérios e mesmo que sejam comerciais a maior parte dos adeptos quer é comprar o equipamento principal.
Na minha opinião, o Oliver não acrescentou nada à equipa. Pessoalmente não gosto destas situações mas podia ter resultado. Não resultou.
A equipa jogou pouco na segunda parte e foi menos agressiva do que eu esperava. O Sporting está mais entrosado, controlou mais o jogo é funcionou melhor como equipa.
Os jogadores e o treinador continuam a merecer a minha confiança e o meu apoio. É o que temos, deram o que podiam e não viraram a cara ao jogo. Não consigo criticar.
Fomos claramente prejudicados por um árbitro miserável que tem um histórico curto mas vergonhoso com o Porto, e o Nuno e o Casillas queixaram-se. Espero com expectativa pelas reacções dos dirigentes do Porto já que na crónica do jogo que colocaram no site no fim do jogo não é feita qualquer referencia ao "trabalho" do árbitro. Nessa altura veremos se a mudança para uma equipa "à Porto" que o presidente prometeu também se aplicava a si e à sua direcção.

Soren disse...

Dois golos irregulares, o primeiro nasce de um livre com falta inexistente (mergulho de Slimani) ditaram a nossa derrota.
Resultado fabricado e mentiroso. Bruno César, Adrian e William fizeram o que quiseram o jogo todo. William e César com três entradas para amarelo, acabaram o jogo.

Nuno tal como nos dois jogos com a Roma, armou bem a equipa e depois mexeu muito mal, desiquilibrando-a.

Vou esperar até amanhã ao fim do dia pelas reacções da nossa direcção. Se não forem aquilo que desejo, o meu cartão de sócio segue no correio com uma carta de protesto.

Há limites para esta vergonha. Se a direcção não quer defender o clube, então saia. Dê o lugar a outros. Ando a dizer o mesmo há 5 anos. Já ultrapassou todos os limites. O Porto como o conhecíamos está morto. Poderá ressuscitar?

Soren disse...

100% de acordo. Derrota mentirosa e repugnante. À imagem do país. O povo gosta.

Soren disse...

Ando a dizer o mm do nosso meio campo há 2 anos. Mas gostam de falar de extremos e tal.

Mas atenção DC, no lance do primeiro golo não há falta nenhuma! É um mergulho autêntico.

Esta é uma derrota fabricada por mais um "grande árbitro" da nova geração. O resto é conversa para boi dormir. Dois golos irregulares num clássico... é muito complicado dar a volta.

z disse...

http://www.reflexaoportista.pt/2016/08/com-arbitragens-serias-e-outra-coisa.html

c. silva disse...

Discutir a cor dos equipamentos como se nao houvesse mais assunto é ridiculo!
Ou querer desviar o assunto.

Unknown disse...

e casillas deveria ter feito mais em ambos os golos

bem como herrera e marcano mostraram mais uma vez o seu valor para representar FCP

Luís Negroni disse...

Mas será que nenhum dos portistas escribas deste blog reparou na arbitragem deste jogo? A arbitragens destas, chamava Pedroto Roubos de Igreja. Com uma arbitragem destas em Roma, seguramente não estaria agora o FCP na Liga dos Campeões. Com uma arbitragem como a de Roma em Alvalade, seguramente o sporting teria terminado com 9 ou menos e com zero golos, já que o 1º resulta de uma falta simulada e o segundo é precedido de bola ajeitada com a mão. Isto, independentemente da dupla André André - Herrera não chegar aos calcanhares de outras duplas mais ou menos recentes como Raul Meireles - Lucho Gonzalez, Moutinho - Guarin ou Moutinho - Lucho Gonzalez, etc.. Mas com arbitragens do nível da de ontem ou menos más, já vi grandes equipas do Porto (de jesualdo, de Vilas Boas, etc.), irem a Alvalade empatar ou perder. Extremamente preocupante é o continuar do silêncio da Sad/Direcção. Noutros tempos, após um roubo destes, em que todos os golos do adversário estão feridos de irregularidade e pior ainda, a violência a rodos sobre os jogadores do FCP foi completamente consentida pelo árbitro, o treinador e a direcção do FCP viriam partir a loiça toda. O treinador queixou-se de forma muito discreta para o meu gosto e da direcção/Sad ainda não ouvi nada. Assim, ou arranjamos uma super equipa com Falcões, Hulks, James Rodriguezs, Moutinhos, Danilos, Alexs Sandros, Fernandos e mesmo assim vai ser difícil ganhar ou cá dentro fazemos figura de corpo presente que é como quem diz lutamos pelo 3º lugar. O pior do actual FCP nem é a falta de jogadores com mais classe e mentalidade no meio campo é o silêncio total ou quase total da Sad/Direcção. Mas com a arbitragem de ontem, digam o que disserem os que estão sempre prontos a criticar tudo e mais alguma coisa e nunca aparecem a elogiar o que merece elogio, seria muito difícil a qualquer equipa do Porto, por muito boa que fosse, ter ganho em Alvalade.

Ricardo disse...

Mas o mau ambiente provocado exageradamente pelos adeptos já vai começar? Daqui a pouco pegam pela cor das cuecas! Que importa ser com o equipamento amarelo?

Criticar por criticar...

#Somosporto

JON disse...

O Danilo joga tanto...

Enquanto esse gajo for ele e mais 10, não há quem aguente. É o jogador mais sobrevalorizado de sempre! Horrível.

Paulo Rodrigues disse...

DC ora aí está ontem o problema foi o meio campo

Tiago disse...

Sim, a cor do equipamento neste jogo foi preponderante para o resultado...
As decisões do arbitro nem por isso. As cotoveladas fazem parte do jogo e usar as mãos para ajeitar a bola, é algo que qualquer portista deixa para segundo plano numa analise ao jogo. Agora, a cor do equipamento...

tripeiro invicto disse...

Realmente!jogaram mal por causa do equipamento! Quando a outra equipa deu porrada e usou as mãos para marcar os únicos golos

Carrela disse...

O Slimani atira-se para o chão, mas o cancro é o Danilo!
FANTÁSTICO! Com adeptos destes... só temos o que merecemos!

José Lopes disse...

Concordo totalmente.

José Lopes disse...

Acho hilariante o purismo de certas pessoas que, perante tudo o que se passou ontem, perante mais um campo inclinado contra nós em Alvalade e mais um ensurdecedor silêncio da direcção, acham por bem relevar o suposto mau jogo do Danilo. Fosse ele o nosso único problema e seríamos campeões. Como não é, como somos figurantes no actual sistema do futebol português, parece-me que haverá quem se ria à gargalhada por andar a roubar-nos há anos, terem a direcção amordaçada, mas mesmo assim haver quem ache que o problema é o Danilo. Pelos vistos, não aprenderam nada com a roubalheira do primeiro ano do Lopetegui, nem com a diferença que arbitragens isentas fazem contrastando o jogo de ontem com o de Roma.

agostinhop disse...

Continuo a dizer o que já digo à tempos.

Infelizmente o FCP é uma equipa pouco mais que banal.
Esse facto não branqueia a roubalheira na nova capela de Lisboa, o Estádio de Alavalde.
Uma arbitragem caseirinha, porque hoje em dia, roubar o FCP, é transparência desportiva
Beneficiar os vizinhos da 2ª circlar é servir a causa da verdade no desporto.
Portugal é isto. Pequenino bafiento e até salazarento. Nada de novo na "piolheira" como dizia o Eça.

Rui André Silva disse...

Sim, perdemos por causa do equipamento amarelo.
O árbitro esteve bem, sem influência no resultado.
O Sporting foi muito superior, controlou de principio a fim.

Somos a única equipa do mundo que tem que ser superior aos erros do árbitro e ainda massacrar o adversário.

Ah, e estamos arrumados do campeonato à 3ª jornada.

Viva o Portismo do séc.XXI


Hugo Mota disse...

Caro Luís Carvalho, aproveitando o seu título, adaptava-o para: Quem é este comentador num blog portista?

O FCP tem uma das melhores entradas em clássicos fora nos anos mais recentes. Domina, marca, tem o controlo do jogo. Lagartos, zero. Até que surge um sr. do apito a fazer vista grossa a tudo que era irregularidade verde (dois golos ajeitados com as mãos!!!!!! Sarrafada q.b.!!!!), interferindo directamente na reviravolta do marcador, e a culpa é do amarelo, do Marcano, do Óliver, do NES??? porque não também o motorista da camioneta pelo pneu furado?

Só o nome de tiago martins é que não vi no comentário.

Na redacção do Correio da Manhã teriam dificuldade em fazer uma análise ao jogo melhor do que a sua.

Brahimi???? Da última vez que vi o Brahimi nos jogos da pré-temporada, a vontade dele de envergar o nosso emblema era a mesma da minha em comprar um cachecol do slb. Acha que com a premiership na cabeça ele ia dar-se ao trabalho de meter o pé? De morrer em campo?
O homem quer pirar-se daqui. Desde junho de 2015. Façam-lhe a vontade a ganhem algum. kaput!

De ontem, tenho a dizer que NES preparou bem o jogo, mas não esteve tão bem na sua leitura.

Tenho também a dizer que a intensidade foi muito elevada e muitos parecem esquecer-se que tivemos um jogo, com um adversário difícil, a meio da semana. Nesta altura da época o desgaste pesa, queira-se ou não.

Por fim, tenho a dizer que não somos uma equipa acabada. Há mais a evoluir. Seria assim vencendo ou perdendo. Há coisas que estão muito melhores, nomeadamente o equilibrio da equipa quando comparado com o período Peseiro, outras nem tanto, como é a falta de criatividade nas soluções ofensivas.

Da equipa que ontem entrou em campo, comparada com a da última época, só 3 jogadores mudaram (Alex Telles, Felipe e Otávio) mas a atitude, essa, foi bem diferente para melhor. Muito melhor do que a atitude de certos adeptos que ainda não meteram na cabeça que é preciso UNIRMO-NOS na defesa do FCP.

Cumprimentos

Unknown disse...

sempre tivemos arbitragens destas e piores, mas com jogadores com mentalidade e adn FCP arreganhavam os dentes e aguentavam, e mais que viesse.

esta direção ridiculariza a bazófia da vitória na champions e empréstimo de jota ou Oliver, mas metem o rabinho entre as pernas depois de uma derrota, em alvalade ou qualquer choupana.
não se percebe o silêncio. estranha maneira de defender o clube, plantel e unir a nação portista.
o desnorte começa na gestão do clube.

uma derrota em alvalade a esta altura do campeonato, dói, mas não preocupa, ainda há muito campeonato.
preocupa não termos criado perigo na segunda parte.

DC disse...

Não, eu não acho que o único problema é o Danilo. Aliás já disse aqui o que acho do banal André André, do Herrera, etc... Mas o Danilo é o pior e está a tirar o lugar a um puto 1000x melhor do que ele.
E não digo isto desde hoje. Ano passado logo no início disse que uma equipa com Danilo e André a titulares nunca vencerá nada.
Hoje repito-o aqui outra vez.
Só para dizerem que a culpa de mais um terceiro lugar é minha. Porque sou mau adepto já que aviso que vai correr mal. É minha claramente, desculpem lá.

Enfim, o riso do costume com a gente que acha que é campeã a bater palminhas e gritar muito somos porto. Tudo nosso nada deles, não é? O essencial é meter muitas hashtags bonitas no instagram. Jogadores de futebol e treinador? para quê quando se pode ter likes?

José Lopes disse...

Não percebo a vitimização no teu raciocínio nem o parágrafo final. As coisas não são a preto e branco. Não é por se dizer que ontem fomos mais uma vez prejudicados em Alvalade e andamos a ser comidos pelo sistema que não se consegue ver a banalidade do meio-campo do Porto ou o ridículo planeamento do plantel para quem andava em pré-epoca desde abril. Tudo conta. Mas mesmo com as nossas limitações e, sobretudo, perante uma direcção que é uma anedota na política desportiva, falta de poder e comunicação, as coisas teriam sido diferentes com uma arbitragem equilibrada. Assim foram em Roma, onde vencemos com Danilo, Herrera é André.

DC disse...

José, más arbitragens na luz e em alvalade vi eu durante 20 anos. E no final ganhávamos muitas vezes. Agora somos uma pêga nas mãos do JJ. Faz o que quer connosco há 3 anos.
E quando vejo um miúdo a perder tempo para jogar um gajo que prejudica efectivamente a equipa sempre que joga, fico triste. Como fico em ver Gonçalos a perder carreiras para virem camiões de avançados sem qualidade...
Mas pronto, é isto o Porto hoje. Eu já me mentalizei para 10 anos disto.

José Lopes disse...

DC, a situacao do Goncalo e' uma anedota sem piada nenhuma, tal como a utilizacao do patetico Adrian Lopez, que so nao desvaloriza a cada jogo, porque ja vale zero... Isto com o Bueno a fazer sabe-se la o que, porque nao sai nem tem uma oportunidade. Quanto ao Ruben Neves, ate o Sergio Oliveira ja entrou em dois jogos, certamente pela grande pre-epoca que fez...

A situacao das arbitragens e' apenas mais um reflexo da urgencia de uma mudanca total de Direccao no clube. Costumavamos vencer porque havia mais competencia no dominio desportivo, mas agora ate isso da para rir, por muito que a melhoria dos rivais seja um dado importante.

Pedro disse...

Nosso clube está todo destruido e vai continuar a ser destruido.......

iDa disse...

Ir jogar a casa do rival e não equipar com as cores do clube não lembra a ninguém!
É com estes 'pequenos' pormenores que se vai degradando a cultura do clube!

Antonio Serer disse...

O
O amarelo é uma óptima cor.A cor do árbitro qual é?...Um abraço muito apertado para todos os que,vestindo de azul,gostam da cor do Sol-que é a cor das próximas grandes vitórias do Futebol Clube do Porto!!!